Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

O Volkswagen Jetta GLI 2020 e já está mexendo com o mercado. O sedã esportivo da marca alemã era bastante aguardado, visto que é considerado um “GTI” de três volumes. Com preço sugerido de R$ 144.990, mais barato que o hot hatch feito em São José dos Pinhais-PR, que custa a partir de R$ 151.530.


O Jetta GLI tem apenas um opcional: teto solar panorâmico por R$ 4.990, o que dá R$ 149.980, ou seja, quase R$ 150 mil redondos. O esportivo rival mais perto disso é o “purista” Honda Civic Si por R$ 164.900. Já o Civic Touring, que a VW usou como comparação, custa R$ 128.900, mas não tem proposta esportiva, sendo apenas uma opção mais luxuosa e com performance boa.

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

Navegando nesse ambiente, o Jetta GLI vem para clientes com mais de 36 anos e renda média de R$ 20.000, de acordo com a marca, trazendo uma proposta de performance semelhante à do Golf GTI, mas com o conforto de um sedã de interior amplo e porta-malas generoso. Entretanto, esse porte maior muda a pegada em relação ao irmão…

Antes de falarmos disso, o VW Jetta GLI 2020 se apresenta como uma verdadeira versão esportiva e não apenas uma alteração visual com motor mais forte. O coração é o mesmo EA888 2.0 TSI de 230 cavalos e 35,7 kgfm, entregues em baixa rotação e permitindo que o modelo vá de 0 a 100 km/h em 6,8 segundos, atingindo os 250 km/h.

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

É aí que o Jetta GLI começa a mostrar um algo a mais para atrair algum indeciso entre GLI e GTI. O Golf precisa de 7 segundos para fazer o mesmo e vai até 238 km/h. No preço, a VW coloca seu “Jettão” com conteúdo que é opcional no hot hatch, fazendo com que sua proposta tenha melhor custo-benefício.

Nesse caso, o GTI com tudo dentro, alcança R$ 172.500, uma diferença de R$ 22.520. Os itens são os mesmos, sendo que o GLI ainda dispõe de iluminação interna personalizada com 10 cores. Em contrapartida, o acabamento… Mas, ainda antes disso também, devemos lembrar que o Jetta esportivo tem discos de freio maiores, com 312 mm na frente e 300 mm atrás, além de calibragem mais firme para molas e amortecedores.

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

O pacote visual é o mesmo visto nos EUA e chama atenção pelos faróis duplos de LED e luzes diurnas em feixes envolventes, que realmente dão uma cara diferente para o Jetta GLI. A grade personalizada é interessante, mas o logotipo GLI é mais. Seu visual evoca um espírito de performance semelhante ao GTI, mesmo com esse primeiro contato.

As rodas aro 18 polegadas diamantadas são esportivas, mas neste sedã, parecem acrescentar certa elegância ao três volumes. Frente, laterais e traseira apresentam saias e spoilers que reforçam a proposta do GLI, assim como o badge nas laterais, difusor de ar e escapes cromados. O defletor de ar na tampa é mais discreto que a antena barbatana em preto. As pinças de freio vermelhas completam o visual.

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

Na cor vermelho Tornado, o Jetta GLI se funde com sua própria designação, mas na cor cinza Puro, ele acaba passando a imagem de ser mais exclusivo e esportivo. Mas, indo para dentro, o sedã da Volkswagen expõe uma coisa não muito interessante: continua sendo como as demais versões.

Não que seja igual, pois, o volante esportivo com couro costurado, detalhes cromados (inclusive o belo GLI na base chata do aro) e com paddle shifts disponíveis dá uma pegada diferente ao ambiente. Falando neste, a VW adicionou todos os revestimentos em tonalidade bem escura, para acompanhar a proposta do Jetta esportivo.

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

A faixa vermelha no painel também ajuda a criar uma atmosfera de esportividade, assim como a capa da alavanca do DSG (e o próprio pomo). Também a personalização do habitáculo com cores diferentes ajuda, assim como o Active Info Display personalizável e a Discover Media como tudo dentro, inclusive um monitor de desempenho com aceleração lateral, modo de lançamento e outros dados de performance.

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

Em resumo, a frente do Jetta GLI é agradável, tendo tweeters da Beats bem visíveis nas colunas A, material soft costurado sobre o painel, apliques em cinza brilhante no conjunto e nas portas dianteiras, mais material soft no alto destas. Os bancos em couro passam longe do Golf GTI, sendo menos envolventes e visualmente mais simples. O motorista tem ajustes elétricos e três memórias. Quem vai na frente tem aquecimento e ventilação nos assentos.

O teto solar abre mais para estes que vão na frente também. E então, eis que o Jetta GLI se iguala aos 250 TSI (ele é o 350 TSI) pela simplificação do acabamento conforme vamos indo para trás. O material do painel, por exemplo, é mais soft que o das portas dianteiras. Nas traseiras, plástico duro. Lembre ainda da lataria exposta, especialmente atrás.

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

E tem mais, ou melhor, menos. Não há difusores de ar para quem senta atrás. Também não existe USB dedicado, sendo o mais próximo no porta-objetos entre os bancos da frente. Esqueça de uma tomada 12V e de qualquer acabamento melhor nas portas, exceto pelas maçanetas de cor cinza como na frente e das luzes de leitura em LED.

Vai ficando “menos pior” com o banco em couro e apoio de braço central, mas esse assento é apoiado em laterais de puro plástico duro. Faltou atenção nessa parte do Jetta como um tudo. A simplificação em busca de baixar preço para americano ver, custou um ambiente mais elaborado, que nem chega perto do irmão GTI.

Impressões ao dirigir

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

 

Dois pesos e duas medidas. A comparação com o Golf GTI é a primeira coisa que vem a mente quando se olha o Jetta GLI. Afinal, será ele melhor que o famoso hot hatch? Vamos deixar isso para depois e analisarmos brevemente as primeiras impressões desse sedã esportivo.

A primeira impressão é que ele realmente é muito forte, sendo esta bem audível. O ronco do EA888 2.0 TSI com seus 230 cavalos de 4.700 a 6.200 rpm empolga, ainda mais quando se sabe que os 35,7 kgfm de torque vão de 1.500 a 4.600 rpm.

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

Ele não é tão barulhento assim, na verdade, a VW usou um recurso muito utilizado por esportivos na Europa, um amplificador sonoro do propulsor através dos alto-falantes. Com isso, o 2.0 TSI se faz ouvir mais nitidamente dentro do carro. No entanto, esqueça algo semelhante vindo dos escapes, que são bem silenciosos.

A ideia é ter a sensação de poder do motor dentro do habitáculo. Nisso, o mesmo conjunto mecânico do Golf GTI, permite ao Jetta GLI roncar como um motor grande ao se mudar o modo de condução. Com boa posição de dirigir, o sedã esportivo é um alemão nato nas respostas ao volante e na afinação com o que o condutor quer.

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

Direção, freios e o conjunto motriz trabalham com perfeição. Com arrancadas vigorosas a partir do modo Normal, o Jetta GLI empolga pela disposição em acelerar. Aliado ao câmbio DSG de seis marchas, com suas mudanças rápidas e sem perdas, o esportivo muda de configuração com o modo Sport, deixando o cluster vermelho e alterando a programação do DSG para Sport também.

Acrescenta-se 1.500 rpm à rotação normal e a brincadeira começa com saltos de ponteiro (e principalmente de performance) lá para a casa dos 6.500 rpm, fazendo o Jetta GLI alcançar altas velocidades rapidamente. Nesse limite aí, a ECU corta o giro, mas se buscar marchas no modo manual, tanto faz com alavanca ou paddle shifts, o corte ocorre perto de 7.000 rpm.

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

Rodando normalmente no “Normal”, o GLI cruza tranquilo a 110 km/h em 1.900 rpm. Parece uma relação longa. Mas não é. O câmbio é o mesmo do GTI e diferença está no peso, segundo a VW, já que são 1.474 kg. O hatch tem 1.371 kg. São pouco mais de 100 kg nesse caso.

De qualquer forma, mesmo no Normal, as retomadas são muito boas, especialmente no Sport, mas sentimos que poderia ser melhor. É aí que veio a questão do câmbio ser ou não mais longo que no GTI. Oficialmente é o que eles dizem. Mas, uma coisa é certa, haverá sim lentidão no modo Eco. O corte de cavalaria e força é muito nítido nessa opção de economia, boa para o dia a dia de trânsito extrapesado como nos grandes centros.

Volkswagen Jetta GLI 2020: Impressões ao dirigir

O bom é que o Jetta GLI se comporta bem em alta velocidade e nas frenagens fortes, sendo ainda bem equilibrado em curvas rápidas e fechadas, apesar da tendência de sair de traseira. Afinal, são 4,70 m deste sedã. A suspensão traseira multilink ajuda muito e a calibração firme, que ainda garante conforto no caso do GLI, deixam esse esportivo bom para qualquer momento.

As rodas aro 18 com pneus 225/45 R18 se ressentem apenas dos buracos e defeitos de nossas ruas. Fora isso, o comportamento do Jetta GLI agradou bastante nessa primeira impressão. Para quem ainda quer uma resposta sobre a pergunta de um milhão, a expressão popular no início deste subtítulo diz tudo.

Volkswagen Jetta GLI 2020 – Galeria de fotos

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.