Mistério: Plymouth GTX 1969 é achado com US$ 10.000 em dinheiro

Mistério: Plymouth GTX 1969 é achado com US$ 10.000 em dinheiro

Muitos carros antigos surgem a cada ano, descobertos em “celeiros” da vida, precisando de muita restauração, mas também trazendo à luz muita história e algum mistério. Um deles veio ainda com algo mais, dinheiro. Contudo, o montante não era certamente para sua restauração após décadas esquecido numa garagem.


Trata-se de um Plymouth GTX 1969, encontrado num celeiro no interior dos EUA e tinha mais do que a própria presença em um celeiro. Eram exatos US$ 10.000 encontrados sob um dos bancos de um dos cupês mais icônicos do final do período cretácico do mercado americano.

Mistério: Plymouth GTX 1969 é achado com US$ 10.000 em dinheiro

Numa expedição da Noel Automotive, documentada pelo canal “Auto Archaeology”, estava em busca de um Dodge Challenger R/T 1971, que realmente precisava ser resgatado de um celeiro cheios de máquinas e ferramentas de todo tipo. Abandonado há trocentos anos, o cupê não estava sozinho.

Quando chegaram ao local, os “arqueólogos” automotivos viram que ao lado do Challenger jazia um interessante Plymouth GTX de ano 1969. O belo cupê estava até mais conservado que o pobre Challenger. A equipe resolveu dar uma olhada no monstro que já não rugia mais há bastante tempo…

Mistério: Plymouth GTX 1969 é achado com US$ 10.000 em dinheiro

Então, ao abrir e observar dentro do carro, um deles observou que abaixo do banco do motorista, havia vários envelopes misteriosos. Como um gato, ele resolveu ver o que havia dentro deles e tiveram uma enorme surpresa. Todos os pacotes continham exatos US$ 10.000 em espécie!

Não era o dinheiro da restauração, com certeza. A partir daí, começou a mistério em torno do “Plymouth GTX de US$ 10.000”. O arrepio certamente passou pela espinha de alguns por lá, visto que o atual dono do local e dos carros não sabia do dinheiro e, para piorar, o antigo dono morreu.

Mistério: Plymouth GTX 1969 é achado com US$ 10.000 em dinheiro

Teria ele esquecido de pagar um suposto vendedor do GTX ou será que ao comprar, não havia reparado que havia uma quantidade de dinheiro lá? Vai saber… De qualquer forma, o dinheiro está lá e se não for reclamado, pode ser a verba ideal para fazer o V8 RB 440 de 375 cavalos voltar a rugir…

[Fonte: Auto Archaeology via Auto Evolution]

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.