Renault: Funcionários rejeitam proposta e greve continua no Paraná

fabrica renault 1
fabrica renault 1

Os funcionários da Renault rejeitaram a proposta feita ao Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba pela montadora francesa em audiência de conciliação realizada no Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região, segundo o site Auto Indústria .

O tribunal declarou ilegal o estado de greve, pois o sindicato não informou a paralisação com antecedência, conforme a lei. Na assembleia realizada pela entidade que reúne os trabalhadores da região, os empregados não aceitaram os pontos propostos abaixo:

  • PPR (Programa de Participação nos Resultados) 2024 – valor total de R$ 25.000 com antecipação da 1ª parcela no valor de R$ 18.000 para uma produção de até 201 mil veículos. Esse valor proposto supera o pago em 2023, sendo esse de R$ 23.933,80, sendo o maior PPR do Brasil entre os fabricantes de veículos de passeio e comerciais leves.
  • Data-base (setembro) – INPC a ser aplicado em setembro deste ano.
  • Vale-mercado – INPC a ser aplicado em setembro de 2024.
  • Contratação de 50 operadores (as) em até 20 dias úteis a contar da aprovação da proposta.
  • Condições vinculadas à continuidade das ferramentas de flexibilidade e retomada da produção.

A montadora disse em comunicado: “A Renault do Brasil segue aberta ao diálogo. Tendo em vista a ilegalidade da greve, a empresa segue pronta para a retomada das operações. A produção continua paralisada”.

Parada desde 7 de maio, a fábrica da Renault em São José dos Pinhais já deixou de produzir 6,1 mil veículos e não se sabe ainda se eles poderão ser repostos adiante, quando as atividades retornarem ao normal.

O complexo da Renault tem fábricas em sua área, incluindo uma planta de motores da Horse, empresa criada em parceria com a Geely para assumir a engenharia da marca francesa.

Também existe uma fábrica de vans onde a Master é feita e outra de automóveis, de onde saem os modelos Kwid, Oroch, Duster, Kardian, Stepway, entre outros. O complexo Ayrton Senna emprega 5,7 mil pessoas e já produziu 3,5 milhões de veículos.

 

google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



unnamed
Autor: Ricardo de Oliveira

Com experiência de 27 anos, há 16 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz testes e avaliações. Suas redes sociais: Instagram, Facebook, X