_Featured Esportivos Hatches Renault Vídeos de detalhes

VÍDEO: Renault Sandero RS – Detalhes





  • Joaquim Grillo

    Eu vi um azul confesso que achei até bonito o carro.

    • Vitor Watanabe

      Azul?? O.O

      • Joaquim Grillo

        Era rebaixado até com uma roda preta parecia aro 16″ será que era tuning??? ficou bonito

        • Cristiano_RJ

          Não existe Sandero RS azul.

      • Rodrigo Alves Buriti

        Acho que era o Sandero GTLine

        • pedro rt

          nao existe o R.S nem o GT Line azul, somente as versoes autenthique, expression e dynamique dessa cor

    • Blessa

      Fiz um test drive nele a 15 dias, por dentro o que salva são os bancos dianteiros realmente esportivos e o volante do Clio RS, fora isso o acabamento é péssimo com parafusos a mostra e muitas rebarbas, o motor ficou bom, anda legal principalmente devido ao peso e as marchas serem extremamente curtas, mas nada mais é do que o velho motor do Duster, com o preço de R$ 59.000,00 acho que até vai vender bem pois seus concorrentes são bem mais caros e muito mais bem acabados também.

    • Compro Vidro de Perfume Vaziou

      Sim, ele é bem bonito e chega diferenciar da mesmice da frota brasileira que só tem Prata, Branco, Preto e raras ocasiões Vermelho !!

  • Leonel

    Eu sou fã deste carro. É lógico que eles poderiam ter feito um interior mais refinado e melhorado a segurança dele, oferecendo mais airbags, por exemplo. Mas veio com ESC, como modo esportivo, um motor trabalhado para correr, um belo câmbio 6 marchas, suspensão trabalhada e etc.

    Eu parabenizo a Renault porque este é um esportivo de verdade, e não mais um carro “adesivado”. Por fim, vi um preto deste ao vivo com estas rodas 17″, lindo demais ! Para fechar com chave de ouro, eles devem pensar na próxima versão com um motor mais eficiente, sem perder esportividade.

    • Franklin Diego

      Se a próxima versão fosse um 1.6T com uns 25kgfm e 160cv já seria excelente, hein?

      • Leonel

        Hahaa ! Sem dúvidas ! Mesmo que mantem a mesma potência e torque (20 kgfm) já estaria ótimo, desde que não fosse tão beberrão. Mas é claro que se viesse mais potente e, principalmente, com mais torque, seria ótimo!

  • Porque você não sentou atrás para mostrar que não cabe um adulto ali? Ainda, o acionamento do controlador de velocidade parece o do meu cargo 2010, tenso.

    • O espaço é o mesmo do Sandero, temos vídeos do Sandero feitos antes desse RS.

      • Boa tarde Eber, não é o mesmo, os novos bancos dianteiros são maiores e restringiram ainda mais o espaço traseiro.

    • Marco Schneider

      Cabem 3 adultos atrás com tranquilidade, desde que não sejam mastodontes de 120kg

      • Se forem baixinhos sim, em casa a média é de 1,85 e ai não tem como, eu com 1,91 é difícil um hatch que de certo.

  • Jansen

    Esse carro é econômico ou bebe muito?

    • Franklin Diego

      Bebe mais do que nós 2 juntos.

  • Lucas086

    Rs ou hb20 R-Spec? Kkkkkk não gosto do sandero, mas bato palma para a Renault, fizeram praticamente outro carro, merecia uma acabamento melhor e uns bags laterais, mas mermo assim, a renault está de parabéns.

  • mauricio

    sou mais um ds3

    • T1000

      com o preço de um DS3 dá pra comprar 2 Sandero RS

    • Cristiano_RJ

      O DS3 é mais moderno, mais seguro, mais equipado, melhor acabado e anda muito mais que o Sandero RS. Ou seja, é mais carro. Mas também custa MUITO mais: R$ 82 mil (preço mínimo) a R$ 98 mil (completo). Não tem como comparar.

      • Fernando Gimenes

        Anda muito mais? exagero seu e demonstra que desconhece o carro, o ds3 anda pouco mais que o RS

        • Cristiano_RJ

          Nunca dirigi nem o DS3 e nem o Sandero RS. Mas afirmo o que disse com base em testes de pistas realizados pela imprensa especializada (diversas fontes distintas). Não há nada mais preciso do que isso. O DS3 acelera de 0 a 100 km/h na casa dos 7 s e qualquer coisa, enquanto o Sandero RS fica cerca de 1 segundo acima. Para quem sabe do que estou falando reconhece na hora essa diferença. É como comparar um Jetta 2.0 TSI com um Golf 1.4 TSI.

          • Fernando Gimenes

            Já dirigi os dois, tenho um Sandero R.S e sua resposta só demonstra a sua falta de conhecimento prático e por isso essa comparação esdrúxula…sem mais…

            • Cristiano_RJ

              A comparação não é esdrúxula. Contra fatos não há argumentos. A SUA resposta é que demonstra sua falta de educação e tolerância com a discordância. Sem mais.

  • Antonio Sergio

    Qual câmera você utiliza para fazer esse vídeos?

  • T1000

    pô eu pensei que ele fosse dar uma voltinha com o carro, fazer um 0-100, 0-120. Interior/exterior eu já vi na concessionária.
    Não vi o indicador de temperatura do motor. Estranho.
    Acho importante para um esportivo – avisa quando o motor está quente e você já pode acelerar pra valer.

  • PerobaC

    Faz alguns meses quando andei no Sandero RS e ainda guardo a experiência daquela diversão.

    Seguia do Bom Retiro para Campinas.
    No começo não senti tanta empolgação, afinal, andar a 50 ou 60 km/h na Marginal ~e brochante.
    A primeira observação fica por conta das relações curtas do câmbio que o torna cansativo no uso diário. Mas é um ótimo exercício para a perna esquerda [rsrs].
    Na Bandeirantes foi onde começou a diversão e ficou para trás a figura do Sandero.
    O carro se transforma numa pista livre e acima de 3.500 rpm, quando o motor “enche”, o giro sobe com vigor. Basta uma aceleradinha para chegar ao redline.
    O carro prega no chão e responde ao mais simples gesto ao volante. A suspensão em nada lembra o “molenga” e inseguro Sandero.
    Em menos de 10 min os sentidos ficam extasiados e não quer deixar o motor andar abaixo dos 3.000 giros. Qualquer parada ao pedágio era uma oportunidade de arrancar com o carro e saborear um teco do gostinho purista a la “punta-taco”.
    O motor tem potência de sobra e qualquer retomada ou ultrapassagem é feito com facilidade.

    É um esportivo competente, mas sou da opinião de que a Renault deveria ter trabalhado melhor seu interior. Os detalhes diferenciados do Sandero comum não são suficientes para esconder a pobreza do produto.
    Se nas acelerações e retomadas é um carro divertido porque o motor “enche” rápido, mas também morre rápido. O carro fica divertido acima dos 4.000 rpm, mas são apenas pouco mais de 2.000 rpm de diversão até bater os 6.200 rpm e o motor cortar. A Renault poderia ter trabalhado um pouco mais o motor para cortar acima dos 7.000 rpm.
    Em outras palavras, quando o carro começa a “estilingar”, como num Civic 1.6 VTI, o motor chega e corta o barato.
    Outro ponto que não gostei foi a alavanca do câmbio serem muitos longas. Isso tira um pouco do prazer de dirigir.

    Na minha opinião é um esportivo de entrada bastante competente e divertido, mas é para um público específico, porque ao valor que pede (aprox. R$ 60k) peca em detalhes que podem espantar muita gente: interior pobre, isolamento acústico ruim, suspensão firme demais, conjunto mecânico com relações muitos curtas: 3.500 rpm a pouco mais de 110 km/h em 6a marcha num carro com uma péssima deficiência acústica incomoda muito na estrada.

    Para mim, que esperava algo próximo ao Civic SI ou no antigo Civic 1.6 VTI, falta uma pitada de tempero no conjunto mecânico do Sandero RS. Não que estivesse esperando o “kick” do VTEC, mas acredito que esse 2.0 seria bem mais divertido se não cortasse o giro tão cedo …

    • Cristiano_RJ

      Em que pese os pontos negativos, temos que reverenciar a Renault, que tratou o consumidor brasileiro com o mínimo de dignidade, oferecendo um esportivo de verdade àqueles que não querem ou não podem comprometer uma pequena fortuna em um “brinquedinho” de final de semana. O mais próximo dele é o Punto T-Jet, que enquanto automóvel é superior, mas como esportivo fica aquém do RS e ainda custa muuuiiiittttooo mais: R$ 75.300 (preço inicial). E olha que nem ESP tem!

  • Ric53

    Tem um cara no Instagram com um vermelho, muito lindo!!

  • Nando380

    Na boa até é bonito e tem boa potencia, mas seria melhor ter colocado o motor do fluence gt ai sim seria um bom esportivo. E outra esse negocio de carro branco preta e preto, já está enjoando mesmo poderia ter mais opções de cor um laranja metálico verde azul claro.

  • Nandi Ismael

    Tenho um 2016 para vender, branco, está com 7.000 km. Vendo por 55.000,00.



Send this to friend