Chevrolet GM Montadoras/Fábricas Tecnologia

MWM é quem produz o motor diesel 2.8 CDTi da Nova Chevrolet S10

Quem produz o motor diesel da Nova Chevrolet S10, chegou totalmente renovada ao mercado nacional neste ano de 2012? A picape Chevrolet S10 vem trazendo entre as novidades, um novo motor turbo diesel 2.8 CDTi com potência de 180 cv e torque de 44,9 kgfm, que possui vários avanços tecnológicos, entre eles injeção common-rail, também turbina com segundo estágio elétrico e um sistema EGR completo para reduzir as emissões de poluentes.

No entanto, não é a GM (Chevrolet) que produz esse motor diesel da Nova S10 aqui no país. Isso ficou a cargo da empresa MWM-International, tradicional fabricante de motores diesel, que já produziu motores para várias outras picapes nacionais anteriormente, e hoje ainda mantém acordos comerciais com as principais empresas fabricantes de pickups no Brasil, como Chevrolet, Ford e também a Troller, que monta jipes.


A MWM foi fundada em 1922 e em 2005 foi vendida para a Navistar International. Ela possui duas fábricas no Brasil, uma em São Paulo e outra em Canoas, no Rio Grande do Sul, além de uma fábrica em Córdoba, na Argentina. No total são mais de 2.200 funcionários que a MWM tem.

A produção do motor 2.8 CDTi da Nova Chevrolet S10 será feita em Caxias do Sul/RS, de onde a GM espera receber nada menos que 300.000 unidades do motor até o ano de 2018. Esse acordo de produção é o maior de toda a história da MWM. O pessoal da empresa deve estar muito feliz com o novo contrato, não há dúvida.

Para isso, foram investidos em torno de US$ 10 milhões por parte da MWM e mais US$ 70 milhões que vieram dos grandes cofres da GM. A unidade fabril tem uma capacidade de produzir em torno de 60.000 motores por ano, o que deverá suprir com folga as demandas da GM para a Nova S10, não concorda?


OBS.: Em 2015 publicamos informação de que a Chevrolet cancelaria o acordo com a MWM em 2016 para produzir ela mesma os motores da picape.

[Fonte: Webtranspo]

MWM é quem produz o motor diesel 2.8 CDTi da Nova Chevrolet S10
Este texto lhe foi útil??

29 Comentários

Clique aqui para postar um comentário

  • "MWM é quem produz o motor diesel 2.8 CDTi da Nova Chevrolet S10"

    colombo descobriu a américa !! isso não é nenhuma novidade, em 2008 (4 anos atrás) foi firmada uma parceria entre a gm e mwm para produção destes motores

    a única novidade é que a nova linha de motores da fábrica da mwm em canoas foi inaugurada ontem, fato sequer informado no texto

    mais atenção

      • justamente, percebeu?

        se for para transcrever um texto, que seja com qualidade

        infelizmente ultimamente estão ocorrendo erros grotescos de tradução e transcrições com omissão de informações fundamentais

        se for para ler cada notícia 2 vezes (aqui e na fonte), seria mais fácil linkar direto na fonte (em especial aquelas em outros idiomas) e nem perder tempo transcrevendo

    • Não tem erro nenhum no texto, basta saber interpretá-lo. A S-10 antiga usava motor MWM da linha Sprint, ou seja, o motor era MWM.

      Já a Nova S-10 usa motor GM, porém, que fabrica é a MWM, ou seja, o motor é GM mas produzido pela MWM na fábrica da MWM.

      A MWM também tem um acordo feito com a MAN Latin America há uns dois ou três anos atrás, para produzir os novos motores MAN D-0834 e D-0836 que equipam os atuais caminhões e ônibus da MAN aqui no Brasil.

      O texto está claríssimo.

    • Olá sphix3000,

      Em casos como esses, a montadora faz a especificação do que necessita (peso, potencia, tecnologias, materiais etc).
      A montadora informa também a demanda esperada e a frequência assim como outros dados técnicos e de logistica.
      O fornecedor fabricante do motor faz seus calculos de custo e submete a montadora.
      Projeto aprovado, a fabricante constroe o motor com o acompanhamento da engenharia da montadora.
      Motor e carroceria são montados pelas engenharias (produto, processo, qualidade) da montadora e acompanhados pela engenharia do fornecedor.
      Paralelo aos testes, há o desenvolvimento das linhas de montagem e demais fornecedores até
      os testes e acertos finais e lançamento do produto.

  • Boa opção para a S10.
    Pena que os preços praticados para essa faixa do segmento sejam tão altos.
    Creio que com o tempo, longe do lançamento e com mais e melhor concorrência (para não incluir na opinião os famigerados impostos brasileiros) possam ficar mais viáveis.

  • Esse motor não seria uma vantagem da GM, por ser mais fácil de manter e consertar do que o motor VW da Amarok?
    Porque li que poucas concessionárias VW no Brasil tem treinamento suficiente para mexer com o 2.0 bi-turbo. E que ele é muito complicado. Mecânicos independentes, então, nem se atrevem a consertá-lo..

  • Por que cargas d'agua que a GM não esclareceu isso antes? Sempre confiei nos motores da MWM (os melhores diesel na minha opinião). Quando a GM informou que ela mesma produziria os novos motores diesel da S10 fiquei com um pé atras. A propósito, tenho uma S10 2002, diesel com 420.000 km rodados. O motor não quebra e não dá manutenção alem de óleo e filtro, trocados a cada 5.000 km (faço isso por minha conta). Não vaza uma gota de óleo; não há cheiro algum de óleo queimado no escapamento; a força continua a mesma; e, o som, maravilhoso, com a cadência de um relógio suíço. Quando puder trocar, vou de S10 denovo e, agora, sem medo!

  • Tenho uma S10 cabine dupla com motor 2.8 antiga, estava batendo a parte de baixo, foi feito montado novamente, na primeira partida o motor disparou, desligou a chave mesmo assim funcionou, até que foi afogado pela entrada do Interkuler, o estrago foi tão grande que até o bloco foi, agora foi feito novamente, continua disparando, a turbina está desligada, o Interkuler também, está enxarcando de óleo do motor na cabeça do pistão, tudo é novo. A turbina esta no lugar o encanamento que lubrifica o eixo e o retorno estão ligados, será que podem me ajudar?.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email