Toyota proíbe cliente de revender seu carro — Saiba qual modelo

Toyota proíbe cliente de revender seu carro — Saiba qual modelo

Recentemente você viu que a Toyota Argentina irá selecionar 300 clientes para vender o lote do hot hatch GR Yaris, exigindo alguns compromissos para aprovar a compra. Um deles é ficar com o carro por um determinado período.


Nesse caso, a Toyota quer evitar especulações comerciais em torno do produto, voltado para entusiastas da marca. Mas, no Japão, ela está fazendo o mesmo, porém, o objetivo é bem mais sério e com impacto internacional.

Na Terra do Sol Nascente, a Toyota está proibindo, literalmente, seus clientes de revender seus carros ou exportá-los. O modelo em questão é o novo SUV Land Cruiser Série 300.

Toyota proíbe cliente de revender seu carro — Saiba qual modelo

Essa é a nova geração do jipão da Toyota, que segue a linha clássica originada nos anos 50, aqui conhecida como Bandeirante. A proibição vale por um ano, pelo menos.

O motivo para o impedimento de revenda ou exportação do modelo é a segurança internacional. Segundo o site japonês Criative311, o Departamento do Tesouro dos EUA alertou o Japão sobre a predileção de alguns grupos terroristas pelo Land Cruiser e igualmente pela picape Hilux.

Toyota proíbe cliente de revender seu carro — Saiba qual modelo

Nesse caso, o interesse seria relativo às características destes modelos, como tração nas quatro rodas, capacidade off road e desempenho em terrenos não pavimentados.

Nos EUA, a filial da Toyota emitiu um comunicado sobre a notícia: “A Toyota tem uma política rígida de não vender veículos a compradores em potencial que podem usá-los ou modificá-los para atividades paramilitares ou terroristas, e temos procedimentos e compromissos contratuais em vigor para ajudar a evitar que nossos produtos sejam desviados para uso militar não-autorizado. Temos o compromisso de cumprir integralmente as leis e regulamentos de cada país ou região onde operamos e exigimos que nossos revendedores e distribuidores façam o mesmo”.

Toyota proíbe cliente de revender seu carro — Saiba qual modelo

O período de um ano é necessário para a Toyota monitorar as operações comerciais dos lotes vendidos. Então, no ato da compra, os clientes precisam assinar um termo de responsabilidade se comprometendo a não repassar seus carros antes de 12 meses.

[Fonte: CarExpert]

 

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.