Avaliações Fiat Hatches

Avaliação NA – Fiat 500 Cult Dualogic – Respondendo as perguntas dos leitores

Avaliação NA - Fiat 500 Cult Dualogic - Respondendo as perguntas dos leitores

Chega o momento de respondermos as perguntas de nossos leitores a respeito do Fiat 500 Cult Dualogic. Muitas perguntas foram feitas, veja as respostas a algumas delas abaixo:


O câmbio fica indeciso em situação que combina subida e velocidade de cruzeiro?

Se por “velocidade de cruzeiro” você estiver se referindo a velocidades médias mantidas em estrada, 110 ou 120 km/h, até que não, pois as relações de marcha são um pouco curtas, então as rotações ficam altas na estrada. Se por um lado isso traz um consumo não tão bom e também um nível de ruído um pouco alto, por outro lado mantém um bom desempenho em quinta marcha.

Comparado a march, uno, celta e gol como é o espaço no banco traseiro desse carro?


É menor do que em todos os modelos citados. O Fiat 500 é um carro de nicho, carrinho urbano, do tipo de carro urbano menor que é feito na Europa como já era o Ford Ka nos anos 90. São veículos feitos para um propósito totalmente diferente do brasileiro, que é carregar cinco pessoas mais bagagem em um carro popular. Quem precisa de espaço na parte traseira deve ficar longe do Fiat 500.

O cambio dá muitos trancos?

Se comparado com um carro com câmbio automático o automatizado Dualogic dá sim trancos. Mais detalhes sobre isso nós publicamos em nossas matérias sobre o Fiat 500 na cidade e estrada, recomendo a leitura.

Cara, como é estacionar com esse câmbio?

É até que tranquilo depois que você acostuma com o Dualogic. Apesar de não ter o sistema Creeping do Dualogic Plus, que faz com que o carro se movimente lentamente do mesmo jeito que automáticos fazem, o Dualogic facilita o estacionamento por movimentar o carro bem lentamente quando você dá toques leves no acelerador. Com isso, estacionar não é complicado.

O motor 1.4 juntamente do cambio tem bom funcionamento? Um casal com um filho pequeno conseguiria fazer uma viagem não muito longa? O carro sofre com ventos laterais quando em velocidade acima de 100 km/h?

Sim, um casal com um filho pequeno faria uma viagem não muito longa com tranquilidade. Acima de 100 km/h ele sofre um pouco com ventos laterais sim. Ao passar do lado de carretas, você sente um pouco de instabilidade.

Como é o consumo e a autonomia do 500 Dualogic, tendo em vista o pequeno tanque dele? Chega a incomodar “ser amigo” do frentista?

A autonomia, apesar de não ser grande, também não é muito diferente do que temos em outros modelos compactos. Dá para rodar mais de 400 quilômetros na cidade tranquilamente com gasolina. Já com álcool você rodará pouco mais de 300 quilômetros.

Vale a pena deixar o câmbio no “automático” ou é melhor realizar as trocas?

Vejo eu que é melhor deixar no automático, já que comprar um carro com câmbio Dualogic tem esse objetivo. Mas sem dúvida que as trocas manuais são também um diferencial, já que permite uma tocada esportiva sem o uso da embreagem.

Como é o comportamento do carro em estradas? Andar a 120km ou mais causa grande incomodo aos passageiros (relação a barulhos)? Gasta muito assim?

O comportamento é bom, o que incomoda são as rotações que ficam altas em quinta marcha. Andar a 120 km/h já é incômodo neste sentido, então andar a mais do que isso (como muitos gostam) é quase impossível. A não ser que a pessoa esteja acostumada a pisar fundo em carros populares e já nem ligue para as rotações nas alturas.

Como é a receptividade desse carro pelas ruas?

Ainda hoje ele chama muita atenção, as pessoas acham o carro muito bonito, especialmente mulheres e crianças.

Se fosse hoje, optaria pelo manual ou novamente pelo Cult Dualogic?

Como o objetivo é um carro que não necessite de trocas de marcha, iria novamente com o Dualogic.

O computador de bordo é preciso na indicação do consumo médio?

Sim.

Como é a manobrabilidade deste carro? Digo em relação ao câmbio. É fácil manter uma aceleração mínima necessária para manobra-lo em vagas, garagens e afins? É necessário tipo ‘pulsar’ o acelerador, intercalado com o freio?

É fácil sim. No entanto, exige que a pessoa já esteja acostumada. Eu não daria esse carro nas mãos de alguém que nunca andou em um Dualogic, para já de cara estacionar. A pessoa irá acabar batendo.

O acabamento interno dele, em relação aos materiais do painel e portas, é bom, ruim, ou tá na média do segmento?

É bom para um carro de sua faixa de preço. Apenas os painéis internos das portas é que tem um acabamento pior, poderia ter uma maior área com revestimento em tecido.

O carrinho é seguro em situações mais “apimentadas” ? ESP, ASR, Hill holder…funcionam bem?

Sim, o único porém é sua altura maior que o normal…. sua estabilidade em curvas rápidas não é tão boa quanto carros mais baixos.

Avaliação NA – Fiat 500 Cult Dualogic – Respondendo as perguntas dos leitores
Nota média 4 de 1 votos

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email