Estes são os carros usados que mais demoram para vender, nos estoques das lojas dos EUA

Kia EV6 GT variant
Kia EV6 GT variant

Assim como está acontecendo no Brasil, o mercado de carros usados está se estabilizando, depois de um período muito doido, na pandemia, onde parecia que os carros de repente começaram a valer ouro.

O estoque de carros novos está aumentando, o que facilita para aqueles que querem se livrar de seus modelos usados.

Como consequência, o mercado passa a ter uma quantidade maior de carros usados disponíveis, e eles começam a demorar mais para vender.

Um estudo feito no mercado dos EUA, pela empresa iSeeCars, mostra o tempo que cada carro demorou para vender, apenas carros usados, no último mês de outubro.

grand cherokee 4xe 1 1
grand cherokee 4xe 1 1

De uma maneira que não tinha sido prevista pelo mercado, os carros elétricos são aqueles que levam mais tempo para achar um comprador.

Os carros a gasolina estão levando menos tempo para a saída, em 2023, se compararmos com 2022, são 49 dias de média, contra 55 dias no ano anterior.

Os carros híbridos estão levando 46 dias para a venda, e os elétricos ficam nos pátios por 55 dias, até acharem um novo lar.

Os números dos elétricos mudaram bastante, pois em 2022, cada um era vendido em 37 dias.

ford f 150 lightning fighter country edition 1
ford f 150 lightning fighter country edition 1

Mas, quais são os carros mais difíceis de vender nos EUA atualmente?

Veja a lista:

Maserati Quattroporte: 137 dias
Kia EV6: 95 dias
Jeep Grand Cherokee: 93 dias
Land Rover Discovery Sport: 83 dias
Audi A5: 83 dias
Maserati Ghibli: 82 dias
Mercedes-Benz Classe C conversível: 80 dias
Ford F-150 Lightning: 78 dias
Infiniti Q60: 75 dias
Polestar 2: 73 dias

Karl Brauer, da iSeeCars, destaca que a maioria dos carros ruins de venda são modelos premium ou elétricos.

Os piores são o Maserati Quattroporte, e o Kia EV6, levando mais do que o dobro de tempo para vender, do que a média. Logo depois, chega o Jeep Grand Cherokee, com um tempo 1,9 vezes maior.

O Maserati do topo da lista é compreensível de se ver ali. É um modelo que não tem um nome tão forte no segmento premium, e ainda é muito caro para o cidadão comum comprar.

E a versão elétrica da Ford F-150 também está bem ruim no mercado. Como ela é o carro mais vendido dos EUA, é como se uma versão elétrica do Onix ou do HB20 fosse um dos modelos mais complicados de se vender no Brasil.

No nicho dos híbridos, a BMW X5 híbrida e o Toyota Highlander Hybrid são as exceções, vendem muito fácil.

E nos elétricos, os modelos da Tesla, juntamente com o Chevrolet Bolt, não encontram problemas para serem vendidos.

google news2 Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!
Categorias EUA

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



Autor: Eber do Carmo

Fundador do Notícias Automotivas, com atuação por três décadas no segmento automotivo, tem 18 anos de experiência como jornalista automotivo no Notícias Automotivas, desde que criou o site em 2005. Anteriormente trabalhou em empresas automotivas, nos segmentos de personalização e áudio.