_Sem Categoria

Carros automáticos até 40 mil

Carros automáticos até 40 mil

No mercado de carros novos, com R$ 40 mil nas mãos, não dá para comprar um carro automático. Nem ao menos automatizado. Mas, para ter um bom carro com esse equipamento de conforto na garagem. Então, selecionamos alguns carros de diversos segmentos e com até cinco anos de uso, que oferecem esse tipo de transmissão, que pode ser automática com engrenagens, automatizada de dupla embreagem ou CVT.


Como a maioria dos consumidores tem ressalvas quanto ao câmbio automatizado comum, decidimos retirar essa opção da lista abaixo, incluindo apenas modelos com sistemas puramente automáticos, que não apresentam os indesejáveis buracos nas mudanças de marcha, sendo dispositivos mais sofisticados e que oferecem maior conforto e até mais economia que a tecnologia que automatiza um câmbio de mudanças manuais.

No grupo, estão presentes carros de alguns segmentos, tendo hatches compactos e médios, sedãs compactos e médios, minivans e utilitários esportivos. Alguns modelos também estão presentes na lista de até R$ 30 mil. Outro ponto é que nem todas as opções estão incluídas, sendo que alguns modelos importados de baixo volume ou mesmo raros no mercado, não representam uma boa opção, devido aos custos maiores com reparabilidade e manutenção.

Então, confira abaixo algumas boas opções de carros automáticos até 40 mil, que atendem a diversos perfis de consumidores no Brasil:


Citroën AircrossCarros automáticos até 40 mil

Nasceu como minivan e virou crossover. O Aircross tem porte compacto e chama atenção pelo acesso fácil ao interior, além de oferecer bom espaço interno, versatilidade e porta-malas coerente com 403 litros. Seu motor 1.6 16V tem até 122 cavalos e bom torque, mas sua transmissão automática tem somente quatro marchas no modelo 2013. O câmbio EAT6 chegou apenas recentemente. A versão Exclusive tem bom conteúdo, mas a série Atacama conta com visual mais atraente, embora não tenha tanta oferta quanto as demais. O C3 Picasso é outra opção, mais urbana e elegante.

Citroën C3

Carros automáticos até 40 mil

Um hatch que chama atenção pelo estilo e conforto é o C3. As versões com para-brisa Zenith são as mais interessantes, assim como a Exclusive, que vem bem completa, incluindo sistema de entretenimento. A Tendance, no entanto, é mais fácil de achar. Com 300 litros no porta-malas e dimensões bem contidas, o compacto da Citroën se apresenta já com visual atualizado por esse preço, o que é muito bom para evitar uma desvalorização maior. Motor e câmbio são os mesmos do Aircross, o que lhe confere desempenho melhor.

Chevrolet Cobalt

Carros automáticos até 40 mil

O sedã compacto da General Motors é uma opção muito boa para quem quer um carro grande, com bom espaço interno e porta-malas generoso, com 563 litros. Das versões oferecidas, a LTZ automática é a mais interessante, apesar do sistema de áudio desatualizado em relação ao MyLink dos modelos mais recentes. O motor 1.8 VHC Flex de até 108 cavalos entrega bom torque em baixa, o que garante respostas melhores e economia. Ar-condicionado, direção hidráulica, trio elétrico, rodas de liga leve e faróis de neblina são de série.

Chevrolet Spin

Carros automáticos até 40 mil

A minivan da Chevrolet é uma alternativa para quem tem família grande ou precisa de muito espaço no porta-malas. O espaço é bem generoso e geralmente tem 710 litros com cinco lugares, mas com sete, o espaço cai para apenas 162 litros. Apesar das críticas ao design, a Spin chama atenção por sua versatilidade, sendo uma opção boa a versão LTZ, apesar da maior oferta da LT. O conteúdo é satisfatório com ar, direção, trio e rodas. Seu motor 1.8 8V Flex dispõe de até 108 cavalos. É confiável e robusto, enquanto o câmbio de seis marchas é bom.

Ford New Fiesta

Carros automáticos até 40 mil

Para quem gosta de um compacto premium de estilo moderno ainda hoje e com boa dirigibilidade, ele cai muito bem. Tem boa oferta entre os carros automáticos até 40 mil e, quando equipado com esse tipo de transmissão, oferece somente o motor Sigma 1.6 com até 128 cavalos, o que é muito bom, mas a transmissão é a Powershift de dupla embreagem. Se a correção foi feita, menos mal. Caso contrário, vá e faça antes de algum problema. Fora isso, é um carro apreciável, apesar do porta-malas com 280 litros apemas. SE e Titanium são as opções mais encontradas.

Ford Focus

Carros automáticos até 40 mil

O hatch médio da Ford é encontrado geralmente na geração antiga, que não vinha com o Powershift, mas uma caixa automático de 4 marchas. Apesar de relatos de defeito, é uma opção interessante se o carro estiver em ordem. Seu motor 2.0 16V de até 148 cavalos, garante boa performance, mas não com tanta economia. A GLX é a mais ofertada no mercado e já traz ar-condicionado, direção hidráulica, trio elétrico, sistema de áudio, rodas de liga leve, entre outros. O bagageiro tem apenas 328 litros, mas o sedã tem 526 e mesmo preço.

Honda CityCarros automáticos até 40 mil

O sedã compacto japonês tem uma boa relação custo-benefício. Com estrutura robusta e de boa qualidade, o City tem desempenho adequado com o motor 1.5 i-VTEC de até 116 cavalos, mas seu câmbio automático de 5 marchas não tem a mesma eficiência em consumo do modelo da geração seguinte, que tem CVT. Ainda assim, é um bom carro e é encontrado tanto na versão LX, quanto na EX. Dê preferência pela segunda, mais completa. Seu porta-malas tem 506 litros, o que é muito bom para seu porte.

Hyundai HB20/S/X

Carros automáticos até 40 mil

 

O vice-líder pode ser adquirido entre os anos de 2013 a 2016, sendo que desse período existem dois estilos diferentes de para-choque. No mercado, a versão Comfort Style é a mais encontrada. Ela traz sistema de áudio integrado com USB e Bluetooth. Pouco alterado desde seu lançamento em 2012, o HB20 mantém o bom conjunto. Motor Gamma 1.6 de até 128 cavalos e câmbio automático com seis marchas são destaques. O bagageiro tem bons 300 litros, mas o sedã HB20S peca por oferecer apenas 450. Os mais antigos são da versão Premium. As versões HB20X Style e Premium são também acessíveis, assim como o HB20S Premium.

Peugeot 208

Carros automáticos até 40 mil

O Peugeot 208 antes da atualização visual era um carro com acabamento pouco melhor, tendo inclusive iluminação interna em LED. O hatch tem motor 1.6 tem até 122 cavalos e o câmbio de 4 marchas, ajudam. Com gasolina, ele até oferece economia mas no etanol o consumo é elevado. Multimídia, i-Cockpit, direção elétrica, ar-condicionado dual zone, teto panorâmico, bancos envolventes, DRL´s em feixe de LED, entre outros, atraem.

Renault Duster

Carros automáticos até 40 mil

O SUV compacto da marca francesa tem uma boa relação custo-benefício, mas não agrada em acabamento. Se isso não for problema, ele te oferece bom espaço interno e porta-malas generoso com 475 litros. Robusto, o Duster foi feito para países como o Brasil e assim ele cumpre bem seu papel em conforto. As opções no mercado de usado geralmente se resumem à Dynamique e Tech Road, esta última mais rara. Seu motor 2.0 tem até 142 cavalos e o câmbio automático de 4 marchas limitam a eficiência e a performance.

Renault Fluence

Carros automáticos até 40 mil

Há um sedã médio que muitos ignoram, mas que é um bom carro. Este é o Fluence ainda está no site da Renault, mas sua produção já cessou. Mesmo com cinco anos de uso, pode-se encontrar muitas unidades com quilometragem boa e em estado de conservação satisfatório. Equipado com motor 2.0 de até 143 cavalos, ele atrai por seu câmbio CVT, que ajuda em consumo e conforto. A chave-cartão é um destaque do modelo. Versões Dynamique e Privilége são as mais encontradas. Porta-malas, por exemplo, tem 530 litros.

Carros automáticos até 40 mil
Nota média 4.7 de 3 votos

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email