Condução autônoma Elétricos Europa Híbridos Veículos Comerciais Volkswagen

Volkswagen anuncia 1,4 bilhão de euros para eletrificação e conectividade em caminhões

vw-e-delivery-2 Volkswagen anuncia 1,4 bilhão de euros para eletrificação e conectividade em caminhões

A Volkswagen anunciou em Hamburgo, Alemanha, um investimento de 1,4 bilhão de euros em eletrificação, conectividade e soluções de condução autônoma. O programa envolve as marcas Scania, MAN, VWCO e RIO, esta última é uma plataforma digital de conectividade para veículos comerciais. A proposta do grupo inclui ainda estradas eletrificadas, que possuem rede aérea energizadas para o tráfego de caminhões híbridos.



Das tecnologias apresentadas na cidade portuária alemã, a primeira a ser anunciada foi a do caminhão leve elétrico e-Delivery, da divisão Volkswagen Caminhões e Ônibus. Ele é o primeiro do tipo desenvolvido no Brasil. Com foco no segmento de VUC (Veículo Urbano de Carga), que possui isenções para circular nos grandes centros, o e-Delivery faz parte da nova geração de caminhões leves da marca no país.

man-etgm Volkswagen anuncia 1,4 bilhão de euros para eletrificação e conectividade em caminhões

Entregando 109 cv e 50,8 kgfm, o Volkswagen e-Delivery tem PBT de 9 ou 11 toneladas e autonomia de 200 km. Além desse caminhão brasileiro, a Volkswagen apresentou a van E-Crafter, que tem motor elétrico de 160 cv e 29,5 kgfm, com baterias de íons de lítio de 43 kWh e autonomia de 160 km. As vendas começam no fim do ano. Em 2022, o ID Buzz surgirá com versão furgão.

Nas demais marcas, a Volkswagen apresentou outras inovações e soluções para o trasporte de carga com baixa emissão de carbono. No caso das estradas eletrificadas, a Scania apresentou o caminhão G360 híbrido, que possui um pantógrafo instalado sobre a cabine, podendo assim se conectar à rede aérea de energia. O veículo, que usa motor diesel e o elétrico quando fora da estrada eletrificada, tem autonomia de 1.000 km.

scania-gavle-1 Volkswagen anuncia 1,4 bilhão de euros para eletrificação e conectividade em caminhões

Quando rodando sob a rede elétrica, o G360 se converte em um veículo 100% elétrico, como um troleibus, embora o conceito de rede/pantógrafo esteja mais de acordo com as linhas de trens elétricos. Ainda assim, o sistema híbrido PGR da Scania já está disponível no modelo P320, que tem autonomia de até 10 km no modo elétrico. Há outro modelo com foco ecológico, o G340, que é movido por gás natural, entregando 340 cv e com autonomia de 1.000 km.

No caso da MAN, o eTGM é um caminhão médio e elétrico com autonomia de 200 km, a mesma do VWCO e-Delivery. A MAN também busca a condução autônoma e assim apresenta o conceito TGX Fellow Truck que, entregando 560 cv e 274,3 kgfm, possui direção, aceleração e freios automáticos, bem como sensores que permitem a guiagem autônoma independente do motorista. Por fim, um ônibus GNV MAN Lion´s City (que já foi testado em São Paulo) com 500 km de autonomia.

[Fonte: Carscoops]

  • Airplane

    Estamos vivendo o começo do fim da era diesel.

  • vicegag

    Apesar que deva ser um acrónimo, colocar o nome RIO em algo bom hoje em dia, não me parece uma decisão das mais acertadas.

  • foraTemerGloboTrumpBrexit

    vai demorar !

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend