Matérias NA Mercado SUVs Troller

Troller T4, TAC Stark e Agrale Marruá – Os brasileiros que enfrentam os caminhos mais difíceis do país

brasileiros-4x4-1 Troller T4, TAC Stark e Agrale Marruá - Os brasileiros que enfrentam os caminhos mais difíceis do país

Apesar da presença de utilitários 4×4 de marcas estrangeiras no Brasil, nós temos nossos próprios veículos para enfrentar terrenos muitos difíceis, onde mesmo a maioria dos SUVs e picapes 4×4 não conseguem atravessar. Os nossos jipes 4×4 estão prontos para pegar os caminhos mais difíceis do Brasil. Existem três fabricantes com produtos específicos para o segmento off-road e são muito utilizados por trilheiros e também por militares, que precisam de veículos robustos para patrulha ou deslocamento em condições extremas.



Troller, TAC e Agrale produzem respectivamente os modelos T4, Stark e Marruá. O Troller T4 é o mais famoso e vencedor de provas de rali. O modelo cearense é herdeiro do antigo JPX, que por sua vez era uma opção moderna ao antigo jipe da Engesa, cujo sucessor espiritual de fato é outro modelo disponível no mercado, o Agrale Marruá.

Mais militar do que civil, o modelo surgiu para apoiar as forças armadas, mas também mostra suas armas para uso civil. Já o TAC Stark chegou apresentando visual moderno e tecnologia mais avançada no chassi, que inclui suspensão independente nas quatro rodas, algo raro no segmento.

brasileiros-4x4-2 Troller T4, TAC Stark e Agrale Marruá - Os brasileiros que enfrentam os caminhos mais difíceis do país

T4

A cearense Troller criou o T4 de forma independente, inclusive depois desenvolveu até uma picape de trabalho baseado no jipe, mas por dificuldades financeiras, acabou sendo encampada pela Ford, que recolheu a picape (que apresentava problemas) e se concentrou no bem sucedido T4.

Ele deveria ter fracassado logo de cara, pois surgiu com o inapropriado bloco VW AP 2.0 com 114 cv. A partir de 2002, ele enfim passou a ser o sucesso que é hoje, utilizando motor diesel MWM 2.8 de 132 cv e o mais recente NGD 3.0 de 165 cv e 38,6 kgfm. Com mais de 10 mil vendidos, o Troller T4 custa atualmente em torno de R$ 93.000.

brasileiros-4x4-3 Troller T4, TAC Stark e Agrale Marruá - Os brasileiros que enfrentam os caminhos mais difíceis do país

Stark

A catarinense TAC surgiu com um projeto interessante, chamado Stark. O jipe 4×4 tem carroceria em fibra de vidro, mas com célula de sobrevivência e suspensão independente nas quatro rodas. Era para ser feito em Santa Catarina, mas a empresa se mudou para o Ceará, terra da rival Troller.

O TAC Stark tem visual moderno e esportivo, utilizando muitos componentes de origem Fiat, inclusive o motor diesel FPT 2.3 com 127 cv e 32,5 kgfm. O motor é o mesmo usado pelo Fiat Ducato, por exemplo. A tração 4×4 dá conta do recado e como os demais, além de oferecer uma série de acessórios para ajudar em momentos difíceis. O preço é alto: R$ 98.780.

brasileiros-4x4-4 Troller T4, TAC Stark e Agrale Marruá - Os brasileiros que enfrentam os caminhos mais difíceis do país

Marruá

Por fim, o mais rústico dos três brasileiros, o Agrale Marruá. Ao contrário dos outros dois, o modelo gaúcho nasceu de um projeto militar e também não tem uma versão curta com cabine fechada. Apenas a versão militar tem essa versão curta, mas com capota de lona e suportes para metralhadora.

As versões disponíveis incluem uma picape cabine dupla, picape cabine simples e versões sem caçamba de carga, bem como até uma com rodado duplo traseiro. Feito em chapas de aço galvanizado com pintura especial, o Agrale Marruá utiliza motor diesel Cummins 2.8 com 150 cv e 36,6 kgfm. Mais indicado para serviço pesado e com acabamento simplificado, o modelo custa a partir de R$ 140.000.

Enfim, três brasileiros feitos para enfrentar as trilhas mais emocionantes do país. Não são baratos e nem feitos para oferecer confortos e comodidades dos conhecidos utilitários esportivos, mas chegam a locais onde estes nem sonham em colocar as rodas.

Galeria de fotos do Troller T4, TAC Stark e Agrale Marruá:

  • Juniorfillingam

    Tudo muito caro!!! a Troller foi vendida para a Ford, até onde sei por está ofereceu uma boa grana á quase falida Troller, onde seu modelo tinha o preço muito próximo do Ecosport, ai ela abocanhou a Troller e jogou seu preço lá em cima, como está hj. Bem isso e o q eu ouvi dizer.

    • Luis

      O Troller nunca teve preço de EcoSport! E também nunca ouvi falar que ela era falida!

      • silasrana

        Nem eu…

    • Vgjunqueira

      A Troller era uma empresa com muito sucesso inclusive participou do Rali Paris-Dakar com o protótico do T4 terminando a prova sem nenhuma quebra! O problema é que ela recebia insentivos fiscáis do governo cearense para se tornar competitiva e por motivos (que agente nem imagina!) o prazo de concessão dos insentivos terminou e o governo não renovou. Por dificuldades em manter os preços no mesmo patamar, ela acabou sendo vendida pra Ford.

      • ahsoliveira

        Não só participou como ganhou na categoria dela e uma de suas participações!

    • Heisenberg

      Ela comprou para conseguir os incentivos fiscais para sua fabrica na Bahia. Já que no período havia acabado o programa de incentivos fiscais para o nordeste para a instalação de fabricas.
      A "lenda" é sobre ela ter comprado a Troller para tirar a Pantanal da produção, pq tava batendo de frente com a Ranger. Aí ela "descobriu" q a Pantanal tinha problema no chassis e q poderia quebrar e acontecer todo tipo de acidente (só colocando terror pra quem comprou "devolver"). Alguns não devolveram, algumas tão perdidas por aí.

      • Bruno_Carros

        Pelo que eu sei, quem não devolveu teve que assinar um termo de responsabilidade que em um acidente a culpa seria exclusivamente do proprietário e não da Troller.

        • Heisenberg

          Isso é verdade também.

    • yuri calmon

      Melhor comprar um Wrangler seminovo !!!B)

      • Eduardo

        E conseguir manter o consumo exagerado do motor a gasolina

  • Cezar

    Avaliem preço e opcionais… (conforto, etc…) e verão que se não são os piores custos benefícios do país, podem até ser do mundo. Os carros mais caros que oferecem pouco.(pouca tecnologia, segurança, conforto, conveniência, etc…)_Não sei como pode vender uma unidade sequer, mesmo sabendo que são para uso específico e "raro" que é o Off road. __deveriam ser todos eles muito mais baratos. Esses preços fogem de qualquer lógica. Acho que entre 60 e 70mil estaria mais “no preço” e mesmo assim não compraria.

    • Barneyatomico

      O que importa nesse segmento não é conforto, tecnologia, praticidade e outros, e sim robustez e capacidade off-road. Quem compra um carro desse não pensa nos mimos! Como diz no último parágrafo do texto:
      "Não são baratos e NEM FEITOS PARA OFERECER CONFORTOS E COMODIDADES dos conhecidos utilitários esportivos, MAS CHEGAM A LOCAIS ONDE ESTES NEM SONHAM EM COLOCAR AS RODAS."
      Agora em relação à segurança, como vc pode dizer que não são seguros? Quais os seus dados?
      E sim, são caros, mas como todos os outros carros do nosso país.

      • Cezar

        Não vejo o pq e não consigo entender qualquer lógica de veículos acima de 90mil reais . Não terem bancos em couro com regulagem elétrica, ar condicionado automático e digital, sistema de som com tela de pelo menos 7 polegadas integrado ao painel com Gps incluso. Seria o mínimo pelo valor. Com certeza esses item não afetariam em nada o carro no seu “puro” off Road.
        Segurança???por 90mil pelo menos um airbag lateral para se caso capotar não ficar com a cabeça batendo ou quebrar a própria nos vidros laterais e na coluna do carro, etc… Me referia airbag, abs e assistente de controle de tração eletrônica de subida e descida, etc… é o mínimo que espero de veículos Off de mais de 90mil reais.
        Mas cada um sabe o que faz com seu dinheiro. Não exigir conforto e segurança em carros de 90mil é tolice, mas estamos no Brasil lembra e é o que mais tem é gente assim.

        Só acho que não valem mais de 90mil. 70 mil no máximo tava bem pago se tratando de Brasil.

    • Jeremias

      "ovelha não é pra mato"

  • rodrigo_tm

    Gostei da materia…so poderia ter mais fotos e informaçoes sobre o torque dos veículos, que é bem interessante para o 4×4.

  • pumagtb

    Impressionante os preços desses veículos principalmente o Marruá que custa a partir de R$140 mil e não oferece nada a não ser a robustez, se não mim engano precisa descer do veiculo e girar uma peça que fica no cubo da roda para engatar a tração enquanto nos EUA a policia e as forças armadas usam Hummer, F150 Raptor, Jeep Wrangler, etc. e com preços mais realistas, essa matéria é mais uma de muitas que nos dá uma ideia da situação que se encontra este país na questão das carroças, daqui a pouco estaremos igual os Flintstones. Para finalizar, é lamentável o que a Ford está fazendo com a Troller parece que abandonou a empresa que só vive do T4 há anos.

  • msj_rs

    Ainda compro um Marruá.

    • Barneyatomico

      Sonho de consumo!

    • Tosca16

      é como eu, mas por enquanto a veterinária só me deu um Lada Niva que também é muito bom mas ainda queria o Marruá .

      • jaderf

        mas pelo menos ja tens um bom veículo 4×4! hehehe

        • Tosca16

          Sim, não vendo de hipótese alguma mas por questão de gosto e capacidade de carga preciso do AM200 . Mas já tenho um veículo bom e que serve pra tudo aqui.

  • Tosca16

    Marruá sem dúvidas é o melhor projeto para quem não se preocupa com design(apesar que acho bonito esse visual simples e quadradão sem requintes ) e quer um veículo forte, robusto e que cumpre bem o seu papel . Muitas mineradoras e empresas prestadoras de serviços usam a versão AM100 ou até mesmo a AM200 , um verdadeiro caminhãozinho topa tudo, infelizmente não o vemos tanto assim nas ruas pelo preço exorbitante mesmo com toda qualidade construtiva não se justifica.

  • Tosoobservando

    Nao entendo o pq destas empresas nao investirem em populares, que sao os que mais vendem, como os indianos. Esse nicho de Suvs de trilha ou pseudo esportivos, como sempre costuma fabricar, com tanto concorrente de peso, ninguem ker. Agora um publico pouco exigente é dos carros de entrada, onde o preço é mais importante.

    • MM_

      Nesse segmento essas marcas teriam q concorrer com Fiat, GM, VW e Ford, para vender carros que possuem pouca rentabilidade se comparados com os carros que eles fabricam atualmente. Alem disso precisariam expandir pontos de vendas e rede de assistencia tecnica. Será q seriaum bom negócio mesmo?

      • Tosoobservando

        Vc acha dificil competir com estas marcas? So fazer algo mais ou menos legalzin por um preço em conta. Se o que digo nao fosse a realidade, nem a Hyundai e Toyota, e nem os chineses estariam querendo montar fabricas aqui pra fabricar exatamente estes tipos de carros. Mas eu falo realmente do que fez a Tata na India, um meio de transporte realmente barato, para as massas, projeto nacional etc..

        • MM_

          Entendo o que vc quer dizer, mas isso significa investimentos altíssimos e não vejo a Ford, Tac ou Agrale com vontade ou disponibilidade desse tipo de investimento. Veja o caso da Suzuki vender Vitara e não vender Swift.

          • Tosoobservando

            A Suzuki ja tem a India pra se preocupar, eles tem o "gol" da India, Suzuki Alto.

  • fabio_augusto

    Essas 3 poderiam ser muito maiores e melhores se o governo desse maiores incentivos às marcas genuinamente nacionais.

  • Leandro1978

    Caraca! Quem disse que, por ser nacionais, seriam menos caros? Enfim, o T4 é o mais bonito (ou menos feio, dependendo do ponto de vista), o Stark o mais interessante em termos mecânicos (suspensão independente, célula de sobrevivência) e o Marruá me parece ser o mais robusto dos três.

  • jkpops

    A agrale podia lançar uma versão civil com chassi menor e um preço abaixo dos 100 mil acho que faria sucesso

    • LTD1976

      Gostaria de ver isso também, mas não sei se a empresa se arriscaria a fazer isso.

      • Julio Vasel

        É um risco grande, pode fazer sucesso como também pode ser um fracasso. Com esse modelo mais caro ela meio que achou seu ponto de venda, seu nicho. Acho que dali não sai não

  • PEDRO_HAWK

    Sabem por que 2 dos 3 veículos deste post são fabricados aqui no Ceará?

    É porquê não é necessário construir uma "trilha" para testes, pois é só levá-lo até a rua mais próxima.

  • Galt

    Nós, nossos… Não faz sentido utilizar estes coletivismos vazios. Ninguém, aqui, é de fato proprietário de qualquer uma das marcas. A maneira que foi escrita a matéria quer remeter a um patriotismo vazio e perigoso. Vale lembrar que o patriotismo, junto com o estatismo, é uma das maiores causas de miséria que existem. O patriotismo cubano e norte-coreano que o digam. Faço uma lembrança de um ditado antigo: "Quando as mercadorias pararem de cruzar as fronteiras, os tanques irão começar". Pensem isto antes de defender o patriotismo.

    • Tosoobservando

      Engraçado se nao fosse o patriotismo norte-americano, frances e italiano, eles nao teriam mais nenhuma fabrica de automoveis propria, como os ingleses que entregaram tudo nas maos de estrangeiros. Se a cada crise a fabrica desistir e for vendida, nunca vai resistir. Tem de ter sim incentivo de varios setores da sociedade por tras, pra manter este tipo de projeto, e patriotismo ajuda sim, todo país que se preze tem deter uma industria automotiva propria, fabricar motores, etc..

  • Mateus

    Troller: Mal acabado, vendido com defeitos variáveis e sortidos, difícil comprar um que não incomode. Assistência técnica mal preparada (ação4x4- Londrina). Quem faz Rally/trilha (como eu) compra pq ainda não encontra outro melhor ou mais bem acabado.
    Stark: Bonito, fraco, homocinéticas não aguentam o tranco, um fiasco, tem muito o que melhorar.
    Marruá: Feio, sem reduzida, pesado, muito caro, demora para entrega, quase igual ao finado Engesa.

    Pajero Full 3 portas: Excelente, não se dá bem com água, muito cara.
    Defender: Ótima, cara, infelizmente não tem mais zero-km, dizem que se capota o teto fica rente ao capô.

    Tenho Troller Desert Storm 2011 e Pajero 3 portas 2008, para o Troller ficar bom falta pouco, porém parece não terem interesse em melhorar.

    • LTD1976

      O Troller tem um projeto muito bom, peca na qualidade da fabricação, coisa que espero ter melhorado com a gestão da Ford.
      O Pajero é um senhor jipe, como disse o problema é o custo.

    • ahsoliveira

      Deve melhorar com a produção do sucessor do T4, tenho um amigo que trabalha na Troller ( inclusive já até visitei a fábrica 2010, eles são bem receptivos, mas tem que agendar antes e o grupo tem que ser entre 10-25 pessoas, se não me engano) de acordo com ele eles cogitam em exportar o sucessor do T4 para os EUA e que o TRX já era praticamente o carro de produção, ele não sofrerá muitas alterações.

  • YagoG.

    Depois da Ford a Troller não desenvolve mais nada. Lamentavelmente estagnou a empresa.

  • Adriano_Silva

    Três grandes exemplos de onde não se deve investir tanto dinheiro, são bons e robustos, mas nada justifica os preços e o acabamento de cada modelo.

    • LTD1976

      Ao contrário, é um dinheiro muito melhor investido do que num Corolla ou Civic topo de linha.

      • Adriano_Silva

        Pelo que custam deveriam no minimo ter um acabamento melhor, mas gosto é gosto.

    • Filipe_GTS

      Trilha, meu caro. Tem gente que investe 150 mil, 200mil reais em caminhonete modificada pra trilha

      • Adriano_Silva

        Se o foco do dono for só isso beleza.

  • André

    Uma boa opção que tem começado a fazer sucesso no Ceará para a qual alguns proprietário de Troller T4 estão migrando é a L200 Triton Savana.

  • Mateus

    Boa idéia André. O único defeito seria o entre-eixos para o offroad.
    A caçamba, o assoalho sem carpet e a qualidade Mitsubishi vão muito bem.

  • Sean Medeiros

    Alguém sabe o principal motivo da Toyota ter retirado o Bandeirante do mercado? Robustez era a cara dela…

    • LTD1976

      Segundo consta, o motor não passaria nas normas de emissões mais novas e não justificava economicamente a adaptação de um motor mais moderno.

      • WillianPg

        Caraca que pena. Se a Toyota tivesse visão remontaria a linha de montagem e usando um motor diesel local como no caso do T4 com valor de ate uns 80mil acredito que roubasse muitas vendas do seguimento.

        • Tosoobservando

          Se chama Toyota FJ Cruiser, conheço pessoas que tem.

  • bandaxadibar

    Marrua é um off road pro sangue no Brasil….após o bandeirante ele reina por aqui

  • LTD1976

    Simples, entre com ele numa trilha e entre com uma corolinha que tem esse monte de firula que citou e entenderá qual a lógica desses carros.
    Pela sua lógica então, um caminhão nem deveria ser vendido, pois custa centenas de milhares de reais e não tem nenhuma das firulinhas.

    • Cezar

      ltd1976
      Compra um carro sem firulinhas para vc então amigão, temos exemplos aí a cima, veículos acima de 90mil e sem "firulinhas" como vc gosta :)
      Afinal pq bancos em couro elétricos, ar condicionado automático, Gps, airbags, abs, controle de tração etc… carro assim é para"otário" ou “fresco” não é mesmo.
      Carro de macho e de caras que fazem off road tem que vir sem ar condicionado, sem direção hidráulica, sem abs, e de preferência com banco de plástico e rodas de liga para que né, tem que ser de ferro mesmo, etc… lógico 90mil reais para bancar uma de machão alfa, tipo é bom pq é caro, hehehehe;;;; …. comédia vc :)
      Uma pessoa achar itens de segurança, conforto e conveniência “FIRULA” é o típico brasileiro que gosta de ser explorado sempre :) é graças a pessoas que pensam assim como vc, que nossos carros em sua maioria são caríssimos e umas porcarias.
      Evolua amigo.

  • Ivan_Correia

    Já tive a oportunidade de guiar um Marruá em trilha. Coisa linda! Parece um tanque de guerra, você enfia em tudo que é lugar e o carro vai sem sofrer!

  • Mr. Car

    Para uso off-road, uma velha e boa Toyota Bandeirante com algumas adaptações manda muito bem, e custa menos.

  • isaque lima

    Quando olho pra esses carros e preços eu só penso numa coisa, lavagem de dinheiro, esses carros são horriveis e por este preço tem coisa bem melhor

  • KARIOCADAGEMA

    O Stark equipado com o motor IVECO da ducato , num carrinho desse tamanho , deve ser O BICHO !!

  • Bruno_Carros

    São ótimos carros, o que é uma pena é os preços deles. Acho que é por falta de concorrência que as montadoras nacionais cobram tanto nos seus carros.

  • Landrutt

    Natal, Florianópolis, Goiânia, Vila Velha, Fortaleza, João Pessoa e Salvador: neste país gigantesco só existem revendas da TAC nestas cidades. Agora entendo o motivo do "sucesso" do Stark, que ainda tem que competir com o T4, mais barato, com mais tradição no segmento e com mais pontos de venda. Não sei como é em outras cidades onde a TAC está presente, mas aqui em Natal não vende absolutamente nada, ao contrário do T4, que nada de braçada e é o preferido dos "trilheiros". O preço do Marruá é proibitivo e pode subir bastante caso o comprador resolva incluir ar condicionado e outros opcionais presentes no T4 e no Stark, fora que a Agrale não faz a mínima questão de vender seus utilitários para usuários civis "comuns", o foco e a quase totalidade da produção é para as Forças Armadas e empresas de telefonia e energia elétrica.

  • Antonio_Brust

    Até porque ABS e Airbag em uma trilha pesada onde geralmente não se passa de 30km/h é super útil, né.

  • ADimon

    O Agrale me chama mais atenção, especialmente por ter suporte para metralhadora! hahaha… daria pra usar um desse no trânsito! Brincadeira hein…
    Não tá ficando fácil o nosso dia-a-dia de cidade. Cada um que compra carro, e acho que compra a CNH também. Tem que comprar um jipe mesmo pra baixar o stress no final de semana.

  • Barneyatomico

    O problema é que vários desses itens de conforto podem apresentar problemas, e muito deles com relação à elétrica do veículo. E um problema no meio da trilha é a última coisa que trilheiro quer. Ou seja, isso não afetaria a capacidade off-road do carro, mas sim sua robustez.
    Entendi o seu ponto com relação à segurança.
    Não acho q deixar de exigir conforto em um carro com mais de 90 mil é tolice. Pra vc pode até ser, mas para outras pessoas há coisas mais importantes que conforto, vai de cada um. E a robustez e a capacidade off-road aumentam o custo do carro. Então, acho que vai do que a pessoa precisa. Se eu fosse comprar um carro para levar minha família, ir trabalhar todo dia ou viajar, escolheria pelo conforto. Agora, se eu tivesse uma propriedade em um local remoto e com difícil acesso, ou fizesse trilhas, logicamente optaria por robustez e capacidade off-road.

  • jaderf

    a diferença é que a grande maioria que tem troller 0km e outros, utilizam praticamente só para trilha, e tem dinheiro para ter outro veículo para uso mais "civil". Quanto mais eletronica, mais complicado pra passar numa trilha, vai lá e coloca uma suv pra atravessar um rio…é capaz de pegar agua e ficar no meio do caminho, ou chega do outro lado e nao funciona uma coisinha eletronica aqui, outra ali…

    • Cezar

      verdade …mais 90mil ta bem pago . realmente vi que vale a pena. faz todo sentido

      • Julio Vasel

        Você tem quantos anos, 14? Pára de birra!

  • lachard

    Prepara um Jimny, dá conta do recado

  • baetatrip

    Pois e….!
    Mt caro por pouco acessorios importantes…!
    Tenho o meu Samurai preparado para trilha….. Segue o mesmo caminho……
    Facil de andar na cidade… Cabe qualquer lugar…!
    Motor 1.3 de 70cv… Da conta do recado facil quando esta no original….Quando mexe sofre um pouco… Melhora ae fica bom!
    Como utilizo em trilhas Pesadas…. Vai muito bem!!!!!

  • Filipe_GTS

    É absurdo o que ele escreveu, não tem o mínimo fundamento…
    Queria saber o que ele pensa de uma MOTO BMW de mais de 100 000 reais, ou de um MUSCLE antigo de 80 000 reais…
    Cada um tem suas prioridades.
    Obviamente esses carros não são pra viajar com a família…
    Pra quem é do ramo, Troller está entre os melhores. Muitos compram com gosto seus Troller zero km. Querem tela de 7 polegadas de certo… Bah, aquilo ali que o Cezar colocou foi uma das maiores bobeiras que já li aqui.

    • Cezar

      Não me admira termos os carros que temos…. a preço que temos.
      O que eu penso de uma moto Bmw de 100mil reais no Brasil, cacho cara… não compraria, mas vendo a tecnologia e os materiais empregados na moto ainda se faz lógica ou sentido esse valor exorbitante. Carros antigos é algo a parte, já vi pagarem milhões de reais em carros antigos, … isso é um caso a parte, na maioria são carros que ficarão em exposição a raramente é para andar. Carros antigos e raros é um caso a parte, comparar isso com valores de carros zero já deu para ver sua"lógica" nas coisas.Comparar carros zeros km com carros antigos e de coleção e com moto !!! foi de longe a coisa mais BOBA que já li aqui no NA. Só faltou falar de imóveis e aviões.
      Verdade o preço ta bom, achei justo(mentira acho que a pessoa tem que ser um completo idiota aceitar pagar mais de 90mil em carros assim, mas pq baixar o preço né??? Tem “experto” que ta achando bom e comprando :) ) foi “bobeira” mesmo, “experto é quem compra nesse valor :)

  • Filipe_GTS

    Tenho muita vontade de ter um Troller…
    Com o motor 3.0 da Ranger é o bicho, muito forte. Pena que o preço elevado não me permite…
    PS: quase nem acredito que não teve uma chuva de comentários dizendo: "nossa, custa tudo isso e não tem ESP! Que lixo! Brasil é um lixo! Vou embora trabalhar de atendente do McDonalds dos EUA e comprar um carro completo por 3mil dólares!".

    • Luciana

      Velho, ninguém é doido de falar em esp pra off-road, né? Meu marido é louco para ter um T4…

  • Pedro_Rocha

    Esse é o meu temor para com a Agrale: depender exclusivamente do Governo e fazer "bicos" com a iniciativa privada. O Hummer foi pelo mesmo caminho e faliu.

  • Andrex2501

    Caramba, por serem naturalmente nacionais, deveriam ter um prçeo mais convidativo! Claro que devem subir até paredes e a categoria do carro não é muito barata! Mas memso assim, acho que ainda ficaria com o Marruá, parrudo e pau pra qualquer obra!

    • ahsoliveira

      Não tem como ser tão mais barato também não, só com isenção de impostos, porque como eles produzem em baixa escala não tem como diluir os gastos de fabricação e comercialização, por exemplo o T4 porque ele é o mais barato, mesmo que nem tão barato, é porque tem o maior volume de produção e a Ford consegue negociar um preço melhor na aquisição de insumos com os fornecedores. O Marruá é só sob encomenda atualmente, realmente dos 3 é mais robusto, mas um T4 não faz tão feio perto.

  • Luciana

    Na verdade voce não espera um veículo off-road, voce espera um utilitário para a cidade. A idéia de um off-road é voce enfiá-lo dentro de um rio, com água chegando na altura do vidro da porta e sair do outro lado, como se tivesse passado em uma poça. É andar com o carro de lado, uma roda na estrada e outro no barranco, e se o carro virar, basta ir lá e desvirá-lo. Não dá para fazer isso tendo um carro cheio de bugigangas eletrônicas, com bancos de couro e lotado de airbags. Olha que colocar airbags frontais para ficar aderente com a lei já vai ser complicado, dada a natureza de uso do veículo…

  • gbp

    kkkk machão? Cara, isso não é carro de asfalto. É off-road meu amigo, mato, barro, água, mergulha com uma tela de 7" e um ar digital pra você ver o que sobra. Sabe qual é uma das camionetes preferidas por fazendeiros (to falando de gente que tem vários milhões) para trabalho? As antigas f1000, com motor mwm 229 (usado em tratores), sem eletrônica nenhuma. Coloca uma hilux toda tecnológica pra fazer o que ela faz, a mecânica até aguenta mas o resto vira caco. Não é questão de ser "ogro", é a proposta do carro.

    • Cezar

      verdade cara, faz todo sentido pagar mais de 90mil em carros assim :)

    • Cezar

      verdade ta valendo 100 mil então.

      • Julio Vasel

        Cezar, você é um trouxa, cara. Sequer sabe entender o propósito de um carro. Vá ver quanto custa um off-road com firulinhas. Hummer H3 é um exermplo

    • F1000 traçada mesmo sendo ano 97, tá na casa dos 50 mil, então até se justifica o preço desse veículos, visto que a f1000 original não tem a mesma capacidade de enfrentar o barro como uma Marrua, somente com kit e adatações para offroad, que no fim custam o preço de um troller. Mas eu acho muito mais bunito e coformtável uma f1000 que um Marua isso tenho certeza!

  • Sergio

    Troller – imbatível nas dunas do Ceará e Rio Grande do Norte. Caro porque é diesel.

    Não é veículo adequado para o dia a dia em SP e outras grandes cidades.

  • Agenor

    Ok. Tirando a sanha dos fabricantes, estes carros são caros por conta do método rústico de montagem e da baixa escala de produção. Eu, se precisasse de um carro of road, compraria um Troller. Talvez, depois das Olimpadas, o Rio vai ficar abandonado "a la Brizolla" novamente e as ruas retornarão às crateras habituais. Um jipe deste seria o carro ideal.

  • Carlos R.

    De 4×4 a maioria aqui não entende nada.
    O Exército mão quer banco de couro com aquecimento, 9 airbags, etc.
    Quer que ande a 5Km//h de mínima, não tenha caixa redução, pouca eletrônica e seja muito resistente. Esses são os requisitos oferecidos pelo Marrua.

  • Thiago C. Doval

    Pequena correção no texto, o Troller atualmente utiliza um motor 3.2 Turbo Diesel de 165cv (se não me engano o mesmo da Nova Ranger só que com a potência reduzida), e não mais o 3.0 NGD.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend