Tracker 2022: motor, consumo, versões, equipamentos e preços

Tracker 2022: motor, consumo, versões, equipamentos e preços

O novo Chevrolet Tracker 2022 é a atual aposta da marca norte-americana para o segmento de SUVs compactos e também o modelo mais barato da empresa na sua linha de utilitários-esportivos (que inclui ainda o Equinox e o Trailblazer).


Apresentado em sua nova geração em março de 2020, o modelo apresentou novas tecnologias, motores mais modernos e uma boa mudança visual para continuar sendo um forte representante nesse segmento tão disputado. E parece que a receita da Chevrolet convenceu os brasileiros.

Logo após seu lançamento, o Tracker passou a liderar as vendas em seu segmento no primeiro mês completo de vendas. Depois de um bom desempenho em 2020, quando terminou em quarto lugar, ele subiu uma posição e está em terceiro após o primeiro trimestre de 2021, atrás de T-Cross e Renegade, mas à frente do Compass.

Atualmente, o novo Chevrolet Tracker é vendido em cinco versões, com motor 1.0 ou 1.2 (sempre turbinados) e com câmbio manual ou automático.

Seus preços variam entre R$ 96.100 e R$ 131.290.

Tracker 2022: motor, consumo, versões, equipamentos e preços

Chevrolet Tracker 2022 – detalhes

O Chevrolet Tracker 2022 apresenta um estilo ainda mais moderno que o anterior, que já começava a dar os primeiros sinais de cansaço. Diferente de outros segmentos, entre os SUVs a briga é muito mais acirrada, e a Chevrolet percebeu isso.

Seu visual externo conta com uma terceira janela na coluna C, o que amplia a visibilidade nas manobras, e vincos marcantes por todos os lados. A moldura escura que aparece na base dos para-choques, portas e para-lamas dão um ar de robustez maior.

A dianteira tem uma grade mais pronunciada, alguns elementos cromados e faróis full LED, além de luzes diurnas  e luz auxiliar lateral. As lanternas também são de LED, mas apenas na versão mais cara Premier. Na traseira, ainda podemos destacar que a tampa do porta-malas foi totalmente redesenhada, o que é facilmente percebido até pelos menos observadores.

Com essa mudança, o suporte da placa foi deslocado para o para-choque, que também tem refletores e luz de neblina.

Finalizando, temos as laterais, destacadas pela Chevrolet como a parte do carro que mais se destaca em um SUV. Ali o novo Tracker 2022 apresenta em todas as versões rodas de alumínio, que chegam a 17 polegadas na versão mais equipada.

Em relação às suas dimensões, o Novo Tracker 2022 cresceu em várias medidas. Agora ele tem 4,27 m de comprimento, 1,79 m de largura, 1,62 m de altura e 2,57 m de entre-eixos, com porta-malas de 393 litros.

E o que dizer do interior? Não que o habitáculo do modelo anterior fosse ruim ou tão defasado, mas o novo SUV apresenta melhoras significativas em espaço, acabamento e tecnologia. O painel ficou mais largo e foi levemente rebaixado, o que dá uma sensação melhor para o motorista.

O painel de instrumentos foi renovado, com tela TFT colorida ao centro e ponteiros iluminados por LEDs. O computador de bordo tem 14 funções, como monitoramento da pressão dos pneus e vida útil do óleo. O volante ganhou uma base achatada, além de ajustes de altura e profundidade.

Tracker 2022: motor, consumo, versões, equipamentos e preços

Chevrolet Tracker 2022 – novidades

A grande novidade do Tracker 2022 foi a adoção da conexão Android Auto e Apple Carplay sem fio, algo ainda raro nesse segmento. Alguns modelos, inclusive de outros segmentos, costumam oferecer esse item para apenas uma das conexões.

A Chevrolet já havia apresentado esse sistema no Onix Plus, então era apenas uma questão de tempo até que outros modelos da marca o adotassem. Isso deixou o Tracker 2022 ainda mais interessante, já que esse sistema vem de série em todas as versões.

Fora isso, a nova linha trouxe apenas os costumeiros aumentos de preço, como você ler abaixo. A motorização e a lista de equipamentos permanecem inalterados.

Confira as mudanças de anos anteriores:

As novidades do Chevrolet Tracker 2021 compõe uma lista mais extensa, já que estamos falando de uma nova geração. Além das mudanças visuais externas e do aumento de suas medidas, destacadas acima, o SUV também recebeu novos equipamentos de conforto, tecnologia e segurança.

O modelo vem de série com seis airbags, controle de tração e estabilidade, rodas de liga leve de 16 polegadas, conexão 4G Wi-Fi, direção elétrica, central de multimídia MyLink 3, entre outros.

Falando sobre a central MyLink 3, ela vem com tela de 8 polegadas, conectividade Android Auto e Apple CarPlay, até duas conexões simultâneas por Bluetooth e também internet. Isso tudo é destacado pela marca como algo inovador, já que o Novo Tracker 2021 é o primeiro a atingir o nível 4 de conectividade.

Explicando os níveis, a marca ressalta que alcançou o primeiro ao oferecer Bluetooth, o segundo ao equipar seus carros com Android Auto e Apple CarPlay e o terceiro ao lançar o sistema OnStar. O quarto chega com a adição de Wi-Fi embarcado, num sistema mais avançado que permite atualizações remotas.

Vale destacar, porém, que ele vem com 3 GB ou três meses de cortesia, sendo que depois disso é necessário contratar planos de dados adicionais de 2 GB até 20 GB mensais.

O novo Tracker 2021 também apresenta o aplicativo myChevrolet, que permite consultar informações do computador de bordo, calcular a proximidade de revisões, relatórios de viagens, entre outros recursos.

Outra boa novidade apresentada pelo Novo Tracker 2021 é seu conjunto mecânico, composto por novos motores. A troca do motor 1.4 turbo gerou alguma críticas, especialmente de quem prioriza o desempenho. Mas o fato é que ter uma gama composta apenas por motores com turbo é sempre melhor do que continuar com propulsores mais antigos.

A gama atual começa com o motor 1.0 turbo, o mesmo usado na família Onix, que entrega 116 cv e 16,8 kgfm de torque, e pode ser associado ao câmbio manual ou automático, sempre com seis marchas.

As versões mais caras vem equipadas com o propulsor 1.2 turbo, uma novidade na linha da Chevrolet, com 133 cv e 21,4 kgfm, sempre ligado à transmissão automática de seis velocidades.

Tracker 2022: motor, consumo, versões, equipamentos e preços

Chevrolet Tracker 2022 – versões

  • Chevrolet Tracker 1.0 Turbo MT 2022
  • Chevrolet Tracker LT 1.0 Turbo AT 2022
  • Chevrolet Tracker LTZ 1.0 Turbo AT 2022
  • Chevrolet Tracker Premier 1.0 Turbo AT 2022
  • Chevrolet Tracker Premier 1.2 Turbo AT 2022

Chevrolet Tracker 2022 – equipamentos

Chevrolet Tracker 1.0 Turbo MT 2022

ITENS DE SÉRIE: 06 Airbags (duplo frontal, duplo lateral e duplo de cortina), Alarme Anti-furto, Aviso sonoro do cinto de segurança dianteiro e traseiro, Brake Light, Cintos de segurança do motorista com ajuste de altura, Cintos de segurança dianteiros com pré-tensionadores, Cintos de segurança traseiros laterais e central de 3 pontos, Controle eletrônico de estabilidade e tração (ESC), Faróis dianteiros tipo projetor, Ganchos de ancoragem para cadeiras de crianças no padrão ISOFIX e TOP TETHER, Indicador de nível de vida de óleo, Luz de condução diurna / Luz de posição em LED, Luzes indicadoras de direção laterais, Regulagem de altura dos faróis, Sistema de freios com ABS, sistema de distribuição de frenagem (“EBD”) e assistência de frenagem de urgência (“PBA”), Sistema de imobilização do motor, Grade frontal com detalhes cromados, Maçanetas externas na cor preta, Maçanetas internas na cor prata, Parachoques pintados na cor do veículo, Rack de Teto na cor preta, Roda de aço aro 16″ com calotas integrais, Spoiler traseiro, Volante com 3 raios e moldura decorativa, Alça dianteira no teto, lado do passageiro, Alças traseiras no teto, Ar-condicionado, Assistente de partida em aclive, Chave tipo canivete dobrável, Coluna de direção com regulagem em altura e profundidade, Computador de bordo (Informações do Veículo, Viagem e Consumo), Console central com descansa-braço, Controlador de limite de velocidade, Controles do radio e telefone no volante, Desembaçador elétrico do vidro traseiro, Direção Elétrica Progressiva, Espelhos retrovisores externos elétricos Pretos, Indicador de troca de marchas, Interruptor para inibir o airbag do lado do passageiro (com indicação visual), Limpador e lavador elétrico do vidro traseiro, Luz de cortesia dianteira, Luz de cortesia no porta-luvas, Luz de cortesia no porta-malas, Luz de cortesia traseira, Painel de instrumentos 3,5″ digital TFT, Porta-malas com sistema de ajuste de espaço variável (piso), Porta-revista na parte traseira do encosto do banco do passageiro, Sistema de luz “leve-me” (acendimento automático de faróis e lanternas ao destravar as portas pelo controle remoto), Sistema de luz “siga-me” (faróis permanecem acesos por um período de tempo após travamento das portas), Sombreiras – motorista com espelho e cobertura, passageiro com espelho, Tomada de força 12V no console central, Transmissão manual de seis velocidades, Trava elétrica da tampa de combustível, Trava elétrica das portas com acionamento na chave, Trava de segurança nas portas traseiras, Vidro elétrico nas portas dianteiras e traseiras com acionamento por “um toque”, anti esmagamento e fechamento/abertura automática pela chave, Bancos de tecido, Banco do motorista com regulagem de altura, Banco traseiro bipartido e rebatível, Encosto de cabeça do banco traseiro para 3 passageiros com ajuste de altura, Encosto de cabeça dos bancos dianteiros com ajuste de altura, Antena de teto, Chevrolet MyLink 3 com Tela LCD sensível ao toque de 8″, integração com smartphones através do Android Auto e Apple CarPlay sem fio, Radio AM/FM, Função Audio Streaming, Bluetooth para até 2 celulares simultaneamente e Entrada USB, Conjunto de alto falantes – 4 unidades, Acabamento interno na cor Preto “Jet Black”.

Chevrolet Tracker LT 1.0 Turbo AT 2022

ITENS DE SÉRIE: itens acima + câmbio automático de 6 marchas com opção de trocas manuais, adesivos de coluna na cor preto, rodas de alumínio de 16 polegadas, câmera de ré, chave com sensor de aproximação, cobertura do porta-malas, controlador de velocidade de cruzeiro, abertura de portas com chave presencial, partida por botão, sensor de estacionamento traseiro, start-stop, 6 alto-falantes, entrada USB dupla para o banco traseiro, WiFi nativo no veículo para até 7 dispositivos eletrônicos, entre outros.

Chevrolet Tracker LTZ 1.0 Turbo AT 2022

ITENS DE SÉRIE: itens acima + alerta de ponto cego, rodas de liga leve de 17 polegadas, volante esportivo com revestimento premium, acendimento automático dos faróis, bancos com revestimento premium, entre outros.

Chevrolet Tracker Premier 1.0 Turbo AT 2022

ITENS DE SÉRIE: itens acima + alerta de colisão frontal, faróis dianteiros tipo projetor em LED com luz auxiliar para manobras, frenagem automática de emergência em baixa velocidade, indicador de distância do veículo da frente, sistema de monitoramento de pressão dos pneus, lanternas em LED, detalhes cromados, rodas exclusivas, ar-condicionado digital, carregador wireless, descansa-braço traseiro, Easy Park – Sistema de Estacionamento Automático, espelho retrovisor eletrocrômico, sensor de chuva, sensores de estacionamento dianteiros, traseiros e laterais, entre outros.

Chevrolet Tracker Premier 1.2 Turbo AT 2022

ITENS DE SÉRIE: itens acima + motor 1.2 turbo, teto solar panorâmico, entre outros.

Chevrolet Tracker 2022 – preços

Confira abaixo os preços da linha Chevrolet Tracker 2022:

  • Chevrolet Tracker 1.0 Turbo MT 2022 – R$ 96.100
  • Chevrolet Tracker LT 1.0 Turbo AT 2022 – R$ 105.270
  • Chevrolet Tracker LTZ 1.0 Turbo AT 2022 – R$ 114.190
  • Chevrolet Tracker Premier 1.0 Turbo AT 2022 – R$ 122.730
  • Chevrolet Tracker Premier 1.2 Turbo AT 2022 – R$ 131.290

Tracker 2022: motor, consumo, versões, equipamentos e preços

Chevrolet Tracker 2022 – motor

O Chevrolet Tracker 2022 dispõe de dois motores, ambos Ecotec, turbo e com três cilindros. O primeiro, que equipa as versões mais baratas e também a versão PCD (indisponível no momento), é o 1.0 turbo, que tem 116 cv tanto no etanol quanto na gasolina, a 5.500 rpm, e 16,3/16,8 kgfm de torque, a 2.000 rpm. Ele pode atuar com câmbio manual ou automático, sempre com seis velocidades.

Já as versões mais caras vem com o propulsor 1.2 turbo, com 132 cv na gasolina e 133 cv no etanol, a 5.500 rpm, e 19,4/21,4 kgfm de torque, a 2.000 rpm. Nesse caso, o conjunto atua apenas com o câmbio automático de seis velocidades.

Com isso, o Tracker 2022 aposenta o motor 1.4 litro Ecotec Turbo SIDI flex de quatro cilindros, que entregava 150/153 cv e 24/24,5 kgfm, junto com uma transmissão automática de seis velocidades. O modelo já tinha deixado para o trás o ainda mais antigo motor 1.8 litro Ecotec flex aspirado, de 140/144 cv e 17,8/18,9 kgfm.

A marca destaca que o Tracker 2022 teve vários aprimoramentos em termos mecânicos e estruturais, como a perda de 144 kg e melhorias no chassi.

Além disso, os motores são feitos em bloco de alumínio, tendo cabeçote com duplo comando variável de válvulas, coletor de escape integrado, bomba de óleo de duplo estágio de pressão variável. Eles trabalham numa faixa de rotação menor e isso traz menos ruídos até os ocupantes.

Chevrolet Tracker 2022 – desempenho

Aceleração de 0 a 100 km/h e velocidade máxima final

  • Chevrolet Tracker 1.0 Turbo MT 2022 – 10,5 segundos e 177 km/h
  • Chevrolet Tracker 1.0 Turbo AT 2022 – 10,9 segundos e 177 km/h
  • Chevrolet Tracker 1.2 Turbo AT 2022 – 9,4 segundos e 185 km/h

O desempenho do Chevrolet Tracker 2022 continua bom, mesmo tendo perdido um motor mais potente, como era o 1.4 turbo de 153 cv. Além disso, o conjunto ficou mais eficiente no geral.

Como os números acima mostram, seu desempenho obviamente é mais interessante nas versões com motor 1.2 turbo, apesar de elas virem apenas com o câmbio automático.

Se fosse possível combinar esse propulsor com o câmbio manual, aí teríamos um desempenho mais próximo do motor anterior. Vale destacar que a aceleração é a mesma, entre o motor 1.2 turbo AT e o antigo 1.4 turbo AT: 9,4 segundos.

O que realmente pesa a favor da nova geração do Tracker é a economia de combustível. Segundo os dados oficiais da Chevrolet, o SUV ficou até 17% mais econômico, o que é corroborado pelos dados do Inmetro, que apontam para o modelo como o mais econômico em seu segmento, mesmo em condições combinadas de uso.

Chevrolet Tracker 2022 – consumo

Cidade 

  • Chevrolet Tracker 1.0 Turbo MT 2022 – 9 km/l com etanol e 13 km/l com gasolina
  • Chevrolet Tracker 1.0 Turbo AT 2022 – 8,2 km/l com etanol e 11,9 km/l com gasolina
  • Chevrolet Tracker 1.2 Turbo AT 2022 – 7,7 km/l com etanol e 11,2 km/l com gasolina

Estrada 

  • Chevrolet Tracker 1.0 Turbo MT 2022 – 10,4 km/l com etanol e 14,8 km/l com gasolina
  • Chevrolet Tracker 1.0 Turbo AT 2022 – 9,6 km/l com etanol e 13,7 km/l com gasolina
  • Chevrolet Tracker 1.2 Turbo AT 2022 – 9,4 km/l com etanol e 13,5 km/l com gasolina

Chevrolet Tracker 2022 – manutenção e revisão

O Chevrolet Tracker 2022 tem custo de revisão de até 60.000 km por R$ 3.628. O SUV compacto tem várias peças e fluídos substituídos ou verificados durante as revisões.

O serviço consiste na substituição de óleo do motor, filtro de óleo, anel de vedação do bujão do cárter, filtro de combustível, bem como filtro de ar, fluido de freio e filtro de limpeza do ar-condicionado.

A rede Chevrolet também inspeciona motor para verificar possíveis vazamentos, óleo da transmissão, fluido de freio, filtro do ar-condicionado, desgaste em pastilhas e discos de freio, guarnições contra pó, amortecedores, pneus, rodas, sistema de direção, freio de estacionamento, tubos de refrigeração e demais fluidos, sistema elétrico, sistema elétrico, sistema de iluminação, palhetas do limpador, lavadores, juntas homocinéticas, ajuste dos faróis, sistema de ar-condicionado e de cintos de segurança.

Revisão

Custo

Quilometragem

Preços 1.0 Turbo e 1.2 Turbo

10.000 km

R$ 368

20.000 km

R$ 688

30.000 km

R$ 576

40.000 km

R$ 756

50.000 km

R$ 552

60.000 km

R$ 688

Chevrolet Tracker 2022 – ficha técnica

Motor

1.0 Turbo

Tipo

Dianteiro transversal, Turbo, Gasolina e Etanol

Número de cilindros

3 em linha

Cilindrada em cm3

999

Válvulas

12

Taxa de compressão

10,5:1

Injeção eletrônica de combustível

Multiponto

Potência Máxima Líquida (ABNT NBR 5484)

Gasolina: 116 cv @ 5500 rpm / Etanol: 116 cv @ 5500 rpm

Torque Máximo Líquido (ABNT NBR 5484) 

Gasolina: 16,3 kgfm @ 2000 rpm / Etanol: 16,8 kgfm @ 2000 rpm

Transmissão

Tipo

Manual ou Automática, sempre com 6 marchas

Freios

Tipo

Disco ventilado / Tambor

Direção

Tipo

Elétrica

Suspensão

Dianteira

McPherson, independente com barra estabilizadora

Traseira

Eixo de torção

Rodas e Pneus

Rodas

Liga Leve aro 16 polegadas

Pneus

215/60 R16

Dimensões

Comprimento total (mm)

4270

Largura sem retrovisores (mm)

1791

Altura (mm)

1624

Distância entre os eixos (mm)

2570

Capacidades

Porta-malas (litros)

393

Tanque (litros)

44

Carga útil, com 5 passageiros mais bagagem (kg)

410

Peso em ordem de marcha (kg)

1196

Coeficiente de penetração aerodinâmica (Cx)

0,34

Motor

1.2 Turbo

Tipo

Dianteiro transversal, Turbo, Gasolina e Etanol

Número de cilindros

3 em linha

Cilindrada em cm3

1199

Válvulas

12

Taxa de compressão

10,5:1

Injeção eletrônica de combustível

Multiponto

Potência Máxima Líquida (ABNT NBR 5484)

Gasolina: 132 cv @ 5500 rpm / Etanol: 133 cv @ 5500 rpm

Torque Máximo Líquido (ABNT NBR 5484) 

Gasolina: 19,4 kgfm @ 2000 rpm / Etanol: 21,4 kgfm @ 2000 rpm

Transmissão

Tipo

Automática de 6 marchas

Freios

Tipo

Disco ventilado / Tambor

Direção

Tipo

Elétrica

Suspensão

Dianteira

McPherson, independente com barra estabilizadora

Traseira

Eixo de torção

Rodas e Pneus

Rodas

Liga Leve aro 16 ou 17 polegadas

Pneus

215/60 R16 ou 215/55 R17

Dimensões

Comprimento total (mm)

4270

Largura sem retrovisores (mm)

1791

Altura (mm)

1624

Distância entre os eixos (mm)

2570

Capacidades

Porta-malas (litros)

393

Tanque (litros)

44

Carga útil, com 5 passageiros mais bagagem (kg)

410

Peso em ordem de marcha (kg)

1233

Coeficiente de penetração aerodinâmica (Cx)

0,35

Chevrolet Tracker – história

Lançado em 2012 como Chevrolet Trax, nome por qual é conhecido no mercado mundial, o Tracker assumiu aqui e na Rússia a antiga denominação do Suzuki Grand Vitara sob a marca Chevrolet, tendo sido comercializado no Brasil no início dos anos 2000.

Mas o projeto mais recente é um desenvolvimento da GM Daewoo para o mercado global da GM.

Feito sobre a plataforma Gamma II, oriundo do Chevrolet Sonic/Aveo, o Chevrolet Tracker logo chegou ao mercado americano e posteriormente foi oferecido no Brasil, inicialmente com importação sul-coreana e depois feito no México.

Aliás, fora da Coreia do Sul, apenas este país latino e a China, produzem o SUV compacto. Com 4,25 m de comprimento e 2,55 m de entre-eixos, o modelo rapidamente se tornou sucesso na Europa e EUA.

A partir dele, foram criados outros dois modelos de boas vendas, sendo eles o Buick Encore – para EUA – e o Opel Mokka para a Europa. No mercado americano e demais países, o Chevrolet Tracker era a orientação da marca.

Em 2016, o modelo ganhou um facelift, dando um ar mais esportivo ao modelo.

Em alguns mercados, o Chevrolet Tracker foi vendido com motor Ecotec 1.6 de 115 cv ou 1.8 com 140 cv, como ocorreu no Brasil. Nos mercados principais, o motor Ecotec Turbo 1.4 entrou em ação, entregando 150 cv.

Na Europa, o crossover tinha opção diesel 1.7 CDTI com 130 cv. O câmbio pode ser manual de cinco ou seis marchas, além de um automático de seis marchas. O modelo também foi vendido com as marcas Holden e Vauxhall, respectivamente na Austrália e no Reino Unido.

Em 2020, sua nova geração chegou ao Brasil, com várias novidades mecânicas e estéticas.

Chevrolet Tracker 2022 – fotos

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.