Qual o perigo de andar com o amortecedor estourado ou gasto?

amortecedor ruim estrada
amortecedor ruim estrada

Sabemos que o custo de manutenção de um carro tem subido de maneira muito rápida nos últimos anos.

Por isso, pode ser tentador continuar rodando com o carro, mesmo sabendo que os amortecedores estão estourados, gastos, ou “detonados”, digamos assim.

Mas isso pode trazer vários perigos a você e sua família.

Vamos ver quais são eles:

Riscos de rodar com amortecedores danificados

Um dos principais riscos associados à condução com amortecedores danificados é a perda de estabilidade do veículo.

Os amortecedores trabalham na manutenção do contato dos pneus com o solo, garantindo aderência e controle. Quando estão em mau estado, eles podem causar um desequilíbrio na distribuição do peso do veículo, resultando em uma direção instável e imprevisível.

Além disso, amortecedores comprometidos podem aumentar significativamente a distância de frenagem do veículo.

Durante uma frenagem de emergência, a capacidade dos amortecedores de controlar o movimento das molas é essencial para garantir uma desaceleração eficiente e segura.

Com amortecedores estourados, o veículo levará mais tempo para parar completamente, aumentando o risco de colisões.

O controle da direção também pode ser afetado por amortecedores estragados.

O motorista pode sentir uma sensação de “solavanco” ao volante, tornando a direção mais difícil e imprecisa, o que pode resultar em perda de controle e acidentes.

Além dos riscos relacionados à segurança, amortecedores gastos também podem causar desconforto aos passageiros.

Com a capacidade de absorver os impactos da estrada comprometida, os amortecedores danificados tornam a condução mais irregular e áspera, causando desconforto e fadiga aos ocupantes do veículo.

Efeitos da suspensão comprometida na segurança

  • Aumento dos riscos de derrapagem e perda de controle em curvas;
  • Dificuldade em manter a estabilidade do veículo em superfícies irregulares;
  • Desequilíbrio na distribuição de peso do veículo, afetando a dirigibilidade;
  • Piora no desempenho do sistema de frenagem;
  • Maior desgaste dos pneus, comprometendo sua aderência e vida útil.

Esses efeitos combinados podem levar a acidentes graves, tanto em situações de emergência quanto nas condições normais de condução.

Consequências de utilizar amortecedores gastos

Utilizar amortecedores gastos pode trazer uma série de consequências negativas, que vão além dos riscos para a segurança:

  • Desgaste prematuro de outros componentes da suspensão;
  • Danos adicionais aos pneus, levando ao desgaste irregular e redução da vida útil;
  • Aumento do esforço e desgaste de outros sistemas do veículo;
  • Maior consumo de combustível e redução da eficiência energética;
  • Necessidade de reparos e substituições mais frequentes, resultando em custos adicionais.
molas amortecedores máquina
molas amortecedores máquina

Riscos para o veículo com problemas na suspensão

Os riscos para o veículo com problemas na suspensão vão além dos danos aos amortecedores.

Uma suspensão comprometida e desregulada pode afetar outros componentes, como molas, buchas, bandejas, pivôs e bieletas.

O desgaste excessivo desses componentes pode levar a um mau funcionamento do sistema de suspensão como um todo, resultando em instabilidade, barulhos anormais e comprometimento da dirigibilidade.

Um carro com problemas na suspensão também pode sofrer danos em outros sistemas, como pneus, freios, direção e transmissão.

A falta de amortecedores adequados pode causar desgaste irregular dos pneus, reduzir a eficiência dos freios, interferir no controle do volante e sobrecarregar esses sistemas, levando a um desgaste mais rápido e necessidade de reparos mais frequentes.

Como detectar um amortecedor estourado ou gasto

Existem alguns sintomas comuns que podem indicar problemas na suspensão e ajudar na detecção dessas avarias.

Sintomas de problemas na suspensão

Alguns sinais de que os amortecedores podem estar comprometidos incluem:

  • Ruídos estranhos durante a condução, como batidas ou rangidos;
  • Balanços excessivos do veículo ao passar por irregularidades no terreno, já que o amortecedor está quase sem ação;
  • Dificuldade em manter o controle do volante, principalmente em curvas;
  • Desgaste irregular dos pneus, com áreas mais desgastadas do que outras.

Dicas para identificar amortecedores comprometidos

Além dos sintomas mencionados acima, há outras dicas que podem ajudar na identificação de amortecedores comprometidos:

  • Observe visualmente os amortecedores, procurando por sinais de vazamentos de óleo ou qualquer dano visível;
  • Faça um teste de pressão nos amortecedores, pressionando o veículo em cada canto e liberando em seguida. Caso o veículo balance excessivamente ou demore para voltar à sua posição original, pode ser um indicativo de problemas nos amortecedores;
  • Verifique o desgaste dos pneus de maneira regular, procurando por desgaste irregular ou excessivo, o que pode ser causado por amortecedores comprometidos.

Perguntas frequentes

Como detectar um amortecedor estourado ou gasto?

Existem alguns sintomas comuns que indicam problemas na suspensão, como ruídos estranhos, balanços excessivos do veículo, dificuldade em manter o controle do volante e desgaste irregular dos pneus. Além disso, entender o papel do amortecedor na dinâmica do veículo ajuda a compreender a importância de mantê-lo em bom estado.

Quais são os riscos associados à condução com amortecedores danificados?

Além de afetar a estabilidade do carro, amortecedores comprometidos podem aumentar a distância de frenagem, interferir no controle do volante e gerar desconforto para os passageiros.

Quais são as consequências diretas do uso de amortecedores desgastados?

Amortecedores desgastados podem causar uma série de problemas diretos, como o aumento da distância de frenagem e da instabilidade no controle do volante. Além disso, o conforto dos passageiros é comprometido e a dirigibilidade geral do veículo é afetada.

Qual é o impacto nos componentes do veículo por amortecedores gastos?

Amortecedores gastos podem comprometer outros componentes da suspensão, como molas e batentes de borracha. O desgaste excessivo desses componentes pode levar ao comprometimento de outras partes da suspensão e afetar negativamente a vida útil de outros sistemas do veículo.

google news2 Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



Autor: Eber do Carmo

Fundador do Notícias Automotivas, com atuação por três décadas no segmento automotivo, tem 18 anos de experiência como jornalista automotivo no Notícias Automotivas, desde que criou o site em 2005. Anteriormente trabalhou em empresas automotivas, nos segmentos de personalização e áudio.