Audi muda e foca em vendas de carros de R$ 500 mil a R$ 1 milhão

audi rs e tron gt 1

Já foi o tempo que a Audi quria fazer volume no mercado nacional e isso nem foi quando da primeira fase de produção nacional, quando o A3 dividia a linha com o Golf IV.

Na segunda vez que a Audi veio a fazer carros aqui, promoveu seu A3 Sedan como um tipo de carro premium de massa e chegou a vender 17 mil por ano, comparando-o em preço ao Corolla.

Agora, o foco na gama de acesso está centrada no Q3 “nacional”, que antes também vendeu muito bem no país.

audi rs q8 2021

Todavia, a Audi não busca mais volume e sim rentabilidade com carros caros em ofertas limitadas, onde o Q3 serve somente para aproximar a marca de novos consumidores, já que o foco está em ampliar os emplacamentos entre R$ 500 mil e R$ 1 milhão.

Num treinamento de concessionários, vendedores apontaram o sucesso do Q3 e do Q5, mas também o foco da Audi em carros mais caros, como as linhas RS e e-tron.

Dependendo da região, o Q3 Sportback tem a preferência das mulheres, enquanto o Q5 é preferido por solteiros, mas o Q3 SUV é mais procurado por homens.

audi q3 1

Ainda que os Q3 e Q3 Sportback sejam montados no Brasil, o volume é pequeno para atender os clientes que realmente buscam um SUV de luxo tradicional, haja visto a onda de eletrificação que não atende a todos.

A Audi sabe que muitos clientes ainda têm receio de carros elétricos, por exemplo, e para isso foca no Audi Signature, sendo um contrato de propriedade temporária de sua linha e-tron.

Isso permite que os clientes não se sintam presos aos carros elétricos, vivenciando a experiência para tomar uma decisão adiante.

q3 sportback brasil 1

Além disso, o foco da Audi se encontra numa faixa muito acima do que a antiga estratégia de volume, buscando clientes de maior poder aquisitivo.

Deixando de lado a imagem de “Volkswagen de luxo”, a Audi atualmente quer vender mais carros caros, como esportivos da linha RS, que só não vendem mais por falta de produto, segundo um vendedor.

Na pandemia, segundo vendedores, os esportivos da Audi venderam acima da média, que voltou ao normal nos anos seguintes.

Já os elétricos da linha e-tron, como o Q8 e-tron em especial, comando essa mudança de postura da Audi, que assim se torna cada vez mais exclusiva.

[Fonte: AE ]

 

 

google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



unnamed
Autor: Ricardo de Oliveira

Com experiência de 27 anos, há 16 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz testes e avaliações. Suas redes sociais: Instagram, Facebook, X