*Featured Crossovers Linha 2020 SUVs Volkswagen

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

O segmento onde está o T-Cross 2021, de crossovers e SUVs, é um dos mais acirrados e de maior interesse dos consumidores no mercado brasileiro.


Praticamente todas as marcas já têm seus representantes para brigar por uma fatia das vendas dos utilitários.

A Volkswagen já oferecia modelos como Tiguan Allspace, mas agora tem o Volkswagen T-Cross 2021. Ele chegou às concessionárias entre março e abril.

Como um crossover baseado no Polo, o novo Volkswagen T-Cross 2021 foi o principal lançamento da marca no ano de 2019.

Ele já foi apresentado de forma oficial e teve todos os seus detalhes revelados. Sua intenção será desbancar líderes como Honda HR-V, Hyundai Creta, Nissan Kicks e Jeep Renegade.

Abaixo, você poderá conferir todas os principais detalhes do novo Volkswagen T-Cross 2021 em sua versão para o mercado brasileiro.

Isso porque o carro será um modelo global, com diferenças técnicas e visuais dependendo do mercado – o T-Cross europeu, por exemplo, será menor que o exemplar a ser ofertado por aqui.

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

T-Cross 2021 – detalhes

Por mais que mantenha a sobriedade dos carros alemães, o novo VW T-Cross 2021 apresenta boas soluções estéticas capazes de dar ao carro uma identidade visual mais marcante. A dianteira do crossover compacto é semelhante à do Jetta e do Tiguan Allspace.

Na parte frontal da carroceria, o destaque fica por conta da grade mais ampla, com moldura cromada nas versões mais caras e o logotipo da Volkswagen em destaque no centro, formando conjunto com os faróis mais afilados e espichados.

Estes, inclusive, terão iluminação full LED como parte de um pacote opcional para as versões Comfortline e Highline.

Completa o conjunto do T-Cross 2021 o para-choque mais pronunciado, com um acabamento inferior em plástico preto que abriga os faróis de neblina, as luzes de condução diurna em LED, a tomada de ar e um filete horizontal na cor cinza que carrega o nome do carro.

As laterais, por sua vez, repetem o acabamento em plástico preto nas molduras das caixas de roda e na parte inferior das portas. Há ainda uma linha de cintura elevada e vincos marcantes na região das maçanetas.

Uma plaqueta nos para-lamas identifica a versão do carro, assim como no Polo e no Virtus.

O T-Cross 2021 tem rodas de liga-leve de 16 polegadas, com pneus 205/60 R16, ou de 17 polegadas, calçadas com pneus 205/55 R17.

Partindo para a traseira do T-Cross 2021, o destaque fica por conta das lanternas com formato mais quadrado, que são interligadas por uma grossa barra em preto brilhante que percorre toda a parte superior da tampa do porta-malas.

Uma solução um tanto quanto inusitada se tratando de um Volkswagen.

A Volkswagen oferece o modelo em oito opções de cores para a carroceria: Azul Norway, Branco Puro, Cinza Platinum, Prata Sargas, Preto Ninja e Vermelho Crimson, além das inéditas Laranja Energetic e Bronze Namibia.

O carro tem ainda a opção de teto e colunas pintadas em preto brilhante.

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

O interior do novo T-Cross 2021 tem um visual que aparenta ser um misto do Polo e do Jetta.

Todo o acabamento é predominantemente com plásticos rígidos, sendo que uma barra horizontal com aparência texturizada no painel tente quebrar o “gelo” do interior com plásticos simples demais.

O painel do nosso T-Cross é exclusivo do modelo que será vendido em outros mercados.

Ele dispõe de uma série de soluções, como painel de instrumentos totalmente digital, ar-condicionado automático digital, central multimídia com tela sensível ao toque de 10,1 polegadas, entre outros.

Nos recursos do T-Cross 2021, há também apoio de braço dianteiro ajustável, quatro entradas USB, volante multifuncional em couro, partida por botão, iluminação ambiente em LED, teto solar panorâmico duplo, sistema start/stop, seletor com quatro modos de condução, saída de ar traseira, entre outros.

O espaço interno do T-Cross é satisfatório, sobretudo na traseira.

Fruto do uso da plataforma modular MQB-A0, que teve seu entre-eixos e demais dimensões ampliadas em relação ao Polo e Virtus. São 4,19 metros de comprimento, 1,56 m de altura e entre-eixos de 2,65 m.

No porta-malas, há capacidade para 373 litros de bagagens, podendo chegar a 420 litros com a variação do encosto do banco traseiro.

Segundo a Volkswagen, o novo T-Cross 2021 é um dos mais seguros da categoria, graças à utilização de aços de ultra-alta resistência e conformados a quente, além de uma série de equipamentos de segurança.

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

Volkswagen T-Cross 2021 – novidades

O Volkswagen T-Cross 2021 ainda é um modelo bem recente em nosso mercado, mas mesmo assim a marca já apresentou as primeiras novidades do modelo para a nova linha.

A principal novidade é a adição da central multimídia VW Play, que estreou no Nivus, em todas as versões do T-Cross. Essa central tem tela sensível ao toque de 10,1 polegadas, com recursos como espelhamento sem fio e os comandos do Park Assist, modos de condução e start/stop.

As versões de entrada, denominadas 200 TSI (com câmbio manual ou automático), receberam o indicador de pressão dos pneus e frenagem pós-colisão. Já a versão intermediária Comfortline ganhou detector de fadiga e rodas de 17 polegadas com novo visual. A topo de linha Highline não teve nenhuma mudança, continuando a oferecer o esquema bicolor de pintura da carroceria e teto.

Além disso, a marca continua trabalhando para entregar as versões Sense (voltadas ao público PcD), que futuramente deve receber algumas modificações para também entrar na linha 2021. Essa configuração que tem como base o 200 TSI Automático, perdendo apenas os sensores no para-choque traseiro e o apoio de braço central.

O resto dos equipamentos foi mantido, incluindo seis airbags, ar-condicionado digital, direção elétrica e controles de estabilidade e tração. O preço dessa versão é R$ 69.990, bem menos que os R$ 99.090 pedidos pela opção em que se baseia.

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

Volkswagen T-Cross 2021 – equipamentos

Segurança: todas as versões do T-Cross 2021 são equipadas de série com airbags frontais, laterais e de cortina, totalizando seis bolsas infláveis, além de controle eletrônico de estabilidade, frenagem pós-colisão e assistente de partida em rampas.

Como opcional no T-Cross, ele terá bloqueio eletrônico do diferencial, monitoramento da pressão dos pneus, freios a disco nas quatro rodas, detector de fadiga, entre outros.

O controle eletrônico de estabilidade do T-Cross 2021 é capaz de identificar o estágio inicial de uma situação de rodagem crítica.

Com isso, ele compara a atuação do motorista com as reações do veículo a esse comando e, caso necessário, reduz o torque do motor e freia uma ou várias rodas até que o carro volte a ter estabilidade.

Junto a ele está o assistente de partida em rampas (ou Hill Hold Control), que mantém o carro freado por até dois segundos após o motorista aliviar o pedal de freio em aclives acima de 5%.

Os freios são liberados progressivamente quando o pedal de acelerador é acionado.

Há também o sistema de frenagem automática de emergência, conhecido também como HBA (Hydraulic Brake Assist), que identifica uma frenagem de emergência através da velocidade de acionamento e pressão aplicada no pedal de freio.

Ele, então, aumenta ativamente a pressão de freio, que é modulada com o ABS.

Já o bloqueio eletrônico do diferencial (EDS) do T-Cross 2021 aciona o freio da roda com menor tração em trilhas ou situação de baixa aderência, transferindo o torque para a roda com maior tração. Com isso, há uma melhor eficiência para que o carro saia de uma determinada situação.

Ele atua de forma automaticamente, inclusive em curvas em velocidade de até 80 km/h.

O XDS+, também bloqueio eletrônico do diferencial, aumenta a agilidade e diminui a necessidade de movimentação do volante. Isso por conta de intervenções seletivas nos freios das rodas internas às curvas nos eixos dianteiro e traseiro.

Tal ação resulta numa transferência do torque disponível do motor para as rodas externas.

O monitoramento da pressão dos pneus do T-Cross 2021, por sua vez, usa sensores que monitoram o modo de vibração e frequência dos pneus, que detectam se houve perda de pressão em um ou mais pneus e alertam o condutor por meio de um aviso no painel.

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

No sistema de frenagem automática pós-colisão, ele aciona automaticamente os freios do veículo em caso de acidente.

Já o detector de fadiga detecta a perda de concentração do motorista, comparando com os 15 primeiros minutos de direção, e recomenda uma pausa para descanso.

Todas as versões tem ainda luzes de condução diurna em LED integrada aos faróis de neblina. Como opcional, há faróis totalmente em LED.

A lista inclui ainda sistema Isofix com Top tether para fixação de cadeirinhas infantis no banco traseiro e cintos de segurança de três pontos com pré-tensionadores e encosto de cabeça para os cinco ocupantes.

Conforto: no quesito conforto, o modelo pode ser equipado com sensores de estacionamento dianteiros e traseiros e teto solar panorâmico “Sky View” com dois painéis de vidro instalados em mais da metade da área do teto do carro (o dianteiro pode ser aberto eletricamente).

A lista inclui ainda iluminação ambiente em LED com luzes na região dos pés, console, painel e maçanetas, destravamento das portas e partida do motor sem chave, suporte para celular no painel com tomada USB de carregamento rápido, mais uma tomada USB na frente e outras duas atrás, entre outros.

Há também ar-condicionado automático digital com saída de ar para os ocupantes do banco traseiro, sistema start/stop nas versões topo de linha com motor 1.4 TSI e seletor de modos de condução.

Tecnologia: este ponto é, sem dúvidas, um dos chamarizes do novo T-Cross 2021 no mercado nacional.

Entre os equipamentos de série e opcionais (dependendo da versão), há o painel de instrumentos totalmente digital Active Info Display, já disponível na linha do Polo, Virtus, Golf, Jetta, Tiguan Allspace e Passat.

Este recurso substitui o painel de instrumentos analógico por uma tela de 10,25 polegadas.

Nesta tela, com resolução de 1.280 x 480 pixels, são exibidas uma série de informações do T-Cross, como informações de navegação em 2D ou 3D, onde o velocímetro e o conta-giros são deslocados para as bordas inferiores, para que um espaço seja aberto para exibir o mapa.

Há ainda dados das funções de condução, de navegação e de assistência, que podem dividir espaço com o velocímetro e o conta-giros. Informações da central multimídia também podem ser replicadas no painel de instrumentos.

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

E por falar em central multimídia, todas as versões do T-Cross são equipadas com o sistema VW Play, de 10,1 polegadas e já conhecido desde a apresentação do irmão menor Nivus.

Ainda entre os recursos, ele tem o sistema Park Assist 3.0, que permite estacionar o carro de forma semiautônoma em vagas paralelas e transversais. No T-Cross, o recurso dispõe ainda da função de freio de manobra.

Há ainda o sistema de som Beats de alta fidelidade, com sete alto-falantes (incluindo um subwoofer no porta-malas) e potência de 300 watts.

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

Volkswagen T-Cross 2021 – itens de série

Veja abaixo os principais equipamentos de série das versões do novo Volkswagen T-Cross:

VW T-Cross Sense 200 TSI AT 2020 (exclusivo PcD): mesmo itens da versão abaixo, menos sensores de estacionamento traseiros e apoio de braço central.

VW T-Cross 200 TSI MT 2021: equipado de série com airbags frontais, laterais e de cortina (seis airbags), indicador de pressão dos pneus, frenagem automática pós-colisão, controle eletrônico de estabilidade, controle de tração, assistente de partida em rampas, bloqueio eletrônico do diferencial, luzes diurnas de LED, lanternas traseiras em LED, sistema Isofix, faróis de neblina com função “cornering light”, retrovisores externos com luzes indicadoras de direção, entre outros.

A lista inclui também direção elétrica, ar-condicionado manual, vidros, travas e retrovisores elétricos, alarme antifurto com comando remoto, vidros com função one touch, banco do motorista com ajuste de altura, volante multifuncional ajustável em altura e profundidade, computador de bordo, sensor de estacionamento traseiro, rack de teto, rodas de liga-leve aro 16, som Media Plus com Bluetooth e USB, suporte para celular com entrada USB no painel, chave canivete, entre outros.

VW T-Cross 200 TSI AT 2021: além do câmbio automático, ganha também piloto automático, saída do ar-condicionado para os ocupantes traseiros, duas saídas USB para recarga de smartphones para os ocupantes do banco traseiro, volante multifuncional revestido em couro com  ‘Paddle Shift’, descansa braço central com porta-objetos e 2 alto-falantes dianteiros adicionais.

VW T-Cross Comfortline 200 TSI AT 2021: oferece ainda ar-condicionado digital, sensor de estacionamento dianteiro, volante revestido em couro com paddle shifts, detector de fadiga, alavanca de câmbio em couro, porta-luvas refrigerado, monitoramento da pressão dos pneus, porta-malas com sistema “s.a.v.e.” para ajuste de espaço, câmera de ré, rodas de liga-leve de 17 polegadas, ajuste da lombar no banco do motorista, entre outros.

VW T-Cross Highline 250 TSI AT 2021: agrega retrovisor interno eletrocrômico, iluminação ambiente em LED, bancos em couro, retrovisores externos rebatíveis eletricamente, chave presencial, start/stop, detector de fadiga do motorista, sensor de chuva, entre outros.

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

Volkswagen T-Cross 2021 – opcionais

O Volkswagen T-Cross 2021 oferece ainda alguns pacotes opcionais em suas respectivas versões. Confira:

VW T-Cross 200 TSI MT 2021:

  • Pacote Interactive III (R$ 1.790 – alto-falantes extras, câmera de ré e sensores de estacionamento dianteiros e traseiros).

VW T-Cross 200 TSI AT 2021:

  • Pacote Interactive IV (R$ 1.590 – câmera de ré, sensor de estacionamento dianteiro, retrovisores externos rebatíveis eletricamente, novas rodas de 17 polegadas e pneus 205/55).

VW T-Cross Comfortline 200 TSI AT 2021:

  • Pacote Design View (R$ 2.035 – Aplicações decorativas no painel, Bancos em couro “Tropix” com detalhes na cor “Marrakesh Brown”, Manopla da alavanca do freio de estacionamento em couro e Pacote cromo).
  • Pacote Sky View II (R$ 5.010 – teto solar panorâmico, sensores de luz e chuva e retrovisor interno eletrocrômico).

VW T-Cross Highline 250 TSI AT 2021:

  • Pintura Bicolor I (R$ 1.985 – retrovisores pintados na cor do teto, rodas de liga leve de 17 polegadas e teto pintado na cor Preto Ninja).
  • Pintura Bicolor II (R$ 1.985 – retrovisores pintados na cor do teto, rodas de liga leve de 17 polegadas e teto pintado na cor Cinza Platinum).
  • Pacote Sky View (R$ 5.010 – teto solar panorâmico elétrico)
  • Pacote Tech & Beats (R$ 6.280 – faróis full LED com luz de condução diurna, regulagem automática do farol, Park Assist 3.0 e som Beats com subwoofer).

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

Volkswagen T-Cross 2021 – preços

Os preços do novo T-Cross 2021 partem de R$ 91.660 para o público em geral. Veja abaixo a tabela completa:

  • Volkswagen T-Cross Sense 200 TSI AT 2020 (PcD) – R$ 69.990
  • Volkswagen T-Cross 200 TSI MT 2021 – R$ 91.660
  • Volkswagen T-Cross 200 TSI AT 2021 – R$ 99.090
  • Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI AT 2021 – R$ 112.120
  • Volkswagen T-Cross Highline 250 TSI AT 2021 – R$ 120.600

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

Volkswagen T-Cross 2021 – motor

Sob o capô, as versões mais em conta do novo T-Cross 2021 são equipadas com o motor 1.0 TSI flex de três cilindros, o mesmo já usado no Polo, Virtus e Golf.

Este propulsor é dotado de turbocompressor, injeção direta de combustível, bloco e cabeçote feitos em alumínio, entre outros.

Ele consegue desenvolver 115 cavalos de potência quando abastecido com gasolina e 128 cv com etanol, a 5.500 rpm. O torque é de 20,4 kgfm com ambos os combustíveis, disponível a partir de 2.000 giros.

No caso do T-Cross, o 1.0 TSI pode ser associado ao câmbio manual de seis marchas ou a transmissão automática Tiptronic também de seis velocidades, neste último caso com paddle shifts atrás do volante para trocas manuais de marcha. A tração é sempre dianteira.

Já as variantes topo de linha tem sob o capô o 1.4 TSI flex de quatro cilindros herdado do Golf Highline, também com turbocompressor e injeção direta.

Ele é mais potente e proporciona uma tocada mais esportiva. Porém, nada tão surpreendente quanto o Citroën C4 Cactus THP e também o Peugeot 2008 THP.

O motor 1.4 TSI do T-Cross tem as mesmas configurações do Golf. Tal unidade é capaz de entregar 150 cavalos de potência com gasolina ou etanol, a 4.500 rpm, e 25,5 kgfm de torque também com ambos os combustíveis, entregues a partir de 1.500 rpm.

O T-Cross 1.4 TSI está disponível exclusivamente com o câmbio automático Tiptronic de seis marchas e conversor de torque com paddle shifts atrás do volante.

Vale lembrar que os modelos com o motor mais potente tem um seletor de modos de condução, com os modos “normal”, “ecológico”, “esportivo” e “individual”, capaz de alterar alguns parâmetros do motor de acordo com as preferências e necessidades do condutor.

No entanto, vale ressaltar que o T-Cross 1.0 TSI está disponível como T-Cross 200 TSI, enquanto o T-Cross 1.4 TSI será chamado de T-Cross 250 TSI.

Trata-se de uma estratégia da Volkswagen para enfatizar o torque (em newton-metros) ao invés da “litragem” do motor, visto que os propulsores TSI se sobressaem justamente pelo torque mais elevado.

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

Volkswagen T-Cross 2021 – desempenho e consumo

Conforme informado pela Volkswagen, o novo T-Cross 200 TSI manual consegue acelerar de 0 a 100 km/h em 10,2 segundos. A velocidade máxima do carro é de 190 km/h.

Já a respeito do consumo, ele faz 7,7 km/l com etanol na cidade e 9,4 km/l com etanol na estrada. Já com gasolina, os números são de 11,2 e 13,2 km/l, respectivamente.

O T-Cross 200 TSI automático, por sua vez, atinge os 100 km/h em 10,5 segundos e velocidade máxima de 185 km/h. O consumo é de 7,5 km/l na cidade e 9,2 km/l na estrada com etanol e 11 e 13 km/l, respectivamente, com gasolina no tanque de combustível..

No caso do T-Cross 250 TSI automático, ele acelera de 0 a 100 km/h em 9 segundos e alcança 195 km/l de velocidade máxima. Faz média de 7,4 km/l na cidade e 9 km/l na estrada com etanol e 10,5 e 13 km/l, respectivamente, com gasolina.

VW T-Cross 2021: versões, preço, consumo, equipamento, motor (fotos)

Volkswagen T-Cross 2021 – manutenção e revisão

Assim como acontece com outros modelos da gama, o novo T-Cross 2021 tem o programa “Revisões de Série”. Ele inclui as três primeiras revisões do carro (até três anos ou 30.000 km rodados) sem qualquer custo extra ao proprietário do carro.

Após isso, o custo total das outras revisões do Volkswagen até 60.000 km é de R$ 2.080,54.

Veja abaixo os valores de cada revisão:

  • 10.000 km – gratuita
  • 20.000 km – gratuita
  • 30.000 km – gratuita
  • 40.000 km – R$ 1.020,90
  • 50.000 km – R$ 508,80
  • 60.000 km – R$ 582,90

Volkswagen T-Cross 2021 – ficha técnica

Motor

1.0 TSI

Tipo

Dianteiro, Transversal e Bicombustível

Número de cilindros

3 em linha

Cilindrada em cm3

999

Válvulas

12

Taxa de compressão

10,5:1

Injeção eletrônica de combustível

Direta

Potência Máxima

128 cv a 5.500 rpm

Torque Máximo

20,4 kgfm a 2.000 rpm

Transmissão

Tipo

Manual ou automática Tiptronic de seis marchas

Tração

Tipo

Dianteira

Freios

Tipo

Discos ventilados (dianteira) e discos sólidos (traseira)

Direção

Tipo

Elétrica

Suspensão

Dianteira

Independente, McPherson

Traseira

Eixo de torção

Rodas e Pneus

Rodas

Liga-leve de 16 ou 17 polegadas

Pneus

205/60 R16 ou 205/55 R17

Dimensões

Comprimento total (mm)

4.199

Largura (mm)

1.750 (estimada)

Altura (mm)

1.715

Distância entre os eixos (mm)

2.651

 

Motor

1.4 TSI

Tipo

Dianteiro, Transversal e Bicombustível

Número de cilindros

4 em linha

Cilindrada em cm3

1.395

Válvulas

16

Taxa de compressão

10,5:1

Injeção eletrônica de combustível

Direta

Potência Máxima

150 cv a 4.500 rpm

Torque Máximo

25,5 kgfm a 1.500 rpm

Transmissão

Tipo

Automática Tiptronic de seis marchas

Tração

Tipo

Dianteira

Freios

Tipo

Discos ventilados (dianteira) e discos sólidos (traseira)

Direção

Tipo

Elétrica

Suspensão

Dianteira

Independente, McPherson

Traseira

Eixo de torção

Rodas e Pneus

Rodas

Liga-leve de 16 ou 17 polegadas

Pneus

205/60 R16 ou 205/55 R17

Dimensões

Comprimento total (mm)

4.199

Largura (mm)

1.750 (estimada)

Altura (mm)

1.715

Distância entre os eixos (mm)

2.651

Volkswagen T-Cross 2021 – fotos

Leonardo Andrade

Leonardo atua no segmento automotivo há quase nove anos. Tem experiência/formação em administração de empresas, marketing digital e inbound marketing. Já foi colaborador em mais de sete portais do Brasil. Fissurado por carros, em especial pelo mercado e por essa transformação que o mundo automotivo está vivendo.

                                                  Quem somos

                                                  O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por 15 anos. Saiba mais.

                                                  Notícias por email