Segurança Tecnologia

Qual é a real utilidade dos airbags laterais e de cortina?

airbags-laterais-cortinas-1-700x438 Qual é a real utilidade dos airbags laterais e de cortina?

Por volta de 1973, o Oldsmobile Toronado foi o primeiro carro a ter airbag, a famosa bolsa inflável que impede o motorista de bater contra o volante em caso de colisão frontal. O mesmo vale para o passageiro, a fim de que não sofra lesões em caso de contato direto durante um acidente.



No entanto, colisões laterais ainda eram fatais em sua maioria devido a ausência de bolsas nas laterais dos veículos, que somente surgiram em meados da década de 90, da mesma forma que uma proteção para a cabeça. Mas é a real utilidade dos airbags laterais e de cortina?

airbags-laterais-cortinas-1-700x438 Qual é a real utilidade dos airbags laterais e de cortina?

Lateral

O airbag lateral (sidebags) geralmente é instalado ao lado dos encostos dos bancos dianteiros e/ou traseiros, no caso de carros mais caros. Em modelos antigos, o dispositivo era introduzido nas próprias colunas B do veículo ou nas portas. Atualmente, este tipo de airbag é usado até em carros de baixo custo. Em conversíveis, possui formato mais vertical para proteção das cabeças do condutor e passageiro.

Protege o tronco dos ocupantes de lesões ocasionadas pela invasão da coluna B em caso de impacto lateral. Ombros, costelas, braços e até as cabeças ficam menos expostos durante a colisão. No Brasil, o Palio Essence 1.6 é o mais em conta, saindo por R$ 41.539. Já fizemos um TOP 10 a respeito desse item.

airbags-laterais-cortinas-1-700x438 Qual é a real utilidade dos airbags laterais e de cortina?

Cortina

Pouco tempo depois deste tipo de airbag, surgiram os airbags de cortina para proteção exclusiva de cabeça em caso de colisão lateral ou capotamento. Inicialmente eram instalados em tubos laterais, mas depois o dispositivo foi introduzido dentro do arco interno do teto, indo da coluna A até a C/D, oculto sob o acabamento.

Geralmente é oferecido em conjunto com o airbag lateral, criando um pacote que parte de seis bolsas infláveis (somados dos frontais). Quando acionado, sua área abrange toda a lateral interna do veículo, mesmo em veículos grandes, como minivans e utilitários esportivos de sete lugares. É praticamente obrigatório em muitos mercados.

airbags-laterais-cortinas-1-700x438 Qual é a real utilidade dos airbags laterais e de cortina?

Outros tipos

Além desses tipos, ainda existem airbag para joelhos (abaixo do painel), airbag central (entre os bancos dianteiros), airbag de cinto (instalado em cintos de segurança), airbag de pedestre (entre capô e para-brisa do Volvo V40) e airbag traseiro (entre o banco e a tampa do bagageiro do Toyota iQ). Um projeto quer adicionar mais um tipo de airbag lateral, mas do lado externo do veículo. No caso de seis airbags, que inclui o de cortina, o carro mais em conta no Brasil é o Ford New Fiesta Titanium 1.6, que sai por R$ 52.340.

COMPARTILHAR:
  • daniel

    segurança ainda um item de luxo no Brasil

    • bandaxadibar

      Isso mesmo….e infelizmente a grande maioria dos tupinikins investem em rodas, dvd e plasticos do que em itens de seguranca… Exemplo em alguns fiats, que oferecem estes airbags, mas colocam sistema de som caro, teto solar e nao colocam os sidebags

    • caique313131

      O que falta no Brasil são motoristas mais conscientes e capacitados, não bolsas de ar.

      • dougkmt

        Com certeza falta educação, bom senso e prudência em diversas situações no trânsito brasileiro, mas daí afirmar que não faltam bolsas de ar, eu discordo! Independente de quem fez a merda, eu quero que meu carro tenha a maior tecnologia possível (incluindo a implicação $$) para que o impacto seja reduzido para mim, e meus ocupantes. Claro que não envolve somente air bags, também entra na conta a qualidade da estrutura e projeto, ESP, TCS, EBD, etc… Tudo que vier a somar, eu sou a favor.

        • caique313131

          Prefiro uma frota nacional inteira composta apenas de Gols sem nada, mas com excelentes motoristas, do que vários carros com as sopas de letrinhas e os airbags, com motoristas meio-termo.

          • ThiagoS

            Você só pode estar brincando…

          • tatu_peba

            Tenho 35 anos de CNH e nunca me envolvi ou fui envolvido em acidente, apesar de ter passado perto várias vezes. Mas nessa frota sua eu gostaria de estar num veículo com toda a sopa de letrinhas e os air bags.

          • dougkmt

            Eu prefiro uma frota inteira de Gol's com ESP, TCS, ABS, EBD e 6AB, com excelentes motoristas! A discussão não define uma opção exclusiva, a escolha não é disjunta. Veja bem, suponha que vc está em uma rodovia parado no semáforo (isso existe no Brasil), e vem no outro sentido um excelente motorista. Porém, estava chovendo e justamente no trecho onde trafegava o excelente motorista havia uma extensa área com óleo na pista. Mesmo reduzindo a velocidade pra 80km/h (pois ele é um excelente motorista e sabe que na chuva os pneus perdem aderência) ele passou pelo borrão de óleo, perdeu tração do lado esquerdo dos pneus e rodou, indo diretamente em sua direção, que estava parado no outro lado da rodovia, simplesmente aguardando o semáforo abrir. O problema é que o excelente motorista não tinha ESP e TCS, e o seu carro não tinha AB, nem frontal, nem lateral, nem de cortina.

            Na minha opinião e vc não precisa concordar com isso, este acidente poderia ser evitado com a segurança ativa (ESP, TCS, ABS e EBD), e mesmo se não fosse possível, os danos causados em vc poderiam ser reduzidos com a segurança passiva (6AB).

            • daniellpaes

              Assino embaixo.

            • saosao

              Só uma pequena correção, se me permite.
              Nenhuma sopa de letrinhas traria o carro de volta à mão se ele estivesse escorregando livremente sobre o óleo. Da mesma forma que, é sabido, nenhuma sopa de letrinhas salva o carro do gelo deslizante.

              Mas com certeza a sopa de letrinhas salvaria vidas no impacto.

              • rafael

                "nenhuma sopa de letrinhas salva o carro do gelo deslizante. "

                Errado.

          • AndreLReis

            O caique têm razão, mas lógico que isso é totalmente utópico.

          • Luciano

            Meu caro, no Brasil morrem 43 mil pessoas por ano em incidentes de trânsito, sendo que, o total de vítimas, considerando lesões, chega a mais de 100 mil. Enquanto você espera os condutores brasileiros se transformarem em querubins ("excelentes motoristas"), recomendo não só procurar veículos com pelo menos 6 air bags e bom nível tecnológico de segurança, mas, se possível, um crossover, SUV ou Pickup. Não há nada mais valioso que a sua vida e as de seus familiares. No trânsito genocida do Brasil, não basta conduzir o seu veículo com prudência e observância das regras de circulação. É preciso ter sorte para que um bêbado ou um desvairado suicida a 150 km/h não jogue o carro dele contra o seu. Nesses casos, um veículo grande e bem equipado pode salvar você e sua família.

          • mmcinza

            Isso é utopia demais. Não existe.

            Nem na Suécia, aonde o sistema de transito é quase auto regulamentado, não existe isso.

          • Ed-SBC

            Ai vc pegou pesado colega….!!! Pelo que vejo vc nunca sofreu uma acidente com uma carroça destas…não sabe o que esta falando!

          • Edson Roberto

            Sabe qual é o problema? Nós já estamos na era dos carros sem air bags. E sabe do pior? Temos motoristas meio-termo.

            Ou seja, de acordo com a nossa realidade, eu prefiro a sopa de letrinhas e os air bags.

      • Cristiano_RJ

        Sua afirmação me faz pensar: ou você está dizendo que nossos carros já vem equipados com os air bags laterais e de cortina e por isso não faltam nos nossos carros, ou você quer dizer que estes são dispensáveis. Não precisa nem dizer que qualquer que seja a razão dessa sua afirmação, ela é falha, não é?

        Faço coro com o dougkmt: eu exijo que meu carro venha com todo o aparato de segurança ativa e passiva que um consumidor de primeiro mundo tem à sua disposição. E não preciso esperar que os outros motoristas sejam prudentes para exigir isso.

        PS. Motorista prudente = segurança ativa. Air bags = segurança passiva.

        • FelipeLange

          Caique, então vivemos no mundo maravilhoso, onde todos os motoristas andam de carroças e dirigem perfeitamente bem.

          Para de falar besteira cara, segurança nos carros também é importante. Não tem como deixar o trânsito 100% com motoristas prudentes.

          Reduzir os danos de acidentes é o que fazem os airbags e estruturas reforçadas, reduzir os riscos de acidentes é o que sistemas eletrônicos como ESP faz.

          • Cristiano_RJ

            Acho que você respondeu para a pessoa errada.

          • mho

            O que Caique escreveu é que falta educação no trânsito e existem muitos motoristas que dirigem de forma agressiva: colados na traseira do veículo a frente, costurando, freando em cima da hora e etc.
            Ele não escreveu nenhuma besteira.

            Concordo que os sistemas passivos e ativos de segurança são indispensáveis ainda mais com esse trânsito maluco e sem estudo. Só que infraestrutura, educação e fiscalização são coisas que minimizam e diminuem a gravidade dos acidentes e foram deixadas de lado ao longo dos anos por todos nós.

            Duas semanas atrás um senhor perdeu o controle do carro e bateu na pilastra de uma ponte do DF e morreu na hora. Se o carro dele tivesse o ABS, o ESP e o EBD provavelmente ele teria se safado dessa, mas e se tivesse um guard rail por lá?Talvez sobreviveria.

            E aquela história triste que aparece sempre em dezembro de um ônibus que saiu da pista capotou e matou duas dezenas de pessoas? Talvez se tivesse um guard rail e se a empresa não tivesse colocado um motorista cansado…

            Nunca ví um ciclista que usasse a mão esquerda para avisar que vai virar ou parar. Mas nem vou culpá-los pois o governo recomenda usar a bicicleta mas o Detran nunca faz um programa para ensinar a melhor forma de "dirigir" a bike. E olha que verba para isso existe.

            • Edson Roberto

              Eu sou ciclista e sinalizo minhas intenções.

              É igual ao motorista de carro (que tbm sou): Muitos tem a seta a disposição mas preferem enfiar em algum lugar do carro, pois muitos sequer usam para fazer as conversões e sinalizações. Sei que educação faz base para muitas coisas, mas diante do nosso atual transito, eu prefiro estar em um carro seguro (tento resolver problemas coletivos, mas tenho que pensar em mim tbm) do que passar risco por ai.

  • Anderson_sp

    É engraçado, tava vendo uns dias atrás alguns carros no Mercado Livre e devo ter visto uns 4 carros em que os Air Bags foram acionados e não foram repostos, tinha um Cruze em que o vendedor dizia estar em ótimo estado, mas lá no fim do anuncio tinha um "Obs" que seria necessário repor os Air Bags, daí com isso fico imaginando um carro que tem diversos Air Bags o cara aciona todos eles e depois passa pra frente o carro sem eles, o prejuízo do futuro dono não é pequeno, pois isso é uma coisa que só saberá quando houver uma colisão do outro dono.

    Sei que não tem nada a ver com a matéria aí, mas quem for comprar um usado presta atenção com isso.

    • Ricardo Rangel…

      Pensei exatamente nisso ao ler a matéria.

    • pablobmw

      Creio eu que se os air bags abriram é pq ouve uma colisão, aí se vc for comprar um carro usado seu mecânico de confiança ve que houve uma colisão com o carro, nisso vc pergunta sobre os air bags, senão o computador de bordo deve avisar algo creio eu.

    • Luciano

      Ouvi dizer que a reposição dos air bags é tão cara que, em caso de acidentes, pelo custo já se considera perda total. Alguém sabe se isso é verdade?

      • tatu_peba

        A reposição é cara sim mas não acredito em perda total só pelo custo dela. Para ter uma ideia, o air bag do volante do Volvo V40 custa R$ 3.600.

        • Anubis

          O problema é que não é só a bolsa que precisa ser substituída. Tem o(s) sensor(s), os cintos de segurança pirotécnicos, às vezes o volante também… O custo é bem elevado e muitas seguradoras preferem dar PT por conta também de não poder determinar se houve dano estrutural ao carro

        • mho

          Some os airbags duplos, os de cortina, os laterais mais os cintos de segurança novos (é utilizado um explosivo nos cintos de segurança e só podem ser usados uma única vez) que o custo sobe muito.
          Um colega bateu um Versa numa mureta e os airbags foram acionados, o seguro observou que seria necessário desembolsar pouco menos de R$26.000,00 para arrumar.
          A parte mais cara era justamente os airbags frontais e os cintos de segurança.

          • saosao

            É, a gente exige todos os itens de segurança, mas na hora do acidente, a conta sai bem mais cara do que imaginávamos.

            • rafael

              E a vida, vale quanto?

    • Simples, a luz do airbag no painel tem que acender quando liga o carro e apagar logo em seguida. Qualquer coisa fora isso significa anomalia no sistema. Mesmo os espertinhos que desligam a luz apos uma batida, vc vai perceber que a luz não acendeu, sinal de airbag utilizado.

    • Gabriel Boscatto

      uma vez vi um anuncio de um focus ghia na internet. O anuncio parecia ótimo, as fotos nem tanto. Viajei 300 km pra ver o carro ao vivo, quando cheguei lá, o volante tinha sido recoberto muito porcamente, nem o logo da ford tinha. Ou seja, era carro batido. Perdi a viagem

    • Rodrigo Pellegrino

      Pelo pouco que sei, teoricamente ao plugar o carro em um computador que mostra os parâmetros gerais, como KM, ETC … O sistema aponta se existe Air Bag e se o mesmo esta intacto ou já usado. Sendo assim um bom mecânico ao plugar o programa no console do carro consegue identificar tais parâmetros.

    • Rodrigo

      Quando estava pesquisando para trocar meu carro busquei pelo New Fiesta mexicano SE com os 6 airbags. O seguro dele saia por cerca de 50% a mais na média por conta dos equipamentos.
      Consultando um corretor conhecido ele me informou que houve alguns acidentes frontais onde todos os airbags se acionaram ao mesmo tempo – não soube informar se isso era uma característica normal desse modelo – por isso o custo era mais elevado. Também não sei informar se atualmente, sendo montado no Brasil, essa situação persiste.

    • mho

      Repor airbags é custo violento. Um tremendo abacaxi.
      No mínimo é um carro de leilão ou o dono não colocou seguro.

    • sergiopsy

      É por isso que o seguro é importante, o concerto de um carro que aciona todos os air bags não fica barato.

    • radiobrasilcombr

      Eu vi um Captiva semana passada nesse estilo. O painel emborrachado na parte do passageiro foi forrado com um couro sintético e com espuma por baixo. Volante idem. Nos bancos simplesmente deixaram rasgado mesmo de onde saem os airbags. E os de cortina deixaram os 2 buracos que ficarem. E "novo" dono? "FELIZ DA VIDA" com seu carrão demolido, nao ta nem aí…

    • mmcinza

      Geralmente os carros, antes de dar a partida, faz a checagem do sistema de Air-Bags. Se algum estiver com problema, ele acusará.

    • Edson Roberto

      Isso não é nada. E quem usou o air bag mas na hora da manutenção não colocou e de quebra desliga a luz de indicação deles? É mais comum do que vc imagina…

  • pablobmw

    Eu queria saber se este aqui serve para evitar que o condutor bata a cabeça em algo ou para não deixar nada entrar dentro do carro com o vidro aberto. Pq olha o tamanho disto neste m3
    http://m.youtube.com/watch?v=az_Vlgy5dbM

    • BlueGopher

      Este é o airbag que a BMW chama de "ITS" (Inflatable Tubular Structure), que trabalha em conjunto com os airbags laterais, em caso de pancadas fortes como esta.

    • Procura no google "BMW M5 nova em folha de acidenta a 300 km/h"

      • pablobmw

        Esta eu já vi a tempos, mas nunca tinha visto uma assim, mostrando o air bag abrindo, e nunca tinha visto este fininho em nenhum carro, por isto não entendi o que ele faz, pq nem tampa a janela.

  • Alguns carros tem como opcional o airbag lateral como o palio, grand siena etc.. nao seria mais seguro ter o airbag de cortina ? ou é só para baratear os custos mesmo ?

    • dougkmt

      Não tenho conhecimento técnico para responder, mas é uma questão bem difícil, imagino. Supondo que as estatísticas apontem que os AB de cortina sejam melhores e previnam mais mortes do que os laterais, e o seu carro os possui. Em uma colisão lateral na região mais baixa – altura da sua costela – talvez seja mais interessante o AB lateral do que o de cortina. Se o impacto for forte e quebrar o vidro, seria bom ter o de cortina também, pra não entrar vidro no teu olho, rs.

      Mas enfim, como disse, não posso responder. Só quis citar algumas hipóteses.

    • mmcinza

      O airbag de cortina requer mais material, pois ele é distribuido nas 3 'colunas' do carro.
      Já o lateral é só colocar no banco e boa.

    • Edson Roberto

      Marco, acredito que tenha a ver com o reforço estrutural que o carro deve receber. Sem duvida o custo é maior para isso.

      No entanto, ainda é melhor ter a opção do air bag lateral do que nem sequer ter, caso dos rivais diretos que praticamente só ofertam 2.

  • Vish, acabei de ver o site da KIA e o Picanto com 6 airbags sumiu. Alguém sabe sobre isso? Sobre a matéria, um caso interessante é o novo Fusca que possui 4 airbags, mas os laterais protegem a cabeça do motorista. Outra coisa interessante é que na Europa o Golf 7 tem airbags laterais traseiros opcionais.

    <img src="https://fbcdn-sphotos-c-a.akamaihd.net/hphotos-ak-prn2/t1/1558421_10152119519304438_65179526_n.jpg&quot; scale="0">

    Vale lembrar também que o SONIC, vendido nos EUA, vem de série, em TODAS as versões, com 10 (!) airbags: 2 frontais, 2 de joelhos, 4 laterais e 2 de cortina.

    <img src="http://boronextrication.com/files/2011/11/2012_Chevrolet_Sonic_Extrication_Airbag_Sedan_UHSS-1024×581.jpg"&gt;

    • systechx

      Cadenza e Azera vendidos aqui tem Air Bags laterais nos bancos traseiros… O Fusca tem este airbag de cabeça nos EUA, parece que aqui são somente 4 mesmo…

      • Aqui ele vem também.

        • Edson Roberto

          Dudu,
          Na verdade a estrutura e carroceria foram desenhados para conseguir evitar com que o air bag de cortina seja usado obviamente conseguindo o mesmo efeito apenas com os laterais. Lembrando que ele inclusive é 5 estrelas no Euro NCAP.

    • Vellored02

      Estranho vindo da VW meu Golf veio com 7

      • Lá é opcional… aqui é só 7 mesmo.

        • FelipeLange

          Que raiva desse país, que raiva desse povo que não exige segurança!

      • André

        Na europa, oitavo e nono airbags são opcionais…

    • Anubis

      O Malibu foi recentemente testado recentemente pelo LatinNCAP e recebeu 4 estrelas, mesmo tendo os 10 airbags de série. Mas foi por causa de um "problema" no pagamento da propina, ops digo, no sistema de aviso de cintos de segurança. Segue avaliação na íntegra:

      omentários
      Passageiro adulto: A cabeça, o pescoço e o peito do motorista receberam boa proteção. A cabeça do acompanhante mostrou um impacto instável com o airbag, batendo no painel; contudo, obteve boa proteção. O peito do acompanhante recebeu boa proteção devido ao sistema de retenção. As leituras em relação aos joelhos do motorista e do acompanhante foram aceitáveis, sendo demonstrado que essas partes proporcionam um nível de proteção similar para passageiros de diferentes tamanhos ou sentados em diferentes lugares. A área dos pés ficou quase sem deformações depois do impacto. A carroceria foi considerada estável e capaz de resistir maiores cargas.
      Passageiro infantil: As cadeirinhas infantis para crianças de três anos e um ano e meio não conseguiram evitar o contato das cabeças com o encosto dos bancos dianteiros. O dummy de três anos apresentou altas cargas no peito. As instruções de instalação em ambas as cadeirinhas infantis não eram satisfatórias; não estando unidas, de forma permanente, aos bancos. O carro conta com um sistema de detecção de acompanhante para detectar a presença de um SRI olhando para trás, inabilitando o airbag (mesmo assim, o fabricante não recomenda instalar um SRI olhando para trás no banco dianteiro); contudo, a informação proporcionada ao motorista, mediante o estado "ligado ou desligado" não era suficiente para cumprir com o protocolo do Latin NCAP. O carro estava equipado com ancoragens ISOFIX; porém, não foram usadas para encaixar o SRI.

      * Conta com Sistema de Aviso de Cinto de Segurança, mais não atende os brequsitos mínimos da Latin NCAP.

      Fonte: http://www.latinncap.com/data/pdf/chevrolet-malib

  • Rafael

    bobagem,,, Não servem para nada, nem o air bag frontal, só para aumentar o preço do carro. Vivo na roça e no máximo vou me esforçar para acertar uma vaca,, um custo desnecessário.

    • dougkmt

      Vc está corretíssimo?!? Só que agora vc não tem mais essa opção! Se for comprar carro zero km e já fabricado em 2014, será obrigado a comprar com ABS e AB2; que azar hein, kkk!

      • FelipeLange

        Estás sendo irônico, certo?

        • dougkmt

          Com certeza, por isso o "?!?", rs. É por isso que eu vejo vantagens na lei que obriga ABS e AB2. Ainda existem pessoas que fazem questão de não comprá-los.

          • Cristiano_RJ

            Esse é o pensamento do típico consumidor de 3° mundo. Itens estéticos como faróis com máscara negra, rodas de liga leve, antena tipo shark, etc. são muito mais valorizados do que itens de segurança; e infelizmente é esse pessoal que ainda "manda" em nosso mercado. Tanto é que até hoje estamos anos-luz atrás dos mercados maduros em termos de segurança.

            Não me esqueço de um cidadão que comenta em outro blog que afirmou que quando os air bags fossem obrigatórios ele procuraria uma forma de desativar os do futuro carro dele. E completou: "se air bags fossem bons, colocariam em aviões".

            • daniellpaes

              Hahahahahahahaha… Piada mesmo.

              Concordo com você. Muito do que existe hoje é porque é o consumidor quem deseja. Ainda bem que isso está mudando.

            • Edson Roberto

              Mas vc não entende o cara que prefere esses itens…… Farol de mascara negra deixa o carro "do mal" e as rodas ??? Deixa o carro lindão, rebaixa e ele fica com "aquela estabilidade"….

              Esse é o pensamento. Além do que, consumidor em comum prefere itens de conforto do que exatamente de segurança.

          • Barroso

            Direito deles não fazer questão. Cada cabeça um sentença.
            Hoje com a obrigação desses item é um tipo de discussão inútil, pois quem comprar um carro novo terá de comprar com esses itens.

            • Cristiano_RJ

              Não é inútil não. Estamos falando de air bags laterais e de cortina. Esses não são obrigatórios. E se não formos exigentes, aberrações como SUV de mais de R$ 100 mil só com air bags duplos continuarão a existir… e ninguém a se importar.

              • Edson Roberto

                Bem…. isso no Brasil só por força da lei ou algum concorrente de peso para dar a cara tapa e ignorar toda a Anfavea.

                Pois pelo que vc viu, muita gente ainda pensa que air bag é só gasto desnecessario. E ainda, acha que morar na Roça não pode correr o risco de bater no caminho da cidade.

  • KHG

    Estatísticas americanas mostram que carros grandes são mais seguros em colisões frontais. O índice de fatalidade é inversamente proporcional ao peso e tamanho do carro. Isso são dados recentes, após a introdução do controle de estabilidade, pois anteriormente ele eram muito mais susceptíveis a capotamento. Considerando isso, acho que um dos carros mais seguros e com menor preço atualmente é a Ranger Limited Flex, por 93K, que é a única picape que vem com 6 airbags (+ esp). Pelo menos eu cheguei a essa conclusão, apesar de que detesto carro grande, e prefiro mil vezes um sedan, como o Fusion ecoboost de 240 cv. Quem discorda argumente, pois eu estou doido para desistir de pegar essa picape.

    • daniellpaes

      KHG, daqui a pouco alguém vai te criticar que, por ter um carro "grande e pesado" vai se sentir o rei do asfalto por ser invencível e a chance de sofrer um acidente vai aumentar… Bobagem se disserem isso, porque entendo sua preocupação e posto meu relato (que não é o que você gostaria de escutar pelo gosto pelos sedans… hehehe).

      Tenho uma Ranger (6 airbags + controles de estabilidade, anticapotamento, oscilação de reboque e por aí vai) e um dos motivos foi a segurança da minha família. Não achei as estatísticas americanas, mas se formos pensar em Física pura faz todo sentido. Aquela questão de energia cinética (para quem não se lembra) e colisões elásticas e inelásticas.

      Mas tem um outro ponto que você não abordou e que considero importante também: a altura, em relação ao solo, em que o impacto acontece. Supondo uma colisão lateral do seu veículo maior com um carro mais baixo, melhor que seja na altura das pernas do que na altura do tórax. E, antes que outro alguém me condene pelo comentário, digo isso para em situações não extremas (mas já é uma segurança). Se for a 140 Km/h, como eu disse em outro comentário aí pra baixo, grande ou pequeno, não há muita escapatória.

      Boa sortte na sua decisão, meu caro.

      • pablobmw

        Bem, mas então venho q discordar de vc, olha o teste do Fiat 500 vcs o q7, olha como o 500 absorve muito o impacto, até a área de deformação acabar, quando ela acaba ele fica rígido e o q7 absorver o resto da força que sobra. Um impacto de um carro menor contra o maior, como o seu por exemplo, se fosse um a1, o seu ia absorver a força que sobra do impacto do a1, ele só aí abosver uma parte.

        • daniellpaes

          Pablo, vi e revi o vídeo.

          Minhas considerações (apesar de serem especulações, pois precisávamos das medições nos dummies para ter cereza disso:
          – O Q7 não utiliza toda sua área de deformação (a porta do motorista quase não é comprometida, por exemplo).
          – Já no 500, dá para o motorista lustrar o logo da Audi porque ele vai lá dentro do FIAT praticamente.
          – Após a colisão, o Q7 continua se deslocando para frente e o 500 passa a se deslocar no sentido contrário ao da sua trajetória inicial (veja as tomadas laterais do teste). Assim, melhor para os ocupantes do Q7, sem dúvida.
          – O airbag lateral do Q7 não é acionado e o do 500 sim. Isso nos leva a pensar pensando na distribuição das forças do impacto.
          – É impressão minha ou o airbag frontal do motorista no 500 estoura depois do impacto do dummy?! Era para ele esvaziar e não estourar na base, certo?
          Diante disso e aproveitando para concluir com bom humor: preferia estar na Q7. Pela segurança e pelo resto… hehehe

          Abraço, meu caro.

          • pablobmw

            Não discordo do seus pontos, mas considerado o Fiat 500 em relação ao q7 eu considero que ele foi bem, aguentou uma boa de uma porrada, mas o q7 ficou mais ileso por motivos óbvios, mas não tiro o mérito do 500, acho que ele foi muito bem, a pesar do estrago vc vê que ele por dentro está mais ou menos bem, a célula de sobrevivência segurou muito.

            Agora não tiro a razão da sua lógica de tamanho ajudar ( só ser grande não ajuda, tem que ser projetado para ser seguro com um monte de coisas que vcs sabem) lembra o acidente com a land que teve acho em São Paulo na praça de pedágio ? Se fosse um carro menor
            como um a1 ou o a3, arrisco dizer até o a4, que quem estava atrás não sairia vivo, no a4 até acho que o motorista ia sair bem e quem estava atrás gravemente ferido, mas nos outros nem o motorista eu acho que saia vivo ou sem ferimentos

        • daniellpaes

          Para quem quiser ver o vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=6pVF1Wr7GLQ

    • Thiago

      Amigo, por este motivo comprei uma Freemont Precision. Bastante segura, com seis airbags, ESP, ABS. Estava em dúvida entre a Ranger, Fusion, Fluence e a Freemont. Automóveis de categoria totalmente diversa, mas o importante era a segurança ativa e passiva para a minha família. A Freemont obteve um excelente desempenho nos crash tests. Por fim, quase peguei a Ranger, mas a mesma não tinha o assento central com cinto de três pontas, apenas abdominal. Fui de Freemont !!!

      • daniellpaes

        Você tem razão quanto ao cinto. É uma pena. Inclusive, apesar do espaço ser para cinco ocupantes, a considero apenas para quatro, por causa dessa mancada da Ford. As cadeirinhas de bebês ficam nas laterais, inviabilizando uma terceira pessoa atrás – não sobra muito espaço. Enfim, a Amarok passa a ser uma opção então porque, embora ela fosse produzida também com 6 airbags e vendida assim fora do Brasil (4 estrelas para o modelo 2010 com essa quantidade de AB no Euro NCAP), só agora em 2014 ela estará disponível nessa configuração por aqui.
        A Freemont foi uma opção na escolha dos nossos SUV's e, apesar da relação custo-benefício ser uma das melhores, só um detalhe fez com que ela não fosse pretendida: a ausência de tração integral. E, de forma alguma estou desmerecendo sua compra, porque, se o seu uso for essencialmente urbano, você está muito seguro. Parabéns pela escolha. ;)

  • KHG

    Segue a prova do que eu falei: http://www.iihs.org/externaldata/srdata/docs/sr46

    • daniellpaes

      Consegui abrir o relatório.
      Duas observações após uma rápida leitura (comprometo-me a ler com mais calma e atenção depois):
      – SUV's são a melhor opção de acordo com ele. E o EDGE (considere-o como uma possível compra; já dirigi e é sensacional) está lá no topo, sendo um dos mais seguros estatiscamente. MAS…
      – … o relatório tem mais de 4 anos. No Euro NCAP, enquanto a Ranger, nosso exemplo e cerne da discussão, modelo 2008, tem duas estrelas apenas (um lixo), a 2012 tem CINCO (números superiores ao Volvo XC60, inclusive). Logo, com a disponibilização da parafernalha eletrônica e sua aplicação em caminhonetes, imagino que os números recentes sejam muito similares (senão superiores em segurança) aos dos SUV's.
      Ponto contra o seu gosto por sedans.
      Mas aqui, o ideal é que você possa dirigir por um tempo uma caminhonete. Olhe se você consegue, na pior das hipóteses, alugar uma por uns dias. Já tive um sedan e é muito, mas muito diferente de se dirigir. O que é óbvio fica mais claro ainda em situações do dia a dia: congestionamentos, manobras, estacionamentos (fique atento à altura da caminhonete nesse caso, pois alguns estacionamentos são baixos ou tem restrições de acesso relacionadas a isso)… Essa é minha dica, meu caro.

      • KHG

        Muito obrigado pelas dicas!

  • AutoNacional

    Só uma observação, Air Bags laterais e de cortina são mais eficientes em caso de capotamento. Já em caso de batida ( um outro carro bater com a frente na lateral do seu carro ) os air bags muito pouco ajudam. Isso se deve ao fato de que a lateral de um carro é muito ( e muito mesmo ) frágil. Até uma moto de médio porte, ao bater na lateral de um sedã, simplesmente quase atravessa o carro. A mesma fragilidade se aplica se o carro bater na lateral de um poste, os air bags pouco ajudam, pois a deformação do carro é tamanha nesta parte que o poste chega a entrar até a metade do carro. Já em capotamento são extremamente eficientes.

    • daniellpaes

      Concordo e discordo.

      Concordo sobre a fragilidade, mas discordo sobre a ineficácia. Em situações extremas, nenhum aparato de segurança resolve nada. Esse é o caso de uma colisão a 140 Km/h; seja ela frontal, lateral ou do jeito que for… Concordamos novamente aqui.
      Mas, usando a lógica de quem tem apenas uma vida pra viver, se a colisão lateral for a uma velocidade menor (seu carro aquaplanou, rodou na pista, invadiu a contrária e outro condutor teve tempo de juntar o pé no freio) melhor ter o airbag.
      Sou cagão para essas coisas: quanto mais segurança, melhor. Independente de onde venha…

    • daniellpaes

      Só para complementar, depois dê uma olhada nos crash tests em vídeo do Euro NCAP e do IIHS. Vale a pena.

    • andreHHX

      A maioria dos airbags laterais e de cortina não dispara em caso de capotamento.

      São poucos os que foram desenvolvidos com sensor de disparo em capotamentos. Aliás, eu só vi um modelo até hoje, que nem vende no Brasil obviamente.

      • daniellpaes

        Fala André.

        Informação corretíssima sobre os laterais não dispararem na maioria dos capotamentos. Embora, isso possa eventualmente acontecer. Conheço uma pessoa em um C4 Picasso que garante que foi salva por eles em um capotamento na estrada. Se foi ou não, não dá pra saber, mas que eles dispararam, isso eu vi depois no carro. Vai ver foi a forma como aconteceu…

  • Freaky_Boss

    Trabalhei muito tempo com um camarada da ind. automobilística, que trabalhava justamente com crash test.
    O que aprendi com ele (e concordo 100%) é:

    Batidas frontais são as mais prováveis, mas as laterais são as mais FATAIS.
    Isso tem toda a lógica, pois a lateral do carro é muito mais frágil e absorve menos energia que o capô/frente.

    Portanto, se quiser salvar sua vida nesse trânsito cada vez mais louco, com irresponsáveis dirigindo, e, pior, sabendo que nunca serão punidos aqui na banânia, COMPRE CARRO COM 6 AIRBAGS.(pelo menos).

    • dougkmt

      É o que tento fazer. O problema é justamente o preço, pois hoje é muito difícil comprar um médio com 6AB, abaixo de R$ 60.000. Se não é o Fluence, não sobraria ninguém.

      • daniellpaes

        É f*** ter que abrir mão de segurança por isso. Concordo com você.
        Mas olha, uma amiga que está grávida optou pela compra de um seminovo. Sei que os problemas nesse caso são outros, mas talvez valha a pena se você tiver uma boa referência do veículo.

        • dougkmt

          Ah, com certeza! O carro zero km tem as suas vantagens, assim como o usado também. É uma balança que vc equaciona de acordo com as suas preferências e prioridades. No meu caso, adorador de hatch médio, prefiro economizar mais, subir a alçada para R$ 70.000 e comprar um carro que tenha o mínimo de segurança ativa e passiva = ESP, TCS, ABS, EBD e 4AB. Não pretendo comprar nada abaixo disso e, infelizmente, terei que gastar mais pra tê-lo. Por isso acho interessante adiar a troca e juntar mais $$, rs.

          • FelipeLange

            Um bom usado pra quem é casal ou solteiro e tem dinheiro para manter é o C4 VTR, tem 6 airbags e controle de estabilidade.

            • Edson Roberto

              Se a pessoa estiver disposta a gastar um pouco mais, sem duvida é um otimo carro. E ao contrário dos que odeiam franceses, esse é um "francês" bem robusto.

  • Anubis

    Nossa, muito esclarecedora a notícia!

    Achei que airbag tipo cortina servisse pra dar mais privacidade aos ocupantes do veículo…

    ¨_¨

    • Journeyer85

      Lembrando que nem todo mundo nasce sabendo, então porque não ter alguém explicando a função para quem não sabe?

  • tatu_peba

    Curiosidade: O engenheiro americano John W. Heltrik, inventor do air bag, não obteve benefício algum com sua invenção. Tentou sem sucesso vender sua patente aos fabricantes até que a mesma caducou e só então passou a ser utilizada.

  • andreHHX

    Há carros que oferecem airbag de teto.

    E, quanto aos airbags de cortina, na maioria dos carros eles só funcionam com impacto lateral e não com capotamento.

    Aliás, eu só vi um carro até hoje cujo airbag de cortina foi desenvolvido para capotamento.

    E, por fim, falam muito do airbag, mas o item que realmente incrementa a segurança em caso de colisões é o cinto de segurança, sendo que o airbag aumenta um pouco a proteção quando usado em conjunto com o cinto. Bons cintos são muito importantes.

  • andreHHX

    Matéria esclarecedora para os compradores CIVIC e COROLLA.

  • SAM

    Existe alguma lei que determine o volume mínimo do air-bag? Já vi um carro de luxo com os de cortina estourados, e me surpreenderam negativamente, pelo tamanho reduzido, o que me fez repensar inclusive a exigência dos mesmos em uma possível compra, uma vez que são caríssimos para repor. Acredito que nos EUA (sempre eles), regulamentam o assunto, mas aqui… os de cortina que aparecem nesta reportagem deveriam ser a regra, mas os que vi são bem menores.

  • Topboy

    O carro automatico mais barato q encontrei com 6AB + ESP + cinto tres pontos/apoio de cabeça central banco traseiro foi o New Fiesta Sedan(tem o airbag de joelho como plus)… No final, acabei comprando um 308 Thp mesmo(com muito, muito desconto e taxa zero). E olha q nem foi pelo motor… Preciso pesquisar melhor, mas com 67800 q paguei no THP prata não vejo muitas outras opções(Fluence dynamique falta ESP, Cruze LT é só 4AB)… Acho q o 308 deve ser um pouco mais seguro q o new Fiesta, mas realmente a partir do New Fiesta eu ja me sentiria muito seguro…

  • LTD1976

    "Além desses tipos, ainda existem airbag para joelhos (abaixo do painel), airbag central (entre os bancos dianteiros), airbag de cinto (instalado em cintos de segurança), airbag de pedestre (entre capô e para-brisa do Volvo V40) e airbag traseiro (entre o banco e a tampa do bagageiro do Toyota iQ). Um projeto quer adicionar mais um tipo de airbag lateral, mas do lado externo do veículo. "

    Daqui a pouco os carros serão assim:

    <img src="http://www.geekologie.com/2009/01/04/fat-car-1.jpg"&gt;

  • Fernando Rodrigues

    Porcaria de página “esconde” o texto enquanto as propagandas ficam. Melhor deixar de acessar o site.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email