Usado da semana

Carro da semana, opinião de dono: Chery QQ 2011/2012 branco

Carro da semana, opinião de dono: Chery QQ 2011/2012 branco

Olá, meu nome é Pedro, moro em Uberlândia/MG e sou proprietário de um Chery QQ 2011/12. Acompanho o NA desde 2009 e venho acompanhando também além da Avaliação NA, a avaliação “Carro da Semana, Opinião de dono”.


Antes tinha um carro que todo mundo já conhece, então por isso não me interessei muito em falar o que muitos já sabem.

Esperei passar a “lua de mel” com o carro, que está durando até hoje, para relatar minha experiência com meu primeiro carro chinês.

O antecessor do QQ era um Novo Uno Way 10/11 preto, que infelizmente não me deu alegrias (a não ser quando saiu da concessionária) e este foi o principal motivo da troca “repentina” em outro carro, acabou a garantia e só iria dar despesas e mais despesas com tantos problemas, foi ai que comecei a pesquisar um novo carro, fui na Ford, Volks, Renault, Nissan, etc. e acabei pensando em um carro chinês.


Na primeira vista não simpatizei com os carros da Chery de maneira alguma, até então tinha um sério preconceito com relação aos carros chineses, a Effa passou vergonha em um teste de longa duração e fez por acabar com a mínima confiança que alguns tinham em carros chineses.

Mas aos poucos resolvi acompanhar a trajetória do carrinho, e me surpreendi positivamente. Ser um carro chinês ja é um “peso”, agora um carro chinês mais barato do país (na época) a desconfiança aumenta e muito.

Carro da semana, opinião de dono: Chery QQ 2011/2012 branco

Mas mesmo assim acompanhando a opinião dos donos vi que não era um carro tão ruim assim, até que despertou a curiosidade e fui conhecê-lo pessoalmente e tive outra grata surpresa, gostei muito do que vi, para o segmento estava um pouco acima dos outros, então resolvi fazer um test-drive que consolidou a compra do carro no dia 23/11/11 no valor de 24.990.

Escolhi a cor branca (tinha amarelo e preto também) como é versão única tem tudo que se pode imaginar pro segmento dos populares, AC, Dh, vidros( one touch, nas quatro portas )/travas/retrovisores elétricos, desembaçador e limpador traseiro, alarme, conta giros, painel digital, airbag duplo, freios abs com EBD, som com MP3, entrada usb/auxiliar/cartão de memória, faróis e lanternas de neblina, módulo de subida dos vidros, abertura interna do porta malas/tanque de combustível, banco bi-partido etc…

O carro é minúsculo por fora, mas por dentro o espaço surpreende, só não tem um porta malas decente ( 190 litros ), o painel digital é muito bonito e os instrumentos tem fácil visualização.

O acabamento é simples e razoável, melhor que de alguns concorrentes mas com algumas rebarbas ( tampa do volante mal encaixada e porta luvas desalinhado ) não “aparece” a lataria nas portas como o Ford Ka e Fiat Mille sua área de tecido ( veludo ) é boa, até o momento com 12 mil km rodados nenhum “grilo” em geral, sua cor clara dá sensação de mais espaço, mas suja muito fácil.

Carro da semana, opinião de dono: Chery QQ 2011/2012 branco

A direção hidráulica chega a parecer elétrica de tão leve, um perigo na estrada. O ar-condicionado gela muito bem, e rapidamente. Os vidros elétricos são one touch e fecham quando o alarme é acionado.

O tecido dos bancos é bom, e eu particulamente acho bonito o “desenho”, apenas são desconfortaveis em viagens mais longas e suja muito fácil. Tem vários “porta trecos” além de porta-mapas nas portas, porta copos, porta revistas. Bancos traseiram contam com 2 apoios de cabeça, cintos retráteis e é bi-partido.

A suspensão é muito macia ( os chineses gostam ) e não é adaptada ao solo brasileiro, assim não filtra muito bem as irregularidades do solo, até agora não apresentou ruídos, o carro também ja foi em estrada de terra alguns vezes ao longo do ano.

A posição de dirigir é ótima, com todos os comandos á mão, a visão é bem ampla. O desempenho mesmo tenho apenas 68 cavalos é acima da média dos motores 1.0, não decepciona nas subidas, é ágil na cidade e embala bem na estrada.

O motor é 1.1, 16 válvulas DOHC com bloco em alumínio.

O ponto mais criticado do carro ( pela imprensa “especializada” ) é concerteza a estabilidade, dá a entender que qualquer curva o carro irá tombar ou se algum caminhão passar ao lado vai te jogar pra fora da pista, posso afirmar que não é tão crítica assim a estabilidade, em altas velocidades sim, chega a assustar em certos momentos pela leveza da direção, o carro fica bem “bobo” mas não sofre tanto com ventos laterais, tudo ocasionado pela suspensão “gelatinosa” e também pelos pneus 155/65/R13 que ajudam no consumo, mas prejudicam o comportamento do carro.

Carro da semana, opinião de dono: Chery QQ 2011/2012 branco

O comportamento na estrada ( mesmo sendo um carro urbano ) é até bom, ressalva apenas para a estabilidade mesmo, mas como disse um bom tempo de viagem as costas doem, o motor também é “barulhento” e chega as vezes a incomodar. O câmbio emite ruidos nas trocas de marcha e é muito curto, além de sentir um “click” quando a marcha entra.

O comportamento na chuva também é bom, com ressalvas também, a velocidade do limpador é bem devagar, e o freio abs é fundamental. O consumo é o ponto alto do carro, faz 15.7 km/l na cidade e 19,1 km/l na estrada.

Seu visual remete á um pokemon, a frente forma um “sorriso” que não combina de jeito algum com a traseira, a lateral é feia com aquelas rodas de ferro prata, recentemente pintei elas de preto brilhante e coloquei as calotas do Ford Ka 2008, ficou “menos feio”. Chama muita atenção até hoje.

Mais como nem tudo são flores o carro com 3 meses apresentou seu primeiro problema, a buzina ( parece de moto ) não funcionava de manhã, foi solucionado na primeira revisão com a troca e até o momento não falhou mais, e por falar nisso o pós venda da concessionária de Uberlândia até o momento não tenho nada a reclamar, não atrasaram a buzina que estava em falta no estoque ( 2 dias chegou ) e sempre atenderam muito bem.

Em resumo, é um bom carro urbano/segundo carro, mais tem muito pra melhorar, como a suspensão e as rebarbas no acabamento, carece também de um isolamento acústico melhor, seu atrativo é o custoxbenefício como todo carro chinês, mas falta realmente um compromisso maior da marca com o consumidor ( peças, serviços, preços ) e claro, sempre com a pulga atrás da orelha com relação à segurança em carro chinês, ainda mas um popular.

Não é o melhor carro do segmento, mais está em algumas coisas “anos-luz” na frente, oferece muita coisa por preço de carro “pé de boi”, só falta mostrar realmente que é um bom e duravél carro.

Pontos positivos

Preço
Equipamentos
Pós venda
Motor/Desempenho
Consumo
Posição de dirigir

Pontos negativos

Suspensão
Porta Malas

Por Pedro Rodrigues

Carro da semana, opinião de dono: Chery QQ 2011/2012 branco
Nota média 5 de 1 votos

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email