Elétricos Pickups Volkswagen

Volkswagen considera picape elétrica para competir com Rivian

Volkswagen considera picape elétrica para competir com Rivian

A Volkswagen está de olho nas picapes elétricas. A marca alemã considera esse mercado é interessante, contudo, não irá entrar imediatamente. De acordo com Thomas Ulbrich, do conselho de administração da Volkswagen, disse que a empresa está de olho no desenvolvimento da Rivian.


Sobre uma picape elétrica da Volkswagen, Ulbrich disse: “É uma discussão difícil ter um Amarok ou um carro similar usando a tecnologia BEV. Estamos vendo o que a Rivian está fazendo, porque normalmente é difícil acreditar que um carro como o Amarok, por exemplo, possa ser eletrificado. Mas, no entanto, passo a passo, nossa investigação e pesquisa nos fazem pensar que isso se torna mais possível. Ao tornar essa tecnologia cada vez mais robusta, um carro do tipo Amarok seria o BEV “.

Essa abordagem da Volkswagen parece interessante, uma vez que as características de robustez e arquitetura do produto, não seria drasticamente alteradas. Na China, por exemplo, já existem picapes elétricas baseadas em projetos tradicionais, movidos por gasolina ou diesel.

Volkswagen considera picape elétrica para competir com Rivian

Com a segunda geração sendo feita com base na próxima Ford Ranger, a Amarok teria que contar com uma eletrificação da irmã da marca americana, a fim de compartilhar a tecnologia e reduzir os custos. Por sua parte, a Ford está mais interessada em dispor de uma tecnologia associada com a Rivian.

Ainda não se sabe se produtos como Ranger ou F-150 serão 100% eletrificados nesse modelo sugerido pela Volkswagen, visto que Tesla, Nikola, Lordstown e mesmo a Rivian, baseiam seus projetos em plataformas do tipo skate. Usar chassi de longarinas em um elétrico não é novidade e pode ser viável, contudo, as principais marcas apostam no monobloco. Isso pode ser um sinal de que essa arquitetura será difundida no segmento.

Dentro da Volkswagen, porém, a busca não é tão por ser chassi ou monobloco, mas para evitar um choque direto com o mercado de picapes grandes, como havia sugerido com a Tanoak.

Scott Keogh, chefe da VW nos EUA, disse que a empresa não vai bater de frente com F-150, Silverado e RAM 1500, porque acredita que elas atuam bem no cenário americano e seria difícil oferecer um diferencial nesse mercado. Na visão na VW é que o uso da MEB não é indicado pela marca por ser monobloco.

[Fonte: Autoblog]

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

    Quem somos

    O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por 15 anos. Saiba mais.

    Notícias por email