Picapes 2003/2004: Montana, Strada, Saveiro ou Courier?

Chevrolet Montana 2010 1

Cerca de 20 anos atrás, o mercado automotivo brasileiro era bem diferente, mas alguns dos nomes no segmento de picapes pequenas eram os mesmos que hoje.

Pelo menos Montana, Saveiro e Strada continuam aí firmes, mesmo sendo modelos bem diferentes. Apenas a Courier é um modelo que sumiu para nunca mais voltar.

Se você está pensando em comprar uma destas picapes, ano 2003 ou 2004, tem estas quatro opções, pois a Montana tinha acabado de chegar ao mercado, estreando no final de 2003.

Vamos aqui ver os detalhes delas, e em que quesitos uma é melhor do que a outra.

Ford Courier

Ford Courier Flex 2007–13 1

A Courier tinha uma grande vantagem no mercado em 1998, quando foi lançada. Ela enchia a boca para dizer que tinha a maior capacidade de carga da categoria, com cerca de 700 quilos.

Alguns anos depois, esta vantagem ficou pra trás, pois a concorrência se atualizou.

Ela manteve a plataforma de carga mais longa, o que é uma grande vantagem perante Montana, Saveiro e Strada. São 177 centímetros de comprimento, contra números que ficam entre 164 e 166 das outras.

Na largura, ela conta com 127 centímetros, bem menos do que a Montana, a melhor neste quesito, com 140 centímetros. A Strada fica com 127 e a Saveiro tem 123, a mais estreita.

Outro ponto bem destacado da Courier é seu ótimo acerto de direção e suspensão. Mesmo na versão básica L, que não tem direção hidráulica, o esforço pedido para esterçar não é grande demais.

O desempenho não é ruim, com um motor 1.6 de 95 cavalos e 14,2 kgfm de torque.

VW Saveiro

saveiro g3 7

A Saveiro já alcançava 20 anos em 2003, e era a única que ainda carregava detalhes vindos da primeira geração, lá nos anos 80, como a posição longitudinal do motor, o que acaba roubando um bom espaço da cabine.

O interior da Saveiro agrada pelos materiais empregados, que na Geração 3 ainda eram de qualidade melhor. O painel tinha duas tonalidades, e os painéis de porta tinham revestimento na área dos braços, coisas que as outras não tinham.

O motor usado pela Saveiro 2003 e 2004 é o AP1600, com acelerador eletrônico e até 99 cavalos de potência, com 14,1 kgfm de torque.

Mesmo sendo um motor mais velho do que o 1.8 que equipava tanto a Montana quanto a Strada, ficava bem perto deles em questão de desempenho.

O consumo de combustível é menor do que as outras picapes aqui apresentadas. A Saveiro nessa época era vendida nas versões City e SuperSurf, esta última já com direção hidráulica e rodas de liga leve.

Fiat Strada

strada adventure 2004

A Strada tem muitas qualidades, a deixando bem perto da Montana, perdendo apenas em capacidade de carga e alguns detalhes.

A Strada Working, versão mais barata voltada para trabalho, também tinha o motor 1.8 de versões mais caras, mostrando como que éramos bem servidos de motores com bom torque nessa época.

Ela apresenta parachoques pretos, sem pintura, mas entrega a direção hidráulica de série, ao contrário das suas concorrentes.

Mais de 60% das unidades da Strada vendidas no começo da década de 2000 eram da cabine estendida, pois quase todo mundo queria aquele espaço a mais atrás dos bancos.

O desempenho com o motor 1.8 Powertrain era interessante, com 103 cavalos de potência e ótimos 17,0 kgfm de torque.

Se você comprar uma Strada dessas, vai notar que sua performance dentro da cidade é muito boa, por outro lado, ela se torna o modelo mais beberrão deste comparativo, com médias desanimadoras.

Chevrolet Montana

Chevrolet Montana 2010 3

A Montana era a única que podia ser comprada pela internet naquela época, o que deixava seu preço mais baixo, por causa de uma redução tributária.

Sua versão básica tinha parachoques sem pintura, mas o motor 1.8 Flex era de série, bebendo gasolina e álcool, algo que apenas a Saveiro também fazia.

Em termos de espaço para carga, a Montana é a melhor das quatro, com espaço de 1.143 litros na caçamba, que não é a maior, como a da Courier, mas é a mais alta.

Em peso, a Montana também leva vantagem, levando em torno de 35 quilos a mais que as outras. Por outro lado, o protetor de caçamba não vinha de fábrica.

O seu desempenho é muito bom, pois tem o mesmo motor que a Strada Working 1.8.

E o espaço interno é melhor aproveitado, graças a um maior entre-eixos, de 2,71 metros na Montana.

google news2 Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



Autor: Eber do Carmo

Fundador do Notícias Automotivas, com atuação por três décadas no segmento automotivo, tem 18 anos de experiência como jornalista automotivo no Notícias Automotivas, desde que criou o site em 2005. Anteriormente trabalhou em empresas automotivas, nos segmentos de personalização e áudio.