Volkswagen

Volkswagen recebe multa de R$ 50 milhões do Ibama

Volkswagen Amarok 2015 1

A fraude dos motores a diesel em testes de emissões de poluentes acaba de render uma nova multa à Volkswagen. Desta vez, o Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) anunciou na última quinta-feira, 12, que multou a fabricante alemã em R$ 50 milhões.

Segundo o divulgado, a Volkswagen “deverá apresentar um plano de correção dos veículos alterados e comercializados para que estes atendam aos parâmetros de emissão exigidos pelas normas brasileiras”.

No Brasil, 17.057 veículos Amarok contêm um software que poderia otimizar os resultados de óxidos de nitrogênio (NOx) durante os testes laboratoriais de homologação. As unidades são de ano/modelo 2011 (todo o lote) e 2012 (parte do lote), equipadas com o motor 2.0 TDI. Em todo o mundo, são mais de 11 milhões de veículos do grupo alemão que apresentam o programa fraudador.

A Volkswagen anunciou em outubro que deverá corrigir os exemplares da picape média a partir do primeiro trimestre de 2016. Confira abaixo os chassis (não sequenciais) dos exemplares da Amarok envolvidos:

Amarok 2011: de BA000257 até BA000338
Amarok 2011: de B8000200 até B8082605
Amarok 2012: de CA001950 até CA026145

Os demais veículos da marca, com motores a gasolina ou flexível (álcool e gasolina), não possuem o software e, portanto, não há indícios de que estejam descumprindo com as normas de emissões de poluentes.





  • oh loko

    • RafaCtba

      Cof! Cof! kkk

    • Bruno Wendel Marcolino

      me deu tosse só de ver a foto!!! kkkk

      • GABRIELCSFLORIPA

        Fiquei com câncer só de ver a foto.

    • Marquinhos

      Desculpa Amigo Lucro Brasil, Não consegui ler sua mensagem, porque tem muita fumaça saindo do meu monitor e cheirando diesel kkkkkkkkk

  • Tosca16

    Bom aqui o máximo que acredito é que façam o reparo nas unidades, de resto a multa nunca será paga, creio eu que a VW recorrerá na justiça e o processo durará anos e anos …

    • GPE

      E não vai pagar pq a justiça vai ter pena do dinheiro da VW

  • _William

    Aumento de preços a vista….

    • tjbuenf

      Já foi anunciado ontem…

    • Ricardo

      No final das contas sempre sobra para o consumidor!

  • sadogoat

    Tem que testar os flex também, podem ter certeza que vão achar fraude. Quem frauda um frauda o resto.

  • Robinho

    VW: Voce conhece, voce confia…cof…cof…

  • Bruno

    sério? vou comprar uma e vou fazer soltar muita fumaça só de pirraça.

  • Mauro Schramm

    Governo demonstrando preocupação com a saúde da população. Oh, wait.

    • Bruno Wendel Marcolino

      kkkkkkkkkkkkk, faz-me rir.

    • Deadlock

      Poucas multas que o Ibama aplica são pagas. Ainda assim, lamento que o limite máximo de R$ 50 milhões é pouco.

    • Robinho

      KKKKKKKK,ele viu foi uma oportunidade de arrecadar mais para os cofres publicos…ops espere…para o bolso de alguns…

  • MarcioMaster

    “No Brasil, 17.057 veículos Amarok contêm um software que poderia otimizar os resultados de óxidos de nitrogênio (NOx) durante os testes laboratoriais de homologação. ”

    Essa de software instalados nos carros da VW, amplamente divulgado pela midia eu não existe.

    Entendo o seguinte:

    As unidades cedidas para testes de emissões de poluentes tem o tal software para limitar os indices de poluição, porem as unidades comercializadas não tem nada, apenas poluem mais.

    • Junoba

      Eu já acho que eles só ´´querem“ fazer o conserto de parte das unidades, já que a VW não interrompeu as vendas do modelo 0km.

  • Beto Silva

    Não tem fábrica no nordeste, olha no que dá: órgão do governo multa em tempo record. kkkkk. Brasiiiill

    • duhehe

      Rapaz …. sé é louco de falar mal do nordeste na internet, depois que conectaram aquele pessoal, aliado a todo tempo ocioso que eles tem, vão começar a gralhar aqui jaja.

      • Tiago Romano

        Tá maluco rapaz?

  • Marcos Pastori

    Mas o Ibama testou as unidades brasileiras ou simplesmente aplicou a multa pelo teste dos outros países ?

    Como eles sabem se está ou não dentro da norma brasileira ?

    Falta muito profissionalismo destes órgãos

    • shdn2010

      O Brasil em si é uma piada, o ibama queria investigar algo que já foi mais do que provado em outros paises.

      • Marcelo Nascimento

        E aplicaram uma multa de 50 milhões sem analisarem parâmetros nem nada. No caso da mineradora, a multa foi de R$250 milhões apenas…

        • Bruno Wendel Marcolino

          não existe nem um padrão máximo de emissões e querem multar com base no que?

          Na minha opinião é pra garantir o natal dos funcionários. Ta loco.

          • tjbuenf

            Pode não existir um nível máximo, mas isso não isenta a VW da responsabilidade de adulteração de resultados para homologação do veículo no Brasil.

            • Bruno Wendel Marcolino

              obviamente não isenta em nada e merece ser punida, não estou defendendo, só criticando o IBAMA que aproveitou a “onda” e vai cobrar multa.

              Me diga quando é feito essa homologação? Com que parâmetro foi definido essa multa, em base no que? Se ultrapassar os limites, que não existem, quanto de multa por CO² a mais?

              Ai que ta, não tem padrão nenhum, lei especifica nenhuma, ninguém homologa os veículos quando lançados, duvido que as marcas deem um veiculo para o IBAMA ou seja qual for o órgão regulamentador para testes de CO².

              Se não da pra defender a VW nesse caso, o que eu assino em baixo, não tem como mesmo, também não da pra ser hipócrita e defender o IBAMA que sem qualquer “base”, digamos assim, aplica multa de 50 milhões.

              • tjbuenf

                O que estou vendo é só achismo de sua parte. A N.A. postou algum tempo atrás todo procedimento feito para homologação de um carro no país, e é um processo muito longo envolvendo vários órgãos.

                Que você deseja informações específicas até entendo, mas desqualificar um órgão oficial com base no seu desconhecimento, um cidadão comum, de minuciosidades de um processo desse porte.

                • Bruno Wendel Marcolino

                  Agora me diga, todo esse processo longo de homologação e a multa só saiu depois que se tornou um escândalo mundial?

                  Não preciso entender todo o processo para ver que o mesmo está errado, não desmerecendo claro, quem o conhece.

                  Alias, minha critica é ao oportunismo do órgão NESSE CASO e não ao órgão por completo ou toda sua história, enfim…

                  • tjbuenf

                    E como iria aplicar multa sem nem desconfiar da fraude da VW? Não entendo onde vc quer chegar….

                    • Bruno Wendel Marcolino

                      Horas, testando os carros e vendo que está acima do limite, não é o IBAMA que fiscaliza?

                      Isso para qualquer marca, com a transparência de divulgar os resultados para o consumidor.

                    • tjbuenf

                      Bruno, nitidamente você não sabe como ocorreu a fraude. Os carros foram testados, e não só aqui, e na ocasião foi constatado que satisfaziam a legislação em vigor.

        • shdn2010

          E adivinha no bolso de quem o dindim vai parar..???? Provavelmente no bolso de algum corrupto, e mais provavel ainda que seja do PT ou PMDB.

          • tjbuenf

            Menos de 1% das multas aplicadas pelo IBAMA são efetivamente pagas, as demais entram na morosidade da justiça e o governo jamais vera a cor desse dinheiro.

            • shdn2010

              Olha, do jeito que anda a corrupcao neste país eu duvido muito que o governo vai ficar sem botar a mão neste dinheiro.

              • tjbuenf

                Mas não é o governo que decide quando a multa deve ser paga. Todo o trâmite judicial é extenso, ainda mais com a lentidão da justiça que temos..

    • Louis

      Ibama não tem nem capacidade de fazer o teste…

      • Bruno Wendel Marcolino

        mas capacidade de multar tem?

        parece piada, mas é só o Brasil…

        • tjbuenf

          O IBAMA consultou a VW que respondeu positivamente à adulteração. Diante disso o IBAMA deveria ficar inerte?

          • Bruno Wendel Marcolino

            Não, com certeza não, multa-se a empresa baseado com calculo de valor especificado em lei sobre a quantidade que passou a mais do limite estabelecido, opa, não tem limite estabelecido e não tem multa especificada para quem passa da limite, já que não tem limite, opa, ficamos em um loop.

            Alias, quem vai aplicar multa no IBAMA que não fez os testes corretos no lançamento do veículo?

            OPA, voltamos num outro loop.

    • Bruno Wendel Marcolino

      Qual norma? Existe?

      Oportunismo do “baralho”

    • tjbuenf

      A VW respondeu positivamente à adulteração.

  • shdn2010

    A vw paga facil isso, ela aumenta os valores de todos os carros em 50% o pessoal compra como loucos e pronto! Divida paga.

  • ALVIN_1982

    Nossa, que drama!

  • Bittencourt

    Muitos (sem sequer ter andado nela) já falavam mal, agora então…

  • Anderson Menezes

    Que governo camarada. Só esse valor de multa? Nos EUA o valor pode passar da casa dos bilhões!!!

    • Lem0nade

      Brasil: 17.000 veículos afetados.
      EUA: 500.000

  • Bruno Wendel Marcolino

    O Ibama tem que garantir o natal da galera né?

    Pelo amor de deus, que ridículo.

    Se alguém discorda, quero que me fale qual a lei ou qual o nível de emissões permitido no Brasil, se o Ibama testa os veículos antes de deixar serem vendidos ou sei lá, algo que mude a minha visão de que é puro oportunismo.

    Quero que a VW pague pelo que fez, mas é muito oportunismo pra um país que não tem nem carros de passeio movido a Diesel além de ser um país onde todos as marcas adaptam os carros para uso apenas de Álcool e não regras definidas sobre testes de emissão tanto de veículos Diesel quanto veículos a Flex.

    HUEHUE PIADA!!!

    • tjbuenf

      Discordo. Cerca de 0,75% das multas aplicadas pelo IBAMA são efetivamente pagas.

      A RESOLUÇÃO CONAMA Nº 18, de 6 de maio de 1986 determina os níveis de emissão permitidos para veículos a Diesel.

      Para tanta polêmica em torno do IBAMA até gostaria de perguntar qual sua ligação com a VW.

      • Bruno Wendel Marcolino

        tu só pode estar de brincadeira se acha que eu estou defendendo a VW. Eu quero que a marca pague por tudo que fez ao meio ambiente e pague caro.

        Agora me diga, quais testes o IBAMA fez no veiculo para comprovar que está acima dos nossos limites de emissão, que alias, se você leu essa resolução é totalmente defasada:

        “VI – Estabelecer os LIMITES MÁXIMOS DE EMISSÃO de poluentes do ar para os mototores e veículos automotores novos:

        1. Veículo leves com motores do ciclo Otto

        1.1. Para as novas configurações de veículos automotores leves lançadas comercializadas a partir de 19 de junho de 1988, a emissão de gases de escapamento não deverá exceder os seguintes valores:

        monóxido de carbono: 24,0 gramas por quilômetro

        hidrocarbonetos: 2,1 gramas por quilômetro

        óxidos de nitrogênio 2,0 gramas por quilômetro

        teor de monóxido de carbono em marcha lenta: 3,0 por cento

        1.2. A partir de 1º de janeiro de 1989, a emissão de gases de escapamento por veículos automotores leves não deverá exceder, para os modelos descritos em 1.2.1., os seguintes valores:

        monóxido de carbono: 24,0 gramas por quilômetro

        hidrocarbonetos: 2,1 gramas por quilômetro

        óxidos de nitrogênio: 2,0 gramas por quilômetro

        teor de monóxido de carbono em marcha lenta: 3,0 por cento

        1.2.1. Modelos dos veículos sujeitos aos limites de emissão :

        UNO 1300 álcool (exceto Sx);

        UNO 1050 gasolina;

        Prêmio 1300 álcool;

        Corcel álcool;

        Belina álcool;

        Del Rey álcool (exceto câmbio automático) ;

        Scala álcool (exceto câmbio automático) ;

        Escort álcool (exceto XR3);

        Monza 1600 álcool e gasolina;

        Monza 1800 álcool e gasolina;

        Gol 1600 álcool e gasolina (motor refrigerado a água) ;

        Chevette 1600 álcool e gasolina;

        Voyage 1600 álcool e gasolina;

        Parati 1600 álcool e gasolina;

        Saveiro 1600 álcool e gasolina (motor refrigerado a água).

        1.3. A partir de 1º de janeiro de 1990, a emissão de gases de escapamento por veículos automotores leves, com exceção dos veículos leves não derivados de automóveis, não deverá exceder os seguintes valores:

        monóxido de carbono: 24,0 gramas por quilômetro

        hidrocarbonetos: 2,1 gramas por quilômetro

        óxidos de nitrogênio : 2,0 gramas por quilômetro

        teor de monóxido de carbono em marcha lenta: 3,0 por cento

        1.4. A partir de 1º de janeiro de 1992, a emissão de gases de escapamento por veículos automotores leves não deverá exceder os seguintes valores:

        1.4.1. Veículos leves não derivados de automóveis:

        monóxido de carbono: 24,0 gramas por quilômetro

        hidrocarbnnetos: 2,1 gramas por quilômetro

        óxidos de nitrogênio: 2,0 gramas por quilômetro

        teor de monóxido de carbono em marcha lenta: 3,0 por cento

        1.4.2. Todos os veículos com exceção dos descritos em 1.4.1. :

        monóxido de carbono: 12,0 gramas por quilômetro

        hidrocarbonetos: 1, 2 gramas por quilômetro

        óxidos de nitrogênio: 1,4 gramas por quilômetro

        teor de monóxido de carbono em marcha lenta: 2,5 por cento

        1.5. A partir de 1º de janeiro de 1997, a emissão de gases de escapamento por veículos automotores leves não deverá exceder os seguintes valores:

        monóxido de carbono: 2,0 gramas por quilômetro

        hidrocarbonetos: 0,3 gramas por quilômetro

        óxidos de nitrogênio: 0,6 gramas por quilômetro

        teor de monóxido de carbono em marcha lenta: 0,5 por cento”

        Pra mim segue sendo puro oportunismo brasileiro! E não trabalho na VW, nem possuo veículos da marca caso isso mude alguma coisa pra ti no meu comentário.

        • tjbuenf

          Esta resolução ainda está em vigor, com exceção dos incisos III e IV que foram revogados por outro dispositivo.

          • Bruno Wendel Marcolino

            Chega a ser engraçado, pra não dizer triste, ler algo desse tipo:

            “1.2.1. Modelos dos veículos sujeitos aos limites de emissão :

            UNO 1300 álcool (exceto Sx);

            UNO 1050 gasolina;

            Prêmio 1300 álcool;

            Corcel álcool;

            Belina álcool;

            Del Rey álcool (exceto câmbio automático) ;

            Scala álcool (exceto câmbio automático) ;

            Escort álcool (exceto XR3);

            Monza 1600 álcool e gasolina;

            Monza 1800 álcool e gasolina;

            Gol 1600 álcool e gasolina (motor refrigerado a água) ;

            Chevette 1600 álcool e gasolina;

            Voyage 1600 álcool e gasolina;

            Parati 1600 álcool e gasolina;

            Saveiro 1600 álcool e gasolina (motor refrigerado a água).”

  • Luciano

    HUEZILZILZILZILZILZIL… Petralhada aproveitando pra colocar mais uns milhõezinhos no bolso

  • Marcos Wild

    Como se o Brasil tivesse um controle de emissão de poluentes como tem nos EUA,

    basta andar por ruas brasileiras pra ver caminhões quase jogando diesel puro pelo escapamento

    • Bruno Wendel Marcolino

      Exato!!!!!

    • Dp Som

      Mas tem uma diferença… Não sairam de fábrica desregulados como a Amarok.

  • pgoytaca

    Pelos comentários daqui a Alemanha faz 7 x1 no Brasil até na corrupção. Explico, a vw vende carros pelados a preços insanos e ainda FRAUDA o sistema de emissão.
    Ainda assim a indignação é com o órgão que aplica a multa!
    O governo da Alemanha não tem participação na VW? Será que a Merkel também é do PT? Ela é do foro de Frankfurt?

  • Marquinhos

    A VW está dando risada do IBAMA, 50 milhões dividido por 17057 Amaroks vendidas dá R$ 2.932,00, ou seja, a VW faturou muito mais que isso em cada unidade vendida, pagou a multa e saiu no Lucro…. Uma Pena, isso é Brasil

    • Junoba

      Vai saber também se esse é o número de Amarok´s afetadas. Isso foi o que a VW divulgou.

  • Leandro Santos

    Não vão pagar.

    • Junoba

      Tenho certeza que não vai, assim como todas as multas aplicadas pelo Ibama em qualquer pessoa/empresa.

  • 1945_DE

    N.A., seria bastante interessante se o Ibama se pronunciasse sobre os questionamentos feitos por alguns aqui no site. O Ibama acompanha o nível de emissões dos veículos lançados no Brasil? O trabalho é feito em conjunto com o Imetro? Seria uma boa oportunidade para esclarecer este ponto, pois para muitos, nos quais eu me incluo, fica parecendo oportunismo para tirar uma grana da VW. Será que dá para divulgar como funciona o procedimento de liberação utilizado pelo Ibama? Obrigado.

    • Bruno Wendel Marcolino

      Boa sugestão.

  • Rodrigo

    E a fanzada fica indignada…

  • Nismo

    Pra onde vai o dinheiro dessa multa? Vai ser aplicada mesmo?

    Tá difícil confiar até nas atitudes “boas” aqui no Brasil!

    • Bruno Wendel Marcolino

      Natal ta chegando….

    • Lobo

      Uhum, vai ser aplicado sim, pra render mais e dps ser dividido o “bolo”.

  • Marcio Andriani

    Ué não entendi?? O Ibama descobriu que a VW engana muita Anta??? Vixxxxiiii então a multa tá barata……

  • Hox

    Se eu fosse a VW recolhia essas porcarias, indenizava os donos com a tabela Fipe e mandava tudo pra prensa. Já são problemáticas, de baixa qualidade internacionalmente reconhecida e não servem nem pra dar volta no shopping mesmo…

    Enquanto na Europa e EUA estão descendo o sarrafo na VW, com campanhas de boicote a marca, no BRHUE vemos fãs achando absurdo a aplicação da multa apenas porque é a VW. Bom, não se deve esperar nada de bom vindo de pessoas que defendem essa organização criminosa chamada Volkswagen.

  • Leandro Balmant

    Parabéns aos envolvidos!

  • Eduardo Jorge R. A. Silva

    Eu considero indício SÉRIO de fraude um veiculo ser certificado com uma potência X e um consumo Y e depois em vários testes independentes ter uma potência X + 20% e consumo Y -20% (exemplo teorico) como ocorre com up, golf e jetta turbos vendidos no Brasil; afinal, por que outra razão um veiculo testado teria menor potência (e portanto emissões) quando testado para certificação governamental e depois, em uso comum, ser bem mais potente e econômico? Não foi EXATAMENTE isso que a EPA americana descobriu nos carros da VW? O pior é que ainda que ocorra com outras marcas as diferenças mais discrepantes são as dos veiculos da VW.

  • Aldo Raine

    Fazendeiros no Amazonas desmatam 1 campo de futebol por segundo debaixo do nariz do IBAMA ha anos

  • Gutto Morais

    Olha o Ibama agilizando pra ja garantir a parte dele do bolo…50 milhões de reais para manter a campanha de algum político corrupto….



Send this to friend