Brasil Montadoras/Fábricas Volkswagen

Volkswagen empresta 100 carros e doa 2 mil máscaras contra o Covid-19

Volkswagen empresta 100 carros e doa 2 mil máscaras contra o Covid-19

A Volkswagen também se engajou na campanha contra o Covid-19 no Brasil e decidiu fazer algumas ações para combater a disseminação do vírus no país. A montadora vai doar 2 mil máscaras de proteção para uso dos profissionais de saúde 3M PFF 2 (S) para as cidades onde a empresa possui fábricas.


Esse tipo de máscara descartável não é de uso da rede de saúde, mas de uso interno da Volkswagen em locais fechados para proteção dos funcionários. Assim, a montadora decidiu doar esses EPI´s (Equipamento de Proteção Individual) para as prefeituras de São José dos Pinhais, São Bernardo do Campo, São Carlos e Taubaté.

Em cooperação com a Defesa Civil dessas cidades, a montadora fará a distribuição dos equipamentos. Pablo Di Si, presidente e CEO da Volkswagen América Latina, afirma: “seguimos mobilizando toda a nossa equipe para apoiar uma sociedade no que está ao nosso alcance neste momento para salvar vidas” .

Além das máscaras, a VW também disponibilizou uma frota de 100 veículos para as quatro cidades onde estão suas fábricas no Brasil, mas também para o governo do estado de São Paulo.

O objetivo é que estes carros sejam usados para o transporte de médicos e enfermeiros, materiais e equipamentos de saúde ou em atividades que apoiem no combate ao Covid-19. Nesse caso, Pablo Di Si reforçou: “A liderança da Volkswagen na região segue unida e trabalhando à distância para fazer tudo o que está ao nosso alcance no apoio à comunidade”.

A Volkswagen ainda lançou uma campanha global de combate ao vírus, junto com a Audi, criando uma versão modificada de seu logotipo para conscientização das pessoas para que fiquem em casa durante a pandemia do coronavírus, reduzindo assim o risco de exposição.

Tanto no Brasil quanto na Argentina, a VW segue com a produção suspensa e os funcionários em férias coletivas. Atividades administrativas estão sendo feitas remotamente, em casa.

 

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Fabio Marquez

    Confesso que depois do que aconteceu na televisão ontem, havia perdido as esperanças no combate a propagação do vírus… Mas vejo que tem gente engajada na campanha de prevenção. Espero que logo a situação volte ao normal, sem que tenhamos muitas vitimas.

    • Pode ficar tranquilo. A Coreia do Sul adotou o isolamento vertical e testes em massa na população e o surto ficou totalmente sob controle. Em breve milhões de brasileiros farão esse teste também. Não se iluda com o alarmismo da mídia e de alguns governadores. Eles querem arrebentar com a economia para derrubar o presidente. E isso não acontece só no Brasil.

      • Jhon

        Haja teoria da conspiração! O cenário onde a economia é mais afetada é onde desdenham das medidas de isolamento e por consequência o contágio aumenta, o sistema de saúde entra em colapso e se tem de tomar medidas mais drásticas de confinamento, maiores do que as anteriores que foram ditas exageradas num primeiro momento. É nesse cenário onde teremos os maiores prejuízos na economia, basta raciocinar um pouco e ver os exemplos que temos pelo mundo para chegar a essa conclusão.

        • . Raciocinando: “Conspiração” = conluio ou trama em segredo para prejudicar algo ou alguém.

          . Em graves dificuldades financeiras, os grupos Globo e Band fecham parceria com uma gigante de mídia chinesa, a estatal China Media Group, conhecida como a máquina de propaganda do Partido Comunista da China, para cooperação mútua em “diversos âmbitos”, inclusive tecnológico (Huawei). (2019)

          . João Dória, que desde que iniciou o seu mandato de governador de São Paulo está em franca campanha para a corrida presidencial em 2022, viaja à China e abre um escritório em Xangai, também para cooperação em “diversos âmbitos”, inclusive tecnológico (Huawei). (2019)

          . Rodrigo Maia, “primeiro ministro do Brasil”, esteve recentemente na Espanha reunido com o PSOE (Partido Socialista Operário Espanhol), o partido de extrema-esquerda que governa aquele país, para tratar de diversos assuntos, como a implantação do parlamentarismo.

          . Rodrigo Maia, “primeiro ministro do Brasil”, agora na qualidade de office-boy do Partido Comunista da China, em subserviência exemplar aos ditadores do partidão, pede desculpas ao seu chefe Xi Jinping pelas falas de Eduardo Bolsonaro, quando este ousou falar a verdade sobre o coronavírus.

          . A histeria e o pânico social promovido pela mídia mainstream e diversas entidades oficiais e “autoridades” em torno do coronavírus no mundo levam ao confinamento em massa de milhões de cidadãos, paralisando economias, derretendo o mercado financeiro global e gerando mais incertezas. Países como o Brasil e EUA, que, por acidente de percurso, acabaram saindo do controle político do “sistema estabelecido”, sentem fortemente o impacto econômico.

          . A abrupta queda da economia, que pode levar dezenas de milhões de cidadãos ao desemprego no mundo todo, torna-se a principal arma do “sistema estabelecido” para desgastar a imagem de presidentes indesejados, tanto no Brasil, que estava em recuperação econômica, como nos EUA, que comemorava a taxa de desemprego mais baixa da história.

          . Em meio à baixa do preços das ações, empresas ocidentais começam a ser adquiridas por fundos e gigantes chineses. Em pleno pânico do coronavírus e aproveitando-se da forte queda do real nos últimos meses, uma empresa chinesa (DKBA) acaba de comprar uma comercializadora de grãos e insumos agrícolas de Londrina (Belagrícola), já tendo outra no radar.

          • Jhon

            Então o coronavírus foi uma trama da globo e da band com o partido comunista chinês pra derrubar o bolsonaro?

            • LL

              Foi, disseram que Deus está envolvido nessa mamata.

            • Não. Mas, no Brasil está sendo usado para tal e para os chineses comprarem muitos ativos por aqui pagando muito menos do que deveriam.

          • Só não te esquece que a China é nosso maior parceiro comercial, e é no capitalismo que não se olha o origem do dinheiro de quem nos paga (ou vc acha que a Ferrari quer proibir ditadores de comprar seus carros? ). Na situação econômica atual ter a China como inimigo só piora, aliás as falas dos Bolsonaros só pioram.

            • Não, não me esqueci. Se o Bolsonaro cair, entrará um totalmente alinhado com os interesses de quem o derrubaram.

          • Paulo Lustosa

            Agora não é hora pra politicagem.

            • O coronavírus está sendo tratado como politicagem, meu caro. Você ainda não percebeu.

          • Leo

            E o decreto do Dória pro SAMU? Aquilo é um absurdo! Ninguém tá falando disso.

            • É algo parecido com o que está sendo feito na Itália.

      • Tosca16

        Ninguém fala que lá fizeram testes em massa. Porque será?

        • Edson Fernandes

          Pois é…. e aqui no Brasil a midia totalmente mentirosa tbm já abordou que o Brasil não está fazendo mais testes de corona.

          Diante disso, como se mostra tão evidente a ascensão do virus? Melhor: É como nas escolhas… progressao continuada… ninguem sabe pq não temos muito mais pessoas inteligentes, já que não há indice de repetencia…. mas para o virus? Esse pode ficar escondido… afinal apenas isolamento vertical resolvem-se as coisas.

          • Alan Souza

            Testes estão sendo feitos, e alguns até importados. Nosso sistema laboratorial está trabalhando no limite.
            Em virtude disso, há um delay de alguns dias entre a coleta do material e a confirmação do caso.

      • LL

        Governadores, Midia, Deus…todos querem derrubar o Presidente hahahaha

        • Tirando Deus, com certeza todos querem derrubá-lo. Ou você acha que não?

      • Paulo Lustosa

        Não compare a educação do povo sul coreano com a educação do brasileiro, que é totalmente diferente. Lá qualquer medida que for estudada, o povo obedece porque é inteligente. Aqui não.

        • Não é questão de educação ou grau de escolaridade. Se a sua afirmação fosse correta, a quarentena imposta no Brasil seria completamente desrespeitada pela população.

          • Paulo Lustosa

            E é desrespeitada por boa parte da população em certos lugares por falta de fiscalização.

  • Marcus Vinicius

    Podia ter emprestar também alguns caminhões !

    • Tosca16

      Não entendo as operações mas parece que aqui é a MAN a responsável pelas marcas MAN e VW Caminhões.

  • mariostefa

    Parabéns VW

  • Leonardo

    Parabéns VW, pelo menos não é igual uns artistas ou esportistas hipócritas que só ficam nas palminhas.

  • Paulo

    2000 máscaras, está certo isso? Apple vai doar 10milhões de máscaras

    • th!nk.t4nk

      Máscaras que a VW tem em estoque. Já a Apple ainda vai fabricar essas máscaras, em fornecedores lá na China.

  • Tosca16

    Claro que as empresa querem ajudar… mas não foi nenhuma surpresa que a VW lance seu pacote de medidas de ajuda após a GM falar que consertaria aparelhos de ventilação.

    • LL

      Melhor que nada vai…rs

  • zekinha71

    Que boazinha, depois de ter f***do o pulmão de milhões de pessoas com o Dieselgate, agora quer ajudar.

  • Henrique12

    VW quer salvar a população brasileira, quem ela vai assaltar depois e desovar seus produtos duvidosos?

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email