Volvo XC60 e XC90: mais potência e autonomia no Brasil

A Volvo Cars já comunicou os concessionários brasileiros da chegada dos modelos XC60 e XC90 atualizados, que ganharam mais potência combinada e mudanças também na autonomia, agora maior.


Os dois SUVs da marca nórdica chegam importados da China e Suécia, respectivamente.

As alterações nos dois utilitários esportivos híbridos plug-in começam com perda e, nesse caso, referente ao motor Drive-E 2.0, que passa de 320 para 317 cavalos.

Provavelmente essa redução se deve à adequação do mesmo ao Proconve L7, visto não ter sido noticiada na Europa, permitindo assim que o Drive-E continue a operar nos dois modelos escandinavos.

Além disso, o Drive-E perdeu o supercharger, substituído por um gerador de partida integrado de 54 cavalos.

Com isso, a Volvo reduziu o turbo lag existente no modelo anterior, melhorando assim a performance.

No modo EV, os XC60 e XC90 agora podem subir aclives apenas com potência elétrica e a velocidade final com energia agora é de 140 km/h.

Contudo, a perda de 3 cavalos nem se compara ao ganho com o motor elétrico, que passou de 87 para 145 cavalos, um aumento de 58 cavalos.

Combinadamente, os XC60 e XC90 passaram de 407 para 462 cavalos, um acréscimo de 55 cavalos.

Além disso, há aumento de torque de 65 kgfm para 72 kgfm, um adicional de 7 kgfm.

Já as baterias de lítio passaram de 11,6 kWh para 18,8 kWh, aumentando a autonomia para 71 km no caso do XC90 e 78 km para o XC60.

As novas baterias têm um novo método de comunicação da autonomia máxima atingível.

Agora, o alcance apresentado mudará de acordo com temperatura externa, clima, estilo de condução e velocidade de condução.

O comunicado fala ainda que a autonomia pode mudar de um dia para o outro, mesmo com a bateria estando 100% carregada.

No modo “B”, a capacidade de recuperação de energia para a bateria aumentou.

Outra mudança, esta exclusiva do XC60, é que agora ele vem com modo “Creep”, que permite uso do freio motor elétrico para reduzir a velocidade até parar, como no modo One Pedal Drive do XC40 elétrico.

As mudanças ainda não foram divulgadas oficialmente pela Volvo Cars e o XC60 referido, tem o código “H6” no número do chassi.

Agradecimentos ao Dimitris.

Autor: Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 26 anos. Há 15 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.