Home Comprando e Vendendo Com preço de R$ 70.000, carro tem custo mensal de R$ 3.800...

honda civic 2012 auto press impressoes 3 Com preço de R$ 70.000, carro tem custo mensal de R$ 3.800 no Brasil




Um estudo feito pelo consultor automotivo Leandro Mattera, revelou que um carro de R$ 70.000 no Brasil gera um custo mensal de R$ 3.844.

Esse custo é referente a seguro, manutenção, juros, impostos, depreciação, combustível e custo de oportunidade.

Ele utilizou como exemplo um Honda Civic zero km. O valor do custo mensal é referente ao modelo com financiamento, mas sem isso, o custo cai para R$ 3.538,22. Uma queda de 8% nas despesas mensais.

Para ter um cálculo exato dos custos de qualquer automóvel – no caso do exemplo, o Honda Civic – foram reunidos os custos de aquisição, propriedade, oportunidade, venda e financiamento.

O custo de aquisição – no caso do exemplo – é referente ao preço de compra do veículo (R$ 70.000) mais as taxas de circulação, como registro do veículo (R$ 204,69) e lacração (R$ 70,99).

Custo de propriedade leva em conta os gastos que terão de ser feitos em um ano, tais como:

IPVA – R$ 2.800 = 4% do valor do carro em SP.
Seguro – R$ 2.100 = 3% do valor do carro.
Licenciamento – R$ 62,70 + R$ 11 para envio opcional pelos Correios.
DPVAT – R$ 101,16.
Consumo – R$ 4.050 = 10 km/litro, 15.000 km rodados e gasolina a R$ 2,70.
Revisões – R$ 160 + R$ 180 hora na troca eventual de peça de desgaste natural.
Pneus – R$ 100 = alinhamento/balanceamento.
Multas – R$ 130 = estimativa Dinheirama.
Estacionamento – R$ 1.800.
Lavagem – R$ 720.

Depois há o custo de venda do carro e a desvalorização, que no caso do Honda Civic novo é de 14% no primeiro ano. Assim, seu valor cai de R$ 70.000 para R$ 60.200. Em quatro anos, o Civic perderá R$ 17.500 de seu valor original. Isso ainda é bem pouco se levarmos em consideração alguns modelos do mesmo segmento.

Liquidez é a facilidade de vender o carro sem perder muito dinheiro. No entanto, nem sempre o proprietário vai conseguir vender pelo valor pedido, as vezes até acima da tabela FIPE.

Nesse caso, alguns desvalorizam o veículo em relação à tabela para facilitar a venda. Neste exemplo, o desconto foi de 5% em relação ao preço de tabela, o que gerou uma despesa extra de R$ 2.625 com valor de venda de R$ 49.875.

Já o custo de oportunidade leva em consideração o valor pago pelo veículo, que caso fosse aplicado poderia render R$ 23.482 em quatro anos, com taxa Selic anual de 7,5%.

Por fim, o terrível financiamento de um carro de R$ 70.000 foi calculado levando-se em consideração entrada de R$ 35.000 e saldo em 48 meses. Nesse caso, com juros de 1,5% ao mês, o valor da parcela seria de R$ 1.028,12.

Ao final de quatro longos anos, o valor financiado totalizará R$ 49.349,76. Há ainda o IOF de R$ 595. No final, o valor do Honda Civic pula de R$ 70.000 para R$ 84.944,76. Ou seja, um acréscimo de R$ 14.944,76.

No final das contas, o custo mensal do Honda Civic de R$ 70.000 com e sem financiamento é de R$ 3.844 e R$ 3.538,52. Em um ano, os valores correspondentes são de R$ 46.136,50 e R$ 42.462,25.

Mas estes valores sobem para níveis bem mais altos, se levarmos em consideração o impacto financeiro total (com custo de oportunidade) em quatro anos: R$ 114.794 e R$ 99.849, na mesma ordem.

Já o impacto financeiro com o preço de compra chega a R$ 184.546 com financiamento e R$ 169.849. O custo por km rodado é de R$ 3,07 e R$ 2,83, respectivamente.

Enfim, depois desse complexo conjunto de cálculos e valores, o consumidor que deseja ter um carro e se preocupa com os custos vai pensar muito mais na hora de comprar. Mesmo assim, quem precisa terá que encher o peito e mergulhar nas despesas. Afinal, ninguém vive sem elas nos dias de hoje.

[Fonte: Infomoney]

Agradecimentos ao leitor Wilmar pela dica.


  • Tom_Araya

    Tolo aquele que acredita que carro é investimento.

    • Cristiano_RJ

      Ainda mais tolo quem aceita pagar a mais na aquisição (maior custo de oportunidade) para perder menos na revenda (depreciação após n anos de uso) e acha que fez um negoção.

      • Tom_Araya

        Realmente, não compreendo quem faz este tipo de compra. É uma lógica torta e burra!

        • RafaSprenger

          Eu compro apenas carro semi-novo e nunca tive nenhum problema, tenho meu mecânico de confiança e faço tudo certinho sem ficar tendo que gastar um valor muito mais elevado no que seria do mesmo modelo zero, possuo um punto 1.8 e até o inicio do ano que vem, pretendo adquirir um sedan de porte médio já que irei casar e precisarei de um carro um pouco maior, porém não vejo muito sentido em comprar um carro zero, eu espero no mínimo o carro ter um ano e meio ou dois de uso, sempre faço a avaliação com o meu mecânico antes da compra e pesquiso muito, se todos fizessem isso durante um ano inteiro ou dois, tenho certeza que daria uma grande balançada nas estruturas financeiras e os preços cairiam drasticamente, mas enquanto brasileiro tiver a ideia que carro é sinônimo de status, vai continuar levando granito a preço de ouro…

          • afonso200

            claro, tem que ir olhando, nem que demore 6 meses, quando achar algo bom, quilometragem, e valor que voce possui, dai sim negocie, mas o pessoal se atira no 1° (primeiro) carro que ve no memso dia e compra

    • bandaxadibar

      tolo² é aquele que acredita que carro é investimento e aquele que compra carro por status

      • Tom_Araya

        Bandaxadibar, não ha nada de errado em se pagar pelo status. Em alguns casos é até necessário.
        Veja meu exemplo: Meu pai é corretor de imóveis de alto padrão, seguidamente tem que mostrar obras e apartamentos prontos, casas de luxo, etc.. Ele não é rico! Mas precisa colocar o cliente no carro dele (no caso possui um Civic EXS AT. 2012 *Não tirou 0km).
        Como que ele colocaria um cliente em potencial de compra de um apartamento R$ 1 milhão a R$ 5 milhões em um Gol, Clio, Corsa, Celta, etc..?
        Ele precisa comprar o status para passar confiança para os seus clientes.

        • bandaxadibar

          ….mais ou menos….o CEO de uma grande multinacional que conheço, anda de Vectra 2006….ele é milhonário e não se importa pelo status..Presidente do Uruguai anda de fusca!!!!mas concordo com você, seu pai o status para viver, mas a grande maioria dos tupinikins, se endividam para fazer ciumes ao vizinho….conheço muitos que possuem carro importando e moram de aluguém em casa simples, e o pior de tudo é que eles jamais andaram de avião, nunca foram a uma churrascaria ou pizzaria e muito menos realizam manutenção preventiva em seus carros…

          • Tom_Araya

            Sim ele precisa do status para garantir seu sustento.

            O presidente do Uruguai é um louco comunista, ex-terrorista que está tentando legalizar a maconha lá e diz que doa 90% do salária para caridade, ou seja não o levo em conta para nenhum (bom) exemplo.

            E a respeito do CEO, pode ser que ele não ligue para status ou tenha medo de assaltos e sequestros (dependendo de onde ele mora) mas isto é pessoal dele.

            Concordo em se pagar por status, se você tem condições para isso. Agora ter um carro de R$ 70.000,00 e morar de aluguel é dose, hein? E também conheço gente assim!

            • Sias

              Já vi gente que invadiu condomínio popular (aconteceu perto de minha casa) mas o carro 0km tava na frente da casa. Tem gente que até prefere morar de aluguel, mas vai entender…

              • Tom_Araya

                Você está citando criminosos. Não deveriam servir de exemplo, que fiquem no aluguel então!

                • Sias

                  Não há dúvida que são criminosos, mas sabe a desculpa deles: que não tem dinheiro para pagar um aluguel e nem pra comprar a casa própria, Ficam posando de coitados, o que não são.

              • Tejolo

                Não vejo problemas em morar de aluguel e ter carro melhor. Imóvel próprio é bom para quem tem certeza que vai ficar um bom tempo no mesmo lugar, o que não é o caso de todos. Além do que a rentabilidade do valor de um imóvel, bem investido, paga o aluguel, e ainda sobra bastante. E ainda fica-se com o $$ na mão para bons negócios que possam aparecer, e assim ganhar mais ainda. Burrice é morar de aluguel, ter carro caro e não ter dinheiro investido.

                • Sias

                  Mas acredito que 90% dos que moram de aluguel não tem nada investido, geralmente ou ganha pouco ou gasta tanto que nunca conseguiu adquirir nada. E um aluguel paga tranquilamente uma prestação de financiamento habitacional. \eu prefiro coisas mais concretas do que confiar em investimentos que podem dar errado…daí fica sem uma coisa e nem outra.

                • Sr_Andante

                  Pode-se morar em um imóvel de aluguel barato e alugar o imóvel próprio melhor localizado, isso dependendo da disposição da pessoa em relação ao padrão de vida. Se a especulação não valorizasse tanto os imóveis, seria melhor aplicar financeiramente. Mas em algumas cidades maiores, está sendo um excelente negócio especular. Em um ano chega-se a mais de 25% de valorização (isso se alguma bolha não estourar). Somado ao valor mensal do aluguel, seria bem melhor que aplicar o dinheiro, que geralmente renderia de 10% a 20% a.a.

                  • radiobrasilcombr

                    Moro no interior de SC (cidade de 80 mil hab) , e não só aqui como em outras cidades acompanho uma valorização muuuuuuito acima da inflação nos ultimos 10 anos.
                    Imóvel que vc comprava fácil com 60 mil há 8 anos hj não sai por menos de 200.
                    Pode vir economista dizer que imóvel não é o melhor investimento, mas eu NÃO acredito.

                  • RMN14

                    Essa bolha de imóveis vai se estourar após a copa de 2014…é o que dizem….

              • yuricalmon

                Morar de ALUGUEL pode ser uma alternativa inteligente: o aluguel custa geralmente entre 1 a 2% do valor do imovel e qualquer negocio que vc colocar voce pode ter lucro de 10, 20, 30 50% ou mais. Entao se voce mora num imovel alugado que vale R$300 mil e paga R$5 mil de aluguel e investe os R$300mil num negocio e ganha de R$30 a R$150mil por mes e´ ou nao um bom negocio? da para comprar em pouco tempo varios imoveis e carros!! ou ainda reinvestir no proprio negocio e ser um milionario !!!

                • Sias

                  Vai ver que é por isto que a maioria do povo aplica na poupança e outros tantos estão ricos, aplicando seu dinheiro em investimentos que pagam ATÉ 50%….Na boa, isto não existe.

                  Não esquece de colocar o imposto de renda. Se eu soubesse um investimento que me desse 10% certo (nada de risco) eu estaria hoje ganhando mais de 6mil sentado em casa….sem precisar vender casa…carro…

                  • Edson Roberto

                    Alias… parece que o pessoal daqui tem tanta grana, que eles parecem achar que a população se espelha nessas "oportunidades" e que dinheiro não falta para isso.

                    Entretanto, vejo a grande maioria morando justamente em um imovel proprio (alguns alugados) e sem toda essa grana para investir.

                    Eu mesmo tenho grana guardada, mas tenho um imovel proprio financiado.

          • Doidim2011

            Lembro-me do filme O ÚLTIMO IMPERADOR;
            No filme o imperador andava de liteira, assim que foi implantada a república trouxeram automóveis Peugeot para o presidente.
            Questão de oportunidade.
            Quando falam de oportunidade me lembro do juiz Lalau.
            Como tenho que trabalhar muito e é suado o meu dinheiro, vejo automóvel como meio de transporte.
            Esse ano como tenho andado muito de ônibus, nem sinto falta de carro.

            • _Rafael

              FALAR É FACIL, quero ver pegar onibus aqui em São Paulo 5 horas da tarde. É melhor ficar parado num carro com A/C e sentado do que ficar dentro de um onibus infernal em pé. O metrô só não é pior porque anda um pouco mais rápido.

        • Sias

          Sei de cara que aluga carro de luxo para estas situações. Infelizmente é uma realidade, o carro é significado de status e de sucesso pessoal.

          • Tom_Araya

            Já ouvi história de alugar carro de luxo também, inclusive aqui tem imobiliária que vai buscar o cliente de helicóptero no aeroporto! E
            Civic passa anos luz de ser um carro de luxo, mas é um automóvel que da certo status e passa confiabilidade de sucesso pessoal, e também não é nenhum golzinho/corsa ou qualquer outro popular por ai.

            • Sias

              Tenho um amigo que era representante de laboratório farmacêutico (multinacional) e ele tinha um Uno. Estava tomando pressão para que trocasse o carro, que não dava pra fazer visitação aos médicos com "aquele" carro.

              • Cristiano_RJ

                Cada um com suas prioridades. Sabe-se lá quaís são as despesa mensais dele com outros itens? Ou se ele está guardando para algum projeto maior, tipo um imóvel, sei lá? Só sei que com a função dele, é perfeitamente possível adquirir um carro melhor. E isso nada tem a ver com status. É questão de conforto e segurança mesmo. Só sei que se eu tivesse essa atividade profissional, que exige horas por dia dentro do carro pra cima e pra baixo, eu não abriria mão de um carro melhor. Posso até dizer que seja uma questão de saúde.

                • Sias

                  Sabe como é: tá começando, paga aluguel, escola do filho….gasta com coisas supérfluas….acaba não sobrando para o que seria mais importante.

                  Eu também compraria outro carro….Ele rodava muito mesmo, não ficava restrito a só dentro da cidade, fazia várias cidades da região metropolitana.

              • DougSampaNA

                Isso é verdade, passei por isso, eu tinha um carro mais velho pra andar na periferia de SP que é buraco dentro de buraco, "os clientes" me enchiam o saco dizendo que vendedor de arroz tinha que andar de carrão…eu olhava pra eles, dava aquela risadinha…PQP, com comissão de 1% que porra de carrão dava pra comprar vendendo um produto FDP que só sobe de 9 em 9 ANOS??
                A empresa apenas me disse que eu devia cuidar melhor da imagem, afinal eu levava a imagem da empresa…mas as minhas contas ela nunca perguntou como eu levava!!! >p

                • Sias

                  Esta questão da imagem é o que este tipo de empresa cobra de seus funcionários, mas ajudar que é bom….

                  • Edson Roberto

                    E o mais engraçado que eu sempre penso é: Foi como um amigo meu…

                    Ele trabalha na coordenaria administrativa de uma grande empresa e, ao ir trabalhar com um Polo 2008 sedan, foi questionado de precisar de um melhor carro. E ele disse: Bem, eu até posso adquirir um melhor carro, o problema é que fazendo isso, eu deixo de continuar meu ingles em Miami (fazer intercambio), deixo de terminar meu curso de espanhol (que faltavam 6 meses), deixo de realizar viagens para a empresa (porque o custo de cuidar do carro tomaria dinheiro dele) e que para quem precisa ter reserva, não dá com o atual tipo de atividade que exerço.

                    Conclusão: A empresa forneceu para ele um C5, que, depois se transformou em um 307 2.0 Top de linha. As vezes usa um 408 Griffe (2.0), mas obrigou a empresa a fornecer o carro que ele precisava já que ele iria ter que se desfazer de uma série de itens da empresa.

                    Mas há momentos que não há maneira disso, pois falo como meu cunhado que também em 2009 teve que comprar um Honda Civic para "mostrar" esse status. Hoje possui um 320i que serve para isso, pois o mesmo praticamente usa o Grand Siena da mulher para ir até a casa de meus pais por exemplo.

              • Tom_Araya

                Ele deveria trocar de carro, sim.

                Mas algo que caiba no orçamento dele, não apenas ponderar se "da pra pagar parcela do financiamento".

        • Antonio_Sergio

          Desculpe-me, mas acreditar que um Honda Civic EXS AT – ou qualquer Honda – seja demonstração de status para quem pode comprar imóveis de alto padrão é mesmo querer superestimar a burrice ou falta de cultura do cliente, para não dizer o contrário.
          Deveria utilizar carros que em seus países de origem sejam realmente "de luxo". Honda Civic EXS AT, em qualquer país com melhor economia, é carro básico, tal qual aqueles citados (Gol, Clio, Corsa, Celta).

          • Edson Roberto

            Entretanto, a pessoa que comprou esse modelo, só precisa passar a imagem que é bem sucedido no que faz. Até porque, um Honda Civic EXS para o dia-a-dia pode demonstrar que ele queira demonstrar um carro mais simples para não chamar tanta atenção, sem deixar aqui no Brasil de ser um tipo de carro diferenciado.

            Entretanto, para seus finais de semana, pode ter um Cayenne que obviamente não o usa para não sofrer algum tipo de abuso pelas ruas. Foi só um exemplo que, pode se valer para mostrar o que a pessoa precisa para o trabalho. Agora, essa mesma pessoa, só comprou o Civic EXS porque aqui no Brasil tudo é caro e eu mesmo, hoje gostaira de ter um desse. Entretanto, teria que partir para financiamento para isso, coisa que, entendo que um carro desses não sejam para qualquer um. Aqui no Brasil é essa realidade, talvez nos EUA, ele estivesse andando de BMW Serie 5….

        • afonso200

          no caso de seu pai é correto, mas como voce disse deve ter comprado um com menos de 5mil km, já desvaloriza uns 9mil reais

      • PONCIO PILATOS

        existe alguém que não compre carro por status? eu gostaria de conhecer… falsa hipocrisia, ou vc acha que um sujeito passa fome pra andar num carro com roda 20, só "por andar"… para transporte, até um fusca velho serve, mas pq não se transportar e aproveitar para ser visto, e se der para tirar uma onda, melhor ainda né?

        • MajorAutomotivo

          Eu.
          Advogado, 38 anos, ganhando razoavelmente bem, atualmente divorciado, uma filha.
          Carro: Renault Logan AT, 1.6, 16v, completo. Passo totalmente desapercebido nas ruas e no prédio.
          O carro me leva para o fórum, para o escritório e para outras cidades. É para isso que serve, certo?

          • Pedro_Rocha

            Com esse nome eu achava que você fosse militar…

        • cruzmarcio

          Eu. Tenho um Astra sedã 1.8 de 13 anos de idade, com manutenção impecável, sem um arranhão, e não tenho a menor pretensão em trocar.

          A propósito, a maior prova que tem muita gente comprando carro sem se importar com status é esse carro aqui ser líder de vendas disparado na categoria:
          http://quatrorodas.abril.com.br/galerias/imagens/

        • Edson Roberto

          Eu tenho um Citroen C3 para uso do dia-a-dia, justamente por ser um carro barato de se cuidar e economico. E possuo um Citroen Xsara hatch 2001 2.0 automatico como segundo carro para emergencias do primeiro.

          Se isso para vc é "status"… para mim é necessidade. Meu trabalho exige que eu tenha um carro e que na falta de um, eu tenho que ter um carro reserva. E minha compra de carro usado se baseou em um carro que pudesse apenas ser substituto do meu oficial para problemas que poderiam aparecer eventualmente e ao mesmo tempo, ser um carro que pudesse usar se fosse fazer viagens de lazer isso se, não fosse meu carro principal.

    • MajorAutomotivo

      Tolo³ é quem aceita pagar ágio.

      • josevaldop

        TOLo é quem paga 5.000 pela cor branca

        • PortoWF

          Tolo é quem faz questão de trocar de carro todo ano pq acha q assim não esta perdendo dinheiro!

          • bandaxadibar

            e pensa que carro é investimento

            • Cristiano_RJ

              Peraí? Mas isso não já foi dito lá em cima? No início de tudo???!!! :p

      • victorbueno10

        ganhei 50 mil na venda de um mustang v6 usado…investi 115mil nele entao meu amigo digo apenas um coisa carro e sim um investimento se não as garagens n iriam existir…

        • Tom_Araya

          Dois pesos e duas medidas, meu caro.

          Não distorça meu comentário.

        • MajorAutomotivo

          Tenta fazer isso com um Gol.

    • radiobrasilcombr

      Em raríssimos casos, carro pode até ser um investimento, como carros clássicos. Maverick que vc pagava 3,4 mil no máximo ha uns 10 anos, hj valem muuuuuito mais. Mas é exceção e não regra.
      Carro zero é prejuízo na certa sempre.

      • afonso200

        maverick GT placa preta os caras querem 89mil, charger R/T placa preta querem 69mil

        • Edson Roberto

          Se depender de mim… vão ficar com placa preta e com a placa de vende-se eternamente. Sei que é um classico, mas pagar isso em carro USADO eu não pago (claro que me refiro aos classicos, por mais valorizados que sejam e tenham uma historia).

          Para mim, tais carros no maximo dos maximos R$30000 e eu ainda não teria coragem.

  • Daniel Ramos

    Não basta ter dinheiro pra comprar, tem que ter dinheiro pra manter(ainda mais nesse país que até o peido que se solta vc paga imposto). Ou seja, além de pagarmos um absurdo pelo carro, temos que pagar um absurdo pra manter-lo. Conheço tantas pessoas que compram um P* carro, dividem em zilhoes de vezes, e nunca conseguem pagar.

    • PONCIO PILATOS

      é aqui que o bicho pega, o povo só pensa nas prestações, o resto, leva na flauta….ou no cartão…

    • Cil

      Comentário mais que acertado. Eu acho bonito SUV, sou apaixonada pelo Optima e Fusion. Gosto muito do Smart. Todos custam mais… muito mais do que eu posso manter, além de serem (exceto Smart) um exagero para as minhas necessidades. No fim das contas, CARRO NÃO É INVESTIMENTO. Meu carro atual será usado até dizer chega. Quando não prestar mais, e espero que dure uns 10 anos já que mantenho ele direitinho, vai para um ferro velho e acabou.

      Aliás, no BR deveria ter um PCA – Pagadores de Carnês Anônimos – para tratar de gente que acha que viver pagando prestações é o máximo. Eu tenho colegas que sequer terminaram de pagar as 60 parcelas do seu Civic, mas já quer vender para comprar o novo… em novas 60 parcelas! Cê tá doido!

      • Daniel Ramos

        Boa complementação, infelizmente minha cara, esse é o pais que vivemos…se quisermos mudança, temos que começar a AGIR!
        Se tivesse protestos, reclamações a altura, e o povo deixasse de dar mole pro governo, talvez as coisas mudariam.

      • afonso200

        pois é fica 1 ano e meio sem divida do carro, pinta a casa, monta uma casa no litoral, depois volta e compra outro da de entrada….ahh sei lá o povo é …

      • Edson Roberto

        E te digo, mesmo para seu uso, seria CARO de manter o Smart perante seu Picanto viu….

        Depois disso, vc veria que émelhor ficar com o Picanto mesmo…rs

        Mas fique tranquila… se depois de 10 anos, vc quiser mandar seu carro para o ferro velho, não esqueça de me contatar antes, vou até onde vc mora e busco ele e fico par amim…rsrsrs

        Eu tenho um carro de 11 anos de vida e te digo que ele esta bom, mas se vc achar que o seu não vai ficar eu "salvo" ele…rs

  • Louis

    Pra você ver como brasileiro é insano. Todo mundo doido pra perder dinheiro ! Fazem até fila pra isso, com espera de 90 dias!

    • bandaxadibar

      e pagam 5k por pintura branca

    • Sr_Andante

      Você disse bem : "Brasil, o único lugar do mundo onde as pessoas fazem fila para perder, e ainda sorrindo".

  • anderson_sp

    Triste realidade mesmo, é ótimo ter uma oportunidade de comprar um carro zero, mas os riscos deveriam ser levados em conta na hora de comprar um financiado por exemplo, se o que a pessoa ganha dá pra arcar com o que vai pagar e sobrar para o cara ter uma vida normal, e não tirar do que comer e se divertir pra mostrar para os outros que está andando de carro novo, mas mal tem dinheiro pra fazer um seguro e despesas que este carro venha a ter.

    • W_Costa

      Não é triste é realidade nua e crua, quem tiver coragem encara, se não continua andando a pé, reclamando e maldizendo quem teve peito de comprar e se sacrificar para realizar seus objetivos (se um carro já é sofrível o que dirá uma casa própria!!), até por que sem $sacrifício$ só consegue as coisas quem é rico mesmo, mas até o rico se sacrificou pra chegar lá, então é ralar e batalhar mesmo, pois o que vem fácil vai fácil, e o que é conquistado com suor e sacrifício tem um sabor especial de vitória.

      • anderson_sp

        Prefiro ser racional do que irracional, agir por impulso e encarar um financiamento insano sem condições de arcar deve ser algo muito prazeroso mesmo, mas prefiro deixar para os outros fazerem isso, não deixaria de viajar, comer o que gosto, sair, gastar com estudos próprio ou dos filhos, para fazer loucuras pra manter uma pose ou pseudo status para os outros, deixar de ser racional e comprar algo que condiz com o orçamento, pra comprar algo que não está dentro do padrão financeiro e depois sofrer com ligações de assessorias de cobrança por parcelas atrasadas fazendo da vida um inferno com ameaças até chegar o ponto de dar busca e apreensão por não conseguir pagar aquilo que mal teve dinheiro pra pagar, por isso que tá cheio de gente devendo e crescendo nº de inadimplentes, até porque quem compra acha que nunca pode ficar desempregado, doente e por aí vai, esse é o Brasil…….

        • W_Costa

          Cara tem gente que se priva de realizar sonhos mesmo tendo condições, por puro medo, aí é bem pior, mas há quem gosta de moleza, sombra e agua fresca, ou é bandido ou preguiçoso ou simplesmente acomodado (ou tudo isso junto), o brasileiro de verdade que não fica se lamentando ou culpando o governo e vai a luta pelos seus objetivos, esse sim consegue algo na vida, temos juros altos, temos , temos carros caros, temos, isso só prova que quem chega lá é duplamente determinado e competente, e ainda dá pra ter o nome limpo sim, basta deixar de preguiça, gula e moleza, arregaçar a manga da camisa e ir a batalha, esperar a situação melhorar do nada ou o governo bancar e dar tudo de graça é fácil demais e qualquer um faz isso, e avida é muito curta pra ficar assistindo de camarote e esperar melhorar para agir….

        • Edson Roberto

          Anderson, acho que o cara não te entendeu e ele te respondeu errado também.

          Eu concordo com seu primeiro comentario e obviamente esse no qual lhe respondo. Entretanto, acredito que ele tenha entendido que vc seria uma especie de "mão de vaca" que não financiaria um carro mesmo tendo condições para tal.

          E veja, a questão aqui, é que ele disse que as vezes vc precisa ralar, batalhar muito e as vezes partir para parcelamentos, financiamentos se necessario para adquirir um bem necessario. Mas acho que não fugiria do que vc pensa não.

          Eu te falo por mim que tive que financiar meu carro atual (O C3) e tenho um financiamento de um imovel no qual moro hoje. Acho que com controle e sabendo do que vc faz, é um bom negocio. Ruim é quem poe o financiamento a perder de vista e não se planejou para tal.

          • anderson_sp

            Verdade, o cara confundiu tudo e deixei pra lá, já começou errado, se fosse tentar explicar ia dar na mesma, confundiu agir com racionalidade com moleza, bandidismo, acomodado………………nada a ver com o que eu queria dizer.

            Você usou o dinheiro de forma consciente dentro das suas condições, mas muitos não fazem desta maneira e acabam se endividando.

  • marcio233

    Brasileiro é rico!

    • Astrehl

      Eu diria que o povo brasileiro é o mais rico do MUNDO! Não se importa em pagar 35 mil dólares em um Civic ou 18 mil dólares em Gol. Compram até sem olhar o extrato bancário antes!

    • tiagoberti

      ao menos 90% são, eu não faço parte desses e nem farei, prefiro investir em usados mesmo

  • bandaxadibar

    Excelente matéria….se todo o consumidor, (se fosse lei) tivesse que saber estes números, certamente iria pensar duas vezes antes de comprar um carro por impulso ou por status (fazer inveja ao vizinho)…

    PARABÉNS PELA MATÉRIA….O QUE FOI RELATADO É A MAIS PURA REALIDADE..

  • farleytito

    e tá barato pra caramba!! só aqui mesmo viu,e a culpa é DILMAquem??

    • joaooficial

      realmente, os preços dos carros e impostos só ficaram altos no brasil há 2 anos quado dilma foi eleita.

  • marciors01

    Na verdade pode ser realidade em cidades grandes, o seguro do meu megane que na fipe custava na época da compra 57k custou R$900 com bonus seis, de estacionamento talvez eu gaste cinquenta reais por mês, duas lavagens por mês R$40.
    Somente nestes pontos já é possivel afirmar que este cálculo de R$3800 por mês é um absurdo, ao menos no interior é totalmente fora da realidade, se custasse algo próximo disso manter um carro eu andaria de popular 1.0.

    • http://www.historias-de-minha-vida.blogspot.com/ olhandoalua

      A materia usou apenas um exemplo, não tem como cobrir todas as situações disponiveis… A materia usou o perfil de alguem que mora na cidade e que provelmente use bastante o carro…

      Mas a partir daí cada um pode usar a materia como exemplo e fazer seus proprios calculos para saber o quanto gasta por ano… Conheço algumas pessoas que possuem o perfil da materia, sinceramente nesse caso eu também pegaria um 1.0…

      • marciors01

        O problema é que todas as matérias deste tipo utilizam este exemplo, o vrum fez o mesmo e o problema é que fica como regrada, ter tal carro custa tanto por mês…
        Dizer que um carro normal custa R$3800 por mês é doidera, como disse, talvez para quem more em uma cidade grande como Porto Alegre ou São Paulo a coisa se aproxime destes valores, talvez, mas é preciso ser um tipo muito específico de proprietário para gastar tanto com um carro mensalmente.

        • fredggp

          Márcio. Eu diria que a matéria citou o pior caso, mas o que importa são os itens para efetuar o cálculo que na matéria acredito ter abrangido tudo. Esse é um cálculo financeiro, veja que incluiu o custo de oportunidade. Pegue os itens e faça o cálculo adequando-se a sua realidade e vais se surpreender…

  • http://www.youtube.com/user/VideoDener?feature=mhee DENHOT

    Caramba, como é caro ter carro no Brasil.
    Eu acho este modo de IPVA por valores de carro um crime.
    Deveria ser por motores.
    Muito caro o IPVA no Brasil.

    • PortoWF

      Nos EUA vc só paga uma vez, quando compra.

  • Lisboa_Rafael

    Nas minhas contas, simplificando que aqui nesse blog todo mundo entende do assunto eu imagino.
    Se ficar com o Civic por 3 anos e considerar o carro como necessidade e não investimento, retirando assim o custo de oportunidade.
    Depreciação em 3 anos: R$ 20.000,00
    Custo do IPVA: 2.800 + 2.300 + 2.200 (Considerando depreciação)
    Custos de aquisição: 400
    Seguro: 6.000 (3 anos)
    Revisões: 3.000 (a cada seis meses R$ 500 cada, em média)
    Pneus: (1 jogo) 1600 (montados e balanceados)
    Lavagem: 6240
    Combustível: 12300
    Multas não são culpa do carro.
    Total: R$ 1579 mensais (três anos)

    • Wikle

      Mesmo sendo pequena a diferença, retificaria custo de aquisição. Carro de R$ 70k, após 3 anos vendendo por R$ 50k = 555,00.

      Sei que cada um tem suas "necessidades", mas achei esse seu valor para lavagem muito alto, cerca de metade do que gastaria com combustível. No meu caso eu raramente mando lavar, não teria esse custo todo.

      • evtdesign

        Realmente ele exagerou demais (ou errou, mais provável) na lavagem, fazendo uma conta básica tá em torno de 170 reais por mês de lavagem!

        Quanto a matéria também acho alguns valores exagerados, como o do estacionamento por exemplo. Dá 150 reais por mês. Pouca gente usa isso por mês.

        • Lisboa_Rafael

          Também não concordo como custo de estacionamento da reportagem, no meu caso ele nem existe, moro em uma cidade de 12000 habitantes e não temos esse problema.

          Errei a conta da lavagem realmente: o correto seria R$ 20,00 cada X duas por mês (meu caso) X 36 meses = R$1440,00
          Recalculando seriam R$ 1445,67 mensais.
          Agradeço o alerta do erro de cálculo.

          • dferraz88

            Acho que este cálculo está coerente, se for analisar que com este gasto de gasolina teria rodado cerca de 50 mil km, com conforto. Não fica muito diferente que outros meios de transporte no Brasil, se tivesse que pegar um onibus ou taxi para essas movimentações, possivelmente teria um gasto até maior.

            Não acho que seja barato (muito menos justo), mas infelizmente essa é a realidade e para muitos (dependendo de onde mora e trabalha) acaba sendo a opção com melhor relação Custo x Benefício.

    • Eugenio C.

      "Multas não são culpa do carro" –> os carros deveriam vir com esse aviso no painel, kkkkk

      • _Rafael

        Se o velocímetro vier com problema…

    • imagemdigitalcv

      Você considerou o preço a vista, sem juros, eu acredito mais no seu cálculo. Fiz as minhas contas aqui, contabilizando tudo e adiquirindo o carro com quase 1 ano de uso em Dez 2010 sem juros, C4 Pallas, considerei que perdi 10 mil reais além da depreciação inicial, que não paguei. Minhas contas bateram em 1300 reais mês, considerando 3 tanques de combustível mês alcool, + dois pneus que troquei novos (paraguai, muito mais barato), revisões normais duas ao ano, e uma manutenção fora da autorizada no valor de 1200,00 reais mais todos os custos citados acima. Conclusão R$ 1300,00 reais arredondados por mês, uma média muito boa, considerando que este carro tem fama de ter manutenção cara. Se o preço que colocaram do custo de manutenção do Civic não for superfaturado, meu carro que custou 50000 mil iniciamente, usado com 10 meses de uso, é bem mais negocio se tratando de custo para manter. Aqui não contabilizei três viagens que fiz no total de 10000 kms arredondados, pois isto embora tenha acelerado as revisões e gastado combustível e pneus, sai do uso comum urbano que faço, é uma despesa extra de combustível que não é regra de uso. Aqui no MT o IPVA é 3% do valor de tabela valor IPVA, nesta referida tabela o meu carro custa R$ 3000 mil a mais do que de fato vale depois da redução de IPI.

  • Wikle

    Estes custo se tudo correr bem, pois se tiverem que acionar o seguro há o absurdo da franquia (cerca de R$ 3000 para um Civic), se cometerem uma infração mais grave no trânsito há multa pesada, se não precisarem dar um retoque na pintura, se não quebrarem o vidro para roubarem o rádio, se… se… se…

    Acabei de desistir do meu carro na faixa de R$ 50k e vou procurar um popular mesmo ^_^.

    • zeuslinux

      Eu gostaria de ver uma outra matéria mostrando qual seria o custo mensal de um carro popular zero, um Uno p.ex.

      Eu apostaria que o valor, proporcionalmente ao valor do carro, seria igual ou até maior do que o Civic. As pessoas ficariam assustadas. O valor do seguro de um carro popular nas grandes cidades hoje, por causa do maior índice de roubo, é proporcionalmente maior do que de carros médios ou carros de luxo. O IPVA é proporcional ao valor do carro, mas as taxas fixas, como licenciamento, são iguais para todos os carros e por isso proporcionalmente mais caras em carros populares.

    • _Rafael

      Isso se tudo correr bem, vai que um acidente acabe com seu 'popular' e com seus ocupantes.

  • Alec_T

    Eu particularmente retiraria do calculo o fator "custo de oportunidade" ou pelo menos o diminuiria 50%.

    Porque se fomos investir tudo que ganhamos nao sobrará nada nao só para comprar o carro, mas tambem para fazer uma viagem, prensentear a familia ou para um jantar com a patroa.

    Senao fica parecendo aquelas reportagens onde o cara, geralmente idoso, posa de milionario dizendo que isso deu-se porque ele economizava até no cafezinho.

    Um principio que eu aprendi na academia de Economia é que "um bom economista nnao é aquele que gasta menos, e sim aquele que gasta melhor".

    • Sias

      O custo "oportunidade" é mais um que não deveria estar nesta lista. O cara vai deixar de comprar algo, ter conforto (não digo só no caso do carro) pra aplicar o dinheiro? muito esperto.

      • rgrau

        Em questões econômicas eles sempre consideram o custo de oportunidade. Viva o capitalismo….

        • Sias

          Nestas situações da "oportunidade" muitos já perderam muito dinheiro em aplicações. Viva o capitalismo mesmo.

      • Eugenio C.

        E outra: se aplicasse o dinheiro em vez de comprar um carro, iria se locomover como? Nem transporte "público" é grátis…

  • koizo_nit

    Essa é a tipica reportagem de "economista" sensacionalista do tipo uma Mariola pode custar R$194,00

    Valor da mariola 1,00
    Estacionamento para comprar a mariola 15 reais
    Gasto de pneu oleo e gasolinapara comprar a mariola 10 reais
    Seguro de vida pra comprar a mariola em segurança 5 reais
    Ate aqui 31,00
    Uso do cheque especial para compra a mariola 185% ao ano logo 31,00 + 185% = 88,35

    Fora que aplicados esse 88,35 reais , aplicado na agiotagem daria por ano a 10%ao mes ….. 88,35 a juros simples de 120% = 194 reais

    • Sias

      Esta conta nunca vai chegar neste cenário que ele montou….sensacionalista é o mínimo.

      • MM_

        Concordo. Este ano gastei 60,00 de lavagem (2x de r$30,00). Tenho garagem em casa e no escritorio, ou seja so uso estacionamento qdo vou jantar fora aos finais de semana. E por ai vai…

  • http://autoepifania.tumblr.com/ JulioCMO

    Isso quando a pessoa não gasta uma boa % do valor do carro em modificações, já que carro 0k é caso sério… rsrs'

  • AndredeAzambuja

    Tem vários exageros aí…15 mil km rodados por ano? qual a porcentagem de pessoas que roda isso? 1800 reais com estacionamento? Eu concordo que manter um carro é caro, mas o texto tem que deixar bem explícito que esses são os custos pra quem usa (e muito) o carro todo santo dia, que paga estacionamento etc, porque tá longe de ser a situação geral.

    • farleytito

      depende. tem gente que chega fácil aos 60000 km em um ano.

    • rgrau

      15000 km não tá alto não. Moro numa cidade de 700 mil habitantes e conheço vários que andam em média 20000 km. Imagina em São Paulo, Rio, BH etc. Eu mesmo não ando essa média. Faço uns 10000 km/ano, contando algumas pequenas viagens de 200km.

    • Louis

      Eu rodo cerca de 2000 km POR MÊS

      • epicentro01

        Eu faço 6.000Km/mês. Meu carro foi comprado no dia 11/04/2012 e já passou dos 30.000Km….rsrsr

  • loucoporcarro

    Brasil.. um pais de tod'l'os…

  • http://www.noticiasautomotivas.com.br Eber

    Não é por mês, é por ano, como o texto fala…. se fosse 1.800 por mês com estacionamento daria 21.600 por ano…. lavagem 720 por mês daria 8.640 por ano.

  • koizo_nit

    Ate a parte da desvalorizacao e tal ta bonitinho

    Depois vem o sensacionalismo
    O cara deprecia o bem duas vezes
    Nao tirou o imposto de renda da selic
    Nao levou em conta que se vc financiou boa parte do valor, vc nao tem esse valor para investir e "ganhar" os R$23.000
    Nao levou em conta q se a selic da 7,5 % a inflacao ja come 5,5% desse rendimento
    Nao dividiu a depreciaçao por 4anos
    Mesmo assim ta ruim de chegar nos 3500 huahuauhauahhua

    • PortoWF

      Amigo ele tentou claramente fazer uma demostração simplista, se as pessoas aqui querem uma verdadeira consultoria sobre rendimentos e investimento que paguem por uma!

  • Rafa222

    Execelente matéria! Pena que alguns comentários são extramente desnecessários e míopes.

  • diogo_rs6

    Um detalhe que me chama muito a atenção não apenas nesta reportagem mas como em outras do gênero….. Multas como parte da despesa….

    Sinceramente, quando a gente prevê multas como parte de orçamento de algo, é sinal que algo não está certo……

    <img src="http://www.osarrafo.com.br/v1/wp-content/uploads/2012/08/carro-plotado012ed1.jpg"&gt;

    • Sias

      O comportamento do motorista….

      • Archimedes

        A mentalidade do motorista, o que é pior… Achar que multa é custo de manter carro é coisa de quem compra o carro pensando em não se comportar!

      • _Rafael

        A TV vive noticiando casos de multas indevidas.. Multaram o fulano na cidade X sendo que ele nunca pôs os pés lá.

  • Sias

    Olha….é o tipo de conta que não pode ser nem levada a sério. Nenhum carro tem este custo por mês. Vamos ver o meu caso:

    Seguro: 3 mil
    IPVA e Licenciamento: 2 mil
    Combustível: 200,00 x 12=2400,00 (e já exagerei)
    Depreciação: mesmo com a queda do IPI meu carro não teve baixa, ms vamos dizer que vou perder uns 3 mil
    Não pago garagem nem lavagem
    NÃO PAGO MULTAS, nunca fui multado
    Manutenção, revisões e pneus não podem ser mensurados desta forma: variam muito de carro para carro. Na revisão periódica vou gastar mais uns 1000,00 por ano.

    Somando tudo, deu 950,00 mensais.

    • Tom_Araya

      R$ 200,00 de combustível por mês? Sério que é somente isso?

      • Sias

        Sério sim. O tanque dela tem 80 litros e não gasto um por mês (rodando para meu dia a dia, na minha rotina). 80 x 2,00= 160,00. Depois aparecem os que dizem que carro Diesel não compensa….Se tem uma coisa que não me preocupa é gasto com combustível.

    • Wikle

      Qual é o seu carro? Desvalorizar somente R$ 3k em um ano é muito pouco. Só de tirar o carro da revenda isso já ocorre (até com populares). Sei de um caso de quem comprou uma Gran Picasso por R$ 75k, subiu o IPI para importados, e o carro passou a valer pelo menos R$ 85k na semana seguinte. Mas foi uma exceção.

      • Sias

        É uma Sorento, mas não disse que comprei 0km. Por este e outros motivos é que não pretendo comprar outro 0km (os dois anteriores foram).

    • thiagolamim

      Não existe carro sem depreciação amigo.

  • Alan_Brito

    Se for pra tirar todas as "firulas" dos indicadores sem noção que o economista colocou, acredito que pra se manter um sedan médio seja de no MÁXIMO uns 1500 por mês. Considerar depreciação ou custo de oportunidade me parece tão irreal pra quem usa um carro como transporte…

  • duhehe

    Certos custos estão exagerados !

    Se for colocar estacionamento então se deve colocar pedagio !

    Gasolina também não deveria entrar na conta, pois é relativo a onde você vai com o carro e não por si só gera esse custo como os impostos e desvalorização.

  • bcaixetta

    Calculo absurdo, visto que grande parte de quem tem um carro desse valor possui família e não ganha mais do que 100% desse valor, ou seja, 8000 reais por mês aproximadamente.

    • zeuslinux

      O grosso do valor que foi calculado é a depreciação do carro. Muita gente não computaria isso mas é a mais pura verdade. O cara do Civic vai ter que economizar muito por fora para poder comprar outro Civic a vista depois de alguns anos com o Civic atual.

      E como a maioria não compra carro à vista, vai ter que ficar muitos meses depois pagando as prestações do novo Civic.

      • Archimedes

        Mas a questão é que, se custasse 3800 por mes, uma pessoa não poderia manter um carro desse recebendo 3800 por mes. CUSTO é o que você gasta pra manter. O resto da conta, de oportunidade e sei lá mais quantas frecurites, não tem sentido algum. Desvalorização também não. Carro é bem de consumo… Você compra sabendo que ele vai perder valor e pronto. Isso aí não significa que você teve custo pra ter o carro. Você não compra uma geladeira, diz que pagou 1000 reais, e depois de 10 anos, vendeu por 100, ee gastou mais 900…. você não perdeu 1900 pra comprar esa geladeira. você perdeu 1000, quando comprou. Acabou aí. Nesse texto ridículo, o cara perde o mesmo dinheiro duas vezes, em duas situações diferentes. Isso existe? Se você comprar o carro pra deixar ele na garagem, existe, mas se você usa o carro, essa lógica é burra. Só lamento por isso.

        Foi como disseram já, lá em cima… Se seguirmos pensando assim, vamos comprar uma mariola por 194 reais… E se comermos a mariola, ainda vamos ter um custo de mais 194 reais, afinal, ela poderia ser revendida! ¬¬

  • comminga

    Absurdo !

  • Long_life_tobigcars

    Uma análise muito bem pontual mostra como tudo no lixo-brasil é desvantajoso. Um carro como Civic, popular em todo o mundo e aqui visto como luxo ou status social, elevar o custo para por na rua o modelo é só a demonstração de como tudo aqui está errado.
    O Civic é um carro comum no mercado mundial, tão comum que até mesmo em países africanos seu custo é a metade dos cobrados aqui.
    Mas quem manda ter a nacionalidade simiesca no Certidão?

  • leosalzano_

    Esse é um ótimo texto pra aquele pessoal que acha que todo mundo tem que comprar carro de 70.000, 80,000 mil sem pensar na grana que vai…

  • 3dimensional

    Bem altos estes gastos….calculei meu caso.
    Golf GTI 2003, 180cv, automático, completo(ABS,ESP,4AB,teto,etc), quitado.

    IPVA 750
    Seguro 1700 (associação)
    Licenciamento 62,70
    DPVAT 101,16
    Consumo R$4.569 = 6,5km/L(cidade) rodando 11.000 km/ano, com gasolina a 2,70.
    Manutenções 340(2 trocas de óleo/ano) + R$2000 reparos
    Pneus 400 (1 pneu novo/ano)
    Multas 100
    Estacionamento 200 (garagem em casa e no serviço)
    Lavagem 200 (pagando pra lavar 2x ao mês, fora as lavadas em casa)

    TOTAL/ano = R$ 10.422,86(ou R$869 por mês) pra andar gostoso e seguro! hehe
    OBS: Claro que o gasto com manutenções pode duplicar facilmente num ou outro ano, mas na média é isso ai.

    Conclusão: Sem calcular custos já preferia andar de GTI, agora então… :-D

    • PortoWF

      bichão vc tem q incluir a desvalorização anual do seu carro nessa conta, aí fecha o valor direitinho!

      • 3dimensional

        Meu carro custava 105 mil em 2003.
        Hoje tá na casa dos 30 e já próximo do "piso" pra esse tipo de carro.
        Como não comprei zero(e nem poderia) a maior parte da desvalorização quem arcou foi o primeiro dono…
        Por isso nem incluí isto nos custos.

        • PortoWF

          Sua conta ficaria em R$911.
          Desvalorização: http://www.noticiagora.com.br/preco/carros/volksw
          Desvalorização média de R$ 514 por ano ou R$ 42 mês…

          Me parece bem vantajoso!!!

          • 3dimensional

            hehe tava com preguiça de procurar isso mas já que você animou…
            ;-)

    • Absinthe666

      explica ai a mágica para pagar 1700 de seguro num golf GTI?
      uma vez fiz uma cotação de um golf normal bem mais novo e me deram o valor de 4.500 por ano xD

      • 3dimensional

        A mágica tá explicada entre parênteses.

    • MM_

      Seguro de Golf GTI por R$ 1.700,00? Fala sério…

    • Long_life_tobigcars

      Hoje em dia há a necessidade de colocar as multas na lista de gastos de um carro durante o ano. Eu posso excluir isso já que tenho carteira há dezesseis anos e nunca fui multado.

    • Long_life_tobigcars

      Nos EUA você com esse valor estaria gastando num BMW série 5 ano 2008.

  • ronaldodnt

    que estacionamento é esse?! antes de começar a ganhar esse benefício da empresa, eu pagava a exorbitante quantia de 90 reais mensais! nem que eu trabalhasse na rua com o carro eu gastaria isso tudo.

    • 3dimensional

      Depende da cidade né chapa…
      Aqui em BH na área central você não acha vaga de mensalista por menos de 200/250!
      Isso dá 2400 por ano pelo menos.

  • GuileBR

    Hyundai Sonata 2012:

    IPVA – R$ 3.760,00
    Seguro – R$ 2.600
    Licenciamento – R$ 62,70 + R$ 11
    DPVAT – R$ 101,16.
    Consumo – R$ 1.350
    Revisões – Gratuita
    Pneus – R$ 100 = alinhamento/balanceamento.
    Multas – R$ 0
    Estacionamento – R$ 0
    Lavagem – R$ 0.

    R$7.984,86 ou R$665,40/mês.

    Pra quem anda MUITO pouco, me senti um idiota, agora.

    • radiobrasilcombr

      Revisão gratuita – só a mão de obra né, e deve ser somente a primeira? Ou o Sonata tem revisão gratuita durante toda a garantia?

      • GuileBR

        O meu é 11/12 e tem gratuidade das peças e mão de obra, na primeira e segunda revisão. Fiz somente a primeira ainda.

        Os Sonatas 12/13, estão cobrando somente as peças.

    • thiagolamim

      1k ao ano de gasolina? o.O
      e faltou depreciação ai.

  • Herr Russo Tragik

    Estou com preguiça de procurar a desvalorização, mas na compra o FIT foi 52.000,00(cheque administrativo, tivemos um puta desconto) e hoje vale 25.000, então de 2005 à 2012 = R$3.857,00 por ano…

    IPVA – R$ 950,00
    Seguro – R$ 1.041
    Licenciamento – R$ 62,70 + R$ 11
    DPVAT – R$ 101,16.
    Consumo – R$ 800,00(mais ou menos isso por mês)
    Revisões – R$ 250,00
    Pneus – R$ 100 = alinhamento/balanceamento. (acho que é próximo disso)
    Multas – R$ 2.000,00
    Estacionamento – R$ 0
    Lavagem – R$ 200,00.

    TOTAL = R$5515,86 por ano ou R$459,65 por Mês
    Se contar com a desvalorização dá R$781,07 por Mês…

    Estranhamente em Carnegie Melon meu único custo com carro era 120 dólares por mês(2009 quando o dolar estava 1,70) pra andar de Focus Sedan(06') com seguro e um tanque grátis por mês incluso…

    • Wikle

      Só fiquei em dúvida quanto ao consumo. Se for R$ 800/mês e não ao ano, então sua conta aumenta bastante.

      • Herr Russo Tragik

        chutei bem alto esse valor mensal, reanalisando, no último mês, foram 2 tanques(sempre enchemos o tanque) mas na verdade ainda tem quase meio tanque (sempre dá uns 38, 40 litros) com a gasolina à R$2,85 dá R$114,00, que por ano dá R$1368,00, mas logo que compramos às vezes enchíamos o tanque duas ou três vezes por semana e olha que o CVT é meio beberrão, faz de 8KM a 10KM litro…
        O dia que o Fit couber num corredor talvez ele volta a ser usado com mais freqüência =P
        uhauauhuhauhauhauh

        Mesmo assim o preço mensal dele é baixo, a última revisão foi por 6 meses e não por KM's…

        • hal_cwb

          Se o teu tanque for igual ao meu (50 litros), gastando 2 por mês como eu, com a gasolina à 2.45, gasta na verdade R$ 280,00 por mês.

          • Herr Russo Tragik

            Então, o meu é 2005, no manual se não me engano constam 42 litros, mas claro que nunca dá os 42 litros, geralmente quando dá 40 litros os frentistas recomendam parar por alí mesmo, mas realmente, esqueci de "duplicar" esse valor de R$114,00, a gasolina aqui está R$2,85 e na promoção ainda…
            Quanto custa a V-Power ai?

    • _Rafael

      2000 reais de multa???

      • Herr Russo Tragik

        Sim, e não adianta recorrer, cinco vezes em zona azul levamos multa com o talão no vidro, a desculpa na multa é que não estava visível, algumas por excesso de velocidade, algumas por rodízio e outras meu pai que ano passado perdeu a carteira duas vezes(somando tudo, o joselito deve ter tido quase 55 pontos), isso sem adicionar os R$1.000,00 pra limparem o histórico da CNH…
        Afinal, aqui é Brasil, e só não conseguem dar jeitinho pra morte, mas tentam…

  • mho

    Gostei da conta pois dá para utilizar a mesma ideia para qualquer carro.
    Mas para falar a verdade eu já fazia este tipo de conta desde quando não tinha carro.

  • koizo_nit

    Na minha planilha excel, por um acaso eu tenho um carro nessa faixa de preço, da uns 600 paus por mes que eu tenho q juntar pra comprar outro em 4 anos e uns 1000 por mes de gastos em geral incluindo alguns meses q tenho q pagar seguro, outros ipva

    ironic[on] off
    Agora, ja que eu poderia ter pego os 70mil comprado 30 carrinhos de pipoca, arrumado uns 30 bonecos pra trabalhar q me dariam 300 reais por carrinho/mes, logo meu custo subiu 30 x 300 = 9 000,00

    caramba meu custo foi pra 10.600 por mes uhahuahuahua

  • koizo_nit

    a polemica é saudavel, é um exercicio, nos faz pensar sobre economia, coisa que nosso povo nao faz, e a economia teorica difere um pouco da pratica.

  • Jason

    Fiz as contas (baseando-me no artigo) sobre o carro da minha mãe… Gol G5, adquirido em 2009.

    Segundo cálculos, o custo mensal dele é de R$ 1192,00. Sim, isso mesmo. O seguro é alto. As revisões na concessionária são caríssimas. Sorte que tenho pouco ou nenhum gasto com estacionamento e o consumo do carro consegue ser razoável. Além disso, nenhuma multa é dada ao carro.

    É absurdo, é um valor alto o cobrado por esse carro, mas é o custo do conforto. O carro é como uma família, sai caro para manter, tem muitas necessidades.

    Assim que o veículo for quitado, já a estou convencendo a comprar um semi novo, fugir de financiamentos "bomba" e dos custos abusivos de manutenção.

    • PEDRO_HAWK

      "Além disso, nenhuma multa é dada ao carro."

      Você trabalha ou tem algum amigo no DETRAN? Então você tem que colocar o café dado a ele…

      Brincadeira, entendi o que você quis dizer, só que a minha interpretação a sua frase não foi descabida.

      • Jason

        hahaha , pois é… a sintaxe da frase ficou estranha.

        Bom, nenhuma multa é dada do ponto de vista de que nenhuma infração também seja cometida B)

        mas nada impede que isso aconteça algum dia hehe.. espero que nunca.

        abçs.

  • safas44

    70 mil na mao hj, eu compraria outro apartamento, pois tenho um proprio para moradia, e num de aluguel, daria um trato, e colocaria pra fazer renda, isso sim!
    Claro, sei q nao existe apto de 70 mil, mas daria como entrada, existem varios apto aqui em sao paulo em bairros 'simples' por cerca de 100 mil reais, ou proximo disto, e como nao vai ser pra mim morar, será uma renda, pouco importa se será um belissimo apto, ou um simples, mas aconchegante, pois o custo do aluguel será proporcional ao valor do imovel.

    Quanto ao carro, tenho um corsinha wind 2001, mas poderia estar andando num new fiesta, i30, focus etc, bastasse querer um, pois credito para tal eu possuo, porém me pergunto: Pagar 40, 50, 60 mil num carro e dps ver seu dinheiro suado na hora de vender, o pessoal pagando 10, 15 mil a menos? Nao mesmo! Meu carro vale 11 mil + -, é completo, só nao tem Ar Cond, e me leva pra tudo q é canto, uma vez ou outra é necessario trocar uma peça aqui, outra la, mas tudo com preço acessivel e nada q prejudique ou afete meu orçamento.

    Ter carrao, pagar de bacana claro q é legal, quem nao quer? Todo mundo, mas pra mim, devemos fazer a escolha certa, prefiro investir em imovel, com meus 28 anos, com este pensamento qdo chegar nos meus 40, 50, vou ter no minimo uns 3 imoveis e uma condição financeira boa para viver, e no fim é isso q importa. Carro é prejuizo, desvalorizaçao, desperdicio, só brasileiro q troca de carro a cada 2 anos, sem necessidade, puramente por status. É, um dia lá na frente veremos quem tera mais $$ no bolso, o 'bacana' q sempre teve carrao, ou o precavido, q preferiu investir em imoveis, estudos e trabalho para ter um padrao geral de sua vida acima da media, mesmo q ande com carro mais velho, veremos……

    • expresso222

      E se você morrer antes? (não me entenda mal) Terá economizado e não curtiu um pouco esta nossa vida efêmera.
      Penso um pouco como vc mas não sou radical de me furtar de ter um pouco de conforto. Economizo e compro tudo à vista. Já tenho 03 imóveis, penso em adquirir mais alguns,mas ,mesmo assim, depois de muitos anos comprando carro usado, comprei um carro novo (não muito caro) para me locomover com conforto(não para mostrar ao vizinho).

      • radiobrasilcombr

        Bem colocado pelo amigo expresso222. Só economizar e não aproveitar NADA da vida não sei se compensa.
        Outra coisa, muitas vezes você é obrigado a comprar um carro mais caro por causa da segurança. Eu tinha um Vectra NE 2010, o "basicão" Expression, sem airbags, abs e freio a disco nas 4. Quando levei um BAITA susto numa rodovia (precisei frear e quase capotei) resolvi gastar umas economias (mas não todo meu $$) e parti pra um Captiva pra dar mais segurança para minha família. Somei segurança que precisava com conforto para todos. Não me arrependo. Perdi $$? Claro… mas não penso por esse lado, penso que o "prazer" que o carro nos proporciona no dia a dia e viagens compensa o custo.

        • safas44

          Como disse em meu outro comentario, é uma questao de preferencia ou necessidade, como seu caso. Eu estou numa situação atual onde estou querendo me capitalizar, investir e prosperar financeiramente, ter um novo e bom carro nao é o principal. Entao meu jogo é este, primeiro me armar de tudo q é lado (comprar imoveis, terrenos, investir) pra garantir meu futuro, depois, com meio caminho andado, sim, darei preferencia a gastar um pouco mais em carro, e outras coisas secundarias. Se nao fizer assim, pelo menos digo por mim, nao teria conseguido comprar meu apto há 1 ano atras. Hoje vejo que a escolha q fiz foi a mais correta, ao menos pra mim. Muitos jovens como eu, preferem morar com os pais, e ter um carro de 40, 50 mil, pagos em muitas parcelas, do que investir numa casa propria, dando sinal com o mesmo valor. Cada um tem uma preferencia na vida, o mais importante é olharmos pra tras e nao se arrependermos. E arrependimento, pra mim, seria pagar 53 mil num i30 por exemplo e 1 ano depois me oferecerem 40, 42… com tanto desperdicio de dinheiro assim, daria para fazer uma viagem ao exterior por ano, ou trocar os principais eletrodomesticos de sua casa, 1x por ano, enfim, é mta grana e da fazer mta coisa, por isso acho um desperdício comprar esse tipo de carro, principalmente zero km.

      • safas44

        Se morrer antes?rs…prefiro pensar diferente, perguntaria para voce: E se voce viver mto mais do q espera, o que faria, senao tivesse dinheiro para manter um padrao confortavel em seu restante de vida? Quando disse sobre a economia, nao foi na situação de fazer economias em tudo. O que quero expressar é que carro nao é algo q valorizo, por mais q goste, minha situação me obriga a escolher, por exemplo: gastar 15 mil pra trocar meu carro, ou gastar esses 15 mil numa viagem ao exterior, o que faria? Iria viajar! Mas muitos prefeririam trocar de carro, e aí é uma questao de preferencia. Voltando ao tema de 'se morrer antes', te responderia q prefiro morrer tendo conhecido varios lugares de nosso pais e fora dele do que viver juntando 10, 15 mil por ano pra ficar trocando de carro e sequer conhecer direito o país que vivo.

  • zeuslinux

    Eu gostaria de ver uma outra matéria mostrando qual seria o custo mensal de um carro popular zero, um Uno p.ex.

    Eu apostaria que o valor, proporcionalmente ao valor do carro, seria igual ou até maior do que o Civic. As pessoas ficariam assustadas. O valor do seguro de um carro popular nas grandes cidades hoje, por causa do maior índice de roubo, é proporcionalmente maior do que de carros médios ou carros de luxo. O IPVA é proporcional ao valor do carro, mas as taxas fixas, como licenciamento, são iguais para todos os carros e por isso proporcionalmente mais caras em carros populares.

    Mas voltando ao assunto de custo de vida, realmente ter carro no Brasil hoje é um luxo e uma comodidade. Se botar no papel, para muita gente seria mais racional andar de transporte coletivo ou até mesmo de táxi e alugar um carro quando quiser viajar no final de semana. Mas se a gente for botar no papel o custo de tudo na vida, a primeira coisa a NÃO FAZER seria casar e/ou ter filhos. Mas aí a vida também não teria nenhuma graça…

  • Long_life_tobigcars

    Pois bem, esse é o gasto que tenho com meu Palio Economy 2012 aqui no Ceará
    Comprado em março de 2012 e até o momento com 1.920km rodados.
    Os gastos aqui auferidos serão de apenas 6 meses.

    IPVA – R$ 630,00
    Seguro – R$ 1.198
    Licenciamento – R$ 32,70 R$ 11
    DPVAT – R$ 101,16.
    Consumo – R$ 500,00(mais ou menos isso desde quando comprei)
    Revisões – R$ 0,00 (qté o momento ele está com seis meses de uso)
    Pneus – R$ 0 = alinhamento/balanceamento.
    Multas – R$ 0
    Estacionamento – R$ 60
    Lavagem – R$ 0,00.

    TOTAL = R$2533 por ano ou R$422,00 por Mês
    E nem contei com a desvalorização.

    Mesmo rodando pouco que no meu caso é uma média de 300km por mês, o gasto é altissimo. Até o momento, torrei uma TV de Plasma de 50 polegadas só para manter o Palio. E ainda diz "Economy"!

    • PEDRO_HAWK

      Você gastou isso nos seis primeiros meses, mas não quer dizer que gastará nos próximos seis. Por exemplo, o seguro, IPVA e outras taxas legais, as quais devem ser divididas por 12 para se ter o gasto mensal com elas. Por exemplo, mensalmente você gasta: IPVA, R$ 52,50; Seguro, R$ 99,83. Fazendo o mesmo com o licenciamento, DPVAT, consumo e estacionamento, o seu gasto mensal com ele é de R$ 257,73. Acrescente a isso o custo de R$ 30,00 mensais quando você fizer duas revisões em um ano (gastanto uns R$ 360 nas duas) e você terá um gasto de quase R$ 290,00.

      Oh, wait… Ele está financiado?

      • Long_life_tobigcars

        Valeu Pedro_Hawk!

        Sim! Ele foi financiado mas pago R$ 470,00 por mês durante 24 meses. Já paguei sete parcelas mas estou juntando dinheiro para quitá-lo já em Maio do ano que vem.

  • W_Costa

    Que debate sem fim…., acho que cada um sabe o que faz do seu dinheiro, o assunto principal aqui (creio eu) é só reforçar o fato que carro no Brasil além de ser caro também é caro mantê-lo, cada um tem suas prioridades na vida.
    Essas postagens e matérias são inúteis se ficarem no anonimato, se saísse no JN que o NA enviou para o congresso 1 trilhão de posts de internautas indignados com o custo dos veículos nacionais, vá lá (se bem que devemos admitir que existem outras prioridades na vida acima disso), agora ficarmos batendo cabeça se degladiando achando que é dono da razão ou não, é completa perda de tempo…. vamos falar dos carros em si, contribuir para melhorá-los dando nossas opiniões sóbrias e sinceras para os especialistas, pois falar de politica, time de futebol, religião e/ou qualquer outro assunto de ordem particular só dá M…. mesmo…

  • zeuslinux

    Acho graça das pessoas aqui falando mal do autor do artigo dizendo que no se deve computar a depreciação do carro como custo médio anual de se manter um carro. A depreciação vai ser sentida quando você for trocar o carro e ver a diferença de preço entre seu carro usado e um carro novo do mesmo modelo ou similar. Aí o cara não vai ter o dinheiro para trocar de carro e vai se endividar por mais vários meses só para pagar a diferença para o carro novo. A prestação do próximo carro vai ser um custo mensal e visível.

    Eu tenho um carro e sei que perco muito dinheiro todo mês/ano por tê-lo, mas mantenho esse luxo porque gosto de carros e sei que estou pagando caro pela comodidade de usar o carro para trabalhar em vez de usar o transporte coletivo. Mas se ficasse desempregado, a primeira coisa que faria seria vender o carro.

    Depois os brasileiros não sabem como um monte de imigrantes no passado conseguiram progredir de vida rapidamente. Meus avós e pais imigrantes nunca compraram um carro zero, na maior parte do tempo estavam sem carro (e quando tinham eram usados para trabalho) mas conseguiram economizar o suficiente para dar estudo para seus filhos e comprar várias casas para alugar e com isso ter um complemento para a minguada aposentadoria do INSS. Cansei de ver vários dos seus inquilinos com carros zero km valendo 1/3 ou 1/4 do apartamento que alugavam.

  • _Rafael

    Está provado que o problema não é só comprar, é manter. É melhor andar de seminovo e aplicar o que se perderia num carro novo.

  • AmmmmmP

    E se a pesquisa for quanto ao custo de vida? Tirandos os meses só de impostos que pagamos.. nos sobram uns 3 meses por ano para viver.

    Agora se incluirmos os custos totais de sobrevivência: impostos, alimentação, lazer… só sobra 1 mês livre, o de férias.

  • epicentro01

    Que matéria mais estranha.
    Primeiro o nosso "amigo" considerou a compra do carro, e não a troca dando como parte do pagamento outro de menor valor. É muito difícil o cara comprar um carro de R$ 70.000,00 "do nada". Geralmente ele vem "escalando", trocando um mais simples por outro melhor até chegar no carro de 70K. Se o cara já tem um carro que vale por exemplo uns 45K e dá ele como entrada, todo esse cálculo vai por água abaixo.
    Sei que todo o carro é perda de dinheiro, alguns mais e outros menos (como eu mesmo já citei por aqui) mas a análise do cara é absurda. E além do mais, se a pessoa for analisar todas as situações onde gasta o seu dinheiro, vai viver enfiada dentro de casa acumulando grana para quando morrer deixar para os filhos disputarem na justiça. Alguns exemplos:
    * Não vamos mais comer uma pizza em restaurante, pois sai muito mais barato fazer em casa.
    * Mac Donalds, Bobs, Burger King!!! Nem pensar, vamos comprar pão, hamburguer e alface e montar o lanche em casa.
    * Vamos usar somente camisas que ganharmos de políticos em campanha eleitoral ou outras camisetas promocionais, afinal roupa é só para "tapar" o corpo, pra que gastar dinheiro com isso se tem como ganhar de graça.
    * TV de Led de 46"? Vamos comprar uma de tubo com 14", vamos ver a mesma coisa!
    * Sapato e tênis? Pra quê? Todo mundo de havaianas, é muito mais barato e cumpre a função.

    Brincadeiras à parte. Mas esse tipo de matéria parece querer mostrar uma realidade que não existe, pois esse valor é ridículo! Concordo que a pessoa não deve se privar de tudo na vida para viver em função do carro, mas também concordo que a pessoa pode deixar de lado um ou outro hábito por um determinado tempo para conquistar um outro objeto de desejo, pois, se for para pensar só em economizar, e aí não entra só o carro, mas também os exemplos que citei acima e muitos outros, de que vale a vida?
    Conclusão: Aproveitem a vida e os prazeres que ela pode proporcionar, mas com consiência e equilibrio.

  • kaledomar

    Essa desvalorização de 17 mil em 4 anos esta irreal. A desvalorização é de 27 mil em 4 anos.

  • toskan

    Ou seja, em menos de 2 anos eu consigo comprar outro civic de 70.000,00 ?
    Será que esse custo mensal é real ?

  • Anderson

    Matéria sensacionalista ao extremo!
    Meu Civic 2013/2014, financiado, com todos esses custos (na minha realidade, claro!) sai por volta de R$ 2.200!
    Sempre devemos levar em consideração todos os custos, mas acreditar em tudo que se lê, é ignorância! Coloque sua calculadora para funcionar e entenda como o SEU bolso vai ser afetado!