Argentina Hatches Toyota

Toyota Yaris com visual mais agressivo é registrado na Argentina

Toyota Yaris com visual mais agressivo é registrado na Argentina

Ele é o XP150 dentro do portfólio de projetos em produção dentro da Toyota. Não é exatamente um carro novo, já que seu lançamento se deu em 2013, com produção iniciada em abril daquele ano. Esse é o Yaris que temos rodando aqui.


Contudo, o produto feito em Sorocaba está em seu segundo pacote visual e, pelo jeito, vai para o terceiro, de acordo com um registro de patente na Argentina. Lá, o XP150 mostra sua terceira cara por estas bandas.

Toyota Yaris com visual mais agressivo é registrado na Argentina

O certo é que deveria ser a segunda, não é mesmo? Não exatamente. Antes de chegar ao Brasil, na região, o Yaris já era importado da Tailândia para o país vizinho, onde tinha o estilo original. O NA chegou a entrar nesse carro, durante o Salão de Buenos Aires de 2017.

Na imagem, o XP150 mostra duas coisas. A primeira é que se esse visual for colocado em prática, então uma nova geração sobre a plataforma GA-B (TNGA) vai demorar mais tempo para chegar aqui.

Toyota Yaris com visual mais agressivo é registrado na Argentina

Embora a Argentina importe o produto da Ásia, ambos estão em conformidade num nível global de desenvolvimento, assim como na China, apesar deste país ter adotado um facelift extra.

O visual inspirado no Corolla caiu bem no Yaris atual, realçado com faróis full LED, que preservam as formas do modelo atual, eliminando assim a necessidade de alterações nos para-lamas. O capô é o mesmo, assim como a grade superior.

Toyota Yaris com visual mais agressivo é registrado na Argentina

Já o para-choque tem linhas mais aerodinâmicas, contando com enorme boca para arrefecimento e vincos laterais pronunciados com faróis de neblina embutidos. Um spoiler de cor contrastante chama atenção. Na traseira, lanternas e para-choque são como os atuais.

Com as mesmas rodas, o Yaris atualizado ganharia aqui mais tempo de vida no Brasil, caso o projeto da nova geração (que pode ser XP190 ou XP230). Na Argentina, existe até o registro do Novo Yaris europeu, que poderia desembarcar por lá. Aqui, ele certamente não virá.

[Fonte: Parabrisas]

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Não consegui ver agressividade. Me parece praticamente o mesmo Yaris de sempre, bom, honesto e insosso.

    • Gustavo Adriano

      A grade apresentada ficou bem melhor que a atual na minha opinião, além disso os faróis Full Led dão um toque mais atual. Apesar de tudo isso, o que eu acho que deveria ser melhorado mesmo nesse veículo é o desenho interior que, ao menos nesse quesito, deveria fazer jus ao modelo vendido no Japão e na Europa.

      • O japonês e o europeu são um rebadge do Mazda Demio, logo, infelizmente não deve influenciar o Yaris Indiano, que vende no resto do mundo.

        • Diego Germán de Paco

          Sem contar que é um citycar praticamente. O Yaris brasileiro é maior, até por questão de custo: Brasileiro não pagaria esse valor se o Yaris fosse menor que um Ka..

        • Gustavo Adriano

          Estás enganado Dimithri, o Japonês é 100% Toyota mesmo. Acredito que estás se confundindo com o modelo sedan, este sim vendido até mesmo nos EUA sendo na verdade um rebadge do Mazda 2.

          • De fato, falei do sedan. Mazda Demio é o Mazda 2.
            Esqueci do hatch citycar Kinder Ovo vendido na Europa, com o nome de Yaris.
            Ou seja, são três versões do mesmo nome.

        • Paulo Lustosa

          Rebadge do Mazda Demio somente o sedan vendido nos EUA.

  • th!nk.t4nk

    Visual bem japonês. Aquele desenho futurístico que enjoa depois de poucos meses.

    • Silvio

      O balanço dianteiro exagerado também não contribui.

  • Chap

    Facelift chegando para o Etios 2.
    O dia que teremos o Yaris do 1° mundo? Nunca.

    • ViniciusVS

      O que você quer? carros de primeiro mundo vendidos em um País de terceiro pagando o mesmo que um Etios?

    • Alaor

      O Yaris do 1o mundo é menor que um Ford Ka, a Toyota não conseguiria extorquir tanto o brasileiro quanto faz com o Yaris tailandês.

  • marc west

    Sempre que vejo uma foto de perfil desse carro me impressiono com o tamanho do balanço dianteiro dele. Parece que leva um V8 debaixo do capô.

    • Diego Germán de Paco

      Nesse aspecto o Mobi é pior ainda

  • Ricardo Silva

    Same, same but diffent … no mais o problema do Yaris pra mim é o preço, fiz o teste drive em um, e até que gostei …

    • Eu gosto muito do Yaris Sedan, mas realmente o preço é caro para o produto oferecido.

  • Igor Guimasi

    Ficou mais agressivo mesmo, aos olhos

  • Ricardo Blume

    Esse é um veículo que ainda não me convenceu.

  • Ian Lopes

    Marmota

  • Ubaldir

    Me parece que ao menos ficou um pouco menos agressivo às vistas… kkkk
    Mas, falando sério, não tem como dar “agressividade” a esse desenho. Nosso Yaris é um Etios disfarçado, com outra casca e passa longe do belo modelo da Toyota que leva esse nome em outros mercados.

  • Hugosw

    Esse balanço dianteiro parece um sedan invertido

    • Eduardo 1981

      Ficou grande mesmo!

  • Bruno

    Se o nosso já é um remendo do Yaris 2013 Tailandês, esse é o remendo do remendo :/ (Porem não deixa de ser um bom carro).

  • andinmoraes

    Mais agressivo: 2CV a mais no etanol
    hahaha

  • Carlos Gouveia

    Mexer na traseira horrorosa, ninguém mexe…

  • Eduardo 1981

    Lindo!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email