Audi Ecologia Europa Governamental/Legal

Volkswagen dá incentivos de até 10 mil euros na troca de carros diesel na Alemanha

passat-rodado-1 Volkswagen dá incentivos de até 10 mil euros na troca de carros diesel na Alemanha

A Volkswagen fez um acordo com o governo alemão para conceder incentivos para troca de carros diesel no mercado local. Os descontos visam atrair proprietários de modelos diesel mais antigos para substituir seus carros por equivalentes mais novos, já com o padrão Euro 6 de emissão de poluentes.



Nesse caso, o incentivo chega a € 10.000. A medida é uma forma de retirar das ruas alemãs os carros diesel mais antigos, que emitem mais NOx e CO2. Da mesma forma, a Volkswagen se comprometeu a dar descontos também para troca dos velhos TDI´s por modelos movidos por combustíveis alternativos, entre eles elétricos, híbridos e gás natural. Nestes, os benefícios variam de € 1.000 a € 2.380.

A medida é, no entanto, paliativa, já que se trata de um esforço desesperado por parte da empresa para mudar a opinião política e jurídica alemã, que está cada vez mais inclinada a reduzir a presença do diesel nas grandes cidades. Stuttgart se tornou o centro dessa discussão, que já é debatida também em outras cidades germânicas.

Por enquanto, apenas a Volkswagen se dispôs a incentivar uma renovação de frota. Porém, a medida só é válida até o final do ano, o que não deve gerar um impacto tão significativo no cenário alemão. Mas, ao mesmo tempo em que busca amenizar a situação do combustível no país, o grupo alemão continua alvo das autoridades por conta do Dieselgate.

audi-a7-sportback-30-tdi-competition-1 Volkswagen dá incentivos de até 10 mil euros na troca de carros diesel na Alemanha

Em Munique, que é sede da BMW, as autoridades locais estão pressionando a Audi. O Ministério Público da capital da Baviera, abriu uma investigação para apurar a manipulação de dados de emissão de poluentes em motores diesel do fabricante de Ingolstadt. Se necessário, haverá sanções econômicas e multa de até € 10 milhões. Além de documentos e inspeção de veículos, o MP da Baviera está em busca dos culpados, sendo que o principal suspeito de encobrir o esquema é o presidente da marca, Rupert Stadler.

Ele é suspeito de ter encoberto o uso de software ilegal nos motores diesel vendidos nos EUA. Além disso, pesa a detecção positiva do tal programa de alteração do funcionamento do sistema de controle de gases nos modelos A7 e A8. A Audi teria chamado 24 mil unidades desses modelos para um recall, mas a alegação era de que um software da transmissão estaria provocando o aumento dos níveis de NOx.

O Ministério dos Transportes da Alemanha, no entanto, diz que os Audi A7 e A8 equipados com motores diesel V6 e V8 TDI, emitem o dobro do nível máximo de óxido de nitrogênio quando o volante está esterçado em mais de 15 graus. Os modelos A3 e A4 também estão sendo investigados pelo MP de Munique, totalizando 43 mil unidades.

  • Mr. Car

    Dez mil euros? Aí sim, estamos falando de incentivo, não de esmola, he, he!

    • ObservadorCWB

      Verdade. É um baita incentivo, mesmo em moldes europeus. O que acho engraçado é que aqui do outro lado do Atlântico ainda se houve pérolas do tipo: “É coisa do governo americano para sacanear a Volks…”, “No Brasil não existiu Dieselgate…”, “A mera recalibração do software de gerenciamento resolve…”….os caras se deparam com a própria fabricante reconhecendo o erro, e continuam defendendo.

      • Luciano RC

        E pra mim, aqui você leva o carro e não fazem nada… deixam ele ligado uns 30 min lá dentro enquanto toma café na recepção. Por que no mundo todo reclamaram de perda de desempenho e mudança de consumo, porém aqui não vi uma reclamação.

        • Edson Fernandes

          Se teve gente que sequer quis levar com medo da redução de força e preferiu o carro poluidor…

          • Luciano RC

            Eu não levaria… ficava com o carro do jeito que está.

            • Edson Fernandes

              Então, iria continuar poluindo mais…rs

              • Luciano RC

                Com certeza. E a VW deveria ficar pagando multas por causa disso…. ela que foi safada. O consumidor foi enganado. O correto não é arrumar o carro, é ser reembolsado com juros e danos morais. Eu considero isso um crime, lesou o consumidor.

                Todos os carros deveriam ser recomprados pelo preço de nota fiscal, mais a correção monetária e danos morais.

                • Edson Fernandes

                  Eu concordo contigo. Mas o proprio consumidor também deveria fazer essa queixa (desde que seja o dono do veiculo) sobre isso.

                  Se o cara ficar nessa de que nção vai fazer recall mas tbm não fará nada a respeito, as coisas ficam como estão.

                  • Luciano RC

                    Concordo… por isso eu exigiria a devolução do valor pago. Comprei uma coisa, recebi outra e agora querem maquiar? Errado isso.

                    • Edson Fernandes

                      Concordo, penso igual.

  • Louis

    Passat com farol “simples” dupla parábola? Nem sabia que existia… ficou parecendo um popular.

    • Matheus

      Lá tem também com calotas, bancos em tecido, etc.

    • G.Alonso

      Por isso muitas vezes brasileiro tem a “síndrome de vira latas” atacada, acha que só por aqui tem versões capadas dos modelos. Não querendo te criticar por não saber, ninguém é obrigado a saber, mas, as vezes brasileiro, em geral, fala de diversos assuntos sem saber o mínimo necessário. Política é um exemplo disso.

      • Luciano RC

        Na vdd em todo lugar existe carro com menos equipamentos. A diferença é que lá eles mantem os itens de segurança e tecnologia e tiram os mimos. Aqui acontece o contrario. Pessoal prefere tirar o ESP do que as rodas.

        • G.Alonso

          Por obrigação do governo, principalmente, e do povo eles mantem os itens de segurança. Aqui o governo e o povo não está nem aí.

          • Luciano RC

            Exatamente.

        • Matthew

          Nesse segmento de veículos eu tendo a discordar de você. Acho que é algo mais relacionado ao posicionamento do modelo em cada mercado. Na Alemanha o Passat é um sedã de alto padrão, mas ainda assim de uma marca generalista, meio como um Corolla aqui no Huezil. Já deste lado do Atlântico é posicionado como um modelo de luxo praticamente, com importações limitadas. Assim como o próprio Corolla tem uma série de itens de conforto e conveniência que não estão presentes no modelo norte-americano. Portanto, sua observação ocorre mais no segmento de carros compactos e médios. Nestes importados de padrão internacional não vejo isso ocorrer. Em tempo: eu particularmente gosto muito dessas versões “convencionais” de carros médio-grandes. Me lembra os tempos do Vectra com as versões GL e GLS. Essa política atual de enxugar ao máximo o número de versões, motorizações e transmissões, por um lado é benéfico por tornar os carros mais “completos” desde a base; por outro, perde essa diversidade de versões.

          • Luciano RC

            Você disse exatamente o que eu falei. Que nesses países eles lançam versões menos equipadas de carros de luxo por que o consumidor prefere um carro grande, com segurança e conforto no lugar do mimimi.

    • th!nk.t4nk

      Louis, Passat custa 25 mil na Alemanha. Usado você acha por 10 mil em excelente estado. Dependendo da sua profissão, com 2 meses de salário compra um desses. Então não é que “parece um popular”, é que é popular mesmo :)

  • Igor Pricandi

    Todo acordo da vw com o governo alemão é mai fácil, afinal o governo alemão é acionista da vw. Prevaricou. kkkkkkk. Falando sério, a vw do brasil daria o mesmo incentivo para os proprietários da amarok?

  • Vitor Santos

    É tão bizarra a diferença de um país de quarto mundo como o Brasil, em comparação a países de verdade. Aqui no Brasil, se paga 55mil em carro 1.0 feito de plástico, e o único incentivo que te dão é o suicídio!

    • Jok Jok

      Nao se preoculpe. Logo logo chega mais um imposto para crescer esses 55 mil

  • afonso200

    aqui No BR eles cobram até tapetes

  • Ronaldo M

    Aqui o incentivo é para cima / ($$$ preço)…

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend