Quem tem medo de chineses? Turquia impõe tarifa de 40% para carros elétricos

geely phev 1
geely phev 1

A Turquia não é necessariamente um player de peso no mercado automotivo mundial, ainda que tenha um parque industrial importante para a Europa. Geográfica e politicamente com um pé em cada lado do mundo, eles parecem não ter medo de ninguém, mas tem…

Enquanto a vizinha União Europeia busca meios para reduzir a entrada de carros elétricos chineses e os EUA simplesmente blindam seu mercado com taxa de 100% para qualquer carro que vier com a plaqueta “made in China”, a Turquia não se faz de rogada.

Ainda que as relações entre os dois países sejam mais próximas do que alguns gostariam, a Turquia exibiu seu temor diante dos carros elétricos da China e o imposto de importação para veículos desembarcados de lá, agora é de 40%, segundo o site VOA News .

Isso é mais que a convenção da OMC (Organização Mundial do Comércio), da qual é signatária desde 1995. Os turcos temem uma possível deterioração da sua atual balança comercial e visa proteger os fabricantes de automóveis nacionais, segundo o Ministério do Comércio.

A ação turca não é isolada, uma vez que a China enfrenta pressões comerciais crescentes em todo o mundo devido às suas crescentes exportações de veículos elétricos.

Muitos países, em especial os EUA e a União Europeia, afirmam que os fabricantes chineses são fortemente subsidiados por Pequim para apoiar a sua economia em crise.

A Comissão Europeia deverá anunciar na próxima semana se irá impor tarifas extras provisórias, enquanto os EUA chegaram mesmo a passar para o ataque, com pressão até mesmo sobre o México.

O Ministério do Comércio da Turquia disse: “Uma tarifa adicional será imposta à importação de veículos de passageiros convencionais e híbridos da China, a fim de aumentar e proteger a parcela decrescente da produção nacional”.

Ancara ainda impôs uma taxa mínima de US$ 7.000 caso o percentual de 40% fique abaixo desse valor. Num país como a Turquia, esse valor adicional ao preço tem um impacto significativo nas vendas.

 

google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



unnamed
Autor: Ricardo de Oliveira

Com experiência de 27 anos, há 16 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz testes e avaliações. Suas redes sociais: Instagram, Facebook, X