Quando falta água no radiador o que acontece? (6 dicas)

Quando falta água no radiador o que acontece? (6 dicas)

Você é daqueles que faz um check-up no carro apenas quando vai viajar? Caso tenha respondido sim, provavelmente você não esteja cuidando do seu veículo como deveria.

Quando se programa para pegar a estrada, verifica todos os itens ou apenas alguns quando dá tempo? O motorista sempre deve analisar várias coisas como o fluído de transmissão, a bateria, filtro de ar, água do radiador, luzes, pneus, dentre outros. Mas nem todo mundo faz isso.

É necessário olhar esses itens não só quando for viajar, mas é preciso também ficar atento e verificá-los com frequência no dia a dia. Conheça bem o seu carro e, caso tenha dúvidas, é sempre recomendado tirá-las no manual do veículo.

Veja um Top 10 que fizemos com dicas de manutenção automotiva.

Um automóvel funciona em altas temperaturas, então no momento da combustão, essa temperatura pode ser elevada.

É por isso que o radiador é muito importante, pois ele é o responsável por refrigerar todo o sistema e também por manter o propulsor mais frio evitando superaquecimento e derretimento das peças. Por esse motivo, é essencial ficar sempre de olho.

Como funciona o sistema de arrefecimento?

Você conhece como tudo isso funciona e quais os riscos quando falta água no reservatório do radiador? Esse sistema é composto por válvula termostática, reservatório de expansão, válvula de vácuo, válvula de pressurização, fluido de arrefecimento, bomba d’água, eletroventilador e sensor de temperatura do motor.

A válvula termostática é a peça que faz a divisão entre o líquido do motor e no radiador. Ela tem a função de permitir o rápido aquecimento e a manutenção da temperatura para manter um bom funcionamento do motor, liberando o líquido quente vindo do bloco (do motor) para o radiador.

Ele atravessa o radiador e é resfriado, voltando assim para o bloco. O interruptor térmico liga a ventoinha quando o fluxo de ar que passa por ele não é suficiente.

Isso geralmente acontece quando o automóvel está ligado e o carro está parado em um trânsito lento, por exemplo.

Quando falta água no radiador o que acontece? (6 dicas)

O interruptor é acionado na hora em que os discos bi-metálicos se dilatam com o calor, provocando deslocamento de componentes no interior, ligando e desligando a ventoinha.

Já o sensor de temperatura fica localizado em diferentes partes do motor. Ele possui uma pastilha cerâmica chamada de termístor. Quando a temperatura está baixa, a resistência elétrica do termístor é alta, impossibilitando a passagem de corrente elétrica para o ponteiro do painel do automóvel.

O sensor de injeção eletrônica funciona de forma similar ao sensor de temperatura comum, com as informações sendo enviadas para o módulo de comando eletrônico.

Com essa informação, ele controla o tempo de injeção de combustível, o ponto de ignição, o sensor lambda e o ventilador do radiador.

O que acontece quando falta água?

Agora já sabemos que ele é responsável por controlar a temperatura. Sendo assim, não poderá faltar água no reservatório. Mas e quando isso ocorrer?

Com o superaquecimento por falta d’água, surgem diversos problemas, podendo danificar as juntas do motor e a bomba d’água. Além disso, existe o risco de fundir o motor e com isso será necessário retirá-lo do veículo para um serviço de retífica, explica Leandro Alves – mecânico automotivo formado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – SENAI SP.

Entretanto, com a tecnologia em motores modernos, isso acaba sendo bem mais raro.

Quando falta água no radiador o que acontece? (6 dicas)

O que colocar no reservatório? Pode ser só água?

O líquido que deve ir no radiador não é 100% água, senão poderá ocorrer o enferrujamento da motorização.

Portanto, use o produto certo: o líquido de arrefecimento e aditivos, que é um composto que utiliza etilenoglicol que ajuda a manter a temperatura e limpeza dentro do motor (50% de água e 50% de aditivo).

Quando for necessário repor porque baixou, em casos de emergência, você até pode colocar a “água de torneira”, mas é essencial verificar a existência de vazamentos. Em seguida, procure um reparador para que seja feita a troca imediatamente de água pelo líquido de arrefecimento.

O que fazer quando falta água e o motor ferve?

Ao identificar o problema, é fundamental esperar o carro esfriar antes de abrir o reservatório. Desligue o veículo e aguarde cerca de 10 a 15 minutos.

Ainda assim, em hipótese alguma coloque água gelada. Algumas pessoas acham que isso pode ajudar, mas, na verdade, poderá causar um choque térmico.

Depois disso, ligue o carro para ver se a temperatura irá subir. Caso isso aconteça, poderá ser um problema mecânico.

Quando falta água no radiador o que acontece? (6 dicas)

Se ainda assim o motor estiver quente, o ambiente está pressurizado e essa água pode “espirrar”, causando queimaduras graves. Já no momento da troca, é preciso retirar todo o líquido e em seguida basta colocar o novo.

O volume total varia de veículo para veículo, sendo normalmente cerca de 4 litros ou mais.

Aditivos para radiador e manutenção periódica

Há uma série de aditivos de radiador que são oferecidos. Como nós temos uma ampla variedade no mercado, alguns fabricantes não fornecem a composição correta, por isso, utilize as marcas mais famosas que já são de confiança e não procure apenas pelo menor preço.

A troca do líquido do reservatório deve ocorrer, segundo as montadoras, a cada dois anos ou quando for detectado vazamentos.

Segundo Leandro Alves, você deve ficar atento para deixar a água sempre no nível correto, e a verificação deve ser feita periodicamente.

No caso de veículos mais antigos, o dono precisa olhar com mais frequência, geralmente de manhã, antes de sair com o carro, pois pode haver pequenos vazamentos. Já nos modelos mais novos, isso pode ser feito uma vez por semana.

Quando falta água no radiador o que acontece? (6 dicas)

O sistema também pode dar outros sinais de problemas. Se você perceber que a água está avermelhada ou marrom, isso pode ser um alerta, pois possivelmente irá gerar entupimento e posterior superaquecimento, mesmo que o nível do reservatória esteja alto.

Até mesmo a tampa deve ser trocada a cada 30 mil quilômetros.

Como tapar um furo temporariamente?

Colocar um ovo cru no radiador para tapar um furo, dá certo? Não é mentira, há pessoas na internet que dizem ter conseguido resolver esse problema por algum tempo.

Não é nenhuma peça com esse nome não. Estamos falando de colocar mesmo um ovo cru dentro do radiador. Alguns dizem que até massa de tomate funciona. Falamos sobre isso em outro post e você pode conferir se isso da certo ou não.

Ao trabalhar na temperatura correta, o motor terá maior durabilidade, evitando gastos excessivos de combustível, diminuindo o índice de poluentes, melhorando o desempenho e também gerando um menor desgaste e atrito.

Isso sem falar do custo de manutenção, que será muito menor.

E você? Já deu uma olhada no seu reservatório de água do radiador essa semana?

Darlan Helder

Natural de São Paulo, é jornalista e fotógrafo. Escreve na internet sobre o universo automotivo desde 2011