Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

É fato que os motores três cilindros já aparecem como uma tendência no mercado automotivo brasileiro e também no restante do mundo.


Hoje em dia, carros compactos que não possuem um propulsor com um cilindro a menos são vistos como obsoletos e gastões, por exemplo, visto que as unidades de quatro cilindros costumam ser mais antigas e, consequentemente, menos modernas.

Além disso, o propulsor de três cilindros já pode ser visto também em carros de categorias superiores.

Atualmente, são quase 24 modelos com motor três cilindros à disposição dos consumidores brasileiros, o que inclui hatches subcompactos, hatches e sedãs compactos, hatch médio, crossovers e até mesmo modelos premium. Separamos abaixo todas as opções disponíveis no Brasil. Confira:

BMW Série 1, Série 2 e X2

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

A BMW entrou recentemente no mundo dos motores 3 cilindros, pelo menos aqui no Brasil. O modelo que usa esse tipo de propulsor é o novo Série 1, que tem motor 1.5 turbo de 140 cv e 22,4 kgfm de torque, movido apenas a gasolina. O preço inicial do modelo, na versão 118i Sport GP, é de R$ 259.950.

O Série 2 Gran Coupé usa o mesmo propulsor na versão 218i Sport GP, que sai por R$ 290.950. No segmento dos SUVs, a marca alemã usa esse mesmo propulsor no novo X2, na versão sDrive18i.

Nesse caso, porém, o motor é flex e entrega 136 cv e 22,4 kgfm de torque, independente do combustível usado. O preço inicial é de R$ 288.950.

Chevrolet Onix, Onix Plus e Novo Tracker

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

A família do Onix, modelo mais vendido do Brasil, usa extensamente motores com 3 cilindros. A começar pelas versões mais baratas do hatch e do sedã, que usam o propulsor 1.0 aspirado, com 3 cilindros, que desenvolve 78 cv com gasolina e 82 cv com etanol, além de ter um torque de 9,6/10,6 kgfm, respectivamente. O câmbio é manual de seis marchas.

As outras versões do Onix e do Onix Plus usam o motor 1.0 turbo de 3 cilindros, que entrega 116 cv (independente do combustível) e 16,3/16,8 kgfm de torque. Esse motor pode ser acoplado a uma transmissão manual ou automática, sempre com seis marchas. O hatch parte de R$ 64.990, enquanto o sedã custa R$ 68.390.

Já o Novo Tracker, com preço inicial de R$ 97.550, também usa o mesmo motor 1.0 turbo do Onix, com exatamente a mesma potência e torque. Além disso, o modelo também tem o propulsor 1.2 turbo de 133 cv.

Fiat Argo 1.0

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

No caso da Fiat, há o motor 1.0 litro Firefly flex de três cilindros, com apenas duas válvulas por cilindro e sem tanquinho auxiliar. Ele conta com 72 cv com gasolina e 77 cv com etanol, a 6.000 rpm, e torque de 10,4 e 10,9 kgfm, respectivamente, a 3.250 rpm, com câmbio manual de cinco marchas.

O 1.0 Firefly flex equipa atualmente apenas o Argo, sendo que o Uno e o pequeno Mobi Drive o deixaram de lado.

O Fiat Argo 1.0 parte de de R$ 59.890.

Hyundai HB20 e HB20S 1.0

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

Um dos carros mais vendidos do país, o Hyundai HB20 foi o primeiro modelo nacional com motor 1.0 litro de três cilindros, usado também no sedã HB20S. Atualizado recentemente, o modelo continuou a usar esse motor.

O propulsor é flex e com quatro válvulas por cilindro, que dispensa também o tanquinho auxiliar para partidas a frio. São 75 cv com gasolina e 80 cv com etanol, a 6.200 rpm, e 9,4 e 10,2 kgfm, respectivamente, a 4.500 rpm, com câmbio manual de cinco marchas.

O Hyundai HB20 1.0 parte de R$ 61.290, enquanto o Hyundai HB20S 1.0 custa a partir de R$ 68.690.

MINI Cooper e Countryman 1.5

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

O motor três cilindros mais potente e “torcudo” do país é usado nos modelos MINI Cooper e MINI Countryman. Ambos são dotados de um 1.5 litro de três cilindros a gasolina, com quatro válvulas por cilindro e tecnologias como turbocompressor, injeção direta e duplo comando de válvulas.

São 136 cv, a 6.000 rpm, e 23,4 kgfm, a 1.250 rpm, com câmbio automático de seis marchas.

O MINI Cooper 1.5 custa a partir de R$ 234.990 e o MINI Countryman 1.5 a partir de R$ 219.990.

Nissan V-Drive 1.0

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

Depois de tirar de linha as versões 1.0 do March, a Nissan tem apenas na configuração básica do V-Drive, o antigo Versa, o motor de 1,0 litro com 3 cilindros.

O propulsor usado nessa versão mais em conta do V-Drive é um 1.0 litro flex de três cilindros, com bloco em alumínio e sistema de partida a frio sem tanquinho.

Em ambos os casos, seja com etanol ou gasolina, são 77 cv, a 6.200 rpm, e 10 kgfm, a 4.000 rpm, com câmbio de cinco marchas. O V-Drive 1.0 parte de R$ 64.490.

Renault Kwid 1.0

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

O Renault Kwid oferece um motor 1.0 litro flex de três cilindros, com quatro válvulas por cilindro e duplo comando de válvulas, sem tanquinho de gasolina para partidas a frio em todas as suas versões.

Ele desenvolve 66 cv com gasolina e 70 cv com etanol, a 5.500 rpm, e 9,4 e 9,8 kgfm, respectivamente, a 4.250 rpm, com câmbio de cinco marchas. O subcompacto custa a partir de R$ 44.390.

Renault Logan e Sandero 1.0

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

Os modelos Logan e Sandero também utilizam o motor 1.0 litro flex do Kwid, mas numa versão mais “moderna”. Nestes casos, o propulsor conta com variador de fase nos comandos de admissão e escape.

Com isso, ele passa a gerar 79 cv com gasolina e 82 cv com etanol, a 6.300 rpm, e torque de 10,2 e 10,5 kgfm, respectivamente, a 3.500 rpm, acoplado a um câmbio manual de cinco marchas.

O Renault Sandero 1.0 pode ser encontrado por a partir de R$ 68.090, e o Logan 1.0 a partir de R$ 68.390.

Volkswagen Gol, Voyage e Polo 1.0

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

As versões de entrada dos modelos Gol, Voyage e Polo são equipadas com o motor 1.0 MPI flex de três cilindros da Volkswagen.

Ele conta com quatro válvulas por cilindro, comando duplo, bloco e cabeçote em alumínio e dispensa o tanquinho auxiliar para partidas a frio. Ele rende 75 cv e 84 cv, a 6.350 rpm, enquanto o torque é o mesmo. O câmbio é um manual de cinco marchas.

O Volkswagen Gol 1.0 parte de R$ 61.160, o Voyage 1.0 de R$ 70.790 e o Polo 1.0 de R$ 66.120.

Volkswagen Polo, Virtus, Nivus e T-Cross 1.0 TSI

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

Outro motor três cilindros da Volkswagen é o 1.0 TSI que equipa as versões topo de linha do Polo e do Virtus, além da versão de entrada do T-Cross e de todas as configurações do Nivus.

Ele é flex e conta com turbocompressor, injeção direta de combustível, coletor de escape integrado ao cabeçote, entre outros, e dispensa o tanquinho auxiliar.

No Polo 1.0 TSI, Virtus 1.0 TSI, Nivus 1.0 TSI e também no T-Cross 1.0 TSI ele rende 116 cv e 128 cv, a 5.500 rpm, e 20,4 kgfm de torque, podendo ter câmbio automático ou manual (este apenas no T-Cross).

Hoje o Polo 1.0 TSI parte de R$ 91.720, o Virtus 1.0 TSI de R$ 96.000, o Nivus 1.0 TSI de R$ 95.550 e o T-Cross de R$ 104.190.

Chery Tiggo 3X

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

Um dos modelos mais recentes em nosso mercado, e que também usa um motor 1.0 turbo com 3 cilindros, é o Chery Tiggo 3X. O SUV veio como uma renovação do Tiggo 2, tendo como principal novidade o propulsor de 102 cv e 17,1 kgfm de torque.

Ele também é flex, com disposição transversal e turbocompressor, mas sem injeção direta de combustível.

Vendido em duas versões, o Tiggo 3X tem preço inicial promocional de R$ 94.990.

Volvo XC40 Hybrid

Motor com 3 cilindros: carros que já usam esse motor (no Brasil)

Finalmente, temos também um representante da Volvo entre os modelos com motor de 3 cilindros. Com uma gama totalmente híbrida, a marca sueca vende o XC40 com o propulsor 1.5 de 180 cv e 27 kgfm de torque.

Junto com o motor elétrico, ele tem um total de 262 cv e 43,3 kgfm de torque, com câmbio automático de sete marchas.

Seu preço inicial é de R$ 259.950.

Leonardo Andrade

Leonardo atua no segmento automotivo há quase nove anos. Tem experiência/formação em administração de empresas, marketing digital e inbound marketing. Já foi colaborador em mais de sete portais do Brasil. Fissurado por carros, em especial pelo mercado e por essa transformação que o mundo automotivo está vivendo.