Jeep Renegade 2025 terá mais versões e menos equipamentos

jeep renegade 2024 cb autos santos (1)
jeep renegade 2024 cb autos santos (1)

Dividir para somar. Essa parece a estratégia da Stellantis para o Jeep Renegade 2025, que busca reavivar as vendas do SUV compacto feito em Goiana/PE antes da eventual mudança de geração ou chegada do sucessor.

Segundo o site Automais, o Jeep Renegade 2025 terá mais versões e menos equipamentos, com a versão sem identificação, na posição de entrada, perdendo itens na linha 2025, de modo a se distanciar da versão Sport.

Deve-se lembrar que, incompreensivelmente, as duas versões já custaram o mesmo, mas hoje o Renegade 1.3 Turbo e a versão Sport custam R$ 125.990 e R$ 139.790, tendo apenas como diferenciais na versão de acesso, a falta de tampa interna do bagageiro, rack no teto e garantia de apenas um ano.

jeep renegade 2024 cb autos santos (2)
jeep renegade 2024 cb autos santos (2)

Atualmente dividindo a posição de topo de linha com a Série S, a versão Trailhawk também perderá itens para ficar abaixo e também não se sabe quais itens ele perderá, mas o fato ajudará a manter as vendas da tração nas quatro rodas, que é permanente.

A principal novidade será a versão Willys, em homenagem à antiga marca que produziu exemplares do modelo clássicos nas fábricas de Taboão (São Bernardo do Campo/SP) e Jaboatão dos Guararapes/PE, além de motores em Taubaté/SP.

Fora isso, a Jeep irá oferecer pacotes de equipamentos personalizados Upland, Sahara e Night Eagle, que serão ofertados para todas as versões do Renegade 2025.

jeep renegade 2024 cb autos santos (3)
jeep renegade 2024 cb autos santos (3)

 

Ele manterá a mecânica com motor flex GSE 1.3 Turbo de 180 cavalos na gasolina e 185 cavalos no etanol, ambos com 27,5 kgfm, além de transmissão automática de seis marchas nas versões T270, T270 Sport e provavelmente a T270 Willys.

Já as versões Trailhawk e Série S terão caixa automática de nove marchas com tração nas quatro rodas. Sem diesel, o Renegade 2025 seguirá sua vida até a próxima geração ou sucessor, que será hibridizado.

Pode ser que a atual geração seja esticada por mais tempo e receba o sistema MHEV de 48 volts no motor atual, o que não seria algo estranho. Vamos ver.

[Fonte: Automais ]

google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



unnamed
Autor: Ricardo de Oliveira

Com experiência de 27 anos, há 16 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz testes e avaliações. Suas redes sociais: Instagram, Facebook, X