Etc Governamental/Legal

Três tipos de óleo de motor são reprovados pelo Ipem em São Paulo

tres-tipos-de-oleo-de-motor-sao-reprovados-pelo-ipem-em-sao-paulo

Quem diria, até tradicionais marcas de óleo de motor estão sendo reprovados pela quantidade menor do produto nas embalagens.


Neste caso, 3 de um lote de 62 marcas de óleo não passaram nos testes do Ipem-SP – Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo.

Os óleos lubrificantes automotivos analisados foram dos tipos mineral, semi-sintético e sintético, para uso em motores diesel, gasolina, álcool e bi-combustível.

Na cidade de Bauru-SP, foram analisadas 32 amostras de óleo mono viscoso para motores diesel Lubrioil da Lubrax. Destas, 28 apresentaram menor conteúdo na embalagem do que o indicado pelo fabricante.


Neste caso, o maior erro representa cerca de 260 ml a menos na embalagem. Já o Lubrax BR SAE 15W40 para motores diesel apresentou 3 erros em 12 amostras analisadas. O maior erro foi de 18,7 ml em uma embalagem de 1 litro.

Em outra cidade do interior paulista, mais erros como os citados foram encontrados. Em Ribeirão Preto, o óleo multi viscoso Brutus T5 CH4 SAE 15W40 da Ipiranga, apresentou erros em 2,10 ml (0,21%) em todas as 14 amostras analisadas pelo Ipem-SP.

Mas não foi somente em Bauru e Ribeirão Preto que o teste foi efetuado. Os laboratórios de São Paulo, Campinas, Presidente Prudente, São José dos Campos, São José do Rio Preto e São Carlos, realizaram os mesmos testes, não detectando erros de quantidade nas amostras dos mesmos produtos analisados.

Essa medida do IPEM-SP visa defender o consumidor de eventuais prejuízos causados pela quantidade inferior do produto adquirido, sendo que tais produtos terão de ser recolhidos dos pontos de vendas e as empresas autuadas têm 10 dias para apresentar defesa ao Ipem-SP.

Os valores das multas variam de R$100 a R$50 mil, dobrando no caso de reincidência. Em caso de dúvidas, reclamações ou denúncias, o consumidor pode recorrer ao serviço da Ouvidoria do Ipem.

O orgão disponibiliza o telefone 0800 013 0522 de segunda a sexta, das 8h às 17h, ou enviar e-mail para: ouvidor-ipem@ipem.sp.gov.br.

Fonte: Diário Net.

Três tipos de óleo de motor são reprovados pelo Ipem em São Paulo
Este texto lhe foi útil??

COMPARTILHAR:
  • AcidCartoon

    seria bom se tivessem divulgado a lista dessas marcas!! Eu uso castrol!!

  • Gagliotti

    Estes institutos fazem os testes (IPEM, INMETRO), e muitas vezes reprovam os produtos, mas quando você tenta localizar os testes e as marcas, fica muito difícil, meses atrás tentei localizar no site mas tudo é muito confuso (não sei se as coisas mudaram agora), me parece que existe alguma pressão para não divulgar muito os testes.

  • Luis.J.R.

    Não uso esse 0oleos mesmo!Mais é bom saber.

  • IGAUM

    pqp… eu uso o Lubrax semi-sintetico 15w40…mas para flex..nao diesel…

    MESMO ASSIM…

    Vou mudar de marca…acho q vou voltar para o Havoline…

  • velocidade

    Alguém sabe sobre a durabilidade sobre a “invasão” de óleo Argentinos ?

    Kd a lista das marcas !

    • cxgalera

      Use a marca recomendada pelo seu fabricante…

      No caso da GM… Sempre o AC Delco ! Ford… Motorcraft !

      Fiat e VW… Não sei ! Essas marcas não costumam ser fiel a um fabricante !

      • wotan

        A Fiat sempre usou lubrificantes Tutella, pelo menos nos últimos 30 anos

  • cxgalera

    Em tempos de motores VHC, tanto na VW, Ford ou Fiat… Q copiaram o sistema da GM !

    O recomendável é sempre trocar o óleo na concessionária, com o óleo recomendado pelo fabricante !

    Existe um cronograma de tipo de óleo usado, conforme a quilometragem, em boa parte dos veículos.

    Começando com o óleo 5W30, para esses motores mais novos !

    Tbém é importante ressaltar q, combustível ruim, principalmente em motores VHC é quase mortal !

    Tbém não é muito recomendável ficar trocando de marca !

  • André

    Elaion bom e barato!

  • bruno

    Onde achar óleos do grupo V, ésteres 100%sintéticos?

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email