Manutenção Matérias NA Nissan Sedãs

Nissan Versa – defeitos e problemas

Nissan Versa - defeitos e problemas

O Nissan Versa é um sedã compacto que tem uma boa presença no mercado nacional. Importado anteriormente do México, o modelo chama atenção por seu tamanho, que é próximo de 4,5 m. O porta-malas proeminente é uma marca do modelo, apesar dos 2,60 m de entre-eixos. Bom custo-benefício, o modelo é considerado econômico, mas será que tem muitos defeitos e problemas?


Assim como alguns poucos carros que já foram mencionados em nossas matérias de defeitos e problemas, o Nissan Versa é elogiado pela maioria dos proprietários e os relatos sem qualquer ocorrência mecânica ou de qualquer outra origem são frequentes. Na maioria, os clientes dizem que o produto só necessita mesmo das revisões normais.

Mesmo assim, nem todo mundo só encontrou esse detalhe normal em sua convivência com o Versa. Em pesquisa nos sites de opinião, reclamação e clube de proprietários, o problema mais recorrente é o alerta de injeção. O queimar de lâmpadas também é algo frequente nos relatos, assim como rangidos na direção.

O pedal de embreagem, o escalonamento das marchas e alavanca de câmbio, marcador do combustível e fixador do para-choque são alguns dos defeitos e problemas mais recorrentes nos relatos do Versa. Então, vamos a eles:


Nissan Versa - defeitos e problemas

Nissan Versa – defeitos e problemas

O Nissan Versa tem como maior número de reclamações o alerta de injeção. O tópico é bem extenso no fórum de donos do modelo, necessitando geralmente de limpeza dos bicos e outros serviços. Nos sites de opinião também se menciona o mesmo problema e em alguns casos, com quilometragem não tão elevada.

Um dos proprietários diz que o problema está no “TBI”, que tem que ser limpo com frequência, pois gera consumo alto e trepidação em marcha lenta. Noutro caso, o sensor MAF e o chicote do sistema foi substituído. Um dono de Versa mencionou um concessionário, que informou ter muito problema para resolver a questão da injeção eletrônica, que seria sensível ao nosso combustível.

A questão é ampliada quando alguns relatam que o problema acusa também defeito no catalisador, o que preocupa os donos, pois o componente é bem caro. Teve carro que começou a falhar por causa desse alerta, mas alguns dizem que o motor chegou a morrer depois do acendimento do alerta.

Alguns procuram fazer limpeza dos bicos ou simplesmente passar um scanner, tal como ir um pouco mais além, fazendo a limpeza do corpo da borboleta. Um proprietário resumiu os defeitos relacionados com a luz da injeção no Versa: combustível ruim, corpo de borboleta sujo, velas gastas, sensor MAF e sonda lâmbda.

Um dos casos, relatado em site de reclamação, indica que a luz acendeu e o motor falhou, gerando a perda de eficiência dos freios. O problema ocorreu seis vezes, sendo que na quinta vez, o proprietário não conseguiu evitar uma pequena colisão, que gerou danos a terceiros. Na concessionária, disseram que não havia qualquer problema com o carro.

Nissan Versa - defeitos e problemas

Direção e embreagem ruidosos

A direção elétrica do Nissan Versa é leve e bem gostosa de manusear, mas alguns donos reclamam de ruídos na coluna de direção. Um deles disse que apenas o aperto de um parafuso foi suficiente para eliminar o problema, mas outros não indicaram solução para o problema.

Outro problema apontado por donos de Nissan Versa é o pedal da embreagem. Um deles disse que seu carro começou a ranger no atuador do pedal e depois no atuador interno. Mas, o problema no acionamento da embreagem obrigou a troca de platô e disco. Alguns disseram que o problema foi solucionado sem a necessidade de troca completa da embreagem.

Suspensão dura e freios

Muitos reclamam da suspensão dura do Nissan Versa. Os relatos falam de batidas secas e alguns mencionaram a necessidade de troca das balanças de suspensão ou das buchas das mesmas, pois o conjunto não suportaria o rodar em nossas vias cheias de defeito. Um dos casos ocorre aos 14.000 km, muito cedo para esse tipo de problema ocorrer.

No conjunto de suspensão, uma das reclamações fala que um dos amortecedores dianteiros precisou ser trocado com 17.000 km. Fora a suspensão, os freios também são mencionados, acusando troca de pastilhas bem antes do tempo previsto. Um dos casos fala em 30.000 km, mas por causa do empenamento do disco.

Como sempre, qualquer problema de desgaste excessivo não é coberto pela garantia, pois são “peças de desgaste natural”, o que gera bastante reclamação de defeitos e problemas por parte de clientes em qualquer marca.

Duro também é o engate das marchas na versão manual. Muitos reclamam desse detalhe e também do escalonamento das mesmas, sendo que proprietários que mudaram do Versa manual para o CVT, apontaram a troca como vantajosa também nesse aspecto.

Nissan Versa - defeitos e problemas

Barulhos e defeitos diversos

Os proprietários dizem que entre os defeitos e problemas do Nissan Versa, estão as lâmpadas. Vários relatos falam em lâmpadas queimadas, especialmente de lanternas e algumas em tempo incompatível com sua durabilidade, mas muitos não reclamam, já que a solução é simples e barata.

Outro ponto, que aí sim reclamam, é o marcador de combustível que registra quantidade irreal de combustível. Um proprietário disse que somente depois de 100 km, é que o ponteiro acusa um volume compatível com o abastecimento feito. Também reclamam que o computador de bordo apresenta dados irreais de consumo, que seriam muito melhores que a realidade.

Ainda dentro do carro, proprietários se queixam do ventilador interno, que parou de funcionar em alguns casos, mas não encontramos relatos sobre defeitos do ar-condicionado. No entanto, um caso apontou para a troca do ventilador do radiador.

Na parte estrutural, alguns falam de ruídos no porta-malas e que o problema seria uma estrutura “em X” no assoalho. Outro fala que o revestimento em papelão também molha e deforma. No caso do capô, dizem que ele desalinha por causa do suporte lateral. Também falam que a lataria é bem sensível a pequenas batidas e pressão.

Mas, o que chama atenção mesmo são as presilhas de fixação dos para-choques. Um dos casos foi relatado com apenas 40.000 km, já que o mesmo começou a fazer barulho e ficou solto depois de uma quilometragem tão baixa. Pelo visto, o custo de tais itens não é caro, pois os proprietários não reclamaram do valor pago.

Conclusão

Como se vê, o Nissan Versa também tem alguns defeitos e problemas que geram queixas de seus donos, embora muitos deles relatem que os resolveram ou na garantia ou por conta própria, com um custo baixo na maioria, apesar de que alguns relatos falam de peças bem caras, como um jogo de velas de R$ 400, por exemplo.

Equipado com motores 1.0 de três cilindros ou 1.6 de quatro, o Nissan Versa chama atenção – assim como outros compactos da marca – por ter a mesma potência com os dois combustíveis, que no caso são de 77 e 111 cavalos, respectivamente. O consumo no geral é elogiado, exceto nos casos em que a injeção é relatada com problemas.

Quem fez a mudança de manual para CVT também apontou melhora no consumo. Outros reclamam, porém, de barulhos no painel e outras partes do acabamento, criticado pela quantidade de plásticos duros e pelo pouco conforto dos bancos, especialmente em viagens longas.

Apesar de seu tamanho, o porta-malas tem apenas 460 litros, mas isso não foi motivo de reclamação em praticamente nenhum relato. Ou seja, o Versa está atendendo seus donos nesse caso.

[Fonte: Clube do Versa/Reclame Aqui]

 

Nissan Versa – defeitos e problemas
Nota média 2.8 de 9 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Louis

    Uma coisa que aparece em praticamente todas as matérias deste tipo, é que sempre tem um que reclama da durabilidade de freios. Realmente não é normal durar tão pouco. No entanto, os fabricantes das pastilhas e discos fornecem para várias montadoras e vários modelos. Será que o problema não é o motorista? Destes que aceleram feito loucos para frear 100 metros a frente? Vejo este tipo de motorista todos os dias, depois vão reclamar que o carro consome muito, que freio não dura… passa correndo na lombada e reclama que suspensão é frágil… etc.

    • Edson Fernandes

      Mas é dureza falar sobre isso.

      Olha só… qdo eu tive um C3, eu troquei por duas vezes as pastilhas na concessionaria. As duas duravam 25000km. Qdo coloquei por fora, ela simplesmente durou quase 50000km. Qdo troquei novamente por uma mais eficiente e sem problemas.

      Agora, é incrivel o baixo indice de problemas entre os donos de March e Versa. Normalmente os problemas que tem aparecido, são de carros usados (2012) e que pelo tempo poderiam ter a troca de velas por exemplo. Aí o tempo não perdoa: Outras coisas irão aparecer.

      Mas é um carro com pouquissimo problema de historico com parte mecanica. Se a Nissan resolvesse a questão de isolamento interno, o carroseria melhor cotado no mercado. Eu mesmo não acho tão bonito, mas a robustez do mesmo impressiona, além da economia de combustivel.

      • klaus

        o March 1.6 deve ser um foguetinho!

        • zekinha71

          Sim é, subo serra sem ter que ficar trocando marcha e ficar se arrastando.

          • klaus

            qual o consumo? é manual?

            • André Luis Versiani

              Na cidade na casa dos 10 na gasolina mas na estrada medi 15.Manual.

        • André Luis Versiani

          Anda muito, meu pai tem um e é impressionante o como anda o March.

          • klaus

            qual o consumo? manual?

            • André Luis Versiani

              Na cidade na casa dos 10 na gasolina mas na estrada medi 15.Manual.

        • Edson Fernandes

          Ele é sim. Um verdadeiro sleeper. Pena que não é tão estavel.

          E o atual 1.0 12v tbm me impressionou a desenvoltura(curiosamente o motor 1.0 3 cilindros é mais silencioso que o 1.6)

      • carlos rodrigues

        O CVT, sendo bem utilizado, contribui bastante com a economia de combustível. certa vez passei uma semana com um alugado e na rodovia ele chegou a fazer 12,8 de média no etanol com 4 adultos, uma criança e mais bagagem.

        • Edson Fernandes

          Depende do tipo de rodovia. Se for bastante plana tem economia mesmo. Somente uma unica vez que eu fiz 13km/l no Fluence em estrada: Fui de SP para RJ. Sinceramente eu não me preocupei com consumo, mas qdo parei no posto para abastecer, fiquei impressionado com o consumo.

          Mas meu normal é fazer entre 10,5 a 11,5 com alcool.

      • Eduardo Pessoa Rocha

        O March 1.6 que usamos faz 14km/l na gasolina e 10,5km/l na cidade aqui em Curitiba. Realmente muito econômico. Deu problema no sensor MAF e comprei no eBay um da Hitachi (original) por R$80,00 com frete e chegou em 5 dias. Na concessionária Nissan a mesma peça por R$800,00. Bom ir na concessionária só pra conferir o Part Number e comprar no eBay. Por isso é bom de se comprar um carro de projeto mundial. Estamos de olho em um Versa quando formos trocar a nossa Livina. Nissan faz carros de baixo custo de manutenção.

    • Charlis

      Tem o lance da moda de carro automático também.
      Qual ser neste planeta reduz a marcha de um automático para freiar?
      E ai, o freio vai embora mesmo…

      []s

      • Mauro Schramm

        Eu! rsrsrs

    • T1000

      Desgaste de freio e embreagem já considero que o problema é o dono que não sabe dirigir.
      Este tipo de reclamação existe para todos os carros.

    • Jackson

      Tem uma avenida aqui em Porto Alegre que eu seguro na descida em 3 marcha, entretanto olhando carros à frente, a maioria está com o pé no freio. O problema é a pecinha atrás do volante.

    • Yuri Lima

      Eu tenho um 2012 comigo desde 0km. AS pastilhas originais duraram 85mil km. Comprei depois umas bosh que rodaram até os 115mil km. Hoje com 125 o terceiro jogo está meia vida.

    • carlos rodrigues

      Cara, isso que vc está falando vai ao encontro de uma critica que faço a uns !d!iot@s que têm no trânsito, na seguinte situação: O sinal tá fechado, eu estou a uns 200 metros do cruzamento, então deixo o carro engrenado ir desacelerando para economizar combustível e poupar os freios, nessa hora surge um energúmeno atrás de mim, me ultrapassa a toda velocidade e logo em seguida num curtíssimo espaço tem que frear bruscamente, em virtude do semáforo ainda vermelho. Depois reclama que o carro é beberrão ou que as pastilhas não duram nada. Eu utilizo bastante freio motor, meu último carro troquei as pastilhas originais com mais de 60.000 kms. Creio que existam técnicas de condução que servem para evitar o desgaste prematuro dos componentes, mas entendo que nem todos possuem discernimento para tal.

    • Marco

      Pior que concordo contigo também, Louis. Vejo isso diariamente, muitas vezes. é aquele negócio: muitos cavalos no motor, muitos burros no volante! :(

  • klaus

    Meu ex versa 1.6 manual eu curtia, bem espaçoso e econômico, e leveza ao guiar. Não curtia o fraco isolamento acústico q fazia o som do motor invadir a cabine nas rotações altas, a batida seca no volante quando este chegava ao fim do curso, o banco um pouco curto para as pernas.

  • Galeno Faria de Oliveira

    Esse carro, mesmo que não apresente nenhum problema. Ele tem um problema que não tem como corrigir. A feiura. Somente na próxima geração.

    • Marco

      Apesar de seu design não ser unanimidade, o considero bem mais acertado que aquelas marmotas do coCôbált e do feiEtios sedã. Aqueles sim, são feios “com força”, amigo!

      • Galeno Faria de Oliveira

        Concordo., Existe carros mais feios, sobretudo esses dois exemplos que você falou.

  • invalid_pilot

    Versa é sinônimo de Uber por aqui

  • Lucas086

    Eu realmente não gosto dessa linha Nissan, carros pelados, falta detalhes que incomodam no dia a dia, acabamento consegue ser abaixo da média do mercado, enfim, mesmo o Versa apresentado um espaço que a concorrência, o visual não ajuda muito. O March então, nunca foi unanimidade.

  • Fred Cioldin

    Meu pai comprou um Versa unique cvt no começo do ano. E nesse fim de semana acabei fazendo uma viagem de 400km com o carro, gostei bastante. Peguei trechos sinuosos e retas e a única critica que eu tive em contato com o carro foi o isolamento acústico mesmo, mesmo a 3000 giros o barulho do motor é bem alto!

  • CharlesAle

    Feio e de peças caras. Mas ao menos não é tão problemático..

  • Leonardo M. G.

    Tenho um Versa S 2016.
    Pontos fortes:

    Economia de combustível : faço 12 km/L em cidade cheia de morros, e 18 km/L nas estradas;

    Amplo espaço interno: não sou tão baixo, e eu CRUZO AS PERNAS no banco traseiro quando regulo o banco do motorista pra mim;

    Direção elétrica muito boa;

    Por causa da proporção largura X comprimento dele, fica mais fácil de manobrar (nos EUA, a Nissan chama ele de “pequeno grande carro” ) em vagas mais apertadas;

    Pontos fracos:

    Câmbio mecânico estranho: a primeira marcha é curtíssima e tem um buraco entre ela e a segunda, causando um tranco irritante;

    O ruído realmente incomoda um pouco em altas rotações ;

    Boca do porta malas bastante estreita (dilema de quase todo sedan) ;

    Como ele é estreito, o quinto ocupante viaja um pouco apertado;

    Design não incomoda muito, o Cx dele ajuda muito na economia;

  • Yuri Lima

    Pessoal do N/A, outro problema recorrente no Versa é a entrada de água no porta malas.
    A agua entra por dois tampões que ficam abaixo do estepe.
    No meu caso, apliquei silicone para box de banheiro, e problema resolvido. Faz 3 anos isso, e nunca mais entrou agua.

  • Vinicius Santos da silva

    Isso aí parece relatos de defeitos e problemas no New Fit: suspensão que bate seco e com problema crônico nas buchas e embreagem ruidosa. Aqui no trabalho a gente tem uma frota de Versa 1.6 e por mais que seja mais feio que bater na mãe, gostei muito da direção elétrica excelente para pequenas manobras, mas firme na estrada, o conjunto motor e câmbio é muito bem acertado e muitas vezes melhor que da Renault (temos Sandero na frota também e a diferença é gritante) e não acho a suspensão dura e seca, pelo contrário, muito, mas muito mais confortável do que a do Fit e do Prisma que temos em casa. O defeito mais gritante mesmo é o isolamento acústico, pois o carro é barulhento (mas a EcoSport do meu sogro que é um carro bem mais caro também transmite muito o ruído do motor pro habitáculo). Eu consideraria sim a compra, apesar de ser um carro muito grande pro meu uso diário, mas talvez para substituir o nosso Prisma seja uma boa escolha.

  • Mauro Schramm

    Em meu modo de ver, o principal “defeito” da linha March/Versa está na falta de segurança passiva. Mandaram muito mal nos testes do LatinNCAP.

  • RAFAEL PORTELA JORGE

    Comprei um 2019 SL CVT, estou a 2 semanas com o carro, já tenho algumas opniões!
    1 – O acento do motorista é muito alto, quem tem mais de 1,80cm sofre, pois eu tenho 1,80 e já tenho de parar longe do sinaleiro porque se olhar para cima não enxergo;
    2 – O ruído dos pneus que passa para dentro do carro é insuportável! Muito alto mesmo!
    3 – Pecam em detalhes simples, como ter led apenas em um dos botões de controle dos vidros, não ter lampada no porta luvas e não fechar o vidro quando se aciona o alarme! Não desliga o farol quando desliga o carro! São detalhes que acumulados irritam demais!

    Vantagens: Espaço do banco traseiro é incomparável! Econômico para quem anda com o pé leve!

  • Théo de Araújo Santos

    O meu Versa Unique completou 3 anos em setembro/2018. Parece que foi só vencer a garantia e os problemas acima começaram a acontecer:
    1. o pedal da embreagem começou a ranger;
    2. o motor faz um barulho estranho;
    3. as lâmpadas do farol não duram 6 meses;
    4. o ar condicionado não vai na temperatura do painel;
    5. por fim, o medidor de combustível não mede o volume correto.

    Carro com apenas 56 mil km rodados e todas as revisões feitas no prazo.

  • Paulo Wagner Oliveira

    Tenho uma versa sv 1.6, manual. É um carro excelente em tudo. Super confiável e nunca mje deixou na mão. Está pronto pra tudo sempre. Não vou trocar tão cedo. Todos os carros de diversas montadoras tem seus prós e contras, o versa não é diferente. Todos os defeitos apresentados não são crônicos, podendo ser contornados facilmente sem ter que para o carro dias em oficina. Motor super robusto, e ao contrário do que dizem repsonde muito bem nas arrancadas, perde um pouco numa retormada, tem um atraso na acelareação, mas nada de mais que condene o carro. É muito economico, câmbio preciso, não baixa óleo, nem água. Bons freios, suspensão normal, o que é ruim são as ruas. O meu está com 32k e não tem nada pra fazer. Sou chato com meus carros, na revisão dos 30k o mecanico disse que estava tudo normal na suspensão, câmbio e motor, tudo seco, sem vazamentos. Graças a Deus. Quem me pergunta se vale a pena comprar e respondo que sim, vale muito a pena. Apesar de criticarem a parceria nissan/renault, o versa é um legitimo japonês, com seu motor de aluminio 1.6 da nissan. O motor que a nissan compartilha com a renault é o motor 1.0.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email