Conversíveis Crossovers Volkswagen

Volkswagen vai lançar T-Roc conversível em 2020

Volkswagen T Roc Cabriolet esboço - Volkswagen vai lançar T-Roc conversível em 2020

Embora não sejam tão populares no mercado, os crossovers conversíveis serão uma das apostas da Volkswagen para os próximos anos. A fabricante alemã confirmou nesta sexta-feira, 23, durante o conselho de supervisão do Grupo Volkswagen, que vai lançar uma versão “sem teto” do T-Roc. Atualmente, um dos únicos crossovers conversíveis disponíveis no mercado é o Range Rover Evoque Convertible, que foi ofertado em nosso mercado com produção limitada por R$ 292,5 mil.


O novo modelo será fabricado na unidade da empresa de Osnabruck, na Alemanha, a partir do segundo semestre de 2020. Esta planta é responsável atualmente pela montagem do crossover médio Tiguan e do esportivo Porsche Cayman e emprega cerca de 2,3 mil pessoas. Para adotar a linha de montagem do novo crossover conversível, o local receberá um investimento de 80 milhões de euros.

“A Volkswagen está evoluindo para uma marca de SUVs. O T-Roc já está estabelecendo novos padrões para o segmento de SUVs compactos. Com o conversível baseado no T-Roc, vamos adicionar um modelo altamente emocional à gama”, disse o CEO da Volkswagen, Herbert Diess. “Estou satisfeito em notar que podemos contar com as décadas de experiência da equipe de Osnabruck com conversíveis” – o local produziu modelos como o Golf Cabriolet.


Na ocasião, a Volkswagen divulgou o primeiro esboço do novo T-Roc Cabriolet. Dá para notar que, assim como o Evoque, o modelo conversível compacto da VW vai sacrificar parte do espaço interno para contar com a carroceria “sem teto” mais arrojada.

A expectativa é que a Volkswagen apresente o seu primeiro crossover conversível em forma de conceito no Salão do Automóvel de Genebra, que acontece em março, ao lado do I.D. Vizzion. A variante de produção, porém, é esperada para o fim de 2019 ou o início de 2020.

Com este modelo, a VW deverá alcançar o seu objetivo de vender 20 crossovers e SUVs em todo o mundo, respondendo por 40% de suas vendas no mercado.

COMPARTILHAR:
  • Edu

    SUV ainda passa, agora sem teto não dá!!!

    • Igor Guimasi

      Seria um sofrimento, né, ter um suv sem teto.

      • RRodrigo Souza

        pq seria um sofrimento ?

        • RRodrigo Souza

          se pensamos bem mesmo sendo de categoria diferentes tem muito Jep ou Jeep que são altos e não tem teto, agora só pq o carro é um SUV ou Crossover ou outro tipo de seguimento não pode ter teto ? só carro esportivo como Ferrari e lamborghini que podem ser conversíveis ?

  • Handlay P.B.

    Apesar de o T-Roc me suscitar um travo, é legal a VW arrostar as tendências hodiernas e engendrar uma heteróclita versão conversível desse SUV. Conjecturo que esse veículo díspar não será ubíquo, sendo oferecido apenas na plaga da Europa e, quiçá, terá vendas auspiciosas.

  • Natán Barreto

    Saudades da época dos jipes sem teto com 2 portas. Eram excelentes opções pra pessoas que nao careciam de espaço e moravam em locais tranquilos.

  • Fabão Rocky

    Até os conversíveis estão virando Suv. LOL
    Fujam para as colinas!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email