China Sedãs Segredos-Flagras

Volkswagen Bora com plataforma MQB é flagrado na China

vw-bora-mqb-china-2 Volkswagen Bora com plataforma MQB é flagrado na China

Embora tenha sido vendido aqui há muitos anos atrás, o Volkswagen Bora continua sua vida comercial na China. Por 16 anos, o sedã médio da marca alemã ostenta a mesma plataforma PQ34 com a qual chegou ao país asiático em 2001. Quarta geração do Jetta, o modelo ficou bastante conhecido por aqui por ostentar um nome diferente e posição abaixo da quinta geração.



Curiosamente, na época, as duas gerações tinham nomes trocados no México, sendo o Bora de quinta geração e o Jetta de quarta. Na China, o modelo assumiu também um papel de ligação entre o clássico Jetta, que por lá era a segunda geração de 1991, e o Sagitar, que era a geração vigente do Jetta. Feito pela FAW-Volkswagen, o produto sofreu alguns facelifts e passou a ser chamado de New Bora.

vw-bora-mqb-china-1 Volkswagen Bora com plataforma MQB é flagrado na China

Agora, o Volkswagen Bora terá enfim uma nova geração. Flagrado com camuflagem pelas ruas da China, o sedã médio já ostenta a plataforma modular MQB. Assim como no restante do mundo, inclusive no Brasil, a estratégia da montadora é aplicar a base para quase todos os seus modelos.

Na China, o “rival” Volkswagen Lavida também deve ganhar a MQB, assim como a dupla popular New Jetta e New Santana, mas estes devem ostentar a MQB A0 ou quem sabe até a MQB A00, base modular simplificada que a Skoda estaria desenvolvendo para o mercado indiano e provavelmente para o sucessor do Gol, anunciado na Argentina.

O Volkswagen Bora com MQB será mais leve e mas não parece ter muito mais espaço interno, perceptível pela porta traseira em tamanho padrão, mas ainda não se sabe se a plataforma terá de fato 2,68 m de entre-eixos (um dos padrões da plataforma da VW). No entanto, nas imagens feitas na China, pode-se notar um porta-malas bem mais proeminente, assim como ocorre no Shanghai-VW Lavida, que usa uma mistura de Octavia com Golf, embora ainda na PQ34.

vw-bora-mqb-china-3 Volkswagen Bora com plataforma MQB é flagrado na China

Isso pode significar um projeto em conjunto entre as duas empresas chinesas e gerenciada pela Volkswagen, assim como aconteceu com as atuais gerações dos sedãs de entrada citados acima. A fusão de Lavida e New Bora deve reduzir ainda mais os custos de produção para as duas empresas e o mesmo pode acontecer com outros produtos da VW na China, pois a MQB não permite grande diferenciação entre modelos de mesma categoria.

Nesse caso, o Volkswagen Bora pode ostentar linhas mais próximas daquelas vistas no New Jetta, como visto na parte frontal do carro flagrado. Num eventual similar da SAIC-VW, o próximo Lavida, apenas alterações na frente e traseira poderão ser acrescentadas com as linhas da empresa – lembrando que a FAW decidiu imprimir cortes nas lentes dos faróis para que seus “VWs” sejam facilmente identificáveis nas ruas.

  • Deadlock

    Passar a plataforma MQB para os chineses é um risco.

    • thi

      ??? Relaxe a vw so usa a Mao de obra , tudo la esta regido pelos os alemaes e inclusive so tem aprovacao qd passa por wolfburg

      • ricmoriah

        inclusive deu briga feia lá quando souberam que a FAW teria tido acesso a certas coisas e repassado para um sedã compacto, mas tudo se resolveu.

        • th!nk.t4nk

          Isso na teoria. Na prática os chineses estão sim absorvendo o know-how das montadoras alemãs. A ideia toda do sistema é justamente essa. Estamos trabalhando com uma perspectiva de lucrarmos na China até meados de 2030, no máximo. Após isso nada é certo, os estrangeiros podem ser chutados pra fora sim. Mas é um risco calculado, pois a lucratividade na China é enorme. É investimento, capitaliza agora, e reinveste na matriz pra garantir diferenciais tecnológicos no futuro.

          • Eduardo Zacchi

            Da mesma forma que podemos ser chutados da China, podemos chutá-la também!!! Não se espante tanto com os chineses!!! Da mesma forma que precisamos deles, eles precisam de nós!!!
            Não estão com essa bola toda não…

  • Bruno Silva

    Que confusão esse mercado chinês kkk. Espero mesmo é pelo Jetta, quero ver no Brasil as configurações e preços.

    • ricmoriah

      é que lá a VW tem que sustentar duas gamas de fabricantes diferentes, elas se sobrepõem, mas ainda assim existe muito fogo amigo entre as partes.

  • zekinha71

    Como pode praticamente o mesmo carro ter meia dúzia de nomes, mais os news.
    imagina a pessoa chega e fala quem tem um sedã VW, o cérebro fica igual as máquinas caça niqueis, rodando aquele monte de imagens até chegar na do carro descrito.

  • Malvino Jose Moreira Junior

    O santana ainda está em linha por lá?

    • Edgar

      Lá existe o New Santana, que não tem nada a ver com o antigo, que era fabricado aqui. O antigo foi praticamente o precursor dos carros na China, e no inicio era enviado do Brasil em CKD. Após a produção completa ser feita lá, ele passou por diversas mudanças/atualizações, inclusive com entre-eixos alongado, o que corrigia o grande defeito desta geração, que era a porta traseira muito pequena e o espaço menor que o esperado para um veiculo medio.

      • Malvino Jose Moreira Junior

        Isso new santana ! Obrigado.

  • Felipe Vieira

    Adoro esses sedãs chineses da Volks.

  • Alexandre Macedo

    O redator adorou o verbo “ostentar”.

  • FocusMan

    Cansado desses carros da VW com a mesma cara….

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend