Citroen Minivans

Avaliação completa Citroen C4 Picasso

citroen-c4-picasso-avaliacao-completa-3 Avaliação completa Citroen C4 Picasso

O aumento do IPI para carros importados não atinge somente os fabricantes de veículos que não estão instalados no Brasil. E, dentre as marcas que já contam com fábricas em solo nacional, a que mais deve sofrer com a medida é a Citroën. Mesmo com apenas três modelos que vêm de fora do Mercosul e do México, a fabricante francesa detém a linha com maior vendagem nesse grupo: o monovolume C4 Picasso, nas opções com carroceria de cinco ou sete lugares.



De janeiro a agosto, a minivan acumulou 3.718 unidades comercializadas. É mais do que Volkswagen Tiguan, com 3.288, Toyota RAV4, com 2.464, Ford Edge com 1.351 e Chevrolet Malibu com seus 1.310 exemplares emplacados – todos também expostos à nova tributação. Quando se fala apenas da configuração de cinco lugares, a C4 Picasso cai para a segunda colocação, com 3.141 carros vendidos – a configuração de sete lugares corresponde a cerca de 15% das vendas da linha. Vale lembrar que Hyundai e Mitsubishi não têm fábricas no Brasil – alguns utilitários das duas marcas são produzidos no país através de licença por seus distribuidores nacionais, respectivamente Grupo Caoa e MMC Automotores do Brasil.

A Citroën ainda não decidiu como vai agir frente ao decreto governamental. A marca declarou que está estudando a nova realidade do mercado nacional e vai se posicionar futuramente em relação a um eventual aumento de preços. O fato é que por ser fabricada em Vigo, na Espanha, e ter motor de exatos 1,997 cm3, a minivan teve o IPI elevado de 13% para 43%. Se a Citroën decidir passar integralmente o imposto para o consumidor, o preço da C4 Picasso de cinco lugares poderá subir dos atuais R$ 78.490 para algo perto dos R$ 100 mil.

Uma eventual subida de preços nessas proporções poderia acabar com o bom desempenho de mercado do modelo. Entre as minivans vendidas no Brasil, a configuração topo de linha da nacional Chevrolet Zafira, a Elite, chega por R$ 76.197. Outra que chega perto é a sul-coreana Kia Carens, que custa R$ 69.400 mas que também está no alvo do aumento tributário. Com a escassez de opções no mercado de minivans, a C4 Picasso acaba tendo que concorrer com carros de outras categorias, como crossovers e SUVs que também tenham uma proposta familiar.

citroen-c4-picasso-avaliacao-completa-3 Avaliação completa Citroen C4 Picasso

Vendida no Brasil desde o início de 2009, a minivan chegou à linha 2011 com poucas novidades. Esteticamente o modelo ganhou a grade dianteira renovada, mostrando a nova identidade visual da marca, com o “duplo chevron” mais suavizado. As rodas de liga leve de 17 polegadas também são novas, assim como os tecidos e painéis no interior. Entre os equipamentos, a única adição foi o ar-condicionado digital também para os bancos traseiros.

No resto, o carro preserva os seis airbags, faróis de neblina, faróis com acendimento automático, ABS com EBD, controle de estabilidade, retrovisores externos com rebatimento elétrico, trio elétrico, direção elétrica, ar-condicionado de quatro zonas e rádio/CD/MP3 com seis alto-falantes.

Na parte mecânica, também nenhuma diferença. Continua o conjunto formado pelo motor 2.0 16V, que bebe apenas gasolina, com a transmissão automática de quatro marchas. O propulsor gera 143 cv a 6 mil rpm e 20,39 kgfm de torque a 4 mil rotações. Com uma boa lista de equipamentos e bem resolvido visualmente, falta saber se o C4 Picasso vai continuar com competitividade no mercado brasileiro. Ou vai se tornar um mero coadjuvante.

Citroen C4 Picasso – Ponto a ponto

Desempenho – A C4 Picasso é um carro familiar e explicita isso no seu comportamento dinâmico. O motor 2.0 de 143 cv até oferece um bom desempenho, com arrancadas satisfatórias para um carro de grandes dimensões e alto peso. Mas nada que inspire grande esportividade. O zero a 100 km/h, por exemplo, é feito em cerca de 12 segundos. O câmbio automático de quatro marchas é calibrado para ter um funcionamento bastante suave, com poucos trancos. Nota 7.

Estabilidade – Para um carro com quase 1,70 m de altura, a C4 Picasso é surpreendentemente estável em curvas. Claro que não dá para botar a minivan em um circuito, mas uma subida de serra pode ser encarada sem maiores dificuldades. Além da suspensão bem acertada, o C4 Picasso conta com o sempre bem vindo controle de estabilidade, equipamento essencial para manter a minivan “na linha”. Nota 8.

Interatividade – O inusitado volante de cubo fixo da linha C4 abriga diversos botões que comandam diferentes funções do carro: desde o sistema de som, até o ar-condicionado. Além disso, a alavanca do câmbio fica na coluna de direção. Ou seja, realmente a quase totalidade dos comandos estão ao alcance das mãos do motorista. A direção é leve, o que ajuda a manobrar o grande carro. A visibilidade dianteira é excelente. O vidro vai até quase a coluna central e a posição de dirigir mais elevada faz com que o condutor sempre tenha controle sobre o que está acontecendo a sua volta. Nota 9.

Consumo – O motor 2.0 a gasolina do C4 Picasso marcou uma média de 6,6 km/l em circuito misto, com 2/3 urbano e 1/3 rodoviário. Nota 5.

Tecnologia – A plataforma do C4 Picasso é a mesma do C4, de 2004. O conjunto mecânico composto do motor 2.0 e da transmissão de quatro velocidades também não é dos mais modernos. Pelo menos é um carro bem servido de itens de conforto e segurança. Nota 6.

Conforto – O espaço interno da C4 Picasso é realmente impressionante. Qualquer um dos cinco ocupantes fica confortavelmente posicionado. A ótima visibilidade dianteira graças ao vidro que vai até quase a coluna central é outro item que ajuda a passar sensação de conforto. A suspensão consegue absorver com competência as imperfeições do piso. Nota 8.

Habitabilidade – Entrar na espaçosa minivan da Citroen não é das tarefas mais difíceis. As portas são grandes e a altura de quase 1,70 m ajuda os movimentos no interior do carro. A marca francesa também lotou a sua minivan com porta-objetos. Na dianteira, destaque para os dois que ficam nas extremidades do painel. Nota 8.

Acabamento – Um acabamento digno de um carro de quase R$ 80 mil. Os plásticos usados são de bom toque e são todos bem encaixados, sem nenhuma rebarba aparente. Os bancos são revestidos de um couro de alta qualidade, o que ajuda a passar uma sensação de requinte. Nota 8.

Design – Já é um carro ligeiramente datado, mas mesmo assim conta com um desenho simpático e harmonioso. Destaque para os faróis grandes e para a linha de cintura, com uma linha reta “quebrada”. Nota 7.

Custo/benefício – Os únicos concorrentes diretos da C4 Picasso são a Chevrolet Zafira Elite e o Kia Carens, ambos vendidos por preços inferiores. Por R$ 78.490, apesar de bem equipada, não é lá um carro muito barato. Se a Citroen resolver passar integralmente o aumento do IPI, pode “espantar a freguesia”. Nota 6.

Total – O Citroën C4 Picasso somou 72 pontos em 100 possíveis.

citroen-c4-picasso-avaliacao-completa-3 Avaliação completa Citroen C4 Picasso

Citroen C4 Picasso – Impressões ao dirigir

Dirigir com desenvoltura a imponente minivan da Citroën requer um certo “estudo” prévio. É necessário parar e se acostumar com os comandos do C4 Picasso. Para começar, o volante de cubo fixo. Nele existem 16 botões e a buzina, tudo em um layout um tanto confuso. Mas, depois de se acostumar, se torna interessante para mexer nas diversas funções do veículo sem precisar tirar a atenção do trânsito. Na coluna de direção ainda está a alavanca do câmbio automático e as vistosas borboletas que controlam a função manual. E não para por aí. Na parte superior do volante ainda ficam as luzes espia do carro.

Quando se abre um pouco mais o ângulo de visão as inovações da C4 Picasso continuam presentes. O ar-condicionado – de quatro zonas – fica do lado esquerdo do motorista, em vez da tradicional posição no console central. O display multifuncional é outro que demanda um tempo de adaptação. Lá estão o velocímetro e o conta-giros, além de informações do computador de bordo. Próximo do visor, em uma posição muito pouco usual, fica o botão do freio de estacionamento elétrico.

Passada a estranheza inicial, dá para apreciar a ótima cabine que o C4 Picasso dispõe. O espaço é muito amplo, para qualquer um dos ocupantes. Cinco pessoas viajam sem nenhum tipo de aperto e com todo o conforto. O monovolume trata muito bem todos os seus ocupantes, com ajustes de ar-condicionado individual e até mesinhas de avião para os ocupantes dos bancos de trás.

Em movimento, o C4 Picasso não surpreende muito. Graças às grandes dimensões e ao tamanho avantajado, o desempenho é comedido, entretanto bastante adequado para um carro com pretensões familiares. O motor 2.0 16V ainda responde bem, mas a média de consumo – 6,6 km/l – se mostra elevada para um motor a gasolina. A transmissão automática tem apenas quatro velocidades, mas exibe um comportamento relativamente suave. Em curvas, a minivan se comporta bem. Mesmo sendo alta e larga, não desgruda muito do chão, o que acaba deixando o veículo sempre com uma boa sensação de segurança. Algo essencial para quem leva uma numerosa e agitada família no carro.

Ficha técnica – Citroën C4 Picasso

Motor: A gasolina, 1.997 cm³, dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, quatro válvulas por cilindro e duplo comando no cabeçote. Injeção de combustível multiponto sequencial, acelerador eletrônico e sistema de distribuição de regulagens variáveis na câmara de combustão.

Transmissão: Automática com quatro marchas à frente e uma a ré com modo manual sequencial através de borboletas no volante. Tração dianteira. Controle eletrônico de tração.

Potência máxima: 143 cv a 6 mil rpm.

Aceleração: 0 a 100 km/h:

Velocidade máxima:

Torque máximo: 20,4 kgfm a 4 mil rpm.

Diâmetro e curso: 85,0 mm X 88,0 mm. Taxa de compressão: 10.8:1.

Suspensão: Dianteira independente do tipo McPherson, com braços inferiores triangulares, amortecedores hidráulicos, molas helicoidais e barra estabilizadora. Traseira com travessa deformável, amortecedores hidráulicos, molas helicoidais e barra estabilizadora. Controle eletrônico de estabilidade.

Freios: A discos ventilados na dianteira e discos sólidos na traseira. ABS com EBD e assistente de frenagem de emergência.

Pneus: 215/50 R17 em rodas de liga leve.

Carroceria: Monovolume em monobloco, com quatro portas e cinco lugares. Comprimento de 4,47 metros, com 1,83 metro de largura e 1,68 metro de altura. Entre-eixos de 2,73 metros. Oferece duplos airbags frontais, laterais e do tipo cortina e um para os joelhos do motorista.

Peso: 1.560 kg em ordem de marcha, com 529 kg de carga útil.

Capacidade do porta-malas: 490 litros/1.775 litros com os bancos traseiros rebatidos e recuados.

Tanque de combustível: 60 litros.

Produção: Vigo, Espanha.

Lançamento na Europa: 2006.

Lançamento no Brasil: 2009.

Itens de série: Seis airbags, faróis de neblina, faróis com acendimento automático, ABS com EBD, controle de estabilidade, retrovisores externos com rebatimento elétrico, trio elétrico, direção elétrico, ar-condicionado de quatro zonas, rádio/CD/MP3 com seis alto falantes, persianas para os vidros traseiros e mesas do tipo avião na parte traseira dos bancos dianteiros.

Preço: R$ 78.490 (antes da elevação do IPI para os importados de fora do Mercosul e México)

Prós

# Espaço interno

# Interatividade

# Conforto

Contras

# Desempenho tímido

# Consumo elevado

Por Auto Press

5.0

COMPARTILHAR:
  • GuilhermeTucson

    P… carro, me chama muito a atenção acho que vai ser o meu próximo!

    • Sias

      Também estava engatilhando a compra de uma, mas uma ccs me passou o valor de 87 mil…. Dá-lhe IPI…

      • GuilhermeTucson

        Eu queria era a Gran por 91, mais se o IPI vai aumentar o preço o negócio é ir de Freemont…

        • Galvão

          Já entrei numa Grand…
          É o carro mais confortável que conheço…
          Até quem vai lá atras,nos bancos do porta malas,vai com conforto!!
          E o teto panorâmico?
          Nenhum carro desbanca ele!!

          • Sias

            Certamente…as duas são extremamente confortáveis, o espaço é incrível. Depois de andar um tempo nelas o padrão de exigência do cara aumenta consideravelmente.

            Já fui olhar a Freemont…é grande, mas parece não ter o mesmo espaço que a C4, sem contar que os bancos traseiros são apertados. Meu interesse inicial era na de 7 lugares também.

            • MeekeeB

              Já olhei o Freemont também. Atrás é apertado mesmo, mas pros outros 5 ocupantes o espaço é bom, e o acabamento me deu uma ótima impressão, com material macio ao toque revestindo o painel todo.

          • zemarreta

            Não conheço o teto da Freemont, mas acho que nenhum desbanca o do 3008, hehehe

            • GuilhermeTucson

              É pensei bem e acho q 3008 ta no padrao da c4 e me ganha pelo motor 1.6 turbo e o cambio de 6marchas, mais os dois sao belos carros.

              • zemarreta

                Sem dúvidas, se a esposa tivesse topado a Grand (que não tem esse nome a toa…), teríamos ficado com a C4, por causa dos 7 lugares. Mas entre a C4 "petite" e a 3008, é difícil encontrar tantas qualidades na C4 que compensem o motor da 3008.

                • GuilhermeTucson

                  Esse PSA ai já cansou, não é mais um bom motor e nem o câmbio que equipa toda a lonha peugeot e citroen, já a 3008 renova com motor e câmbio diferentes só que voce vai de 5 lugares por 90K já com a Grand voce vai com 7 lugares e teto panorâmico ai é estudar a melhor e vai de gosto tambem, eu por exemplo prefiro a 3008 por fora mais de interior sou bem mais a Grand.

                  • zemarreta

                    Eu também preferia a Grand por causa da versatilidade, muito bagageiro e os banquinhos da sogra, mas a esposa se assustou com o tamanho do carro, ficou com medo de ser difícil de dirigir.

                    • GuilhermeTucson

                      Mesmo caso daqui de casa, minha mulher odeia carro grande só gosta para viajar e ir de carona, então tive que ficar com o carro "grande" e ela com o pequenino c3 que está indo embora e vai dar lugar para picanto ou 500.

    • Dharo Lima

      tambem acho muito bonito , da uma surra no xsara picasso que parece um ovo com rodas , eu acho bem feio perto desse

      • zemarreta

        Ovo com rodas foi ótimo. Realmente esse Xsara está mais cansado que os caras que terminam o ironman!!

  • AndredeAzambuja

    Peugeot 3008 faz xixi de tanto rir do Citroen C4 Picasso.

    • Galvão

      Pelo visto,você nunca entrou em um C4 Picasso…
      Você já viu as fotos do interior das duas?
      O C4 perto do 3008,está á anos luz de diferença!!
      Deu até vontade de rir com esse comentário!!
      E aquele volante de 207 do 3008??
      kkkkkk

      • Sias

        Se a C4 tivesse o conjunto motor/câmbio do 3008 ela ficaria perfeita.

        • gui_wd

          Eu estava bem interessado, e o vendedor da CC que já me conheço ha muito tempo me falou que os novos motores viram em breve a equipar a linha de importados

          • ralff

            E meu caro andrede,voce realmente esta por fora,esse C4 Picasso e muito mais carro que o 3008.

          • Rmonteggia

            Não entendo pq não vieram, tanta configurar uma C4 em algum site da Citroen na Europa, esse motor 2.0 não existe como disponivel, só o 1.6 do 3008!!

            • Sias

              Que os carro que vem pra cá são montados especificamente pra nós é fato, mas quem sabe o motor não está pra mudar? Outro usuário disse que isto está pra acontecer.

  • RicRB

    É uma nave o C4 Picasso!!
    Uma boa opção para quem precisa de espaço para transportar a família!!
    Pena o câmbio automático ser apenas de 4 marchas, o que compromete o consumo!!
    Mas o carro é show!!

    • clock31

      Eu não conhecia o carro.

      Meu pai foi conhece-la, e fizemos Test Drive a 2 meses atráz.

      Aquele teto panoramico é algo Fenomenal!!!
      Eu tenho 1,88m de altura e quase nunca consigo ver os semaforos sem abaixar a cabeça.
      Na C4 eu podia ver até mesmo o céu imponente e explendido enquanto dirigia. Você se deslumbra tanto com a paisagem que sempre esteve la mas você nunca viu que da pra se destrair perigosamente no trânsito!

      Se eu tivesses os 72k, que nos pediram no dia (com desconto para fecharmos), eu levava uma.

      Confortável, imponente, espaçoso e tecnologógico.

      Ahn se o Brasil tivesse uma política que jogasse esse carro pros 50k… era meu carro por um bom tempo!

      Acho que depois que alguem tem um carros desses, com teto panoramico, não deve ser facil se reacustumar com um teto convencional… Eu nunca achei que esse teto fosse algo útil, até dirigi-lo… ta ai a diferença de falar sem saber…

      Agora que conheci o carro, posso dizer que é um carrão.
      Antes eu achava normal…

      Abs

      • ralff

        Esse carro ai por 50mil,iria vender igual agua no deserto meu amigo.

  • marcio233

    Bem que poderia ser "barateado" e entrar no lugar da Picasso nacional. Excelente carro, mas o preço já me espanta hoje sem aumentar o IPI…

  • luck_fernandes

    é um ótimo carro, mas com ipi de 43% eu não acredito que as vendas continuem assim. uma pena

  • Edu_Airtrek

    Posso dizer que é um dos meus carros favoritos. Se tivesse uma família grande, compraria um.

  • MatheusCampos

    sonho de consumo!!!! entre as minivans.
    .
    muito bonita.

  • vini_B

    simplesmente lindo, mais o seu maior concorrente aki no brasil é o Carens q ñ vende nada.

    • zemarreta

      O carens além do visual cansado, não tem a mesma tecnologia nem os mesmos opcionais da Picasso. Para citar alguns dos mais relevantes de cabeça: ESP, teto solar/vidro, Piloto automático, fora os menos relevantes mas que são importantes para quem tem família, como o controle do ar atrás, as persianas nos bancos de trás, a lanterna, etc. Embora mais barata, acho que a Kia acaba cobrando a fama que a marca ganhou aqui no Brasil. Mas nem a Carens está no mesmo patamar da Picasso. Nessa categoria aqui no Brasil só a 3008. O bom seria se a VW trouxesse a Touran, a Ford a S-Max e a GM a Zafira nova…

      • Edson Roberto

        Vale lembrar que todos esses itens, são itens de série.

        O unico opcional é para a Grand Picasso que é justamente o teto panoramico.

  • GuilhermeTucson

    Só esse painel me conquista, o volante com o câmbio na direção é um show a parte!

    • zemarreta

      Engraçado, uma das coisas que eu menos gostei na Picasso foi o painel… :D

  • papahico

    Tenho uma 2009 e é o melhor carro que já tive.
    Há 15 dias comprei um Peugeot 3008 e preciso vender a minha C4. Quem tiver interesse é só me contatar.
    Vale muito à pena.

  • Kenny_

    Não gostei dessa avaliação. Elogiam tanto o espaço da minivan e só postam uma foto do interior, do painel.

    Quanto ao carro acho até interessante, as colunas finas no geral devem possibilitar uma boa visibilidade, porem não gosto do painel, aquele vazio na frente do motorista não me agrada justamente pela sensação de "falta algo". Mas deve ser muito bom na hora de comercializar o carro nos países com o volante do lado direito, facil de adaptar.
    Hoje, acho que o maior concorrente do C4 Picasso, pelo menos no quesito 7 lugares, é o Fiat Freemount.

  • blackSagaris

    Quando eu entrei nesse carro (versao grand) tinha tanto espaço e equipamentos que eu poderia morar dentro dele.

  • CanalhaRS

    A única minivam que eu compraria. Belíssima e bem equipada.
    Pena que a Dilma e o Mantega avacalharam com a coisa.

  • ralff

    Esse siim e um carrao,digno de seu preço hoje em dia aonde que se compra um carro com esses equipamentos pelo preço dele.

  • Ricardo_Alves

    todo mundo tem um sonho de consumo, este e o meu. este e um carro que teria prazer em telo. quanto vale um sonho neste caso 78k.

  • kikofar

    Quase peguei uma dessas (único dono, estava com apenas 15 mil rodados). Eu gostei muito desse carro. Minha mulher APAIXONOU! rsrsrsrs

    Muita tecnologia na cabine. Os porta-trecos, o espaço que é mesmo gigante… Uma pena é que na motorização temos um propulsor beberrão e um câmbio que é dos mais antiquados e problemáticos que amarram ainda mais o carrão.

    O aumento do IPI deve fazer despencar as vendas dessa nave. E aí… a Fiat que de boba não tem nada, deve realmente estar rindo à toa, porque esses monovolumes vão ficar bem acima da Freemont que deve "ocupar" o espaço no mercado deixado pelo C4, Grand C4 e o 3008 (Peugeot).

    • zemarreta

      Acho que o 3008 ainda vai dar trabalho para a Freemont por causa do motor e porque é novidade. Pelo que li, morno é elogio para o motor da Freema.

      • Sias

        Quando abri o capô da Freemont olhei pra dentro do cofre e…cadê o motor? O 4 cilindros fica lá em baixo, bem pequeninho. Também acredito que ele seja bem "morno" mesmo.

  • duhehe

    Meu pai teve a C4 Picasso por uns 6 meses.

    é um excelente carro, o motor 2.0 empurra muito bem ela.
    a quantidade de itens que ela tem por 85 mil é realmente um diferencial.

    Pelo tamanho dela assim como diz o texto, não da para acreditar nas curvas que ela faz.
    As vezes que eu andei vi meu pai ligar o piloto a 160km/h e entrar nas curvas sem problemas ou necessidade correções alguma, a proposito se você não aliviar o pé e ficar de olho no velocímetro não percebe a velocidade que ela esta.

    ele só vendeu pq ofereceram o mesmo que ele tinha pago.

  • zemarreta

    O de 7 lugares acho que ainda é absoluto até 90 mil. Mas o de 5 deixou de ser a referência com a chegada do 3008, que tem um super espaço e um cj motor/câmbio muito melhor.

    • Sias

      Na parte mecânica o 3008 e melhor, tanto motor/caixa quanto na suspensão traseira, mas é menor do que a C4 Picasso de 5 lugares. Só a modularidade dos 3 lugares individuais do banco traseiro já bate a 3008. A 3008 tem um painel lindo, mas que rouba um bom espaço com aquelu baita console.

      • zemarreta

        O problema do Picasso de 5 é que quem compraria ele (ou seja, aprecia os carros franceses) também compraria o 3008, que é mais novo e tem melhor motor. Na prática, acho que o de 5 vai ter dias difíceis por aqui, porque o público de potenciais compradores é virtualmente idêntico ao da 3008. Isso independente de outras considerações.

        Dito isso, eu e a esposa compramos um 3008 (eu até preferia o picasso de 7, mas ela achou o carro grande e difícil de manobrar) e estamos gostando do espaço. Mesmo naquele baita console, embaixo do encosto de braço, cabe uma PET de 2 litros de água, mais mamadeira e mais umas tralhinhas, e o melhor é que é semi refrigerado, e mantém a PET e a mamadeira frescos. Pra viajar então, é uma delícia, o motor torna qualquer ultrapassagem fácil, e o "HUD" ajuda a não errar na velocidade.

        • Sias

          A de 7 lugares parece um ônibus…é muito grande.

          O painel do 3008 é lindo e mais esportivo do que o da C4. Pode ser impressão, mas a C4 parece ser mais larga o que favorece quem vai atrás. Mas entre uma e outra também iria de 3008 por causa da mecânica e do interior.

          • zemarreta

            Atrás da 3008 cabem 3 razoavelmente bem. Isso foi um dos critérios para comprarmos.

            • Edson Roberto

              Razoavelmente, pois eu com meus 1,87m ficava encostado nos bancos dianteiros. Além do que, se fossem 3 pessoas acima de 1,80m, ficariam em uma posição nada confortavel. Já na C4 Picasso isso não é problema.

              Mas está certo, se vc comprou aqueleq ue mais se identificou na necessidade é o que importa. Mas o mais importante mesmo, é que houve racionalidade além da emoção na hora da compra.

  • JHerzév

    "Os únicos concorrentes diretos da C4 Picasso são a Chevrolet Zafira Elite e o Kia Carens, ambos vendidos por preços inferiores. Por R$ 78.490, apesar de bem equipada, não é lá um carro muito barato…"

    A Zafira nem é digna de ser citada e a Carens que compete com o C4 Picasso é a top de linha, vendida por 79k, a versão de 69k é pelada e vem com acabamento inferior.

  • Dragoniten

    Bem o que falaram, se tivesse a mecânica do 3008 seria muito melhor, circuito misto 6,6km/l é um absurdo, o 3008 faz pelo menos 10km/l na cidade com o 1.6 turbo, sem falar que melhora também a performance que faltou no Picasso, mas de resto, é realmente um bom carro.

    • zemarreta

      Não sei se é porque o motor ainda está amaciando, mas comigo, que tenho pé leve, o 3008 fez 9,4 na cidade. Achei muito bom, para um carro desse tamanho e com ar 100% do tempo. Com uma viagenzinha de uns duzentos e pouco ida e volta, o tanque deu todo 11,5.

      • Sias

        A que velocidade na estrada? Na cidade o consumo está ótimo mesmo.

        • zemarreta

          100 a 120. É uma estrada com muita subida e descida e eu tentei ficar em 100-110, mas às vezes o carro embalava na descida e chegava a 120-125 (sem piloto automático).

          Um negócio que eu vi que faz esse motor consumir pouco é a força (torque abundante em todas as RPM) dele. Quer dizer, mesmo nessas subidas a 100-110, que outros carros reduziriam marchas, ele não só mantinha a 6a marcha, como eu praticamente não precisava pisar nada mais para manter a velocidade, e ainda tinha que tomar cuidado para não acelerar!

          PS: na estrada mais passeio na fazenda, ele fez 13,5. Daí a média total de 11,5.

          • GuilhermeTucson

            Nossa ótimo desempenho, estou muito afim de conhecer essa 3008 agora, vi que painel lindo e o console central também é um show, minha tucson com esforço faz 12, 13 no máximo na estrada e como vou de SP para sul de minas direto estrada com muitas curvas e subidas e o câmbio dela de 4marchas fica indeciso voltando para terceira toda hora.

            • zemarreta

              E é impressionante como o carro quase não balança nas curvas! Infelizmente é um pouco baixo demais para o meu gosto, embora ainda mais alta que as Picasso.

              • Sias

                Este um dos poucos "defeitos" que encontro na C4: baixa demais. O outro é o câmbio de 4 marchas.

                Minha velocidade na estrada é por volta de 90km/h…100km/h (quando for o limite permitido, dificilmente ando em estradas com limte maior do que isto) e consigo quase que dobrar a média do consumo na cidade. Só que na cidade meus trajetos são bem curtos e muito trancados o que acaba por baixar demais minha média.

                Uma das soluções que achei sensacional na 3008 é a tampa traseira bipartida: facilita um monte na hora de abrir, requer pouco espaço, mas se precisar a "boca" fica grande baixando a outra parte.

      • Dragoniten

        Para o tamanho do carro e por ser um 1.6 Turbo, é um consumo monstro (no sentido "bom consumo"), prova de que devíamos ter mais carros esportivos que não tenham apenas um adesivo "Sport" do lado com o mesmo motor aspirado 1.6 das outras versões, ou até mesmo carros maiores que precisem de um desempenho superior, sem beber muito, tem gente que esquece que o turbo não só aumenta a potência do motor, como também aumenta (e muito) a eficiência.

  • Rah990

    C4 Picasso não é exemplo de tecnologia mas é bem legal, mas comparar com Zafira brasileiro me deixou com vontade de rir…

  • Diggo

    Cada vez mais ficaremos apenas com as carroças, pois os chinas continuarão, talvez com preço maior, e os "nacionais", que são velhos.

  • mho

    Sem dúvida alguma a C4 Picasso tem muita tecnologia e isto agrada e muito o pessoal que gosta de gadgets.
    A única coisa que não gostei deste carro é o velocímetro no meio do painel para todo mundo ver… Não gosto de ficar divulgando para todo mundo a que velocidade estou andando.

  • Julio_F

    Carro muito estranho. A idéia de todos os mostradores no centro do carro não me agrada muito.
    Além disso, todos esses botões no volante e painel tornam muito fácil perder a atenção e sofrer um acidente. Poderiam selecionr melhor o que tinham realmente que colocar.

  • Herumor_

    certeza que 99% das mamaes que compraram esse carro nunca usaram o cambio "manual" dele…

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email