Que carro comprar com 40.000 reais?

Que carro comprar com 40.000 reais?

Se você está trocando de automóvel e tem um orçamento limitado, que carro comprar com 40.000 reais? Seguindo nossa lista com as melhores opções entre os usados, chegou a hora de falar sobre essa faixa de preço.

É verdade que esse limite abre um leque maior de opções, mas a alta de preços entre os automóveis (que inclui os usados) pode dificultar e muito a vida de quem procura um carro conservado, com quilometragem dentro do aceitável e um preço justo.

Como de costume, usamos como parâmetro a tabela Fipe para indicar os valores abaixo. Em alguns casos, isso acaba sendo superado pela média de mercado, mas é uma boa base para você saber o que vai conseguir estacionar em sua garagem.

As opções selecionadas incluem populares básicos e mais novos, hatches mais equipados, sedãs compactos e até modelos maiores, como minivans e SUVs. É claro que, quanto mais equipado, mais antigo será o modelo.

Mesmo usando a tabela Fipe como base, vale citar que os valores podem variar bastante de acordo com a região do país ou o estado de conservação do modelo. As imagens que usamos são apenas ilustrativas e a lista está ordenada por ano de fabricação.

Confira!

Fiat Mobi Easy 1.0 2019 – R$ 38,5 mil

Que carro comprar com 40.000 reais?

Nossa lista começa com um modelo mais simples, mas que também é o mais fácil de encontrar com baixa quilometragem e bom estado de conservação. Estamos falando do Fiat Mobi, que na versão Easy de 2019 é tabelado em R$ 38.543.

Vendido até hoje pela marca italiana, com preços entre R$ 49.890 e R$ 62.290, o Mobi é uma boa opção para quem roda mais na cidade e procura um carro compacto. O modelo citado aqui vem com motor 1.0 Fire de 75 cv e 9,9 kgfm, com câmbio manual de cinco marchas.

Por ser a versão de entrada, vale lembrar que o carrinho vem pelado, sem itens como direção assistida ou ar-condicionado. Nesse caso, talvez você queira procurar pela versão Easy Comfort, que adiciona ar-condicionado e rodas de 14 polegadas.

Citroën C3 Picasso Tendance 1.5 2015 – R$ 39,6 mil

Que carro comprar com 40.000 reais?

Mudando totalmente de segmento, a segunda opção em nossa lista é o Citroën C3 Picasso. Ele resistiu no mercado brasileiro até 2015, exatamente o ano em que separamos a versão Tendance.

Tabelado em R$ 39.648, o monovolume estreava novas versões nesse ano, substituindo as configurações GL e GLX pelas opções Origine e Tendance. No topo da gama, a versão Exclusive permanecia sem alterações.

Falando sobre a opção intermediária citada aqui, ela vem com ar-condicionado, direção hidráulica, rádio com CD, entrada auxiliar e USB, vidros e retrovisores elétricos, detector de obstáculo traseiro, rodas de liga leve de 16 polegadas, entre outros.

O motor é o 1.5 de 93 cv e 14,2 kgfm, associado ao câmbio manual de cinco marchas. Essa mesma versão ainda poderia ser equipada com o propulsor 1.6 de 122 cv e 16,4 kgfm, mas com câmbio automático de apenas quatro marchas.

Volkswagen Voyage Comfortline 1.0 2015 – R$ 39,7 mil

Que carro comprar com 40.000 reais?

Se você tem um limite de R$ 40 mil e procura por um sedã, saiba que as opções vão se concentrar entre os modelos compactos, pelo menos se quiser ter um carro relativamente mais novo.

Uma dessas opções é o Voyage 2015 na versão Comfortline, que oferece um generoso porta-malas de 480 litros. Ele custa pouco mais de R$ 39,7 mil na tabela Fipe e vem com motor 1.0 de 76 cv e 10,6 kgfm, atrelado ao câmbio manual de cinco marchas.

Sua lista de equipamentos inclui ar-condicionado, direção assistida, airbag duplo, freios ABS, faróis de neblina, banco do motorista com ajuste de altura, vidros dianteiros elétricos, rádio com CD, USB e Bluetooth, entre outros.

Toyota Etios Sedan XLS 1.5 2014 – R$ 39,6 mil

Que carro comprar com 40.000 reais?

Falando sobre o segmento do longevo Voyage, outra opção é o Etios Sedan. É verdade que seu visual nunca agradou tanto quanto alguns concorrentes, mas o modelo da Toyota tem diversas qualidades.

A começar pelo motor 1.5 de 96 cv e 13,9 kgfm de torque oferecido em todas as versões, com câmbio manual de cinco marchas na configuração intermediária XLS. Outro destaque é seu porta-malas, com incríveis 562 litros.

A opção XLS vem com ar-condicionado, direção assistida, repetidores de seta, vidros e travas elétricos, airbag duplo, freios ABS, alarme, faróis de neblina, volante multifuncional com regulagem de altura, rádio com CD e USB, porta-luvas climatizado e rodas de liga leve de 15 polegadas.

Nissan Versa SL 1.6 2014 – R$ 39,2 mil

Que carro comprar com 40.000 reais?

Se você não gosta do Voyage ou do Etios Sedan, que tal um Versa 2014? Se optar pelo modelo da Nissan, você consegue comprar a versão topo de linha SL, que vem mais equipada e ainda custa um pouco menos na tabela Fipe.

A lista de itens de série inclui ar-condicionado, direção elétrica, banco do motorista e volante com ajuste de altura, trio elétrico, banco traseiro bipartido, airbag duplo, freios ABS com EBD, acabamento cromado, faróis de neblina, volante multifuncional, rádio com Bluetooth, computador de bordo e rodas de liga leve de 15 polegadas.

O motor 1.6 rende 111 cv e 15,1 kgfm com etanol ou gasolina, sendo associado ao câmbio manual de cinco marchas. Assim como os rivais, o porta-malas é generoso e leva 460 litros.

Chevrolet Onix LT 1.4 2013 – R$ 39,2 mil

Que carro comprar com 40.000 reais?

O mercado de usados está com preços absurdos para quase todos os modelos, mas quando olhamos para os mais procurados a situação fica ainda pior. Uma prova disso é o Onix 2013, que só entra em nossa lista em seu primeiro ano por aqui e na versão LT.

O lado positivo é que estamos falando do hatch com motor 1.4, que entrega até 106 cv e 13,9 kgfm, sendo que as versões 1.0 tem apenas 80 cv e 9,8 kgfm. O que não muda é o câmbio manual, que sempre oferece cinco marchas.

Ele ainda oferece direção hidráulica, airbag duplo, freios ABS com EBD, abertura elétrica do porta-malas, acabamento cromado, vidros e travas elétricos, banco do motorista com regulagem de altura, chave canivete, rodas de 15 polegadas, entre outros.

Fique atento se a unidade que você procura tem ar-condicionado e MyLink, itens que eram vendidos como opcionais na época. Sem eles (caso você não faça questão), o valor pedido precisa ser menor que a Fipe.

Hyundai HB20 Comfort Style 1.0 2013 – R$ 39,1 mil

Que carro comprar com 40.000 reais?

O grande rival do Onix também aparece como uma opção entre os usados até R$ 40 mil. A diferença é que o HB20 faz isso com seu motor 1.0, mesmo falando do mesmo ano e com preço de tabela bem parecido.

Talvez isso não seja um empecilho, pois o propulsor 1.0 de 3 cilindros do modelo da Hyundai é bem esperto. Ele entrega 80 cv e 10,2 kgfm de torque, sendo associado ao câmbio manual de cinco marchas.

Outro ponto positivo aqui é que a versão Comfort Style é bem equipada, vindo com ar-condicionado, direção hidráulica, banco do motorista com ajuste de altura, volante multifuncional com regulagem de altura e profundidade, trio elétrico, airbag duplo, freios ABS, faróis de neblina, rádio com USB, computador de bordo e rodas de liga leve de 14 polegadas.

Chevrolet Spin LT 1.8 2013 – R$ 40,6 mil

Que carro comprar com 40.000 reais?

Quem precisa de mais espaço talvez não tenha se contentado com nenhuma opção até aqui nessa lista. Se esse é o seu caso, os últimos modelos citados talvez sejam o que você procura até os R$ 40 mil.

O primeiro deles é o Spin 2013, que aparece na versão LT 1.8 e em seu ano de estreia no Brasil. Sim, para entrar nessa faixa de preço esses modelos precisam ter mais tempo de uso e ainda assim podem passar um pouco de nosso limite proposto aqui.

Esse motor entrega 108 cv e 17,1 kgfm, sendo ligado ao câmbio manual de cinco marchas. Por ser uma versão de entrada, vem apenas com airbag duplo, freios ABS, ar-condicionado, direção assistida, banco do motorista e volante com ajuste de altura e vidros elétricos.

Outros equipamentos, como rodas de liga leve, rádio com USB, Bluetooth e volante multifuncional eram opcionais. Ainda assim temos um modelo interessante, especialmente por carregar até 710 litros no porta-malas.

Renault Duster 1.6 2012 – R$ 40,3 mil

Que carro comprar com 40.000 reais?

Numa época em que os SUVs ainda não dominavam o Brasil e o mundo, a dupla Duster e EcoSport dava as cartas no segmento. Os dois lideravam a turma em 2012, respondendo por quase um terço dos emplacamentos.

Muito tempo passou, mas se você procura um utilitário nessa faixa de preço, essas são as melhores opções. A escolha mais racional talvez seja o Duster com motor 1.6 de 115 cv e 15,5 kgfm, que ainda tem câmbio manual de cinco marchas.

O visual pode parecer um pouco espartano nessa versão de entrada, mas o Renault vem com direção hidráulica, ar-condicionado, volante com regulagem de altura, vidros dianteiros e travas elétricos, repetidores de seta, abertura interna do porta-malas, rodas de 16 polegadas, entre outros.

Ford EcoSport 4WD 2012 – R$ 40,2 mil

Que carro comprar com 40.000 reais?

Como dito acima, o Duster brigava com o EcoSport 2012, mas a linha do modelo da Ford oferecia opções mais interessantes. Se o francês aparece com sua versão básica, o EcoSport pode ser comprado na configuração topo de linha com até R$ 40 mil.

Esse foi o último ano antes da mudança visual, o que permite optar pela versão 4WD, que tem motor 2.0 de 145 cv e 19,4 kgfm, com câmbio manual de cinco marchas e tração integral sob demanda.

Bem equipado, ele vem com ar-condicionado, direção hidráulica, airbags frontais, faróis de neblina, trio elétrico, banco do motorista e volante com ajuste de altura, banco traseiro bipartido e rebatível, porta-luvas iluminado e climatizado, rádio com CD, USB e Bluetooth, volante multifuncional, computador de bordo e rodas de liga leve de 15 polegadas.

Viny Furlani

Formado em Gestão de Negócios, trabalha no segmento automotivo há mais de 17 anos. Em 2009, passou a escrever avaliações e notícias sobre carros, totalizando mais de 2.000 artigos, em vários sites. Além das matérias escritas para o NA, também cuida das mídias sociais do site.