Segurança

Uso do air bag exige alguns cuidados

ecosport-ncap1-620x371 Uso do air bag exige alguns cuidados

Equipamento não passa por nenhuma revisão específica, mas é preciso ficar atento aos avisos no painel



Sueli Osório

O air bag, que passa a ser item obrigatório em todos os veículos a partir do ano que vem, é um dispositivo de segurança complementar ao cinto de segurança. O cinto garante a retenção necessária para que o air bag atue com eficácia, além de garantir a correta trajetória do ocupante na direção da bolsa de ar.

Segundo a AEA (Associação Brasileira de Engenharia Automotiva), o equipamento não é projetado para acionar em qualquer tipo de colisão. O parâmetro de controle de acionamento do air bag está associado à desaceleração do veículo, ao ângulo de colisão e ao risco de lesão grave ou fatal.

Devido à alta velocidade de acionamento, o air bag pode causar lesões graves ou fatais caso o ocupante não esteja em uma posição correta. Portanto, é recomendável não dirigir muito perto do volante, manter os braços posicionados na posição correta no volante, não colocar o banco muito próximo do painel de instrumentos e não ficar com os pés em cima do painel.

Marcus Vinicius Aguiar, diretor-técnico da AEA, recomenda que nunca se deve deixar objetos no colo ou na boca, ou ainda crianças e animais entre você e o air bag pois, no caso de acidente, as lesões serão agravadas.

“Nunca transporte crianças em regiões próximas ao air bag no banco, na cadeirinha ou no colo, pois, no caso de acionamento, elas poderão sofrer ferimentos gravíssimos.”

Uma dúvida comum é sobre se o equipamento emite gases tóxicos ou inflamáveis. A resposta é NÃO.  O air bag não emite gases tóxicos e inflamáveis. O pó branco que se depreende durante a abertura é um talco utilizado para a sua lubrificação.

funcionamento-airbag-620x418 Uso do air bag exige alguns cuidados

Revisões

Outra dúvida encaminhada por leitores do Notícias Automotivas é em relação a revisões. Aguiar esclarece que não é necessário submeter o air bag a revisões periódicas. Entretanto, ele recomenda que o sistema seja inspecionado por uma oficina autorizada se a lâmpada indicadora de anomalias no painel de instrumentos permanecer acesa após a partida do veículo, acender durante a condução normal do veículo ou não acender durante a partida.

Após o acionamento, não há como recuperar o air bag, portanto, o sistema deve ser revisto e as peças necessárias trocadas. Aguiar recomenda que o proprietário do veículo leia atentamente o Manual do Proprietário para informações adicionais sobre o air bag do seu veículo.

Leandro Oliveira, consultor técnico da Volvo Cars Brasil, também deixa claro que resultados de testes regulares da marca mostram que o funcionamento do sistema de air bags não é negativamente afetado com o passar dos anos.

Uma vez acionado, o equipamento não pode ser reutilizado, deve ser substituído. Segundo Oliveira, no caso da Volvo, os preços variam bastante de acordo com o modelo, mas para se ter ideia, o air bag de volante do V40 custa R$ 3.600. O tempo gasto para fazer a substituição deste item é de aproximadamente 30 minutos.

Informações Volkswagen

(recebemos da Volkswagen algumas informações abaixo, mas apenas depois do fechamento dessa matéria)

Os airbags frontais são mais um importante recurso de segurança passiva e podem salvar vidas ou reduzir a gravidade dos ferimentos do motorista e dos passageiros em caso de colisões frontais. As bolsas de ar são infladas em frações de segundo por sensores capazes de avaliar a intensidade de uma batida, amortecendo o choque do corpo dos ocupantes contra o volante, painel e laterais do carro.

É importante lembrar que o airbag não substitui o cinto de segurança, que  sempre devem ser utilizados. Em uma colisão, além de evitar que os usuários do carro sejam arremessados para fora, o cinto é pré-tensionado mantendo os passageiros em seus lugares, fazendo com que a ação dos airbags seja mais efetiva.

De maneira geral, não existe prazo de validade para os airbags, sendo que – durante o funcionamento normal do veículo – o próprio sistema faz as verificações necessárias e sinaliza por meio de luzes indicadoras no painel, qualquer anomalia no sistema.

No caso de acidentes que provoquem o acionamento dos airbags, todos os dispositivos de ignição e componentes dos airbags e pré-tensionadores disparados com suas unidades de comando e sensores deverão ser substituídos. Os custos com a substituição dos airbags e pré-tensionadores variam em função de cada veículo.

É importante frisar que, normalmente, os acidentes com acionamento dos dispositivos de segurança são mais graves, envolvendo, assim, o reparo de diversos outros componentes do veículo, o que consequentemente influencia no tempo necessário de reparo e nos custos dos mesmos

  • DCald

    Alguns manuais indicam a revisão/troca do sistema entre 10 e 15 anos! Fiquem atentos a isso! (ainda mais a turminha do "semi-velho completão")

    • dudupruvinelli

      Com os novos nem precisa se preocupar, afinal nem tem airbag. kkk

      • DCald

        Com os novos, vc só precisa se preocupar daqui a uma década!

      • O_Corsario

        Verdade, nenhum carro novo vem com airbag!

    • tiago90j

      essa dúvida é interessante, e, pensando que dá até pra apagar a luzinha de avaria, pode ocorrer de depois de um acidente a pessoa passar pra frente sem substituir o air-bag, aí vc compra o carrão de 3 anos de uso achando que está em um euro ncap 5 star, e tá tão desprotegido quanto o condutor de um celta.

      • Jeremy_Hall

        Mas é como o autor do texto falou: a luz não acendeu na partida, não tá funcionando.

      • Sias

        Mas passa por isto conseguir o componente sem o AB, que no caso do volante, acho que será impossivel. Os demais é possivel mesmo, montar e eliminar o equipamento.

      • guihounter

        tem empresas que realizam pericia no carro, é aconselhável se for comprar um usado fazer uma.

    • DCald

      Pois eh… eu já vi alguns carros que o airbag era de serie, sendo vendidos "semi-novos" sem os airbags.
      Como um jogo de airbag para substituição é caro, o pessoal dos "salvados" simplesmente tira o airbag e pronto. Agora, se o cara arrancou o airbag do carro, mas manteve a capa no volante ou o painel com o indicativo "airbag", só desmontando pra descobrir…

      Bom, dá pra descobrir pela luz do airbag… carros com airbag ela tem que acender a luz qdo liga a chave, e apagar alguns segundos depois… se a luz não acende, ou fica acesa direta, é fria!

      • Viníciusk

        Colega, com respeito a luz indicadora do airbag, eu nunca confiaria nela se fosse comprar um semi novo. Hoje em dia dão um jeito de adulterar tudo! Se bobear fazem uma gambiarra no sistema do carro para indicar que está tudo certinho, quando na verdade talvez nem tenha mais a bolsa!

        Quem curte semi novos para "boicotar" as montadoras vai ter mais uma preocupação na hora de comprar usado. Complicado…

        • GuRo7

          Eu sei que a como burla o sistema… então não va pela lampada… :)

        • dumaluf

          Só para ilustrar, se você ligar a luz do painel do Airbag junto com a luz que acende da pressão de óleo JAMAIS irá desconfiar da gambiarra tão cedo, já vi isso acontecer em SEMI NOVOS completão que o povo aqui adora dizer que é muito mais vantagem que um zerinho com procedência .. …

      • emanuel

        Hoje em dia não há nada que um bom conhecimento em eletrônica e software possa fazer para piscar uma lampadazinha no painel de um carro.

    • CyborgPilot

      O seu pensamento faz sentido. Vai que o cara bateu um sedã de luxo por exemplo e somente o air bag do motorista foi acionado. (existem carros em que vc pode desligar o airbag do passageiro se quiser). Então ele simplesmente dá uma arrumada na frente do carro onde ficou amassado, compra um para choque inteiro na revenda de peças usadas, e só dá uma consertada no volante onde se abriu pra sair a bolsa inflável e depois vende o carro como se estivesse novo para algum incauto. Fiquei grilado agora.

      • Sias

        O volante rasga, o centro fica inutilizado. So se conseguir um igual que não tenha rasgado.

        • emanuel

          É a coisa mais fácil de se fazer com uma impressora 3D..

          • Sias

            A é? Me diz onde consigo uma e que faça uma peça tão grande. Dá uma pesquisada sobre impressoras 3D antes:
            http://gizmodo.uol.com.br/exageros-impressao-3d/

            Não…ela não faz mágica e isto ainda não é possível, sem contar a diferença no material.

            • Cruz

              Quanto à dureza, acho até que pra algumas peças serviria, afinal as impressoras 3D podem imprimir ferramentas que podem ser utilizadas normalmente, como chaves de boca.

              Mas o pessoal acha que é só comprar a impressora 3d e vai sair imprimindo pára-choque…

              E mesmo as peças pequenas… porque uma fábrica de auto-peças iria distribuir os modelos 3D dos seus produtos?

              Quero ver alguém desenhar uma maçaneta que fique igual e seja encaixe perfeitamente.

    • PONCIO PILATOS

      com óculos entao, aí é que o bicho pega.

    • Viníciusk

      Por isso estou esperando para comprar meu zero. Assim que tivermos melhores opções (em sentido de segurança, de preferência se puder ser testado pelo Latin Ncap) vou arrematar um para mim.

      Sei que vai ser seguro, todas manutenções em dia, sem correr o risco de ter sido enganado por um picareta. Depois de 5-10 anos me compro outro zero.

    • Rafael

      Uma coisa importante e que não foi citada é a necessidade de utilizar o cinto de segurança para o correto funcionamento do sistema de air bag, pois sem a utilização do mesmo, o efeito poderá ser o inverso, ocasionando até em morte.

    • Eugenio C.

      A revisão é recomendada, mas apenas para verificar se todos os itens estão em ordem; a troca praticamente não é necessária, ainda mais nos modelos mais recentes.

      Para saber se já foi retirado, a primeira providência é verificar a luz-espia. Se o air bag foi retirado, ela permanecerá acesa diretamente. O normal é que ela acenda ao ligar o carro e se apague logo em seguida; se não se acender ou não se apagar, tem algo errado.

    • Leandro1978

      Espera, se o novinho é peladão, como o usadinho pode ser completão?

      • Pedro_Rocha

        Ele se referiu àqueles Sentras e Fluences completões que todo mundo vê para comprar baratinho.

        : )

        • Edson Roberto

          Orra…. o preço do Fluence "mais em conta" fica em média R$49900 em média (usado e manual).

          Não me parece "baratinho" para todos os modelos não.

    • MM_

      Não, ele é da turminha do novinho completão. O povo só compra carro usado completo pq alguém comprou ele novo também completo.

    • dudupruvinelli

      Não está falando nada absurdo não. Estamos no país do jeitinho, lembra? Li na 4Patas de um cara que percebeu que o citroen picasso dele tava com fita isolante no pc de bordo justamente em cima do ícone do airbag que já havia sido acionado e não havia sido trocado.

      • Matheus_P

        Que chinelagem…

    • Fellipe

      O semi-velho completão não rasga o assoalho em um impacto como o Uno Vivace, nem causa traumatismo craniano como o novíssimo Ka, nem ao menos promove o deslocamento de banco como o completíssimo HB20. O semi-velho completão é mais carro que esses lixos novos peladões. Cada coisa que vejo.

      • Viníciusk

        Fellipe, tem certeza disso? Existem crash test realizados com nossos "semi-velhos completões" NACIONAIS? Quem garante que não tenham uma resultado igual ou pior do que nossos HB20 da vida?

        Tempos atrás estive vendo uns semi-novos, e vi seus testes no Euro Ncap. Só que quando fui pesquisar, vi que todos que eu estava interessado em comprar tinham sido fabricados em algum país da América Latina. Resultado: desisti. Os únicos carros que posso ter certeza da segurança são os míseros 30 testados pelo Latin Ncap.

        • Fellipe

          Tá… pesquise na Internet pra nós.

          NCap Corolla 2003/Camry 2007/Camry2002/Vectra 1999/Golfs no geral/Pegeout2006 pra frente/ etc e etc

      • ander

        fato, meu vectra 2000 era muito melhor que essas porcarias de hoje em dia.

        • Viníciusk

          Seu Vectra tinha airbag? Qual o resultado do Crash test dele aqui no Brasil? Existia isso naquela época aqui no Brasil? Não.

          Estamos falando de segurança, de airbags. Próximo do ano 2000 até mesmo o Vectra EUROPEU da Opel/Vauxhall marcou míseras 2 estrelas no Euro Ncap. Agora imagine o nosso Vectra das bananas…

          Veja bem ander, no geral o Vectra é muito melhor que muitos carros novos de hoje, mas na SEGURANÇA, é taco a taco.

      • DCald

        Cara, o semi-velho um dia foi 0km… se o 0km é uma porcaria… o semi-velho é pior ainda!
        Ou vc acha que um carro melhora a segurança conforme fica mais velho?

        E, a proposito, meu questionamento é sobre o custo de reposição do airbag… ou vc que compra semivelho de 10 anos vai se preocupar em procurar (e ainda tem isso, será que existe ainda?) as bolsas de ar para substituir e pagar 10mil no parzinho?

      • KaiserM606

        Por isso só ando de Opala e Landau! São extremamente seguros…

    • Rover

      KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKkkk nossa , e o meu e Semi velho e ta novao !

    • Luciana

      Eu acho que é uma possibilidade. O sistema deveria alertar para a ausência das bolsas, mas basta um cidadão mal-intencionado desligar os sensores para a luz parar de acender no painel. Acho que vale a dica do artigo: a luz do airbag tem de acender ao ligar o carro e depois apagar. Se ela não acender quando voce girar a chave, há algum problema no sistema.

    • Rodrigo_Galera

      Pra que tanta reclamação? É só exigir que o semi novo seja revisado! E semi novo pra mim é carro de um a quatro anos de uso! Semi-velho completão geralmente nem acompanha air bag… Salvo os importados.

      • DCald

        Aham… e vc acredita naquele "semi novo revisado" da concessionaria, né?
        A revisão é basicamente uma ducha com pretinho no pneu!
        Uma vez, conversando com um "consultor" de uma concessionaria ele me disse isso: a revisão é no maaaaaaximo trocar o oleo. Se o pneu tiver muito careca eles colocam um USADO em melhor estado e pronto… só vão arrumar alguma coisa se o "feliz novo proprietario" reclamar de algo… e ainda vão fazer muito doce pra trocar uma lampada que seja…

        • Viníciusk

          Sem dúvida! Já trabalhei em uma concessionária GM e vi uns horrores sendo feitos lá. Aqui, em outra concessionária da GM, onde moro agora, os mecânicos simplesmente adulteram TUDO que "julgarem" necessário para repassar a bomba pro próximo cliente.

          Confiar em concessionária é, ou falta de conhecimento, ou inocência.

        • Rodrigo_Galera

          Sim, você tem toda a razão e sei disso! Sabe o que costumo fazer? Mandar o carro numa revisão em um mecânico de confiança e se achar algo errado, aciono a loja!!! Mesmo porque moro numa cidade pequena (Boituva), onde o meu mecânico de confiança é bastante conhecido… E é o responsável por revisar o carro de boa parte das lojas de Boituva!
          Então, nesse caso e com estes cuidados… Qual é a barreira? Nenhuma. Mesmo porque eu sempre mando meus carros desde sempre para revisões, mesmo depois dos 150.000 rodados… Sempre usando óleo de ótima qualidade e abastecendo aqui na Usina onde trabalho, onde o álcool é puro!

    • Edson Roberto

      Leandro, felizmente, no caso dos air bags, o que muitos clientes fazem no usado é simplesmente cortar o sinal (ou o fio) de teste do air bag.

      Porque felizmente? Porque esse item realiza um checkup e na falta do item, ele fica aceso (um icone de indicação do acionamento do air bag) e não há como fazer "checkup" de algo inexistente. Pois ele verifica o mecanismo de acionamento, verifica se o air bag está no local e por fim verifica o cabeamento. Se houver qualquer avaria ele fica aceso ou piscando. É muito comum no mercado de usados, as pessoas ou vendedores simplesmente apagarem esse checkup. Porque? Porque há desconhecimento da pessoa que nunca teve veiculo com esse item.

      Para se ter ideia, no meu segundo carro, eu tenho 4 air bags nele. Ambos os checkups são realizados.

      • Viníciusk

        Edson, me interesso muito sobre isso que você citou. Poderia dizer como fazer esse checkup na certeza de que está tudo certo?

        Porque pergunto isso? Tempos atrás eu estava vendo um PUG 307 Ano 2003 (ainda fabricado na França e com 4 estrelas de segurança pelo Euro Ncap), Mas fiquei "grilado"justamente com esse fato do airbag. Como saber se estava funcionando mesmo, já que existem várias gambiarras feitas para enganar os clientes? Resultado: desisti da compra.

        Agora me diga: Esse checkup necessita apenas de um scanner?

        Abraço!

    • Matheus_P

      O proprio NA ou carplace postou que o kit de airbags frontais custa 70 dolares para as montadoras… Ridiculo… Em 2008 bati meu focus duratec na traseira de um carro, mal quebrou um farol, mas or airbags acionaram. Orcamento da seguradora: 16mil para consertar. Valor dos airbags e o modulo: 11mil reais. Final: deram perda total…

      • radiobrasilcombr

        E você se feriu, os airbags ajudaram no caso?

        • Leandro

          Tenho quase certeza que não seriam necessários no caso dele. Eu bati meu corsa, foi-se parachoque, capo, e aquela barra de metal que fica atrás do parachoque furou o radiador, foi uma pancada boa e eu o que sentiria numa freada forte, nada.
          Se tivesse air-bag eu posso dizer que nesse caso teria um problemão, teria que vender o carro pra pagar o prejuízo.

    • Mel_Thorme

      Não é o air bag que vai salvar o condutor ou passageiro no caso de acidente. O airbag é um dos componentes do sistema de segurança veicular.
      Claro que ajuda e evita algumas das lesões mais comuns em acidentes, e obviamente o conjunto completo vai dar mais resultado!
      Para os desinformados, o carro ser completão não quer dizer que tem estrutura melhor.
      Se quiser um veículo mais antigo e quiser se garantir em relação à estrutura superior, verifique o site da NCAP ou Latin NCAP, considerando veículos que são vendidos aqui.

  • Arthiola

    Sempre pensei sobre esse risco… dizem que é como um soco na cara o Air bag.
    Bela reportagem!

    • Kenny_
    • stefanoz

      Cara, eu achei q era também, até um estourar em mim. Pior que não dói nada no rosto, somente na nuca, acho que pelo movimento que a cabeça faz.

      • GuiCastro

        Air Bag lateral é bem forte. Minha orelha ficou ardendo por 3 dias seguidos e fiquei ouvindo um chiado por 1 semana (apenas os air bag lateral e de cabeça estouraram).

        Bom, pensando assim, melhor que ter fratura craniana e quebrar o braço!

        • stefanoz

          Com certeza, airbag, apesar dos cuidados que exige, salva muitas vidas, inclusive a minha. É um dispositivo essencial mesmo.

      • Edson Roberto

        No meu caso qdo bati, Senti sim como se fosse uma porrada. Mas eu perdi em segundos o sentido e por isso aconteceu. No caso do meu carro ficou um cheiro de polvora insuportavel. Tive que deixar tudo aberto para sair o cheiro. (demorou 1 semana para sair por completo e na manutenção da CCS foi necessário até higienização do ar condicionado!)

        • rgmmelo

          Custou quanto para repor o sistema, Matheus_P reportou um custo de 16 mil dilmas pra repor o dele….

          • Edson Roberto

            RGM,
            No meu caso o custo de tudo deu em R$7200. Mas pense em trocas de farois, parachoque, capo, paralamas… no meu caso são mais as peças correlacionadas ao que aconteceu no meu carro. Tiveram duas rodas amassadas (de ferro). Por tudo que ocorreu chegou a esse valor.

  • Valmir_Mauro

    Muito interessante a matéria. Conscientizar é bom, já que é algo que em alguns anos será muito popular. Vai ter muita gente querendo colocar as montadoras na justiça pq "o meu airbag não abriu!!!". Importante saber que o acionamento dele depende de certas condições.

    • bcaliari

      Se é que alguém vai lembrar que tem isso néh :~

      • Magno

        Espero que o meu nunca tenha necessidade de ser acionado. rsrsrs…

    • Viníciusk

      Fora que vai ter uns cabeções que vão querer reclamar a talvez até processar juridicamente por lesões, uma vez que, como a reportagem disse, gostam de andar com os pés no painel, com bolsa no colo, com garrafa térmica tomando chimarrão (muito comum aqui no RS), ou, como os "manos' curtem andar, pendurados no volante.

      Vai ser difícil educar essa gente toda…

    • Edson Roberto

      Nesse caso, é isso mesmo. O governo deveria propor propagandas para ensinar o uso e funcionamento do dispositivo. Mas acredite, hoje não abrir já é o suficiente para isso.

      Mas em alguma ocasiões, o air bag que não abriu causou lesões gravissimas porque ele deveria ter aberto também.

  • Cezar

    Achei a matéria bastante tendenciosa negativamente contra esse opcional que salva vidas comprovadamente ou aumenta em no mínimo 50% a mais as chances de vc sobreviver com veículos com airbags.
    Lendo a matéria me parece que ela quer de alguma forma mostrar o airbag um vilão que machuca e mata pessoas.
    Ter airbags é a diferença entre morrer ou não. Sendo que esse opcional de segurança que se tornara obrigatório, aumenta sua chance de sobreviver e de não se machucar em mais de 50%. É uma porcentagem muito alta se tratando de vida.

    • Sueli Osório

      Caro, Cezar,

      Concordo plenamente que o air bag é um equipamento de segurança importantíssimo, assim como os freios ABS. É ótimo que os dois passem a ser obrigatórios. A intenção da matéria não é apontar pontos negativos, mas sim orientar sobre o uso adequado do equipamento.

  • spok

    Ja tive um acidente que acionou o airbag .. o funcionamento eh mto interessante, eu nem esta tao rapido, nem cheguei a bater a cara no airbag o cinto ja segurou o impacto eu meio que vi tudo que aconteceu, so nao vi o air bag.. hehe eh mto RAPIDO, qnd eu vi ja estava murcho, meu bracos chegaram a ficar vermelhos e tiraram minhas maos do volante eh uma porrada violenta.
    Agora pensar em concertar eh um absurdo… se nao tem seguro eh tenso.. meu carro so deu PT por causa dos air bags . Acho que isso ainda pesa mto qnd o povo prefere que o carro nao tenha air bag. (infelizmente)
    O que vai ter de gente que vai bater o carro e nunca mais vai recolocar airbag, vcs vao ver!!

    • Viníciusk

      Verdade. É tenso o valor cobrado pela recolocação do equipamento em caso de acionamento. Na verdade é um ABSURDO! Nada justifica o preço cobrado pelo reparo!

      Fico pensando no coitado que só tem dinheiro para comprar um popular de R$23 mil tendo que gastar 1,2 ou 3 mil reais em cada airbag no caso de uma colisão.

      Prevejo mais uma forma de sermos roubados pelas montadoras…

      • Edson Roberto

        Tudo depende. No caso do meu C3, o que é mais caro é o cinto do que exatamente os air bags. Cada um foi R$500 em média. Mas o cinto… foi cerca de R$2000 sem contar a mão de obra, já que se desmonta boa parte do interior e se mexe até na central do modelo para reconhecimento.

    • pablobmw

      tem certas pessoas aqui neste pais que tem carro que eu não duvido nada das mais diversas maracutaias que elas podem vir a elaborar para enganar o próximo. Sou fan da carro usado, acho um bom meio de acharmos coisas boas por um bom preço, mas temos que ter atenção ao máximo, pois esta politica nossa, comprei merda, deixa eu passar para um outro otario é foda, um querendo tirar vantagem do outro, sinceridade nada.

    • Louis

      Vão subir os preços dos seguros dos carros populares!

      • Edson Roberto

        Isso é um fato. Bobo de quem imagina que não. Se o preço dos dispositivos continuarem absurdamente caros, com certeza pela margem de preço será sim PT.

        • Leandro

          Lembra da época que era fácil comprar ou vender carros modificados? Em alguns casos até valiam mais depois de uma troca de motor por um maior, ou trocar a caçamba original por uma de madeira no caso de uma caminhonete.
          Eu vejo muita gente removendo os air-bags e gente comprando carros sem air-bags no futuro, e sabe? Não os culpo se isso acontecer. Em uma boa parte dos carros isso não faz a menor diferença ja que não tem estrutura de sobrevivência e mata de qualquer jeito, então acaba sendo só mais uma coisa pra consertar.

        • DCald

          Se por um lado aumentam os custos de reparação, por outro diminuem os custos de indenização por morte ou invalidez… Tendo ainda os abs obrigatorios (que ajudam a evitar acidentes), deveria era baixar o valor!… Mas "isso non ecxiste" aqui em terras brasilis… o contrario? basta uma borboleta bater asa na indonesia que todos os preços sobem por aqui…

  • TacodegolfGTI

    Tinha um marea 03, eu bati ele a mais ou menos uns 60 km/h na traseira de um caminhao, nao foi muito grave, mais o pó que o airbag soltou queimou meu rosto, fiquei com "sardinhas" pelo rosto durante uns 3 meses. fora meu oculos de grau que quebrou instantaneamente, e graças a deus nao entrou nada em meu olho

    • Pedro_Rocha

      Pelo menos você não teve que fazer cirurgia no rosto igual ao meu primo que saiu da pista com um Polo (sem AB) e bateu numa árvore. Detalhe: ele estava sem cinto de segurança.

      • Pedro_Rocha

        Estranho: escrevi um "B" para abreviar "air bag" e apareceu uma carinha…

        • DCald

          é que "B" + ")" é atalho para a carinha de oculos escuros B)

          • Pedro_Rocha

            Entendi. Nunca soube usar esses "emoticons" porque prefiro os feitos com caracteres ASCII mesmo.

            =D

  • junio

    Estão falando demais no airbag e estão esquecendo da carroceria ou seja da célula de sobrevivência, não esqueçam que se o carro não tiver uma carroceria bem reforçada o airbag não adianta muita coisa.
    Acho muito mais útil o abs.

    • Mel_Thorme

      Exatamente. Air bag no Uno não vai ajudar em muita coisa. Air bag no Sandero não vai ajudar muito também! A carroceria como um todo não suporta o impacto!
      Mas ainda há quem ache que comprar um carro mais velho "completão" não vale…
      Claro que quem diz isso se esquece que não é o fato de ser "completão" que o torna mais seguro! É a estrutura do veículo!
      Veja os carros classe C, C/D e D! Geralmente estes veículos tem materiais diferenciados para ter uma estrutura mais resistente, mantendo assim a célula de sobrevivência.
      Air bag, num carro com boa estrutura (independente da idade do veículo), com ABS, é uma boa pedida!

      • Rmonteggia

        Depende do ano do usado, esse vídeo mostra examtamente isso, carros mais antigos tem projetos mais deficitários.

        • Leandro

          Compare um Omega ou Vectra 96 e um Uno 2013.
          A vantagem do usado é justamente essa, comprar algo muito superior.

          • Ricardo

            Acho que sua comparação foi infeliz. Podemos afirmar que laranja e banana são frutas, mas só a primeira dá suco.

            Comparar veículos de épocas diferentes é, no mínimo, inadequado (para não dizer tendencioso). O nível de exigência dos testes foi evoluindo ao longo do tempo, juntamente com os projetos. O próprio EURONCAP alerta quando resultados de testes pré 2003 são comparados com testes recentes. Vá até a página deles e tente comparar um Opel/Vauxhall Astra 2009 com o "mesmo" carro de 1999. Simplesmente não dá.

            Não estou dizendo que seja, mas é provável que um modelo atual com 3 estrelas seja melhor (ou menos pior) que um semi-velho da década de 90, com suas 4 estrelas. Se formos comparar somente os 5 estrelas de cada época, a diferença é ainda mais gritante. Claro que sempre há exceções, pois uma colisão a bordo do Sandero é uma experiência única, pois não haverá segunda chance.

  • _Adriano__

    Vejo muitos ai com o peito colado no volante, carros que possivelmente tem air bags, logo penso, se esse nao morrer da batida morre com a pancada do air bag, povo sem instrução da nisso

    • PEDRO_HAWK

      Geralmente mulheres de Uno Mille.

      EDIT: se bem que ele não tem airbags, então o volante se encarregará de "estragar o velório".

  • PEDRO_HAWK

    Faltou falar sobre os riscos de estar fumando ou usando óculos. Apesar de que numa colisão forte ambos provavelmente não estarão nos seus lugares (respectivamente boca e olhos), pode ser que piore a situação.

    • Renan21

      Já sofri um acidente a 100 km/h num poste, meu óculos de grau foi achado 200 metros depois da batida. (Eu estava no banco traseiro sem sinto)

      Pode ter certeza que em uma batida forte,o óculos não estará na cara rsrsrsrs

    • Pedro_Rocha

      O ideal é utilizar óculos com a curva da "perna" bem suave, para que ele não fique preso ao rosto em caso de colisão. Exemplo:
      http://www.lojamaxipas.com.br/prd/100/162/oculos_

    • Pedro_Rocha

      O ideal é utilizar óculos com a curva da "perna" bem suave, para que ele não fique preso ao rosto em caso de colisão. Exemplo:
      http://www.lojamaxipas.com.br/prd/100/162/oculos_

    • rafthehay

      Vi esse questionamento na QR uma vez. O óculos realmente sai voando, não fica preso. Entretanto, a meu ver, se ele ficasse no rosto acho que não seria uma lesão tão forte, no máximo dar uma cortada no nariz.

  • jackson_sch

    Bah, como gaúcho vou pensar duas vezes antes de dirigir e tomar chimarrão.

  • anderson_sp

    Ninguém faz ou se lembra de fazer revisão disso, sejamos sinceros.

  • Fellipe

    Sem contar que a ausência do SRS/SRP já foi apontada como responsável por diversos traumas de face na década de 90. Mas aqui é brasil, aqui colocamos Airbag sem a tecnologia de recuo em Uno Vivace e Classic… Como se adiantasse ter um air bag numa lata de coca.

  • WendSouza

    AIRBAG + ÓCULOS DE VIDRO???

    O motorista deve usar óculos flexíveis, de base plástica, sem plaquetas nasais nem parafusos apontados para o rosto.

    Já as lentes devem ser de policarbonato (plástico) –pela maior resistência a choques- e com tratamento antirreflexo, aconselha Luiz Veiga, analista de produto da Essilor, das lentes Varilux.

    "Nunca de vidro, propensas a estilhaços", diz. No Brasil, as lentes de vidro são as preferidas apenas de uma minoria (2%).

    Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/mercado/864829-oculo

  • fabiosne

    "É recomendável não dirigir muito perto do volante".
    Qual seria a distância mínima recomendável entre o rosto e o volante?

    • macaense

      Especificamente por causa do air bag não sei, mas tem uma regrinha boa: braços levemente flexionados segurando o volante, de maneira confortável; a perna levemente flexionada com o acionamento total da embreagem, isso tudo respeitando o seu conforto também.

      • Sias

        Além da questão sobre a segurança por causa do AB, tem a questão de ter mais agilidade se o cara não ficar com os braços encolhidos. E se vê muito por aí.

    • Estique seu braço e coloque o pulso em cima do volante, essa é a distancia correta… Também é a melhor posição para guiar, já que você pode fazer aquela manobra batuta do alce sem que as mãos larguem o volante….

    • DCald

      Já li em algum lugar que a distancia mínima para o volante com airbag deve ser de 25cm…
      Quem usa a posição correta (braços LEVEMENTE flexionados) só deve se preocupar se tiver braço muito curto!

  • jcesarcbr

    Uma colisão com acionamento das bolsas provoca PT na maioria ds carros atuais. São pelo menos duas bolsas (muitas vezes a dinâmica do acidente detona as bolsas lateriais tambem), toda a estrutura do painel que é destruida no lado do passageiro, os cintos que possuem pre tencionadores, a mola religio atras do volante que muitas vezes é danificada pelo calor atras da bolsa e a central de controle, que em muitos casos não pode ser reaproveitada – isso sem falar nos custos do reparo da colisão em si. Nada disso, no entanto, vale nais que uma vida.

    • Eduardo Diniz

      Sobre isso que você comentou de PT em carro que aciona o Air Bag é verdade, muitas segurados ainda cobram seguro mais caro quando o carro vem com Air bag pois qualquer colisão dianteira que acione o air bag é PT na certa do veiculo devi ao custo do reparo no veículos tem veículos que necessitam a troca do painel e do volante ficando com o custo de reparo quase próximo ao valor da tabela Fipe!

      Acho que os novos populares com Air Bag terá um aumento no seguro!

      • DCald

        Se bem que o projeto de muitos populares já levam isso em consideração… veja o airbag do Classic, que é diferente do antigo Corsa Sedan B… agora tem uma tampa no painel, assim como no old Fiesta, sandero, ford ka..
        O airbag só aciona mesmo numa pancada mais grave, e, no caso dos populares, já dobrou coluna, rasgou assoalho, etc… ou seja, o pt vem antes de acionar o airbag

  • Andrex2501

    Dirigir a no mínimo 25 cm do volante, com as mãos em posição 3:45 é o ideal, para um funcionamento seguro do airbag!

  • 3dimensional

    E aquelas senhoras/mulheres baixinhas que curtem dirigir com o banco a 80 graus(nem 90 é hehe) coladas ao volante correm sérios riscos de morte e nem sabem…

  • fschulz84

    Eu estava pensando exatamente neste assunto da posição de dirigir estes dias… Eu regulava a altura do banco para uma regulagem consideravelmente alta o que acabava me deixando mais perto do volante e do painel…

    Ai pensei que em caso de acidente, essa posição poderia me prejudicar e mudei a posição para uma regulagem mais baixa e mais longe do volante… Levou uns 3 dias para me acostumar, mas acho que tomei a decisão correta! :)

  • radiobrasilcombr

    Pessoal, dúvida… todo carro com airbags frontais tem cintos com pré-tensionadores nos bancos da frente?

    • Sias

      Acho que não. Só os que mencionam o SRS.

    • Mel_Thorme

      SIm. É um dos fatores do sistema ser mais caro.
      O cinto pré-tensionador reduz o HIC (head Injury Criteria) em um acidente pois ele reduz o curso do indivíduo durante o acidente.

    • dudupruvinelli

      Não! Nem todos os carros tem.

  • Boblop61

    Utilizo carro para trabalho e lazer e estou cansado de ver (tanto cidade e estrada) pessoas no banco do carona com os pés sobre o painel, conduta que em caso de acionamento do airbag, trará grandes lesões ao passageiro, até o cinto de segurança, mal utilizado pode ser prejudicial e causar traumas…

    • DCald

      Quem lembra do jogador Dener? que morreu estrangulado pelo cinto de segurança? Ele estava com o banco abaixado e dormindo, qdo o carro bateu ele foi enforcado pelo cinto…

      • Boblop61

        Lembro sim, foi numa curva da lagoa, aqui no Rio. Na verdade, as pessoas não sabem ou não buscam saber como utilizar um dispositivo se segurança. Há de se ter disciplina e se habituar com a posição correta no banco e torcer para que nada aconteça…

  • Jota Bridon

    O melhor cuidado é procurar não se acidentar.

    • DCald

      mas, nem sempre depende de vc… e nesses casos, é bom estar bem protegido!

  • dudupruvinelli

    [youtube MWlWfrdRA88 http://www.youtube.com/watch?v=MWlWfrdRA88 youtube]

  • junoba

    o airbag abre a 200 km/h

  • Cruz

    Vitamina de banana é ótima. :P

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend