Volvo XC40 Recharge Plus tem um motor por R$ 309.950

xc40 recharge plus 1

Buscando ampliar as vendas do XC40, que já foram bem maiores por aqui, a Volvo traz o modelo com apenas um motor elétrico e preço sugerido de R$ 309.950.


Chamado Volvo XC40 Recharge Plus, o modelo chega com motor elétrico de 231 cavalos e 33,5 kgfm, sendo montado na dianteira.

Com bateria de 69 kWh, o XC40 Recharge Plus tem autonomia de cerca de 420 km no ciclo WLTP.

João Oliveira, diretor-geral de Operações e Inovação da Volvo Car Brasil, diz: “Para nós, isso é uma realidade que já está presente. Não só acreditamos nisso, como investimos e não paramos”.

xc40 recharge plus 2

Oliveira completa: “A nova versão do XC40 chega para trazer a eletrificação em uma faixa de preço mais acessível e isso expande a gama de consumidores que vão poder ter acesso a um modelo Volvo 100% elétrico no Brasil”.

Com visual atualizado com base no C40, o Volvo XC40 Recharge Plus chega R$ 90.000 mais barato que o XC40 Recharge, que custa R$ 399.950.

Este tem dois motores elétricos com 408 cavalos e 67 kgfm, entregando 418 km de autonomia com suas baterias de 78 kWh.

O Volvo XC40 Recharge Plus traz para-choque dianteiro redesenhado, novos faróis com formato mais fluido e rodas de liga leve exclusivas.

xc40 recharge plus 3

Segundo a Volvo, o XC40 Recharge Plus traz interior livre de couro, mas adiciona acabamento com texturas topográficas com elementos tridimensionais inspirados no Parque Nacional de Abisko, no norte da Suécia.

O ambiente tem ainda a nova cor Fjord Blue para enaltecer a proposta ecológica, inspirada nas geleiras escandinavas.

Já a multimídia é a Google Automotive Services, com sistema operacional Android, tendo atualização via OTA, como já comentamos na avaliação do XC40 Recharge.

André Bassetto, diretor de Produto e Pós-Vendas, comenta sobre a multimídia: “Buscamos dar aos clientes a mesma experiência que eles estão acostumados em seus telefones, mas adaptados para interação mãos livres enquanto dirigem. Dentre os recursos está o comando de voz, além do acesso a um ecossistema de aplicativos nativos no carro via Google Play”.

Autor: Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 26 anos. Há 15 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.