Revisão Citroen: preços e detalhes

Revisão Citroen: preços e detalhes

A Citroën conta com um serviço de pós-venda que é elogiado por muita gente. A marca já teve como destaque a promoção de R$ 1 por dia de custo de revisão pelo período de três anos, o que dava R$ 365 por ano ou por revisão.


A marca parisiense foi uma das primeiras a fixar os preços das revisões em forma de tabela, exibindo sem demora nas lojas e na mídia. Os valores dos modelos importados, no entanto, são mais altos, mas dentro das expectativas.

A vantagem mesmo vem da operação da van Jumpy, que custa quase a metade nas revisões em comparação com os demais modelos.

Com garantia de três anos e sem limite de quilometragem, o pós-venda da Citroën apresenta como característica a assistência 24 horas em todo o Brasil, tendo serviços de reboque, guincho, táxi, hospedagem, socorro mecânico e elétrico, pane, entre outros.

Há também o Chrono Service, que garante serviços rápidos de manutenção em até duas horas, cobrindo a troca de pastilhas e retífica de discos de freio, correias, velas, alinhamento e balanceamento, escapamento e instalação de acessórios, entre outros.

A Citroën ainda enfatiza os serviços de pintura e pequenos reparos na carroceria, bem como oferta de 25 mil itens de peças com pronta entrega em todo o país, além do i-Check, que permite ao revendedor descobrir as alterações feitas nas revisões e dar orçamentos pela internet enquanto o cliente está no trabalho ou residência, podendo este decidir se faz ou não o serviço. A marca também foca no recall de modelos e também na inspeção computadorizada.

Os valores podem ser parcelados em até quatro vezes. Já as revisões são feitas a cada 10.000 km, exceto no caso do modelo Jumpy, que é diesel e requer intervalos de 20.000 km entre as paradas de manutenção.

Durante o período da pandemia do coronavírus, a marca francesa também divulgou alterações para as revisões e tempo de garantia. Os serviços periódicos poderão ser feitos com uma tolerância maior, que pulou de 1.000 km para 4.000 km ou de 1 mês para 4 meses, dependendo de como o cliente realiza as revisões. Da mesma forma, a garantia foi estendida em 30 dias para veículos com vencimento a partir de 17 de março.

Então, confira abaixo preços e detalhes das revisões até 60.000 km dos modelos da Citroën.

C3

Revisão Citroen: preços e detalhes

Já fora de linha, o compacto de entrada da marca francesa tem um custo de revisão até 60.000 km na média do mercado. Isso não o coloca como destaque nesse quesito, mas se for analisado o período de três anos iniciais, o custo é realmente bem baixo.

Para quem fica apenas três anos com o C3, o custo-benefício é atraente nesse caso. Após esse períodos, as revisões são bem mais caras, alcançando R$ 1.146 na quarta.

O hatch altinho da Citroën não evoluiu como o europeu, mas tem o motor Puretech 1.2 de três cilindros com 84 cavalos na gasolina e 90 cavalos no etanol, bem como 12,2 kgfm no derivado de petróleo e 13,0 kgfm no combustível da cana.

Revisão

Custo

Custo

Quilometragem

Preços 1.2

Preços 1.6

10.000 km

R$ 513

R$ 511

20.000 km

R$ 884

R$ 876

30.000 km

R$ 513

R$ 511

40.000 km

R$ 1.146

R$ 1.171

50.000 km

R$ 513

R$ 511

60.000 km

R$ 884

R$ 876

Total

R$ 4.453

R$ 4.456

Aircross

Era uma minivan e virou um crossover antes de ser descontinuado por aqui. O Aircross perdeu o velho motor 1.5 na última atualização, o que foi benéfico ao modelo, que agora conta com duas versões do EC5M 1.6 16V StartFlex, que na versão manual de cinco marchas entrega 115 cavalos na gasolina e 122 cavalos no etanol, além de 15,5 kgfm no primeiro e 16,2 kgfm no segundo.

A versão atualizada desse motor só está disponível com o câmbio automático 6EAT de seis marchas, oferecendo assim 115 cavalos na gasolina e 118 cavalos no etanol, mas com 16,1 kgfm nos dois casos.

Nas revisões, o custo inicial de R$ 1.906 nas três primeiras revisões se mantém, sendo um destaque a mais do modelo, mas depois disso, o custo se eleva rápido, chegando a mais de R$ 1,1 mil na quarta revisão. O custo total até 60.000 km chega a R$ 4,4 mil, um preço acima da média.

Então, assim como o C3, o Aircross só tem um bom custo-benefício até 30.000 km. A Citroën não diferencia motor ou transmissão nas revisões de mesmo modelo, o que é muito bom para o consumidor.

Revisão

Custo

Quilometragem

Preços 1.6

10.000 km

R$ 511

20.000 km

R$ 884

30.000 km

R$ 511

40.000 km

R$ 1.179

50.000 km

R$ 511

60.000 km

R$ 884

Total

R$ 4.480

C4 Lounge

Revisão Citroen: preços e detalhes

Mais um que não está mais à venda no Brasil, o C4 Lounge tem um custo até aceitável dentro de sua categoria, tendo basicamente dois valores, que se alternam entre as paradas, com exceção da revisão de 40.000 km, que custa R$ 1.535. No total são R$ 5,4 mil até 60.000 km.

Equipado com motor 1.6 THP Flex, o C4 Lounge entrega 166 cavalos com gasolina e 173 cavalos com etanol, além de torque de 24,5 kgfm. A transmissão é sempre automática de seis velocidades. O sedã médio da marca parisiense foi atualizado na Argentina e chega com estilo originalmente feito na China.

Revisão

Custo

Quilometragem

Preços 1.6 THP AT

10.000 km

R$ 626

20.000 km

R$ 1.019

30.000 km

R$ 626

40.000 km

R$ 1.535

50.000 km

R$ 626

60.000 km

R$ 1.019

Total

R$ 5.451

C4 Cactus

Revisão Citroen: preços e detalhes

Único modelo de passeio disponível atualmente na linha da marca francesa, o C4 Cactus tem revisões com preço dentro da média da marca, que são diferentes entre as versões.

O primeiro, equipado com motor 1.6 de 122 cv e 16,4 kgfm de torque, tem revisões até os 60.000 km na casa dos R$ 4,4 mil, sendo a quarta parada a mais cara.

Já a versão com motor 1.6 THP de 173 cv e 24,5 kgfm de torque, custa ao proprietário mais de R$ 5,4 mil nas seis primeiras paradas. A revisão dos 40.000 km também é a mais cara, com valor de R$ 1,5 mil.

Revisão

Custo

Custo

Quilometragem

Preços 1.6

Preços 1.6 THP

10.000 km

R$ 511

R$ 626

20.000 km

R$ 876

R$ 1.011

30.000 km

R$ 511

R$ 626

40.000 km

R$ 1.171

R$ 1.527

50.000 km

R$ 511

R$ 626

60.000 km

R$ 876

R$ 1.011

Total

R$ 4.456

R$ 5.427

Jumpy

Revisão Citroen: preços e detalhes

Desenvolvido sobre a plataforma modular EMP2, o Citroën Jumpy é novidade no Brasil. O modelo entra em um segmento intermediário entre o de vans tradicionais e o de multivans, como era o caso do Berlingo.

A Citroën aposta suas fichas nesta van de porte médio, que tem versões furgão e minibus, esta com capacidade para 10 passageiros, exceto o motorista. Seu motor diesel é o 1.6 HDi com 115 cavalos e 30 kgfm. A transmissão é manual de seis marchas.

Nas revisões, o uso do motor diesel ajuda a reduzir os custos não só com consumo, mas também com paradas de manutenção previstas. Até 60.000 km, o Jumpy exige apenas três paradas com custo médio baixo.

A revisão mais cara é de R$ 2.078 na terceira parada. As revisões nesse caso são feitas a cada 20.000 km, assim como visto nos modelos diesel de Fiat e Jeep. Dessa forma, o custo-benefício para o operador é vantajoso.

Revisão

Custo

Quilometragem

Preços 1.6 BlueHDi

20.000 km

R$ 1.090

40.000 km

R$ 1.090

60.000 km

R$ 2.078

Total

R$ 4.258

Jumper

Revisão Citroen: preços e detalhes

O novo Jumper substituiu o motor 2.3 pelo novo 2.0 Hdi x250, que tem 130 cv e 34,7 kgfm de torque, sendo associado a uma transmissão manual de seis marchas. Suas revisões seguem o padrão do Jumpy, com paradas a casa 20.000 km, todas com o mesmo preço, o que totaliza R$ 4,9 mil.

Revisão

Custo

Quilometragem

Preços 2.0 Hdi

20.000 km

R$ 1.655

40.000 km

R$ 1.655

60.000 km

R$ 1.655

Total

R$ 4.965

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.