Avaliações Fiat Hatches

Avaliação NA – Fiat 500 Cult Dualogic 3 – Comportamento e consumo na cidade

fiat-500-cult-dualogic-cidade-620x348 Avaliação NA - Fiat 500 Cult Dualogic 3 - Comportamento e consumo na cidade

O motor 1.4 do Fiat 500, apesar de ter apenas 88 cavalos de potência, é suficiente para a maioria das situações quando andamos com ele na cidade. Como seu espaço interno é bem limitado, dificilmente será usado com quatro pessoas na cabine, o que facilita no desempenho.



É claro que com câmbio manual temos um melhor controle da performance do veículo, mas mesmo com o câmbio Dualogic não falta fôlego ao carrinho. Iremos entrar mais em detalhes a respeito do câmbio Dualogic logo adiante.

Falemos primeiro da suspensão do 500 Cult. A suspensão dele é dura, pra falar a verdade. Se trata de um carrinho alto, que não pode balançar muito nas curvas, e além disso ele tem pneus 185/55 R15, que não são um primor em conforto e altura lateral. O resultado é um carro que não agrada muito aos que priorizam o conforto no dia-a-dia. As imperfeições do piso são claramente passadas para os ocupantes, mesmo imperfeições pequenas.

Já o câmbio Dualogic continua sendo aquela incógnita: muitos ouvem apenas relatos ruins desse tipo de câmbio e outros, que nunca andaram em carros equipados com câmbio automatizado, ficam com muitas dúvidas. Pois bem, depois de usar um carro com esse câmbio por seis meses, acho que consigo falar com propriedade sobre suas qualidades e defeitos.

Primeiro que temos um comportamento bem distinto entre o funcionamento normal e o Sport, ou seja, aquele que temos quando acionamos a tecla com esse nome no painel. Quando o câmbio Dualogic está no modo normal, as trocas são um pouco lentas, e não esticam muito o motor, mesmo que você pise com vontade. Elas são feitas em pouco menos de 6.000 rotações, no caso específico do 500 Cult.

Existem alguns momentos em que o câmbio Dualogic fica indeciso. Como a segunda geração do equipamento, chamada de Dualogic Plus, ainda não foi implementada no Fiat 500, ainda temos alguns problemas. Quem gosta de trocas de marcha bem tranquilas, subindo de marcha bem cedo, em rotações baixas, não consegue esse tipo de condução com o Dualogic. Ele apenas aceita subir marcha em 2.500 rotações, às vezes um pouco menos que isso.

Em alguns momentos, a velocidade é alta demais para entrar a primeira marcha e você está em uma subida inclinada. Então o câmbio mantém aquela marcha, mesmo com a velocidade caindo e você irritando quem está atrás. Aí só se resolve o problema entrando com a primeira marcha manualmente, na alavanca.

Já quando usamos o Fiat 500 no modo Sport, as coisas mudam completamente. Não apenas com relação ao câmbio, mas o volante fica mais duro e as respostas do acelerador também são mais rápidas. Em alguns testes de aceleração que fizemos, vimos que as trocas de marcha são bem rápidas, eu diria que mais rápidas do que qualquer pessoa conseguiria fazer com um câmbio manual.

As marchas não mudam nesse modo, ou seja, mesmo que você estiver em uma descida, com o giro do motor quase no limite, o carro vai segurar naquela marcha. Isso é bom para usar como freio motor. Com o câmbio Dualogic no modo manual com o modo Sport do carro acionado, temos as respostas mais esportivas possíveis, o que dá mais prazer ao dirigir.

E o consumo? O Fiat 500 Dualogic marcou entre 9,5 e 10 km/l na cidade com gasolina e 6,8 km/l com álcool, sempre com ar-condicionado ligado. Mas vale lembrar que isso é em um carro relativamente pouco rodado, com 3.000 km.

 

4.0

COMPARTILHAR:
  • Diego Casagrande

    Para um motor relativamente fraco, para um carro leve está bebendo demais.

    • leandrocm86

      Acho que a questão é que ele não é tão leve assim… é até pesado, considerando o seu tamanho. Espero que um dia eles consigam reduzir esse peso, mantendo a segurança. Mas eu gostaria de saber quantos km/L dá pra fazer no MultiAir a gasolina… deve ser muito melhor.

      • msouza91

        o multi air não é tão melhor assim, e o consumo dele tá meio alto, mas o carro é pouco rodado, conheço quem faz acima de 13 na cidade, sempre com a ligado e modo sport

      • MarcioLR

        Respondendo sua pergunta, tenho um MultiAir Manual e sem ar condicionado ligado, na cidade, esticando marchas até 3500-4000rpm, fica entre 11,5 e 12km/l. Andando seguindo o ECODRIVE, fica entre 12,5 e 13km/l na cidade. Meu 500 está com 5500KM.

    • thales_sr

      Ele pesa cerca de 1060 kg, não é o que eu chamaria de leve.

      • Leandro1978

        Então o motor não é tão "fraco" assim…

        • thales_sr

          Verdade, 88 cv e cerca de 13 kgfm de torque não é tão fraco. Pelo peso e a potência, acho que ele anda até direitinho. Porém, a potência pura do motor não diz grandes coisas sobre o consumo. Já o peso, esse influencia mais diretamente, principalmente no consumo urbano…

          • herr_le

            Olha estou fazendo em torno de 7,5 a 8,5 no álcool aqui na cidade, ando sempre no modo sport e costumo esticar bem as marchas, sei que no modo normal o consumo melhora, mas não consigo ter uma boa relação com o dualogic que nunca entende o que o carro precisa e no modo sport fica bem melhor.

        • herr_le

          Esse motor 1.4 o mesmo do novo Uno atende muito bem ao carro, nunca me deixou na mão na verdade no modo sport o carro vira outro, anda muito bem mesmo.

      • evaldoavelar

        O Punto Essence 1.6 pesa 1170 kG

        • thales_sr

          Que que tem?

          • evaldoavelar

            mostra que que o carro é bem pesado pelo seu tamanho

      • MarcioLR

        Quase o peso de um PUNTO 1.4. 1115KG. Um palio sporting tem 1062KG.

        • fabiosne

          1.062kg não é o palio sporting, é o palio essence, e 1.069 o dualogic. O sporting pesa 1.090 e 1.097 o dualogic.

        • fabiosne

          No site fiatpress tem o peso de todos da fiat.

        • thales_sr

          E o que você quer afirmar com isso?

      • Diego Casagrande

        Pelas suas dimensões não é leve, mas pela sua construção ser mais rígida e nível de equipamentos a mais que muitos está leve. No que eu disse "relativamente fraco" se for analisar, para populares e subcompactos o motor é muito bom deste da Fiat, para este 500 já achei meio manco, já que está pagando mais de R$ 40 mil, o motor MultAir acho o mais adequado pra ele. Pelo que eu vi este que o Éber está testando é o EVO, já que são 88cv não tenho certeza.

        • thales_sr

          Bom, realmente não acho leve, e o tamanho dele deixa margem pra pensar que ele pesaria o mesmo que um Uno. O motor dessa versão é o 1.4 EVO, e curiosamente tive opinião inversa à sua… Achei adequado pra esse carro, mas manco em Palio, Punto e Strada (pra falar de carros que já dirigi com esse motor).
          Porém, por 40 mil, acho uma opção muito boa pra quem não precisa de espaço.

    • herr_le

      O meu estava nessa média também, mas agora com mais de 15mil km esta fazendo em torno de 8,5 no álcool aqui dentro, uma considerável melhora.

    • PauloPGomes

      O 500 é bem pesado, e esse motor não é 1.4, mas sim 1349cm³.
      Lembrando que o Palio foi testado com esse mesmo motor, e fez cerca de 10,3 km/l com A/C tbm.
      O Motor rende bem até, ele só é insuficiente pra carregar o pequeno 500.

      Alguns carros que foram superiores em consumo na cidade aqui no NA, Foram:

      Jac J3 1.4 : 11,7 km/l
      New Fiesta Sedan 1.6: 10,5 km/l
      Jac J5 1.5 : 10 km/l
      Sonic 1.6 : 9,7 km/l

      Poderia ser melhor, mas ainda sim é um bom consumo!

      • KzR

        Também acho. Está de bom tamanho em se tratar de um carro um pouco pesado para seu pequeno porte, mas bem equipado em comparação as opções mais econômicas do mercado.

  • edu100022

    O meu é manual e eu consegui uma media com o ar ligado de 10 ~ 11 km/l já com o ar desligado fica entre 11 ~11,5 km/l e o meu está atualmente com 5200 km rodados.

  • deeeenn

    Carro pequeno, feio e caro, além de beberrao.

    • rogerrosato

      Um carro que faz 10 km/l na cidade (cidade pequena e de relevo acidentado) é beberrão?! Se é assim, então joguem fora 95% dos Chevrolets, pois devem ser as maiores catástrofes de consumo do universo, seguindo seu parâmetros!
      Pequeno? Claro que é. É um subcompacto, a razão dele é ser pequeno.
      Feio? Questão de gosto, se fosse vc, nem perderia meu tempo falando de gosto aqui.
      Caro? Então me diga outro carro que vc pode comprar com R$40,7 mil que disponha de todos os ítens que o 500 tem de série.
      Detalhe: meu 500 faz 17 km/l na estrada… isto tbm é gastão pra vc?

      • Stark

        O consumo dele não foi ruim. 10 na cidade com gasolina é razoável e o carro ainda tá pouco rodado… O Problema é que tem muito médio por aí fazendo quase 9 km/l na Cidade com Gasolina! Só pesquisar nas próprias avaliações do NA ! ;)

        • YoOdEx

          Consumo é algo muito pessoal, como sempre dizemos.. Depende de diversos fatores. Meu Tiida manual está fazendo 10,5, 11km/l em Belo Horizonte.. Porém, se me der um 500, acredito que consigo uns 12km/l na mesma situação!

          Carro pra mim, que tenha bom desempenho (não precisa ser esportivo, mas andar com conforto tanto na cidade como estrada), se fizer 10km/l na cidade e 13km/l na estrada já está ótimo! Se fizer 9km/l na cidade e 12 na estrada (mas tendo um desempenho superior), eu considero ótimo consumo..

      • MecanicoDigital

        Em relação ao consumo poderia ser melhor sim. O consumo dele não está melhor do que o de um Renault Clio ou GM Celta, que são carros tecnologicamente inferiores.

        • rogerrosato

          Seus motores tbm são menores, e seus pesos inferiores.

        • thales_sr

          Celta pesa quase 300 kg a menos, isso influencia bastante no consumo ne…

          • MarcioLR

            Com certeza influencia !! O povo se ilude ao dizer que o motor ap 1.6 volkswagen é economico. Por exemplo , um voyage que consegue um mesmo consumo que um grand siena com motor E-TOrq, que é mais moderno. Só que o Fiat é mais de 100KG pesado que o volkswagen. Coloca uma chapa de aço de uns 120KG na mala de um voyage e vai rodar pra ver o consumo.. kkkkkkk Valeu pelo comentário amigo.

            • thales_sr

              Projeto de motor ajuda, mas não tem mágica, a = f/m, já dizia newton. O Focus 1.6 tem um motor bem moderno (o Sigma), mas o consumo urbano é uma lástima: Empurrar 1300 kg exige muita energia.

        • herr_le

          Pra mim como utilizo apenas o álcool esta em torno de 7 a 9km/l dependendo da forma de condução, uso pouco ar condicionado e praticamente modo sport o tempo todo.

          • rogerrosato

            Wow! Seu consumo é excelente! Isto 100% urbano?! Com quantos km ele está? O meu está com 4.700 e tá fazendo 7 km/l de etanol, caiu para 6,7 com o calor forte e o ar-condicionado sempre no talo…

            • herr_le

              Sim urbano, na estrada esta fazendo em torno de 11 a 12km/l mas na cidade ando pouco com ar ligado, isso sem trânsito andando sem acelerar muito mas deixo no modo sport, esta com pouco mais de 15 mil km, no começo o consumo era um pouco elevado mesmo, mas agora melhorou bastante, já com trânsito e acelerando bem faço uns 7,5km/l.

        • Mr. Potato

          Celtinha de 800 e poucos kg tem obrigação de ser mais econômico (e não é).

          • thales_sr

            Opa… Ouso discordar, pois já tive um celtinha de 800 e poucos kg… rs
            Para comparar diretamente, teria que fazer o percurso "padrão" que o NA faz. Você deve conhecer celtas que fazem 8 km/l na cidade, o meu fazia mais de 12 por mais de 2 anos.

      • Leandro1978

        Nem perca tempo. Esse cara está escrevendo a mesma coisa desde a primeira matéria da avaliação do 500.

        • rogerrosato

          E tem gente que ainda não entende, não?! Eu que não devia estar perdendo meu tempo. Vou estudar, tchau mesmo.

          • Leandro1978

            Faz bem.

      • MarcioLR

        Andando seguindo o Ecodrive chega a 18, 19km/l. Andando devagar é claro(entre 70 e 100km/h)

      • fabiosne

        Concordo. Alguns não entendem a proposta do carro. Não é pra ser um carrão, é pra ser pequeno mesmo, pra quem não precisa de carro grande, e quando digo grande, já estou dizendo de 3,80 e pouco, pra quem quer a maior facilidade do mundo. Ele não é um camaro, mas não é pra ser mesmo, é pra ser pequeno, ter linhas harmoniosas, e é um carro charmoso. Não necessariamente é feminino, acho que depende da cor. Claro, tem uma coisa aqui e ali que não é perfeita em beleza, mas depende da pessoa também. Pra nada no mundo existe uma verdade universal do tipo: Isso é bonito e aquilo é feio. Já que cada um tem um gosto diferente, não se pode afirmar sobre isso como se a pessoa estivesse certa e os outros errados. Mesmo que se faça parte da maioria, não significa que a chance de estar certo é maior. Tudo é relativo.

      • neidsoney

        Pois é, meu fluence eu faço 8,7 km/l, média de um tanque completo aqui dentro de salvador. No anda-para, cai bastante, para uns 5 ou 6. Mas compensa em alguns momentos sem transito que dá pra fazer 10 ou até 11 numa ida ao aeroporto por exemplo. Ele está com 3k rodado. Então penso que uma das vantagens de um carro menor não existe no caso do 500, que seria um bom consumo urbano. Penso em um segundo carro para esposa e queria algo economico, e pelo visto não será um 500. Por hora o fit se apresenta melhor, como não ligo para ser novo, um 2008 cvt caira bem.

        • rogerrosato

          Consumo não é tudo o que se espera de um carro urbano. Na realidade é apenas uma destas coisas, mas já que consumo é tão primordial para você, não faz sentido dizer que deseja o Fit CVT, pois o manual é mais econômico.

          • FernandoVW

            tem certeza? se for o atual Fit, pode até ser, mas o CVT, tenho minhas dúvidas…. acho que chega a ser mais econômico e legal de dirigir que o modelo mais recente. Não entendo por que a Honda tirou o CVT dele… Tiro no pé!

          • neidsoney

            como disse acima, consumo é uma das vantagens e não a única. No fit, o cambio cvt na pior das hipoteses seria só um pouco a mais o consumo em relação ao manual, mas em regra chega a ser a mesma coisa ou até melhor. E ai, entra outra questão, o conforto de um automatico nos engarrafamentos, e tamanho pequeno do carro. Por isso q me referir até 2008 pois foi o ultimo ano em q ele foi vendido com cvt na geração antiga, a nova geração o automatico consome sim, mais que o manual.

      • fbatti

        um micro carro fazendo 10 na cidade, bahhh, põe beberrão meu amigo!!! o corolla, ahhhh, o pessoal aqui não gosta de corolla né, chamam de vovorolla, faz tranquilo 9 a 9,3 na cidade, estou falando do trânsito congestionado de porto alegre, o é carro 1.8 e automático!!!!

        • rogerrosato

          Vamos comparar as situações acompanhadas de suas particularidades, por favor. Porto Alegre é uma cidade plana onde, querendo ou não, se exige muito menos do motor que em minha cidade, montanhosa e pequena, o que faz o carro sempre trabalhar com o motor frio. Corollas fazem aqui, no máximo, 8,5 km/l. O Civic do meu pai faz esta média, é monocombustível e tem 55 mil km rodados. Meu 500, nas mesma condições, faz 10 km/l, porém está com apenas 4,7 mil km rodados. Como já li muito por aí, ele chega a fazer 11-12 km/l em cidades maiores/mais planas e motor mais rodado.

    • nightwishjp

      Cara, pq tu diz que ele é caro? É o tamanho apenas que tu usa pra comparar? É tecnologia embarcada? Segurança? Quais são seus parâmetros. Porque criticar por criticar todo mundo pode fazer, mas explicitar o porque…

      Até agora só vejo você falar abobrinha, sinceramente.

      • jonathan1985

        Tem gente que compra carro por metro, pensando assim, devem achar mais negócio comprar um ônibus que um esportivo, afinal, pelo preço de um esportivo que leva duas pessoas é possível comprar um "buzão" e carregar mais de QUARENTA!!

        hahaha

    • herr_le

      Amigo esse 500 é um carro de imagem, ou ame-o ou odeie-o, logicamente que há diversas opções melhores no mercado, mas jamais me arrependi de tê-lo comprado, certos itens de conforto e segurança não são encontrados em carros inferiores então estamos aqui para dar uma opinião e acrescentar ao site e aos possíveis compradores, gosto é de cada um mesmo, agora esse carro tem vários predicados, se você não gosta apenas não "OPINE".

    • herr_le

      Essas pessoas que não tem o carro citado, deveriam se abster apenas a ler, seus comentários não agregam nada de útil para quem realmente esta interessado em comprar o carro, respeito sua opinião, mas deveria ajudar não polemizar o tópico

    • Tenha respeito com os carros que outras pessoas tem. Se você não gosta do 500, problema seu também, apenas não diga que o carro dos outros é roubada, se não terá de ser banido dos comentários.

      Outra coisa, você está falando que carro de 30.000 tem os mesmos itens do Fiat 500.. acho melhor você perder uns 10 minutos analisando a lista de equipamentos de um e de outro pra poder falar…..

      • mauricar20

        Eber, ficou ótimo sem aquele refresh na página!

        Ainda bem que você entende que para melhorar, é sempre bom ouvir a voz dos seus "clientes".

        • opa valeu!

          • Pedrosa

            Eber, você falando aí que o desempenho do 500 é muito bom… Tempos atrás comparei os testes de algumas revistas e percebi algumas coisas:

            – O 500 Cult manual é mais lento no zero a 100 que os carros 1.6, mas nas retomadas, ele é pouca coisa mais rápido. 1.4 com desempenho de 1.6.
            – Já o 500 Cult Dualogic tem zero a 100 de carro 1.0 rápido, mas na retomadas ele é muito mais rápido que carros 1.6 manual.
            – E comparando Cult Dualogic com as versões multiair automáticas, possuem desempenho iguais; O mesmo ocorre entre um Cult manual e um Sport manual.

            Nunca andei num automático, mas sim num Dualogic no modo sport e achei um carro bem esperto. O mesmo ocorre com Grand Siena 1.6… os números do Dualogic são bem superiores aos do manual. Os trancos não me causaram desconforto. Muitas pessoas não tem esses dados, o que talvez atrapalhem na escolha por preconceito. Mais de 40mil por carro pequeno e 1.4? No meu modo de ver, um grande carro com desempenho de 1.6.

        • Dragoniten

          Cara, minha página ainda tá dando refresh a cada 10~15minutos, é muito irritante…

    • HCantanhede

      Compra um Gol então, brother. É grande, lindo e baratíssimo…

      • rogerrosato

        HAUHAUHA, só faltou aspas no "grande" e "baratíssimo"!!!

        • CharlesAle

          E com o banco tão confortável quanto uma montain bike!rsrsrs

    • MarcioLR

      Se o ONIX LTZ tiver controle de estabilidade, controle de tração, freio a disco nas 4 rodas, hill holder, e 4 estrelas em qualquer crash test decente , eu compro um. kkkkkkkkk

  • Stark

    Carro deve ser bem gostoso de dirigir, eu teria um facilmente, tanto pelo porte quanto pela marca que facilita depois!

    Porém em termos de consumo está bem alto pelo porte do carro, seria bom medir denovo e tal pois pra ter idéia o Jetta Comfortline fez 8.5 com Gasolina e 6.8 no Etanol! E ainda é um carro bem maior, motor mais antigo, 2.0, etc… (peguei o Jetta de exemplo pois é o 2.0 mais economico que ando testando pessoalmente)

  • Cafefilosofico

    Ainda acho que cambio bom e' cambio automatico. Se tivessem "economizado" investimentos para criar esta jeringonca que e' o automatizado, talvez pudessem reduzir um pouco as GORDAS margens de lucro do automatico, e pronto.

  • walbere

    Imaginei bem mais econômico.

  • jonathan1985

    Ao contrário do que tão comentando, não acho esse consumo ruim. Penso que um manual talvez faça uma média melhor, na casa dos 12 por litro, acho uma boa média levando em conta os ítens que ele tem e o peso.

    Sobre o tamanho, nao há como discutir com quem compra carro por metro…

    • rogerrosato

      Concordo com vc, mas não fica alardeando, senão os haters que perambulam por este site te ridicularizam, pois se acham os donos da verdade. XD
      Aliás, o automatizado tem um consumo muito próximo do manual. Meu 500 tbm faz 10 km/l na cidade, mas faço percursos curtos, com muitos aclives e com motor frio. Ele consegue 12 km/l sim.

    • thales_sr

      O manual fazer uma média melhor por que?

  • herr_le

    Tenho um 500 cult dualogic com pouco mais de 15 mil km e primeira revisão feita ficou em torno de R$320,00 com troca de óleo, filtros, rodizio alinhamento e balanceamento de pneus (Pesquise bem antes de executar o serviço, pois algumas concessionárias tentam te empurrar um pacote de revisões que além de mais caro te prende a eles).
    Na minha opinião esse carro é de prioridade uso urbano, seu tamanho, manobrabilidade e consumo tornam uma boa opção para o trânsito pesado que enfrento, seu volante assistido eletricamente é extremamente leve, deixando práticas as manobras de balisa e facilmente adaptado a quaisquer vaga de estacionamento (Aqui em SP alguns shopping centers disponibilizam vaga para "carro pequeno"). Seu motor 1.4 atende muito bem as necessidades viárias, ando sempre eu e minha esposa e sempre foi muito bem, ando praticamente no modo sport, não consigo ficar no modo normal, o cambio fica mais esperto nesse modo, fazendo as trocas mais rápidas e deixando o motor com giros mais altos diminuindo o consumo mas aumentando o prazer de dirigir, infelizmente o dualogic mesmo depois de ser atualizado na ccs, continua com seus poréns, nas subidas demora demais a diminuir as marchas fazendo o carro perder os giros e o folego do motor (modo normal), gerando impaciência de quem vem atrás, nesse modo a troca manual se faz necessária, lembrando que a troca pode ser feita a qualquer momento sem ter de comutar para o acionamento manual, apenas com um toque a marcha escolhida é selecionada. Outro detalhe que incomoda é você estar em uma reta e ter de entrar em uma subida, você praticamente tem de parar o carro para o dualogic engatar a primeira, isso se você não entrar com tudo na valeta para não perder o torque, outra situação é em declives, no modo sport tende a segurar mais o carro para uma retomada mais rápida, com isso ele fica com giros altos e com motor prendendo o carro, nessa situação novamente a troca manual se faz necessária. Como vocês podem ver esse cambio ainda necessita de muitos ajustes e atualizações, para quem quer se livrar da embreagem é até eficiente, mas se quiser uma performance melhor opte pelo automático mesmo, senão é nervoso na certa. Consumo modo sport cerca de 7,5 a 9km/l.

  • Neanderthal_Man

    Dualogic não. Eu poderia pegar até um MT mas esta praga de Dualogic nem pensar.

    • mauricar20

      Experimente o Dualogic Plus. Eu gostei bastante!

      • carrosempre

        O problema é que a Fiat não colocou o Dualogic Plus no 500, nem no modelo 2013.

        • mauricar20

          Só uma questão de tempo para estar disponível em toda linha.

          • fabiosne

            Tomare. Mas só fico meio com o pé atrás sobre o 500, porque como ele é produzido no méxico, pra atender também os estados unidos, e provavelmente lá eles não gostam do dualogic… Será que vão colocar o plus nele? O hill holder dele é PARECIDO com uma das funções do plus. Claro, o plus faz o carro andar para frente quando solta o breque, o que é melhor ainda, enquanto o hill holder não deixa ir para trás quando solta o breque. Sei que não é a mesma coisa, mas seria "metade do caminho" para o hill holder ser um plus, APENAS NESSA FUNÇÃO. Então eu fico pensando se eles vão colocar o plus no 500, porque o IDEIA já tem, e se não me engano ele já tinha mudado para 2013 já fazia algum tempo, e continuava com o dualogic normal, e ganhou o plus assim de repente. Já o 500 mudou o ano modelo e não colocaram o plus. Mas eu vou aguardar, só compro o 500 quando tiver dualogic plus e troca de marcha no volante.

            • mauricar20

              O Plus melhorou bastante na troca de marcha tb. Acho que o 500 ainda não veio com esse cambio pq a FIAT esta desovando os estoque de dualogic antigo…

    • fabiosne

      No palio e nem no punto (anterior ao plus) eu não acho o dualogic bom de andar no modo auto, principalmente em subida na cidade. Pra mim esse modo serve se for atravessar o anda pára do congestionamento, mas usar assim o tempo todo como se fosse um totalmente automático, sei lá, eu não gosto não. TEM HORA, não toda hora não, claro, que ele fica meio indeciso e faz com que a gente pareça um iniciante no volante, que dirige dando trancos. Sabe aqueles locais que no carro manual a gente sobe em 2ª marcha bem devagarzinho, próximo limite da marcha mesmo, locais onde não se precisa exatamente PARAR DE UMA VEZ mas também não dá pra passar sem diminuir, tem que ir devagar, dar uma olhadinha aqui e ali pra ver se não tem carro vindo ou pedestre, pra então acelerar mais a 2ª marcha e ir normal. Eu acho que é nesses lugares que o dualogic é ruim, a 2ª vai perdendo força e por experiência de carro manual, a gente vai apertando devagar cada vez mais o acelerador, pois não quer ainda por 1ª. A gente faz igual no dualogic, e aí a gente acha que ele vai dar conta de andar assim, pois as vezes ele dá conta, mas as vezes não, e surpreende a gente colocando a 1ª justo na hora que não estamos esperando, e aí como estamos pisando mais fundo no acelerador e a gente percebe que como ele mudou para 1ª, não tem necessidade de pisar tanto, a gente diminui o acelerador, mas as vezes diminuimos demais e aí o carro dá aquela parada, e aí pra não fazer isso a gente pisa mais forte no acelerador, e aí acaba cantando pneu, rsss, e aí dá vergonha né, rsss. Talvez com paciência e insistência a pessoa aprenda a usá-lo melhor, o caso é que eu não quis tentar isso até hoje porque o que gostei mesmo foi de andar no modo manual, apenas para se livrar da embreagem e a troca de marcha cada uma em uma posição no câmbio, e poder usar a troca no volante, e as vezes no câmbio mesmo dando um tapinha nele para trás. Isso por si só, pra mim, já é mais do que suficiente para ser um modo de dirigir mais prático, confortável e divertido que o câmbio manual. Acho que não tem sentido a pessoa dizer que de nada adianta comprar um dualogic pra andar assim. Adianta sim, existe mais praticidade no dualogic no modo manual do que no carro manual totalmente, e o bom em relação ao totalmente automático é que não se tem perda de performance, ainda mais porque no modo sport a troca manual de marcha é feita mais rápida do que qualquer pessoa faria no carro manual, assim como foi citado na reportagem. Sendo assim, acho que da mesma forma que é errado dizer que o dualogic é um automático, é errado também dizer que ele é uma PRAGA. Espero que enquanto eu dirigir na vida, a fiat continue com ele ao invés de trocar pelo automático de verdade, porque eu não gosto do automático, acho chato dirigir sem ter que fazer nada, dá sono, dá tédio, rsss, pode ser um super conforto, mas dá tédio. Eu encontrei no dualogic no modo manual a maneira que eu finalmente acho gosto de dirigir: Sem a chatice da embreagem, e a diversão de trocar de marcha no volante como se fosse videogame ou se fosse formula 1, mas claro, sem a emoção que deve ser um carro de formula 1, mesmo porque no trânsito nem daria, rsss. Pra quem for criticar o uso da palavra "videogame", não tenho não 18 aninhos viu, rsss, apenas sempre gostei de jogos na época que eu era mas criança ou adolescente. Aliás, eu sei que um 500, palio, punto, está bem longe de um formula 1, rsss, só estou comparando a forma de trocar de marcha.

  • herr_le

    Outro detalhe quanto a suspensão é que realmente não filtra bem às ruas acidentadas, o carro balança demais e o volante demasiadamente leve tende a piorar a dirigibilidade mesmo no modo sport, o banco também não ajuda, é um pouco firme demais e com pouco apoio lombar, deveria ser usada uma espuma mais agradável, em percursos longos chegam a cansar o corpo, ainda mais se a estrada for esburacada..

    • SalsichaBr

      Cara você tem que ver o Polonês com a suspensão mais curta e as rodas 195/45 R16…eu sinto cada milímetro de diferença que existe no piso!

      Mas em contra-partida, em estradas como a Castelo e Bandeirantes esse conjunto é sensacional!

      E uma coisa que tem que eu acho que o Eber tinha que levar em consideração também é o entre-eixos desse tipo de carro, que apenas favorece para transferir as imperfeições para a cabine!

  • mauricar20

    Esse pneu 185/55 R15 não é bom? Meu irmão está querendo colocar rodas 15 no Palio 1.4 dele, e sugeriram exatamente esse medida. Seria melhor partir para pneus 195/55 ou 195/50?

    • herr_le

      Amigo esses pneus 195 55 R16 veem na versão sport ou lounge a cult vem com 185 R15 mesmo, pra mim não vejo motivo para aumentar o tamanho, mas com pneus 195 certamente melhorará o apoio lateral e estabilidade, mesmo porque nas versões digamos sport esta equipado com ele.

      • mauricar20

        O original que veio no Palio foi 175/65 R14. Perguntei pq lá em cima o Eber diz que os pneus medida 185/55 R15 não são tão bons para o 500. Como estou querendo colocar o 185 em um palio, eu queria saber se não seria melhor negocio colocar o 195…

        • PauloPGomes

          O Ideal é você manter o diametro original do conjunto roda/pneu.
          175/65R14 tem 58.31 cm de diametro

          195/55R15 teria 59.55 cm de diametro
          195/50R15 teria 57,60 cm de diametro

          Todas essas medidas seriam incompativeis, fora que o paralamas do Pálio, muito provavelmente não abrigaria pneus dessa largura.

          Já o pneu 185/55R15 tem um diâmetro final mais próximo de 58.45 cm, muito próximo ao original.

          Sugestão minha
          :- Rodas 15 não trariam um resultado estético tão bom, aumentariam o peso do carro (diminuindo o desempenho) diminuiriam o conforto (por se diminuir o perfil) e so compensam se for pra colocar freios maiores, e pneus mais largos (coisas incompativeis com o desempenho do carro)
          Procure umas rodas 14 bonitas e leves de preferência (mantendo o Offset original) e troque os pneus originais por pneus 185/60R14. Você vai manter o conforto, melhorar a estabilidade e se as rodas forem mais leves do que as originais, vai melhorar tambem o desempenho e o consumo do carro

          • mauricar20

            Dificil é achar rodas 14 bonitas…rsrs estavamos vendo as rodas do Idea Sporting para colocar em um Palio G3 1.4. Pensamos tb nas rodas do Palio Sporting. Ambas são réplicas do original, com aro 15 e offset original.
            Acho que pela diferença minima e a segurança de que não vai raspar no paralama do carro, vamos de 185/55R15.

        • thales_sr

          Possivelmente o Eber falou isso por causa do perfil baixo, que ajuda a deixar o carro mais duro.

    • edu100022

      O meu cult manual veio com pneus Pirelli 195/50/R15 e na estrada ele é ótimo principalmente nas curvas, mas o único problema é que a frente dele fica muito baixa e dependendo do lugar ela pode raspar.

  • fabiosne

    Alguém saberia me dizer se dá pra colocar farol de neblina á parte no 500 cult? Ou na fiat mesmo ou por fora em loja de som pra carro onde geralmente mexem com mais coisas que apenas som. Pois o cult não tem farol de neblina nem como opcional né. Mas dá pra colocar?

    • edu100022

      Aqui no brasil a fiat não disponibiliza o kit de farol de neblina para o cult, mas tem um anuncio no mercado livre de um kit importado dos EUA da MOPAR para o Cult mas o cara está pedindo um valor absurdo pelo kit. Ele quer 1800,00. Nos EUA esse kit custa 295,00 dolares, eu sei porque pedi para um colega meu que foi prala trazer um pra mas ele não trouxe porque a embalagem era muito grande e o bom é que esse kit já vem completo, com suportes, molduras, fiação e o conjunto de botões para as versões Dualogic e manual.

  • Absinthe666

    pra mim que sou dono de um ford KA 1.6 que faz 8,5~9km/l com gasolina esse consumo está ótimo hehe
    ainda terei um 500, quem sabe daqui para o próximo ano quando os primeiros mexicanos devem aparecer no mercado de usados.

    • mauricar20

      Cara, eu faço 8 km/l com meu Punto 1.6 na cidade… isso com álcool em São Paulo. O consumo depende muito do modo de dirigir mesmo…

      • Almeida77

        Meu Gol G5 1.6 faz uma média de 13 km/l em cidade mineira e 18 km/l na estrada sempre rodando com gasolina. E quem faz boa parte do consumo no final das contas, realmente é o motorista. Lembrando que gera 101,0cv @ 5.250rpm e torque de 15,4kgfm @ 2.500rpm (que é o grande diferencial do carro).

      • Absinthe666

        esse teu punto ja é motor etorq? se for é um motor bem mais recente e moderno que o zetec rocam que tem fama de bebum mesmo na versão 1.0
        peguei ele usado, na próxima revisão mandarei trocar as velas, limpar a tbi e dar um tapa na ECU para ver se melhora, mas não tenho muitas esperanças

        • mauricar20

          Sim, é o etorq 1.6.

          Nesse vídeo ele ta fazendo 8,4 km/l na cidade. Mas agora que esta com 12 mil quilômetros está fazendo 9.1 km/l com etanol.

          [youtube aaRH3625Tyk http://www.youtube.com/watch?v=aaRH3625Tyk youtube]

          Mas vamos falar, hein? Difícil andar devagar com esse Ka 1.6. Ele anda demais!! Aposto que se você maneirar o pé, ele vai ser econômico tb, já que meu Punto se começar a pisar, anda bem, mas gasta bem tb.
          Editar Deletar Relatar

  • Almeida77

    Ainda acho incrível como um carro nesse preço, em tais configurações, e em consumo… consegue vender. Esse carro tem de tudo para empacar no mercado. Mas sempre terá alguém que vai achar 'bonitinho'.

    • fabiosne

      Sim, claro, porque ele é bonitinho sim, rss. Ache outro nesse preço que tenha ASR, BAS, EBD, ESP, ESS, FPS, mas todos esses itens, ao invés de só marca pra quem dá importância pra grife. Quem precisa de carro grande não pode comprá-lo, mas quem REALMENTE precisa. O difícil é achar alguém que, não precisando de espaço, consegue reconhecer que não precisa. Mas sempre terá alguém que acha ele feio, o que é aceitável pois cada um tem seu gosto, mas o que não faz sentido é achar ele feio e ao mesmo tempo achar que todo mundo tem que achar igual, que a pessoa que acha ele bonitinho não enxerga as coisas direito, porque quem está sempre certo é você. Tem gosto pra tudo, até pra colocar cone na cabeça e achar que tá bonito porque é uma forma de atitude, rsss.

  • edu100022

    isso é na gasolina. No alcool estou fazendo o teste ainda.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email