Híbridos Preços SUVs Toyota

Toyota RAV4 Hybrid tem aumento de preços e chega à R$ 191.290

Toyota RAV4 Hybrid tem aumento de preços e chega à R$ 191.290

O Toyota RAV4 2020 está indo muito bem no Brasil. Seu novo visual, mais parrudo e ampliado, aliado com a propulsão híbrida, faz do SUV médio japonês uma opção interessante. Porém, os preços do utilitário esportivo estão em alta novamente, com ele chegando a R$ 191.290 na versão topo de linha SX.


A opção de acesso S custa agora R$ 171.850, sendo que o preço antigo era de R$ 167.990. A alta foi de R$ 3.860. No caso da SX, o acréscimo foi de R$ 5.300. Ainda assim, ele está mais barato que o rival Honda CR-V, que custa R$ 194.900. O Toyota RAV4 2020 vendeu de janeiro a agosto, 2.401 unidades, ficando assim na 25ª posição no ranking dos SUVs mais vendidos do país.

Equipado com propulsão híbrida comum, o Toyota RAV4 2020 tem nessa nova geração um motor Atkinson 2.5 a gasolina, que trabalha com o sistema THS III, que combina três motores elétricos a bordo, entregando assim 222 cavalos de potência combinada. Dois deles estão dentro da caixa de transmissão Transaxle “CVT”, que simula sete velocidades por meio de engrenagens e atuação destes motores.

Toyota RAV4 Hybrid tem aumento de preços e chega à R$ 191.290


O terceiro motor fica no eixo traseiro, que tem suspensão multilink. Tendo baterias de níquel-hidreto metálico, o Toyota RAV4 permite baixo consumo de combustível e emissão muito reduzida, agregando ainda modos de condução Eco, Normal, Trail, Sport e EV, mas oferecendo a opção de mudança de marchas pela alavanca ou paddle shifts, ambos no modo Sport do câmbio.

Mais quadradão, o Toyota RAV4 tem vários itens de conforto e segurança, dependendo da versão, tais como teto solar panorâmico, tampa do porta-malas com abertura e fechamento elétricos (com sensor de pé), acabamento geral em couro, bancos dianteiros ventilados e banco do motorista elétrico com duas memórias.

Toyota RAV4 Hybrid tem aumento de preços e chega à R$ 191.290

Isso sem contar o ar condicionado dual zone, cluster análogo-digital, multimídia com câmera de ré, controle de cruzeiro adaptativo, leitor de faixa com correção, faróis de LED, lanternas em LED, rodas de liga leve cromadas, entrada e partida sem chave, freio de estacionamento eletrônico, auto hold, carregamento indutivo de smartphone, entre outros.

Toyota RAV4 2020 – Preços

  • RAV4 S 2.5 Hybrid AWD – R$ 171.850 (antes era R$ 167.990)
  • RAV4 S 2.5 Hybrid AWD – R$ R$ 191.290 (antes era R$ 185.990)

 

Toyota RAV4 Hybrid tem aumento de preços e chega à R$ 191.290
Nota média 3.3 de 3 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Guilherme

    bom de tabela continua levemente abaixo da Tiguan 350 ( que chega a R$ 195625,00 ), mas sei que na realidade sei que o preço da Tiguan não é esse ( pelo menos em SP ) alguns CSS trabalham próximo do valor antigo, ou seja com R$ 188 dá pra levar uma completona.

    Eu iria de Tiguan ( caso o barulho da suspensão não me incomode, falei com CSS e eles relatam que o caso realmente existe e é com TODOS, alguns clientes se incomodam outros não ), mas creio que o RAV seria um pouco mais racional ( do meu ponto de vista ).

    • Luffy Asanome

      motor hibrido deixa o tiguan pra tras em qualquer sentido tecnologico… por isso vai vender muito mais que uma tiguan…

      • Guilherme

        eu particularmente prefiro a Tiguan, mas confesso que a RAV4 é melhor compra..

        Mas cuidado, pilotos de teclado vão dizer que a Tiguan (6,5 ) humilha a RAV4 (7,8 ).. diferença irrisória do meu ponto de vista. Só pelo economia da Toyota já valeria a pena.

    • Jean Reina

      Aqui em salvador consegui sem negociar 183, após um bom papo 179.999 e ficaram de tentar ainda o emplacamento. Esse valor a com teto e branca.

    • Carlos Henrique Kroeber

      Fora que o 2.0 TSI EA888 tem um cabeçote horrível,bomba d´água feita de plástico. Que simplesmente racha aos 60 mil kms… A Troca de canister é cara. O consumo de óleo é alto. Fora que esse motor trabalha a altas temperaturas. Em um carro com quase 1800 quilos. A qualidade do fabrico é um tanto pior,já que o carro está com esse problema de suspensão e acabamento. 190 mil em carro com esse problema… RAV4 é mais racional também!

    • Carlos Henrique Kroeber

      Fora que…em tempos de gasolina a 5 reais,um carro que faz 18 km/l no mínimo,e se colocar modo EV,modo ECO,andar devagar pode chegar a 40 km/l,vale muito a pena! Ainda é mais equipado

  • Leonardo

    Pode subir mais, a fila de espera estava em até 3 meses, aooo Huelzizão véio

  • Pedro V.

    Mais um dia normal na Toyota. Daqui pra janeiro o Corolla Altis encosta nos R$ 145 mil.

    • Vitor

      e o gli nos 115

  • TchauQueridos

    Era bom demais pra ser verdade.

    • Carlos Henrique Kroeber

      Não viaja. Está vendendo bem. E vendendo por motivos justos,que são a economia,qualidade e acabamento.

      • Sino Weibo

        Este carro pelo menos estaciona sozinho, pra justificar esse preço? Pq se não, eu prefiro um Changan CS75 Plus, pois custa metade (na China) e tem esse sistema (ainda nao tem no Brasil mas virá pela CAOA na fábrica da Ford).

  • Roger

    Ficou interessante o RAV4, mas o consumo de 14 km/l na cidade e 12 na estrada são números INACEITÁVEIS para um híbrido.

    • Guilherme

      acho que o peso do carro joga muito contra, além dessa porcaria de aerodinâmica do SUV.
      Vamos analisar sendo um SUV e não um Híbrido.
      O Tiguan 350 tem consumo urbano abaixo de 7 km/l ( isso com certeza, ou não é urbano e sim misto ), muitos relatos de 4,5 km/l ( mas sem dúvidas pisando bem ), esse RAV4 ( porte similar, sei que não é igual mas existe essa comparação dos 2 ) faz o dobro de acordo com os dados.

      Olhando por esse lado ficou até interessante, ou não?

      • Roger

        Mmmm… Será que o Tiguan faz só isso? Não que eu duvide da tua palavra, mas me parece um consumo alto demais. Caso sejam realmente essas médias, são horríveis! Mesmo para um SUV.

        • Guilherme

          é como eu te disse essa média é uma média facilmente conseguida em SP ( transito pesado ).
          Estamos falando de um SUV de 1700 kgs ( até mais ) que faz 0 a 100 em menos de 7 segundos ( diz a lenda ).
          Meu finado GTI fazia 7.8 aqui em SP ( carro com 1400 kgs )

          Meu passat faz 8.2 aqui em SP ( carro com 1500 kgs )
          Quando me falaram dos 4,5 ( grupo do Tiguan ) eu assustei muito. Mas pelos meus números é fácil perceber que dentro de SP dificilmente fará mais do que 7 km / l

          Para uso misto estrada / cidade ( moradores de Campinas por exemplo ) o consumo pode chegar perto de 10.
          Mas dentro da cidade é sonhar.

          • Guilherme

            entre o Passat e o GTI a diferença creio que seja por conta do som do escapamento e do carro.
            O GTI quando mais eu acelerava mais o carro chamava para acelerar.
            O passat eu acelero quando preciso e me acalmo logo em seguida.

          • Roger

            Minha irmã tem um Jeep Compass Trailhawk (2.0 turbodiesel) e consegue, mais ou menos, uns 12 km/l na cidade e entre 15 e 16 na estrada. Boas médias (óbvio, é a diesel), além de nossa cidade (Pelotas/RS) ter “apenas” 350 mil habitantes, muito longe do tamanho de Sampa… Quem tem um Tiguan em SP tem que ser dono de um posto de gasolina…

          • Carlos Henrique Kroeber

            Fora que trânsito pesado é onde o híbrido é mais econômico.

        • RodrigoABC

          Consumo de carro depende muito de quem dirige e onde dirige. Eu mesmo procuro não me preocupar com o consumo que vejo na internet. Se eu for relatar aqui, tem dia que faço 6.5 km/l na gasolina com Etios e já fiz 21km/l na estrada com compass diesel. Varia muito, qualquer fator já muda esses números….. então tento tirar a referência pelo inmetro, teoricamente é uma condição “padrão”

    • Ubiratã Muniz Silva

      vc está falando de números do Inmetro?

      vida real é diferente. O Corolla híbrido conseguia 10 ou 11 no etanol no padrão Inmetro, o pessoal do Uol Carros conseguiu 16,8 na vida real. No etanol.

      • Roger

        Se for verdade, é ótimo.

  • El Gato!

    Baita carro. O Teste do Alce que o diga.

    • João Silva

      O problema do teste do alce não foi com a Hilux SW4? Não sabia de nada sobre a RAV4.

    • Rafael Alves Dos Santos

      Substituiu a Hillux/SW4 com maestria no teste! Hahahahah

      • Fanjos

        Capotallux!

    • Carlos Henrique Kroeber

      Baita carro: 18 km/l de consumo,podendo chegar a 40 km/l.

    • Carlos Henrique Kroeber

      É errado a montadora não ter criado um dispositivo que impeça o capotamento.
      Mas e daí? Desde sempre aqui no Brasil até 2014,a maioria dos carros não tinham ESP. Até hoje. Você provavelmente aprendeu a dirigir um carro sem o item. E sabe que é só não abusar em curvas. Fora que o carro tem freio autonomo e ACC. Além disso,esses proprietários nem vão usar o carro no off road. Não devem nem sair da cidade as baixas velocidades.

      • El Gato!

        Seja feliz com o seu Toyota! Abraço.

      • Charlis

        Maldito costume, que diga-se de passagem leio bastante por aqui, de associar ESP com “abusar em curvas”.

        Será que não é possível ser mais empático?
        Exemplo:
        Dirigir na rodovia a noite, na chuva, e um animal entrar na sua frente?
        Se alguém passar por isso, e sair vivo, tenho plena certeza que a pessoa vai valorizar mais o ESP e também a estabilidade em si. Pode apostar que nesse exemplo, que infelizmente é bem comum de acontecer, o ESP salvaria algumas vidas.
        Da um Google: “ESP is the most important vehicle safety system”.

        Sobre o carro em si, é um EXCELENTE carro.
        Mas pagar R$ 191.290,00 em um carro, ele tem que beirar a perfeição.
        Ser reprovado do teste do Alce, passa longe disso.

        []s

        • El Gato!

          Isso não foi um comentário. Foi um nocaute.

    • Carlos Henrique Kroeber

      SUVs sempre têm 2,5 vezes mais chances de capotar do que carros normais!

      • El Gato!

        Que coisa. Sorento e o Qashqai Fizeram o mesmo teste, no mesmo dia, na mesma pista, e foram aprovados com louvor.

  • Marcelo Dosec

    Importado do Japão, USD em alta, carro com oferta baixa e demanda alta. Não tinha como não subir o preço.

    • Fanjos

      daqui 30 dias o dólar volta para o patamar anterior ai vc senta e espera o valor do carro voltar tb … só espera kkkkkkkkkkkkkk

      • Carlos Henrique Kroeber

        Tanto faz,isso NUNCA aconteceu com montadora nenhuma aqui no Brasil

        • Edson Fernandes

          Aqui qdo baixa o valor do dolar, diz que “desvalorizou o produto” e aumenta preço novamente!

  • Atitude típica da Toyota. 5k de aumento porque vale né, é inquebrável.

    • Carlos Henrique Kroeber

      MAGINA! Só Toyota faz isso… BMW lançou 316i 2014 aqui no Brasil. A 116;950. Dois meses depois?119.950

      • Caramba, traumatizou mesmo, ainda lembra desse fato de 2014, hahahah!

        • El Gato!

          Brother, dá uma olhada em todas as respostas do cidadão, todas indignadíssimas… é fanboy. Ignora que passa. Miau!

  • LArtur

    O 4X4 é por conta do motor elétrico? É isso?

    • Edson Fernandes

      Sim. O motor a combustão em um eixo e os eletricos no outro. E eles combinados = AWD.

  • Paulo

    Podem continuar aumentando, só espero que as outras marcas sejam inteligentes para aproveitarem este momento e trazerem algum veículo híbrido (não elétrico).

  • Cesar

    Será que este tomba também?

  • G. de F.

    A sensação que tenho ao ler sobre preços de veículos zero km, em especial da Toyota, é que a marca confia tanto no seu público-alvo que literalmente está se lixando para a concorrência ou para o mercado! Simplesmente “taca-lhe” o preço que lhe convém e pronto!

    • Carlos Henrique Kroeber

      Todas as marcas fazem isso.
      Não fica de mimimi não. A própria BMW,quando estreou a Série 3 aqui,colocou a 316i a 116.950;dois meses depois: 119.950. A VW fez isso com o Novo Polo,a Honda fez isso com o Novo Civic e a própria CR-V.

      • G. de F.

        Mimimi???? Deve estar equivocado, meu caro. Apenas relatei uma percepção pessoal. Se não concorda, que bom. Mas daí a falar em mimimi, é uma distância considerável…

  • ChalMust

    Nosso mercado ta precisando de uma abertura mesmo. Tá muito bagunçado isso!

    • André Luis Versiani

      Fabricantes muito folgados mesmo.

  • John

    Capotador

  • Lexus UX250h é mais negócio.

  • and2sm .

    São carros pra públicos diferentes. Temos um tiguan r line e estamos bem satisfeitos. O consumo é compatível com o tamanho do carro , na estrada da pra fazer 13km/l a 100 km/h. Na cidade fica uns 6-7 dependendo do trânsito. Mas , nesse faixa de preço , não acho um consumo obsceno. O Compass 2.0 é mais gastão.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email