Elétricos Europa Mercado Sedãs Volkswagen

Volkswagen não fará um novo Fusca e muito menos elétrico

Volkswagen não fará um novo Fusca e muito menos elétrico

Rumores anteriores davam conta de que a Volkswagen teria tomado a decisão de fazer um novo Fusca, mas desde que com propulsão elétrica. Porém, parece que agora a esperança de ver o besouro novamente na linha de montagem, acabou. Herbert Diess, CEO da montadora alemã, negou que o modelo voltará a ser feito.


Diess reconhece que a Volkswagen tem diversos carros emocionais e que a plataforma modular MEB permite faze-los. Ele até citou produtos como Kombi, Karmann-Ghia, Scirocco e o Think/Kurierwagen, aquele jipinho de estilo militar (Type 181). Entretanto, segundo o executivo, não dá para fazer tudo.

Volkswagen não fará um novo Fusca e muito menos elétrico

A marca queria um produto mais emotivo que o Fusca para a nova família ID e, além de já ter a Buzz (Kombi), também terá o ID Buggy, que foi a forma como a VW expôs essa intenção, uma vez que a próxima van elétrica terá uma versão comercial e um volume muito maior para um carro de nicho, como é o pequeno elétrico.


Diess revelou ainda que ele deverá ser produzido de fato, mas apenas se tiver volume entre 5.000 e 10.000 por ano, podendo ainda ser feito por um parceiro da Volkswagen, que muitos suspeitam ser a startup e.GO, a primeira marca cliente da plataforma modular MQB.

Volkswagen não fará um novo Fusca e muito menos elétrico

A manobra não seria inédita, pois a PSA fez exatamente isso com o projeto do Citroën e-Meharé, que é exatamente um tipo de buggy francês e rival do ID Buggy, sendo feito pela Bolloré, parceira da marca parisiense. Mesmo com planos para 70 modelos novos e eletrificados para os próximos anos, o grupo VW ainda terá espaço para mais emocionais.

Por ora, apenas dois deles estão confirmados, sendo que um terá grande volume, no caso do ID Buzz. Nos demais casos, excetuando-se o Buggy, a VW prepara o terreno para atingir o segmento de SUVs e no dia 16 de abril, deverá revelar na China o ID Lounge, crossover elétrico de sete lugares para rivalizar com o Tesla Model Y.

[Fonte: Motor Trend]

Volkswagen não fará um novo Fusca e muito menos elétrico
Nota média 5 de 1 votos

  • Junoba

    Se a VW tivesse lançado um Fusca 1.0 “pé de boi”, na faixa de preço do Gol, teria feito sucesso.

    • Natán Barreto

      Concordo!

    • ViniciusVS

      Era pra ser o UP né? Acontece que os Neo Apzeiros colocaram o carro em um pedestal e juram que é um esportivo de nicho kkkkk

      • Mr. Pennybags

        Eu tenho pena! rs!

    • th!nk.t4nk

      Quem quer carro emocional hoje pega um Mini Cabrio. Ele domina o segmento, e pelo custo fica difícil competir.

  • Alvarenga

    Hoje não, amanhã sim, depois não de novo, até que um dia aparece !

  • CanalhaRS

    De todos os carros “emocionais” que ele cita, esse buggy é o menos viável. Não consigo entender o que a direção está enxergando de lucros nessa opção. Não venderá quase nada, pois só serve para recreação, ao menos nessa forma que o protótipo foi mostrado.

    • th!nk.t4nk

      Aí discordo. Em todo o mediterrâneo o povo é louco por buggies. Já esteve nas ilhas baleares? Dalmácia? Sardenha? Ilhas gregas? Turquia? Sul da Espanha? Etc. Em todos esses lugares usa-se muito quadriciclo também, e a quantidade de turistas endinheirados é ridícula (do UK, Alemanha, etc). Pode ser mesmo que não desse um superlucro, mas mercado pelo mundo tem. Ah se tem.

      • CanalhaRS

        Só se for por terceirizados mesmo. Mesmo com teus exemplos eu continuo não acreditando que haja um nicho tão grande que sustente um investimento desse tipo de veículo.
        O pessoal quer lucros altos, se nem o ícone fusca sacia essa sede, imagine um buggy?

        • th!nk.t4nk

          É, seria mais pra mostrar a versatilidade da plataforma. Pra mim só faria sentido terceirizado também.

  • Samuelson

    Me fez lembrar a novela POLO aqui no Brasil. Deram várias desculpas para não trazer o carro e vejam só no que deu.

  • Murilo Soares de O. Filho

    Elétrico, SUV e Híbrido, o automóvel mais chato que isso, impossível!

  • th!nk.t4nk

    Quem quer carro emocional hoje pega um Mini Cabrio. Ele domina o segmento, e pelo custo ficaria difícil competir. A VW teria de pensar num grande diferencial, mas pra isso precisará sentir primeiro como estará a recepçao aos seus elétricos.

  • Nicolas

    Fusca é um mito e mitos não morrem.

    • Dante Moore

      Concordo. Fusca é um mito. Acho muito bonito este modelo. Tenho um R LINE 2015 e sou apaixonado por ele. Ainda tenho esperança de vir um novo modelo. Estou aguardando

  • 4lex5andro

    É mítico, mas a realidade é que o Fusca teve seu tempo, assim como Citroen 2cv, Fiat 127/147, e Opel Kadett C (Chevette).

  • leitor

    Qual mercado terá interesse nesse Buggy? Europa e EUA não têm nenhuma tradição com esse modelo. A não ser que se pense em lançar como nicho que eu duvido que pegue.

    Onde tem algum traço emotivo, como Brasil, com certeza o preço não será assim em conta e quem pode creio que não vai querer.

  • leitor

    Talvez na Europa se fizer no estilo Karmann Ghia atualizado pode ter algum mercado. Mas com algum apelo e certa pegada. E preço em conta. Uma boa potência e itens de segurança, conforto e acabamento.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email