Europa Gadgets Segurança Tecnologia Trânsito Volvo

Volvo vai implantar comunicação entre carros ainda este ano

volvo-car-to-car

A Volvo pretende implantar a tão esperada comunicação carro-carro ainda este ano. O sistema permite a troca de informações entre veículos, tais como alertas de trânsito, acidentes ou condições da estrada, por exemplo.

Todas as informações serão trocadas e armazenadas em nuvem e compartilhadas entre os veículos da Volvo, sendo o primeiro a portar esse sistema a perua aventureira V90 Cross Country 2017.

No entanto, de acordo com a Volvo, toda a linha 90 – S90, V90 e XC90 – terá essa tecnologia à disposição antes do final do ano, de acordo com Peter Mertens, vice-presidente da marca escandinava.

Desenvolvida em parceria com a Ericsson, a comunicação carro-carro da Volvo permitirá o envio de informações relativas às condições do piso de forma autônoma, sem a interferência do condutor. Dispositivos ligados aos sensores do automóvel enviarão os dados direto para a nuvem, alertando outros motoristas com a tecnologia.

volvo-car-to-car-communication-a

Quando as luzes de alerta de frenagem brusca são ativadas, um sinal é enviado aos veículos mais próximos, indicando que há problemas adiante. Para que funcione, o sistema precisa de uma conexão de internet a bordo, que pode ser utilizada do próprio veículo ou smartphone.

Mertens diz que a conexão baseada em nuvem elimina a necessidade de uma conexão direta entre os veículos, o que seria muito mais caro e difícil de executar. A tecnologia, no entanto, é semelhante à utilizada pelo Mercedes-Benz Classe E 2017, lançado no começo do ano.

A Volvo diz que os protocolos são diferentes, mas reconhece a semelhança. Mas, ambas não foram as primeiras com esse tipo de tecnologia, pois a Toyota lançou um sistema mais completo em 2015, quando o Crown passou a oferecer tanto a comunicação carro-carro quanto carro-infraestrutura, a chamada ITS (Intelligent Transportation System), que permite interagir com o sistema de tráfego das cidades, utilizando a frequência de 760 mhz.

Para outros países, a Volvo deverá utilizar um novo sistema, que não foi revelado por Mertens. Atualmente a tecnologia da Mercedes-Benz é utilizada em 20 países da Europa, além de EUA e China. O da Toyota só está disponível no Japão.

volvo-car-to-car-communication

Outras marcas

Audi, Cadillac e Jaguar Land Rover também trabalham na comunicação carro-carro e carro-infraestrutura, sendo que a marca alemã já começou os testes nas cidades americanas de Las Vegas, Nevada, e Seattle, Washington. O dispositivo tem um contador regressivo para sinais verdes e vermelhos.

Já a Cadillac pretende colocar este tipo de tecnologia em alguns modelos da linha 2017. No caso da inglesa Jaguar Land Rover, os testes começaram no Reino Unido e também em Ann Arbor, Michigan.

As duas tecnologias permitirão também que os carros autônomos tenham mais informação remota além daquelas mais próximas, que está obtendo durante a condução.

Com a antecipação de alertas de tráfego, acidente ou condições de pista, um veículo com essas duas tecnologias, associado com condução autônoma ou mesmo controle de cruzeiro adaptativo, poderá antecipar-se e ajustar a velocidade às condições apresentadas adiante, contribuindo para mais segurança, melhor fluidez do tráfego e economia de combustível.







Send this to friend