Câmbio Dualogic: Vídeo explica como converter em Dualogic Plus

O câmbio Dualogic é um sistema de automatização da transmissão manual usada pela Fiat em parte de seus modelos há alguns anos e hoje é chamado de GSR-Comfort. Mas, entra a primeira versão e a atual, existiu o Dualogic Plus. Como se sabe, uma das reclamações sobre esse tipo de dispositivo, não apenas na Fiat, é o processo de troca de marchas.

Acontece que, como se trata de uma caixa de mudanças originalmente normal, a embreagem precisa ser acionada e é aí que o desligamento do motor provoca aquela sensação ruim (que para muitos é quase eterna…) durante as trocas. Então, no caso do Dualogic Plus, o problema foi atenuado com a atualização do dispositivo.


Aliás, essa versão mais recente do automatizado da Fiat também trouxe outro recurso interessante, o chamado creeping, que permitia ao câmbio estar sempre levemente acelerado quando engatado, assim como numa transmissão automática comum com conversor de torque, dupla embreagem ou CVT.

A vantagem disso é que o carro pode, por exemplo, ficar parado em aclives suaves sem a necessidade e acelerar, assim como em manobras à ré, onde a aceleração contínua permite ao condutor usar o freio para controlar o movimento do carro, algo difícil num automatizado comum, onde é preciso fazer um punta-tacco ou usar os dois pés.

Câmbio Dualogic: Vídeo explica como converter em Dualogic Plus

Mas, para resolver essa questão, o canal Car Flight Games fez dois vídeos sobre como transformar por conta própria um câmbio Dualogic em Dualogic Plus. A dica principal é a atualização de central eletrônica do câmbio automatizado, que no caso do Fiat Punto, usado como exemplo, fica no assoalho do lado do passageiro. Depois fez a troca por um mais recente, mas também não deu certo por causa do sensor de velocidade.

O CFG fez a alteração de programação, mas algo deu errado. Então, partiu para outro recurso, trocar a central eletrônica por outra, de um Palio de ano/modelo mais recente, que havia sido batido. Então, ele fez a troca e testou o carro e deu certo.

A conclusão é que a central mais recente precisa ter o sensor de velocidade embutido, como no caso dos Palio, Siena e Grand Siena. O do Punto mais recente é externo. Ele pagou R$ 220 em compra da central na internet. Confira abaixo os vídeos feito pelo CFG:

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.