Europa Jeep SUVs Test Drive Vídeos

VÍDEO: Avaliação do Jeep Renegade na Alemanha





  • th!nk.t4nk

    Uma coisa é certa, estou impressionado com a quantidade de Renegade que tenho visto aqui na Alemanha. Definitivamente acertaram demais nesse carro.

    • Roger Rosato

      Vi um único Renegade desde que me mudei pro Canadá, 4 meses atrás… talvez seja a preferência local por sedans e SUVs grandes que esteja impedindo o sucesso do Renegade por aqui.

    • DiMais

      a marca com o melhor desempenho esse ano na FCA é a Jeep, sem dúvida o Renegade colocou ela num patamar de popularidade nunca antes imaginado.

  • Os Renegades vendidos na Europa são fabricados onde?

    • Martini Stripes

      Italia.

  • Martini Stripes

    O cara faz o canal todo sozinho mano!!! Parabéns pro truta ae!

  • zekinha71

    O Renegade está dominando o mundo, sempre aparece avaliação em algum país diferente.

  • Jose Silva

    acho que futuramente vou montar em um desses a diesel
    colega meu tem um e essa porra com ele fez 18 km/l na rodovia e media de 13,5 na cidade com transito… isso pq é pesado, se fosse leve….

    • Raimundo A.

      Não se apegue a autonomia, pois é melhor devido a outro tipo de motor/combustível cuja diferença de preço é bem significativa sobre o flex, ainda que o produto tenha outros elementos para reforçar o valor superior: 4×4 e AT9.
      Um Renegade a diesel restrito a questão de autonomia só vale a pena se você rodar muito com ele e a depender dessa kilometragem ficar com ele por um determinado tempo.
      Se a intenção for trocá-lo em menos de 3 anos e não roda muito, não compensa o diesel. Todavia, há quem compre porque gosta desse tipo de motor, não quer ficar preso a combustíveis com maior chance de adulteração, modismo, etc.

      • ObservadorCWB

        “Se a intenção for trocá-lo em menos de 3 anos e não roda muito, não compensa o diesel”… Isto é uma meia verdade propalada ao longo dos anos. Mas que leva apenas em conta a diferença do valor de compra e o preço dos combustíveis. Mas o FATO, é que veículos a Diesel depreciam MENOS que os álcool/gasolina/flex/GNV….. Contabilmente respeitam por volta dos 10%/ano.. enquanto os outros variam conforme marca e modelo, mas depreciam mais de 15% no primeiro ano. Diesel continua sendo para quem precisa, mas esta questão de que não vale a pena é besteira para vender até caminhonetes “fréxis”… que fazem 2Km/l de álcool. Para quem dirige pelos rincões do Brasil, onde não existe nem mesmo os postos regulamentares a cada 50Km… a autonomia bem maior de um diesel também é algo vantajoso.

        • duduEAS

          E complementando seu comentario, se voce ver a diferenca na retomada ( coisa que eu acho mais importante num carro ) voce nem vai querer pensar no “frexis”

          • ObservadorCWB

            Mas na banânia o que é importa são os CV … torque, retomada, câmbio, peso, etc é tudo secundário.

    • Rodrigo

      O carro é legal! Roda bem e é bem confortável. Tenho um Flex e gosto bastante! O consumo não assusta se usar direito!
      O Diesel seria uma opção mais interessante, mas o bolso não deixou! rsrs
      Sempre vai ter um que vai falar de modismo e blá, blá, blá… mas comprar o que está a fim é desejo realizado! Não é seguir moda!
      Boa sorte!

      • Jose Silva

        acredito que o 1.8 flex me atenda perfeitamente, mas aqui na minha cidade iria fazer uns 5 km/l devido ao transito que rodo. Preferia o Diesel mesmo não só pelo consumo, mas por um carro mais potente mesmo.

  • rafael maximo

    Parece que lá ele é mais elevado do solo que por aqui..

    • Raimundo A.

      Esse é o Trailhawk, que é um pouco mais alto. Não vi diferença com o feito aqui nesse aspecto.

  • Rodrigo

    O alemão aí gostou do carro, viu! Só falou bem dele! Reconheceu que o acesso ao porta-mals é fácil,com espaço bem aproveitado pelo formato quadrado, apesar de limitado.
    Ele achou barulhento a 100 por hora! Não sei se é pelo motor Diesel. O Flex roda normal por aqui, pelo menos!
    Achei estranho essa versão top não contar com paddle shift e nem câmera de ré!
    De qualquer forma, quem roda com o carro, realmente gosta.

    • DiMais

      esses sapatinhos da versão Trailhawk também não devem ser dos mais silenciosos no asfalto.

  • Miguel

    No novo trailer de BatmanXSuperman tem Renegade de combate! Ele está em todas!

  • Netto

    Ta ai um carro que vale a pena. Carro GLOBAL, não veio depenado, apenas colocaram um motor de menor potencia na versão flex. De resto é mesmo carro vendido aqui e no resto do mundo.

    • Wellington Myph13

      “Não veio depenado” entre aspas né, porque podiam muito bem ofertar até 6AB por versão (2AB na Sport, 4AB na Longitude e 6AB na Trailhawk) e não como opcional. Acredite, se tiver 1% dos Renegades vendidos aqui com esse opcional, é MUITO. O cara pensa na revenda, custa 3k colocar, e por ser opcional, é totalmente descartado no preço na hora da revenda.
      Ele paga 4k em um Teto solar mas não paga 3k na segurança extra, porque na hora de vender, o Teto solar faz diferença…
      E obviamente, o motor é apenas aceitável, não vai necessariamente te deixar na mão, mas por ser uma marca “diferenciada”, podia ter entrado com algo decente.

    • Marcio Santos

      O problema é que o motor é grande parte do que faz um carro moderno ou não, este motor é ruim por si só e ainda subdimensionado fica ainda pior.
      Não é aceitável para um carro moderno se arrastar com desempenho pífio e consumir como um v6, o consumo do carro no teste de longa duração da QR é ridículo, na faixa dos 7km/l rodando mais de 70% do tempo na estrada.

  • Sabatino

    Aqui na Europa o 500X vende bem mais (Renagate custa 20.800 mil, 500X custa 19.000)
    Nos EUA Renegate vende mais. (Renegate custa 18.000 mil, 500X custa 20.000 mil).

    Acho interessante a diferencia de preço (sao quase o mesmo carro) mas talvez mudem o preço para emplacar o carro “popular” do proprio pais.

  • Lucas

    Se o renegade flex é bom, o diesel é perfeito, é outro carro. E acho que compensa a diferença de preço, pq vai ter um carro muito forte, um câmbio melhor, e um carro mais versátil, além consumo melhor, mais autonomia, revisões mais espaçadas… o que pesa é o seguro, que é um pouco mais caro e o preço de comprar. Só fala do renegade quem nunca andou, minha mãe adora o dela, meu pai mesmo fds só saí com ele, Jeep de parabéns pelo carro.

    • Marcio Santos

      Perfeito seria o 1.4 turbo, bom desempenho sem as vibrações e ruído do diesel.

      • Lucas

        Vendia que nem pão quente

      • Netto

        Mas a bordo do Renegade não se ouve barulho do motor,e muito menos vibrações. Isolamento acústico perfeito das versões Diesel.



Send this to friend