*Destaque Hatches Mercado Volkswagen

Volkswagen Fox não será descontinuado com a chegada do Polo no Brasil

Volkswagen-Polo-2018-flagra-limpo-1 Volkswagen Fox não será descontinuado com a chegada do Polo no Brasil

O novo Volkswagen Polo será um dos próximos lançamentos da marca alemã neste ano no Brasil. Todavia, ao contrário do que muitos especulavam, o carro não vai substituir o atual Gol, tampouco o Fox. Os dois hatches compactos atuais vão seguir sendo oferecidos no País, sendo que o novo Polo chega para ocupar a lacuna existente entre o Fox e o Golf.



A Volkswagen ainda planeja sua nova linha de hatches, que atualmente conta com o Gol, up!, Fox e Golf, com preços iniciais que variam de R$ 36,6 mil a R$ 77,2 mil. “Vai ser um bom desafio [organizar os modelos]”, brincou Gustavo Schmidt, vice-presidente de vendas da Volkswagen.

“Todos os hatches seguem. O Gol tem o apelo da robustez. O Up! tem uma pegada mais tecnológica, jovem. E o Fox vende pela posição de dirigir mais alta, que atrai um público mais feminino”, revelou o executivo. Logo, o Polo será introduzido na linha como um compacto mais sofisticado, tecnológico e moderno, algo que o Fox não consegue entregar mesmo com os diversos equipamentos oferecidos.

Volkswagen-Polo-2018-flagra-limpo-2 Volkswagen Fox não será descontinuado com a chegada do Polo no Brasil

Para posicionar os cinco modelos na linha, a Volkswagen terá que reduzir o número de versões. Atualmente, são 337 configurações, sendo que a ideia é atingir 93. No caso do Fox, são 11 versões disponíveis, com preços entre R$ 46,9 mil e R$ 80 mil (neste caso com todos os opcionais, como teto solar, controles de estabilidade e tração e sensores de luz e chuva).

Logo, é bastante provável que o Volkswagen Fox deixe de ser oferecido em versões mais completas, para abrir um espaço ainda maior para o Polo.

A expectativa é que o novo Volkswagen Polo seja oferecido com motores 1.6 16V de 120 cv e 1.0 TSI também de 120 cv, com câmbio manual ou automático Tiptronic. Os preços deverão variar entre R$ 55 mil e R$ 80 mil.

vw-move-up-2018-apresentação-NA-14 Volkswagen Fox não será descontinuado com a chegada do Polo no Brasil

Percebeu que no segundo parágrafo o Gol foi posicionado antes do up!. Pois bem, é assim que o subcompacto vai ficar na linha da Volkswagen. A gama 2018 do carrinho chega para reposiciona-lo para o “segmento de compactos premium”, ainda segundo Schmidt. “Por tamanho, concorre com versões mais caras do Mobi. Mas também pega Chevrolet Onix, Hyundai HB20, Toyota Etios e Nissan March”, disse ele.

Mas ainda assim, 60% das vendas do up! deverão ser representadas pelas variantes mais em conta da linha, a take up! e a move up!. Fora que Onix, HB20, Etios e March não são compactos premium.

[Fonte: G1 Carros]

Leia avaliações, notícias sobre carros e compare modelos em NoticiasAutomotivas.com.br.

  • Alexandre

    Que lacuna que a VW tá vendo? Me ajuda ae Volks, não tem lacuna nenhuma nesses preços estratosféricos. Tô até vendo uma versão do Polo: FULL MEGA POWER BLASTER iMOTION 1.4TSi SKY DOME pelo preço de Passat Variant.

    • Difícil. O Polo antigo já não conseguiu se embrenhar com clareza no line-up da VW. É aquela velha história: fazer tudo do mesmo jeito e esperar um resultado diferente não é muito inteligente.

      • vicegag

        Um ótimo carro, não entendi o motivo de não ter dado tão bem aqui.

        • Artur

          Preço?

        • Alexandre Hol

          É porque brasileiro ACHA que entende de carro. Tive 2 Polos e foi só elogio, tanto é que outros amigos e familiares compraram Polo depois que andaram no meu.

          • André Luis Versiani

            Tenho amigos que tem e tiveram e só elogiam este Polo 1.6, carro anda bem e é econômico.Nunca ouvi falar de dor de cabeça com eles.

          • Anderson Freitas

            Preço!

            Quando comprei meu New Fiesta SE 1.5 em 2014, eu queria um Polo, que era quase 5mil mais caro e estava saindo de linha.

          • Matheus

            Exato. Polo foi sim um carro bem feito, baseado no golf. Pessoal não conhece, nunca andou e acha que é o mesmo que um fiesta/Palio/Siena/corsa da época. Sem comparação.

        • Eu mesmo tive 4 deles em casa. Excepcional. Um compacto com requinte e dirigibilidade de carro médio. Tivesse ele acabamento soft-touch no painel, nada deveria para qualquer sedã médio do mercado atual.
          Mas o motivo do relativo fracasso (o Polo nunca vendeu o que a VW esperava, mas sempre teve vendas significativas) é óbvio: a montadora teve extrema dificuldade de estabelecer em qual nicho o modelo operava em seu line-up. Chegou como o Fox, dizendo-se substituto do Gol. Mas veio com preço próximo aos modelos médios, apesar de compacto. Os preços das versões de intermediária para top estabeleciam concorrência com Golf e Bora. Ficou difícil de convencer o comprador médio, que mais se apega ao Status do produto do que à suas qualidades técnicas propriamente ditas. Como Cobalt, Logan, Siena e outros provaram, o mercado pede por modelos maiores e com menos requinte construtivo, e não como o Polo, com características técnicas de nível superior embaladas em uma carroceria de pequenas dimensões.

          • Edson Fernandes

            Sabe outro ponto que a VW fez com que o Polo parecesse algo que ele nunca foi? Desatualizado.

            Enquanto Gol ganhava nova geração e Fox diversos facelifts, o Polo ficava ali, com seu desenho praticamente sem alterações. Para o consumidor leigo, é querer vender carro “sem modernidade” porque pararam no tempo no que tange ao desenho do produto.

            Pra mim me chama atenção nõa existir uma versão 1.4 TSI desse em nosso mercado. Para mim o line up daria para ter 1.6, 1.0 tsi e 1.4 tsi. Sobre a questão do Polo, enxergo ele e o C3 nesse nicho e atualmente enxergo o 208 em materia de construção e esmero no acabamento(não falo do material escolhido mas no visual já que os compactos não tem um material macio ao toque quase sempre)

            • Não sei… em 2007 a atualização feita no design do Polo foi muito boa e mexeu de verdade com a identidade do carro. Até 2014 muito tempo se passou, deixando-o mesmo com ares de desatualizado nos últimos anos de venda do modelo.
              Mas a verdade é que mesmo em seu lançamento ou após a (boa) atualização de 2007, o Polo nunca teve nas vendas o seu forte. Sempre ali na casa dos 2.000 a 3.000 veículos/mês (somadas as carrocerias sedã e hatch), nunca chegou a ser um sucesso de vendas. Mais no fim de sua vida, com preços já mais amenos, ele conseguiu ir mantendo a média próxima aos 2.000 veículos/mês. Acho que a questão estava mesmo na faixa de preços praticadas pela VW para o modelo, elevada para um compacto, a despeito de que na maior parte de sua vida o Polo sempre foi bem equipado e possuiu padrão de construção e comportamento dinâmico diferenciados.
              Interessante notar que o sedã sempre teve vendas melhores que o hatch, algo que não é muito comum para compactos.

              • Edson Fernandes

                Então, só que a VW não continuou maquiando o carro. Isso fez com que o consumidor achasse que um Gol fosse mais mjoderno que o bom Polo.

                Pra mim até hoje penso que ao invés da VW concentrar caracteristicas de inivação de plataforma para seguir um line up global, ela poderia esmiuçar muito ainda a PQ24/PQ25 e PQ35. Essas plataformas também possuem adaptações e curiosamente atendem com folga nosso mercado.

                Não entendo essa ansia maluca por ter tudo modernizado (e cobrar por isso) sendo que poderiam ter menos gana nos investimentos mas terem carros mais concorrentes aos seus pares.

                Esse novo Polo pelo que é sugerido, virá carissimo e pra mim, a VW ficou numa sinuca de bico: Ou oferta o motor 1.6 aspirado e 1.0 TSI ou só oferta um motor. O motor 1.4 virou artigo de luxo e poderiam estender criando variantes como na Europa para aproveitar o consumidor que iria se sentir agraciado pelo motro mais forte.

                Talvez seja o Polo voltar a ter uma versão GT com o motor 1.4.

                • Eu pensaria em versões mais básicas com o 1.6 16v, as intermediárias com o 1.0 TSI e a esportiva com o 1.4 TSI, já com preços beirando os 100 mil. Mais que isso seria só para servir de marketing, ninguém compraria.

                  • Edson Fernandes

                    O problema é… como fazer o publico aceitar pagar num compacto de uma marca generalista esse valor? Tanto que Punto e até o Bravo sofreram com suas versões turbinadas.

                    O Golf agora mostra que está sofrendo devido ao preço. Acho que a VW ficou com um abacaxi enorme nas mãos.

                    • Sem dúvidas vai ser difícil vender o Polo, em especial porque ele é muito parecido esteticamente com o Gol que já temos aqui. Se já era complicado antes, quando tinha um visual até bem diferente do restante da linha, imagine agora…

        • Luis Burro

          Preço e desenho.Com frente de Classe E acho q não empolgava ngm!

      • Matheus

        Somente pelo preço. Ele iniciou o segmento de compactos premium, mas cobrou esse preço. Apesar disso, como pode ver a avaliação de quase todos os donos do carro são de elogios… poderia ter sido um sucesso… Mas a VW…

    • Mauro Moraes

      Eles jamais admitem a morte de um modelo. Porém, esse novo Polo, deverá trucidar o Fox e até as versões de entrada do cansado Golf nacional. Mais moderno, deverá mexer até com as versões mais caras do Gol e do natimorto up!.

      • oscar.fr

        É que você está considerando que o Polo vai mexer com o mercado, mas talvez não seja bem isso que acontece. Vide o Up, que a VW está tendo que reposicionar para contornar o fracasso comercial. Se o Polo vender muito e se os concessionários começarem a se entupir de Up e Fox (e mesmo Golf 1.6) a VW irá tornar estes modelos mais competitivos e, assim, tirar a competitividade do Polo. O Polo é um carro que pode ser prejudicada pela gama confuda da VW.

    • Vitor Barcellos

      Talvez a VW abra mão das versões mais ”baratas” do Golf… e assim oferecer só as mais completas, assim como a Chevrolet faz com o Cruze.

      • V12aero

        Eu acho, que vai acontecer isso mesmo que você falou, Golf só o mais completo e o o Polo fica com as outras versões.

        • Edson Fernandes

          E assim já aproveita e mata seu hatch médio do mercado para oferecer um altinho compacto no lugar.

          • O mercado nacional nunca deu muito espaço para os chamados “compactos Premium”. A GM com o Sonic, a VW com o Polo, dentre outros, são bons exemplos.
            O que se chama atualmente de “compacto premium” não faz jus ao Polo: são os compactos básicos com mais equipamento, com mesmo padrão construtivo das versões de entrada.
            Na época do Polo mesmo a concorrência o atacou com essa linha de atuação. O Corsa Premium era um exemplo disso: as versões top de linha batiam em preço com o Polo. Nos comparativos o VW sempre levava a melhor disparado. O Polo foi a vedete da mídia automotiva por muito tempo. Apesar de seu nível de vendas sempre comedido, entre os jornalistas automotivos ele sempre foi sucesso de crítica, mais ou menos na linha do que ocorria com o Jetta de 5ª geração.

  • Cidadão

    O Golf vai ficar mais caro ainda. É sério que vão oferecer duas motorizações com a mesma potência no Polo?

    • Verdades sobre o mercado

      Claro com tanta gente desinformada sobre motores turbo tem que ter o aspirado para quem é “das antigas”

      • Artur

        A questão é: será que vão utilizar uma versão “intermediária” do TSI? Porque o do Up! gera 101/105cv e o do Golf 116/125cv, e a matéria fala em uma versão com 120cv…

  • Danilo Figueira

    uma pena…. fox nada mais eh uma verdadeira enganação da VW pra vender um Gol mais “altinho” e mais caro.

    • DiMais

      Fox nasceu para ser o novo Gol, não foi.. up deveria matar o Gol, não foi… Polo é o Gol para os europeus, aqui não foi!

      • Rbs

        Isso é Dimais pra minha cabeça.

    • th!nk.t4nk

      Nah, o Fox é um produto superior ao Gol, como um todo. E nem custa TANTO a mais assim, considerando tudo. Na realidade mesmo sempre fez mais sentido descontinuar o Gol e manter o Fox, mas o brasileiro sempre preferiu o visual “me engana que eu gosto” do Gol, em relação à racionalidade do Fox. Idem para o Up, seria outro bom sucessor para o Gol, mas caiu no mesmo caso. O brasileiro não é racional o suficiente pra ver as qualidades do carro antes do seu design, essa é a realidade.

      • Netovsk

        A ideia inicial do Fox era ser mais barato que o Gol, mas em clínicas com consumidores ficava a impressão de que seria um carro mais caro.

      • Anderson Freitas

        Nem vem!

        Fox foi lançado como carro de entrada!, popular. Lembro bem disso.

        Depois que foram incrementando e principalmente subindo preço pra reposicionar ele acima do Gol.

      • Carlos Vinicius Amadeo Rosin

        Concordo Amigo. Minha esposa tem um Fox G2 2010 e o carro é bem melhor em muitos aspectos frente ao Gol…começando pela posição de dirigir de carro superior..

  • Hadson Nobre

    “O Up! tem uma pegada mais tecnológica, jovem.” Impossível não rir com essa kkkk

    • MauroRF

      KKKKKKKK, essa foi dose. Pelo menos, nessses devaneios todos da VW, ela está posicionando o Gol no lugar certo, ao contrário da Fiat, que colocou o Uno em um patamar que não cabe.

      • oscar.fr

        Mas, na prática, Gol e Uno não acabam tendo valores parecidos?

    • Ducar Carros

      Quer câmbio mais tecnológico que o I-motion? rs

      • Guilherme Fleury Borges

        Quer mais tecnologia que o um dos melhores motores já feitos no Brasil? O excelente 1.0 TSI!

    • Guilherme Fleury Borges

      Qual a graça?

    • Edson Fernandes

      Como o cara vai questionar sobre os carros? nem o cara sabe…rs

  • MauroRF

    A VW não muda. O mercado não vai “comportar” tudo isso. É a mesma coisa que foi na GM, o mercado foi escolhendo, escolhendo e Celta e Agile pularam fora por baixas vendas. Até o Classic teve poucas vendas antes de sair de linha. Desse trem da alegria todo aí da VW, alguém vai dançar. Eu chuto que o Fox é o que sofrerá mais.

    • MMM

      Eu acho que eles devem saber disso mas vao deixar ocorrer naturalmente.

      • MauroRF

        Sim, eles vão pagar para ver. Tipo, solta a galera no mercado e vamos ver o que ele escolhe. É um risco que correm.

        • MMM

          Eu acho que eles correriam um risco maior de tirar o carro errado do Line up. Imagina tira o Fox mas o povo não compra o Polo?

          • MauroRF

            Exatamente! Por isso que eu acho que eles vão deixar correr solto e ver quem o mercado vai escolher e quem não vai. Vai que de repente escolhem um pouco de cada. O certo é que o Polo tem seu público cativo, todos que tiveram ou têm um só o elogiam, acho que ele vai pegar sim. o New Fiesta vai ter que segui-lo em equipamentos e preços ou ainda oferecer mais por menos que ele, prevejo que o Polo será o benchmark da categoria. Agora é no andar de baixo que a coisa vai pegar para a VW. Eu acho que o Gol, com esse posicionamento, não corre grandes riscos, é um nome consagrado, no interior do país vende bem pela fama e pelo número de concessionárias, tem a fama de robustez etc. Resta saber a relação up! e Fox, como ficarão. Ainda aposto as fichas na queda do Fox. Ele não fará mais sentido. Acho que uma versão Confortline do Polo, com motor 1.6 16V e preço razoável e razoavelmente bem equipado, tipo o Fiesta SE de entrada, vai suprir essa faixa do Fox. Se vier um Polo desses por uns 55k, 57k, seria melhor para o mercado e poderia matar o Fox sem problemas. O problema é a VW, vindo dela, tudo pode ser uma surpresa, especialmente o preço.

            • oscar.fr

              Muito, mas muito mesmo, cedo para dizer que o Polo tem chances de ser o melhor da categoria. É preciso mais cautela, sobretudo, em função do preço, pois me parece bastante possível que com tanto compacto que precisará ser acomodado na gama a VW adotará uma proposta comercial menos vantajosa no Polo (mais caro que 208 e Fiesta, possivelmente, pois versões mais acessíveis não fariam sentido em função da permanência do Fox). No mais, também discordo do Polo ser essa fonte toda de elogios e clientes que andavam de Polo em 2003, 5, 6.. já devem estar hoje em categorias superiores (ele já era um carro caríssimo à época, tirando a ridícula versão 1.0). O carro está muito tempo longe do nosso mercado e envelheceu mal, a VW vai precisar sambar muito para introduzir um novo Polo ao mesmo tempo que mantem o Fox.

              • Andre L W

                Quanto ao Polo antigo, é uma verdade que era um bom carro e mais verdade sobre o preço elevado. Lembro até que algumas revistas chegaram a fazer testes comparando o Polo sedã com Corolla e outros médios, apesar do porte já menor na época.

                • Matheus

                  Menor, porém em alguns itens o polo era melhor que os médios dá época. Inclusive em segurança.

              • Ernesto

                Falando somente da sua discordância quanto ao Polo ser essa fonte toda de elogios, leia os comentários dessa matéria, de pessoas que tiveram um Polo (ou mais; no caso do Ubaldir, foram 4!).
                Eu tive um sedam, 2004, comfortline. E, em coro com o que o pessoal comentou, também tenho só elogios.
                Vamos ver como esse novo virá e, principalmente, como será o preço de uma versão automática. Talvez troque o carro da minha mulher por um desses.

                • Matheus

                  Nós temos um a 8 anos na família. Era do meu irmão e há 3 anos é meu. Um Comfortline completo, excelente automóvel. Não bate nada. Delicioso de dirigir, econômico e ágil. É um carro digno, gosto muito.

              • Matheus

                Tenho um na família a 8 anos e posso dizer que sim, o carro é muito bom, e merece elogios. Não dá problema. Anda bem e é econômico. Espaço e porta malas bons. Tirou 4 estrelas no crash test. Mesmo que Corolla e mais que Bora. É gostoso de dirigir e de conviver, cheio de porta trecos e utilidades. Não bate nada, acabamento de nível superior (e não só design). E a lista de equipamentos é muito boa. O modelo antigo é melhor que esses modelos moderninhos 0 km, na época ele já foi referência em qualidade construtiva. E quanto ao preço, a VW explorou, porém a fama do polo quanto a durabilidade se remete a que o Corolla desenvolveu. Porém, bem mais gostoso de dirigir.

                • oscar.fr

                  Na minha família dois familiares tiveram e o carro não foi esse espetáculo todo de durabilidade. Peças caras e a rede VW despreparada para tratar de um carro “premium”. Nessa mesma época, ainda tínhamos VW, um Santana comprado zero em 2005, (meu pai um grande fã) e a rede tinha um atendimento muito ruim, muito amadorismo. Tenho certeza que evoluiu bastante, mas sempre ficarei com o pé atrás de pegar um carro premium numa marca como VW, cujas vendas predominam o carro básico, ainda mais na região metropolitana de Porto Alegre, bastante pobrinha (talvez na capital o negócio seja diferente). Agora, o Polo era de fato lindo (o sedan um pouco menos), acredito que o teu já deva ser o reestilizado (me corrija se meus cálculos não fecharem haha), eu achava um charme o primeiro, com faróis à la Classe E (meus familiares tiveram o dessa safra, um 1.0 e o outro 1.6 ou 2.0). Bom saber que o acabamento dura bastante, isso é difícil de solucionar com o tempo, o resto é manutenção e é da vida (acontece). Se precisar de um carro mais velinho, eu pensaria com carinho num Polo, assim como num 307 ou Scénic.

                  • Matheus

                    Estranho, acredito que tenha sido muito mais a concessionária o problema no seu caso do que o carro em si. Realmente, com o nosso não tivemos problemas de peças caras, as peças que tivemos que substituir eram apenas as normais de uso como em qualquer carro. Tenho diversos conhecidos que tiveram o carro e só elogiam quanto a durabilidade.

                    • oscar.fr

                      Os problemas foram mecânicos no 1.0 (tradicional problema de homocinética nos VW) e no 1.6 era mais o mal atendimento das CSS. Depois desses Polo, os meus parentes foram para franceses e japoneses. Nós aqui em casa trocamos VW por franceses. So far so good. COncessionárias VW daqui são um lixo (das marcas tradicionais, aliás, só Chevrolet salva. Toyota e Honda são boas, mas é carro com preço de luxo. Estamos mais satisfeitos com o atendimento de Renault e Peugeot que VW. O dia que a VW parar de empurrar Fox como carro premium e SpaceFox como concorrente de 2008 talvez retornemos à casa). Via longa ao Polo.

            • Andre L W

              Eu já acho q a VW está pensando assim ao manter todos:
              – Gol: na base, brigando com Onix Joy, versões baratas de HB20, Ka, March, Sandero básicos;
              – Up: elevado a premium (exceto o basicão), tentando clientes “modernosos” (estilo Fiat 500);
              – Fox: visa a atacar versões de Onix, HB20 mais caros, 208, versões mais caras de Sandero, Etios, Fiesta;
              – Polo: concorre com Fit (especialmente), Fiesta tops e 208 mais caros, além de alguns médios (308, Focus 1.6, Golf 1.6, etc).
              Mas acho essa estratégia arriscada, pois (nem sempre dá certo no BR. Lembro que a GM tinha um monte (Celta, Agile, Sonic e Corsa – este substituído pelo Onix) e vendia pouco, matou todos em favor do Onix e alcançou o topo das vendas. Acho q o carro mais vendido sempre aparece (fora que facilita a compra, não há brigas internas que dificultam a escolha).

              • Ducar Carros

                Concordo com quase tudo, menos que o Polo concorrerá com os médios. Ele terá cerca de 4,05m de comprimento, os médios são cerca de 4,3m, fora largura, pode competir sim com o Golf 1.0, que deve sair do mercado. O Golf 1.6 já saiu, não está sendo mais fabricado, estão vendendo o que tem no estoque.

                Será que o Polo vai ter o inédito câmbio automático com o motor 1.0 TSI?

                • Andre L W

                  Olhando só medidas externas concordo com você. Mas esse Polo terá um porta-malas relativamente grande (dizem 350l, seria maior q Golf, Focus e até q Cruze HB) e dizem q espaço interno tb eh bom. Uma versão topo do Polo no preço dos médios básicos (Focus 1.6 p ex) pode roubar compradores destes. Tb acho q Golf 1.6 some e o 1.0TSi ou some ou sobe pra além de 85mil.

                  • Ducar Carros

                    Se tiver este porta-malas todo (incluindo o pneu), terá um interior muito apertado quando comparado aos médios.

                    Mantendo o histórico da VW, o preço da versão topo do Polo com certeza vai pegar os médios intermediários (ou básicos com vários opcionais; vai passar o Golf 1.0, por isso que ele deve acabar).

                    • Andre L W

                      Pois é. Teremos de aguardar. Quanto a Golf 1.0 (e tb o 1.6) os aumentos foram proporcionalmente bem menores q as demais versões do Golf no mesmo período. Acho q seguraram o preço pra evitar perda de mercado. P isso pode sair de linha ou aumentar substancialmente com a chegada do Polo.

              • Brasil_MG

                Se eu fosse comprar um Fit, aguardaria mais um pouco até a chegada do Polo

            • MMM

              Concordo em tudo. Minha esposa teve um Fox e era muito bom, mas o carro sempre me incomodou em alguns aspectos, como a posição de dirigir, q nesse ponto concordo com o cara da VW que agrada o público feminino. De qqr maneira acho q se o Polo vier a um preço razoável, o Fox sobe no telhado.

      • DiMais

        se falar que o Fox não terá uma nova geração (por conta de um possível crossover) ele vai acabar desabando nas vendas, o jeito é falar que ele permanece para não encalhar nas lojas e desvalorizar.

    • oscar.fr

      Eu tô achando que quem vai mais sofrer é o novo lançamento, assim como o Up. Como escrevi acima, VW está tendo que reposicionar o Up para contornar o fracasso comercial. Se o Polo vender muito e se os concessionários começarem a se entupir de Up e Fox (e mesmo Golf 1.6) a VW irá tornar estes modelos mais competitivos e, assim, tirar a competitividade do Polo. O Polo é um carro que pode ser prejudicado pela gama confuda da VW. Penso isso, pois o cliente de Fox não é, necessariamente, o mesmo de 208, Fiesta, C3 e Fit, que serão os concorrentes do Polo.

    • Guedes

      E o Golf, não sofrerá com o Polo não? se o Polo vier “completinho”, quem vai querer pagar o absurdo que pedem no Golf?

    • Brasil_MG

      O projeto do Fox já está pago, mantê-lo em produção não custará muito a VW. E ainda é um carro que atende bem a quem gosta de dirigir em uma posição mais elevada.

  • Marcos

    E se for tirar jamais iriam declarar! O carro ainda vende bem, mas acredito que sairá de linha sim!

  • Gran RS 78

    Está na cara que o Fox não vai aguentar o fogo amigo do Polo, que é muito mais moderno que ele. Será questão de tempo para o Fox sair de linha.

    • G.Alonso

      Só que, pode ocorrer o contrário também, pois o Fox tem versão 1.0 na casa dos 40 nas concessionárias, enquanto o Polo ficará na casa dos 50 (altos), 60 e 70. Nada está na cara.

      • Guedes

        Pois é. O GRAN RS esqueceu dos preços. POLO pode ser P da galáxias, mas vai ser caro, fato. Isso pode ser um tiro no pe´.

  • Galeno Faria de Oliveira

    Simples: Na hipótese de a VW oferecer o Polo por um preço próximo ao do Fox, o Polo vai empurrar o Fox para a sepultura sem dó e piedade. A não ser que a VW ofereça, sem acréscimo, um tratamento psiquiátrico para o consumidor que insistir em levar um Fox por um preço próximo ao Polo. Obs.: A maioria das montadoras não gostam de falar que vão tirar um carro de linha, pois isso atrapalha as vendas. O Fox só existe no Brasil e talvez alguns países da América Latina e provém de um projeto já bem antigo. O próximo Polo promete ser bem espaçoso, seguro, recheado de equipamentos. Então…………………………………..

    • MauroRF

      Veja meus comentários abaixo, estou batendo nessa tecla. Não vejo vida para ele. Mas se ela fala agora que ele vai sair de linha, ah, as vendas despencarão antes da chegada do Polo. Basta a VW fazer um Polo Confortline nos moldes do Fiesta SE de entrada que vai atender esse público do Fox.

      • RODRIGO

        teve a noticia que ele vai ser reestilizado de novo e ganhará cambio tiptronic! (fox)

      • Alexandre Hol

        Isso ai.

    • Fernando Sampaio

      Não sei, rapaz!
      Chuto que esse polo vai chegar acima dos 55 mil, na versão basicona (dessa forma, o pessoal iria para as versões completas do Fox Highline – que hoje beiram os 59 mil)… E nas versões completas, chuto valores próximos dos 80 mil – vide SpaceFox, que na versão Highline chega a 83 mil, sem incluir opcionais. Dessa forma, em preço de tabela, superior ao Golf 1.0 na versão básica de 77 mil.
      Completão (com opcionais)? Pode apostar, sem dó, 90 mil.
      É uma estratégia ambiciosa demais para um veículo desse porte, basta dizer que nem o Golf está vendendo lá essas coisas! Além de que, o seguimento de hatchs compactos premium nunca esteve tão fraco em venda.

      • Fernando Sampaio

        Só para completar, acredito que o Fox entrará na onda da redução de versões, como ocorreu agora com o Up! que foi reestilizado.
        Falando nisso, o próprio Up! reestilizado, na versão highline já custa 57 mil (podendo chegar a 61 mil)… Fico besta com os preços dos carros do povo da VW…

    • DiMais

      a VW mantém ele como uma minivan até que coloque um SUV ou crossover no seu line-up.. mesma coisa a Fiat fez requentando Weekend, Idea e Doblò apenas para não abandonar de vez o mercado que eles ainda possuíam.

    • Alexandre Hol

      Exatamente

  • Luiz Ramos Jr.

    Espero que tenha versões com os mesmos acessórios oferecidos no Golf. Se tiver com preços razoáveis é um forte concorrente a entrar em minha garagem. O preço dos médios estão proibitivos e inacessíveis.

  • Bruno Silva

    Gol e Fox numa próxima geração deveriam ser unificados. Ou fazer tipo Classe A e GLA, tornando o Fox um crossover pequeno do Gol;

  • DiMais

    bela zona hein, tem carros globais (up, Polo e Golf) e locais (Gol e Fox) mas não sabem o que fazer com eles.. não tem volumes que justifiquem tanta variedade de produtos no line-up.. a ver os que comprarem produtos que podem ser descontinuados em gerações posteriores por aqui.

  • 1945_DE

    Boa, quanto mais opções para o consumidor melhor.

  • Wellington Myph13

    Acredito que não matar o Fox seja uma maneira da VW manter em linha um Hatch maiorzinho, posição alta de dirigir pra combater com Sandero, X6H e etc.. Só acho que devia descer do salto que colocaram.
    Gol na faixa de 39k a 60k
    up! na faixa de 42k* a 60k (*Take completo)
    Fox na faixa de 44k a 70k
    Polo na faixa de 60k a 80k
    Golf na faixa de 85k a 140k* (*GTI)

    Interno na VW vão ter que contar a venda de todos esses carros pra dizer que tem alguma evolução.
    Tipo, somando todos deu 16mil unidades, o Onix vendeu 15mil, e a GM não tem nenhum outro hatch acima nem abaixo, só o Cruze, então seria uma “vitória” pra VW.
    Só assim pra conta fechar.

    • Andre L W

      Também aposto nessa faixa de preços que você informa.Golf sobe, Gol vai pra base, Up agora é “compacto premium” (estilo Fiat 500?), Fox talvez desça um pouco (no top) para pegar esses concorrentes e Polo fica na “briga direta” com Fit.

  • Newton Freitas

    Porque não reestilizar o fox novamente para que ocupe o lugar do Gol. O Voyage poderia ser ofertado em três versões fechadas sendo 1 1.0 manual
    2- 1.0 manual ou automático
    3- 1.6 automático como o top de linha.
    Com preços entre 35 a até 50 mil.
    Depois disso, vem o virtus com preços entre 55 a até 80 mil.
    E logo depois o Jetta, com preços de 85 a até 105 mil reais.
    No caso dos hatches, Up na faixa dos 35 a 50 mil, Fox com versões fechadas por 45-55 mil, (pode ser um fox completo e outro Crossfox) depois vem o polo por 60-80 mil e logo depois o Golf com duas versões civil e o GTI.

    • Raimundo A.

      O AS postou flagra do Fox com frente e traseira camufladas indicando que ganhará pequeno facelift tipo o feito no Uno. Tem site argentino dizendo que ele vai trocar o I Motion pelo AT6 tendo sobrevida até 2020, pois a mudança visual só viria no fim do ano ou começo do próximo.
      Se farão isso, então atinge versões mais caras do Fox e o Polo não viria baratinho considerando que os motores serão os citados.
      Minha tese seria pela unificação do Fox com o Gol, talvez da futura marca de baixo custo da VW. Seria uma forma do Gol, ficaria este, ser maior e mais moderno sem ser sofisticado e caro. Seria superior ao UP e inferior ao Pólo.
      Mesmo mudando o Fox, ele não elimina o Gol, pois partem de preços diferentes.
      O valor do Gol 1.6 é pouco inferior ao Fox 1.0 e o Gol para muitos é mais atrativo que o UP tendo preço próximo. O Gol foi melhorado, mas ainda peca comparado ao Fox. Se não baixam o preço do Fox, um Gol mais caro sem atributos que justifiquem também não seriam bom.

  • Airplane

    Não será descontinuado, por enquanto !

  • Luccas Villela

    Não dá pra entender. Ou morre o Gol ou morre o Fox. Deviam, infelizmente, morrer os dois. o UP fica de 38 a 60 mil e o Polo de 55 a 80 mil, seria o modo mais fácil… Porque vai ser bem esquisito dividir tudo, mantendo os 4 hatchs… Só se ficasse:

    UP – 37 – 47
    Gol – 40 – 50
    Fox – 47 – 57
    Polo – 55 – 75

    Acho esquisito, mas, eles que são loucos que se entendam…

    • Andre L W

      A própria VW já indicou que o Gol desce e j elevou o Up a “compacto premium” na linha 2018 (básico a 38mil – sem ar e DH; próxima versão de acabamento 48mil; top 57mil sem alguns opcionais). Acho q o Polo parte de 59.900 numa versão 1.6 MT (se tiver 1.0 aspirado, talvez 55mil)

      • Luccas Villela

        Se o UP vai ser premium, devia perder essa versão Take básica, não faz sentido.

        • Andre L W

          Em tese sim, mas acho q a versão take foi mantida para ter a possibilidade de pegar alguma venda direta (PJ). Complementando: també pra dizer “versões a partir de …”. Só olhar as faixas nas CCS de Onix e HB20 a partir de R$39.990,00 – que acho q poucas PF compram pela simplicidade, deve ser versões q só vendem PJ.

          • Luccas Villela

            Mas acho que ter seu carro com operadoras de telefonia, prestadores de serviço e etc não é o melhor pra um carro que agora quer ter uma pegada mais premium, né. Apesar disso, entendo o que quer dizer.

            • Andre L W

              Exato, em tese não é bom. A VW quer q ele seja premium/”descolado”, mas tb não pode descartar o segmento PJ (pode não dar certo transforma-lo em premium). E é sempre bom pôr nas faixas “up a partir de…” – mas a versão q querem vender será a move não a take.

  • Luis Carlos K.

    A VW Brasil é um DESASTRE total. Vai continuar perdendo espaço até que coloque ordem na casa.

  • Schlatter70

    Nem o UP é compacto premium. Só porque a VW disse vcs acreditam???

  • Schlatter70

    Aliás, ele não é nem compacto. É sub-compacto.

  • celso

    A VW vai cometer o mesmo erro que a Fiat cometeu anos atrás, com Uno, Palio, Punto e, por fim, Mobi.

  • Marcus Vinicius

    Provavelmente o novo Polo nacional faça uso do 1.4 TSI Flex na versão mais completa !

  • Racer

    E certamente o preço do Golf aumenta, para entrar nesta faixa o Polo…

  • Duh

    Up atraí jovens??? atraí empresas e olhe lá com esses novos preços, jovem quer um mínimo de beleza e estilo no carro. Fox realmente agradava as mulheres quando lançou, era meio diferente na época mais já faz muitos anos, hj não tem diferencial nenhum e vende por falta de opção, é um carro que já passou da hora de sair e dar lugar ao Polo, mas tô achando que vão tentar colocar ele como “super premium” entre 60mil e 80mil e depois falar que o povo não quer carro global quando não vender.

  • Artur

    “Todos os hatches seguem. O Gol tem o apelo da robustez. O Up! tem uma pegada mais tecnológica, jovem. E o Fox vende pela posição de dirigir mais alta, que atrai um público mais feminino.”
    [sobre o Up!] “Por tamanho, concorre com versões mais caras do Mobi. Mas também pega Chevrolet Onix, Hyundai HB20, Toyota Etios e Nissan March.”
    Daí dá para ter uma ideia sobre o pensamento dos executivos da VWB. Parece que os caras querem realmente afundar a marca por aqui… Tsc, tsc, tsc…

  • Bruno@BRN.CS

    A Fiat já segui pelo mesmo caminho e hoje está enxugando a linha, será uma estratégia viável?

    • Guedes

      Enxugar é muito arriscado. A VW quer é vender, seja A ou B, dando lucro, o negócio é vender e de preferência empurrando os pacotes caríssimos deles.

  • João R

    Numa BOA… eu manteria o UP como carro de entrada, jovem e económico com valores entre 32-45mil.
    O GOL jogava FORA e colocava o FOX no lugar com valores entre 38-55mil
    o POLO entrava para encarar 208, Fiesta, C3 e tal na faxa dos estratégicos 48-68mil (o mais caro versão luxo e sport-de-verdade).
    e aí ja dava espaço para um GOLF com 3 motores: 120CV, 150CV e GTI com valores entre 62-99mil

    Qualquer outra coisa é nivelar por baixo, teimar do que já não presta e pertence a década passada e/ou inflacionar veículos que não se justificam como ferro que deprecia a cada ano que passa

  • Alexandre Hol

    O Fox Highline deve ser descontinuado. ele era o único a possuir controles de tração, estabilidade, auxílio de partida em rampa, motor 1.6 16v e câmbio de 6 marchas. Vejo muitos falando que o Polo 1.6 16v será mais barato que o 1.0TSI, porém no caso do Golf, o Golf 1.0TSI é quase R$1000,00 mais barato que o 1.6 16v, sendo esse ofertado também com câmbio automático.
    Creio que o Polo vá entrar no lugar do Fox Highline.

  • Pedro154

    Por que simplesmente não deixam apenas Up!, Gol e Polo? Rapa esse Gol de 2008 e apressa pra já o Novo Gol feito na plataforma do Up!.

    Motores:

    1.0 MPI de 82cv
    1.0 TSI (1) de 105cv
    1.6 MSI de 120cv
    1.0 TSI (2) de 125cv

    Linha:
    Up! 1.0 MPI e 1.0 TSI (1): R$ 37k a 53k
    Gol 1.0 MPI, 1.0 TSI (1) e 1.6 MSI: R$ 45k a 62k
    Polo 1.6 MSI e 1.0 TSI (2): R$ 60k a R$ 80k

    Qual a dificuldade de se organizar com apenas esses três carros e esses 4 motores? Era tão mais simples. Muito melhor do que ficar requentando um Fox de 2003 e embaralhando a linha toda.

  • Hater x Haters

    Deveríamos nos concentrar no X6H, novo Onix 2020, novo HB20, novo Fit e novo Etios (esse sim um perigo para os concorrentes se vier com um design melhor), não na VW e suas estratégias desastrosas. Fica dando tiro pra todo lado e não acerta nada. Se esse Polo vier posicionado entre Fox e Golf já será declaradamente caro. Vem com tecnologia, porém altíssimo preço e péssimo pós-venda e alto custo como (quase) todo VW. Esqueçam ela.

    • MauroRF

      E o Ka e o Fiesta? Será que o Fiesta vem para brigar com o Polo? E o Ka, quando deverão reestilizar, ano que vem ou 2019?

    • Ernesto

      “Deveríamos nos concentrar no X6H, novo Onix 2020, novo HB20, novo Fit e novo Etios”…você está fazendo o que aqui? Rsrsrsrs

  • Ricardo Gasparino

    Que pena! Perdemos a grande chance de se livrar desse lixo!

  • pedro rt

    que confusao a vw vai criar agora hein… posicionar o up! acima do gol e continuar com o velho fox… q e praticamente o msm carro desde 2004! um dos carros mais velhos em linha no país

    • Guedes

      Entre o Fox e o Gol, mil vezes manter o Fox, que pelo menos tem acabamento decente, é mais versátil. O Gol que tá fazendo hora extra já.

    • Ernesto

      Sabe de nada mesmo…

  • Marcelo Henrique

    Muito carro, mas vejo que a VW está estudando o mercado brasileiro para ver se o Polo tem aceitação, lembrando que o antigo Polo Mk4 foi muito bem aceito no início mas depois foi sumindo do mercado aos poucos.

  • Tyrion Lannister

    O Polo nunca foi um sucesso de vendas e este novo tem grandes chances de também não ser.

  • Davi Millan

    A gama 2018 do carrinho chega para reposiciona-lo para o “segmento de compactos premium”.
    Sério Volks? Sério mesmo? Se ele vai poder se posicionar assim, cade, nem como opcionais, o teto solar e o ar condicionado automático, além de já vir de série com um item tão básico como os vidros elétricos traseiros. Depois disso podemos conversar…

  • Ricardo Blume

    Talvez haja um certo canibalismo com o tempo e até aumento de preços do Golf para conseguir colocar no line o Polo. Vejo também o Gol cada vez mais perdendo posições na tabela e abrindo vantagem a concorrência (HB20 e Onix). Lembra muito o tempo onde a Fiat tinha Mobi, Uno, Punto e Bravo. O tempo dirá. Gostaria de dizer que a VW não desperdiça cartucho mas depois que eu vi o Gol estagnado no tempo e perdendo sua coroa e o lançamento do Up! com vendas aquém do esperado eu não sei mais de nada.

    • Ducar Carros

      Com tantas opções, a VW não volta para o top3 tão cedo. Vai dividir as vendas do Fox e Gol com o Polo, ao invés de tentar unificar a gama, como vai fazer a Fiat com o X6H (com o Palio e Punto). Onix e HB20 não devem perder o posto tão cedo!

      • Guedes

        Temos que entender que pra VW tanto faz vender A ou B, o importante é vender. E esses carros mais antigos são mais lucrativos ainda.

  • Alexandre Maciel

    “O Gol tem o apelo da robustez.”

    Aqui no Ceará tem uma máxima para esse tipo de afirmação idiota: AÍ DENTRO!

    Esse Polo, pelo visto, será só mais um na salada esculhambada da VWB.

  • Gambixx

    A VW assassinando um carro bom, mas caro (Up), e deixando outro no corredor da morte antes de lançar.

  • Eduardo Brito

    Pelo jeito a VWB vai continuar a viver as custas de Gol e Fox, os dois com projetos que ja se pagaram.

  • Fernando Bento Chaves Santana

    Brasileiro é muito bonzinho…

    ” A gama 2018 do carrinho [Up!] chega para reposiciona-lo para o “segmento de compactos premium”, ainda segundo Schmidt.”

    • Guedes

      To cantando essa pedra desde que a reestilização foi anunciada. A saída pra VW é essa mesmo, posicioná-lo como carro de nicho, completinho, como um Fiat 500.

  • Guedes

    Essas afirmações de executivos são risíveis, beirando o óbvio.

    Mesmo que o POLO fosse matar FOX e GOL, nunca a VW admitiria isso, né? Quem falaria isso? “olha, vc vai comprar o FOX e o GOL zero km hoje, mas daqui a 6 meses eles serão descontinuados”

    Todos nós estamos cansados de saber que no Brasil, as montadoras só matam um carro quando ele pára de vender ou a lei obriga ( kombi, UNO)

    Enquanto o povo comprar, vão oferecer.

    • Matheus

      Tanto que a geração anterior do Polo que saiu de linha já era melhor em aspectos construtivos, acabamento e segurança que esse gol e o fox 0 km. Mas como ele vendia pouco, saiu de linha e projetos inferiores continuaram, aumentando de preço inclusive (fox a 70 mil)

  • Luis Burro

    As montadoras viajam oferecendo diversos produtos na mesma faixa de preços,pra mim vai acabar como o Sonic!

    • Matheus

      Fora que viajam em não serem tão concorrentes assim… Vide preços tabelados e equivalentes entre modelos de mesmos segmentos. Em um país com pelo menos 10 marcas mais vendidas, olhe seus preços. Uma joga para cima o preço de um carro de tal segmento, as outras jogam também no dia seguinte…

  • Luis Burro

    Os valores estão tão absurdos​ q as marcas estão enchendo linguiça aonde dá.
    Q carro eles trarão pra preencher entre Jetta e Passat?

  • Luis Burro

    Nossa como os executivos definem a imagem de seus carros!Tirando o Fox,pq Up é jovem e tecnológico?Pq ele é pequeno?Nem sabia q Gol tem imagem de robustez,ainda se fosse um Fusca,tlvz.

  • RRROL

    Papo de vendedor para não desabar as vendas dos produtos a serem descontinuados

  • Luis Burro

    Kkkkkkkkkk…… compactos premium!Agora ter espelho do lado direito,rodas, pneus​,vidros,motor,carroceria​, bancos e volante é ser Premium!

  • Anderson Mendes

    VW vou te ajudar:

    – Mata o Gol;
    – Up Move 35k
    – Up Move Tsi 40 k
    – Up High e Cross 45 k
    – Fox 50 a 55 k
    – Polo 60 a 65 k
    – Gol a partir de 70 k

  • Matheus

    Golf G7 1.4 TSI 0km alemão a 67 mil… preço de lançamento. Isso sim era um preço razoável por um bom carro. Agora, só em sonho… Não há concorrência entre montadoras no Brasil! Infelizmente.

    • Guedes

      Mas na época era bem caro também. Tinha Bravo a 53 mil

      • Matheus

        Mas o nível de equipamentos e tecnologia bem distintos na verdade. Há um degrau grande entre bravo e golf.

        • Guedes

          Sim, mas o degrau de preços também era muito grande. Se custasse o mesmo que o Bravo,,, mas o GOLF cobra ( caro) por seus equipamentos.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend