Médicos estão usando sons de F1 para estimular Schumacher

corinna michael schumacher
corinna michael schumacher – getty images

Em 29 de dezembro de 2013, o ex-piloto alemão Michael Schumacher sofreu um acidente na estação de esqui de Méribel, na França, porém, desde então, o heptacampeão de Fórmula 1 desapareceu da mídia, com apenas quatro boletins oficiais em uma década.

Atualmente, não se sabe o real estado de saúde de Schumacher e qualquer imagem do alemão após o acidente é inexistente. Totalmente fora da mídia, Michael estaria em coma no momento e, segundo o jornal Sport Bild, o ex-piloto está recebendo um tratamento estimulante para acordar.

Schumacher está sendo estimulado com sons de super carros, em especial, modelos da Mercedes-AMG, assim como os áudios de rádio da equipe de Fórmula 1, na esperança de despertá-lo do coma.

No acidente, Schumacher atingiu uma pedra após desviar de uma criança, sofrendo graves danos cerebrais, que o colocaram em um coma profundo. Desde então, após um início de internação hospitalar, Michael foi transferido para uma residência em Gland, Suíça.

Poucas pessoas de fora de seu círculo íntimo o visitaram desde então, tendo ainda recebido a visita de Jean Todt, ex-chefe de equipe da Ferrari e também ex-presidente da FIA, a Federação Internacional de Automobilismo.

Schumacher é tratado por uma equipe médica de 15 pessoas e desde sua internação doméstica, a família vendeu vários bens e itens pessoais do ex-piloto, leiloados a valores bem elevados para custear o caríssimo tratamento.

Nesta década, sem Schumacher, seu filho Mick chegou à Fórmula 1 pela equipe Haas-Ferrari e em 2023, foi piloto reserva da McLaren. Corinna, mãe de Mick e esposa de Schumacher, nunca divulgou nada sobre o estado de saúde de Michael. 

Tudo o que se sabe da família, vem basicamente de notícias relacionadas com Corinna, mas recentemente Johnny Herbert, ex-companheiro do alemão nos tempos de Benetton, revelou algo sobre a família.

Herbert disse: “Ela [Corinna] disse que eles estão tentando seguir em frente como uma família, como ele desejaria. Eles estão seguindo com a vida deles, mas privacidade significa privacidade. Seria encantador tê-lo de volta”.

[Fonte: UOL /Monet]

google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!
Categorias F1

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



unnamed
Autor: Ricardo de Oliveira

Com experiência de 27 anos, há 16 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz testes e avaliações. Suas redes sociais: Instagram, Facebook, X