Voyage Comfortline: história, equipamentos, preços, motor, consumo

Voyage Comfortline: história, equipamentos, preços, motor, consumo

O Voyage chegou ao Brasil na década de 1980 e durou até 1996. Voltou somente em 2008 e teve como um dos destaques a versão topo de linha Volkswagen Voyage Comfortline, que cerca de cinco anos depois foi substituída pelo Voyage Highline.


Este modelo, por se tratar da configuração mais cara da gama, tentava entregar tudo de melhor. Um dos pecados era justamente o fato do Voyage Comfortline ter boa parte dos bons recursos como opcionais, o que incluía ar-condicionado, vidros traseiros e retrovisores elétricos, rodas de liga-leve e sistema de som.

Atualmente, com a evolução dos compactos em nosso mercado, praticamente todos os modelos topo de linha já oferecem tais recursos.

Abaixo, você pode conferir um pouco mais da trajetória e os principais detalhes do Volkswagen Voyage na versão Comfortline de 2008 a 2013:

Voyage Comfortline: história, equipamentos, preços, motor, consumo

Voyage Comfortline – história

Volkswagen lança novo Voyage Comfortline em 2008

No mês de setembro de 2008, meses após a chegada do Gol G5, a Volkswagen anunciou o retorno do Voyage em nova geração ao mercado brasileiro. Ele estreou como o sedã de acesso da marca alemã no País – a gama de sedãs era composta pelo Polo Sedan, Jetta, Bora e Passat.

O Voyage Comfortline foi anunciado com motor 1.6 litro flex e câmbio manual, com preços que partiam de R$ 39.430.

Tal configuração já saía de fábrica com direção hidráulica, vidros e travas elétricas, sistema de som com seis alto-falantes, faróis de neblina, rodas de 15 polegadas, coluna de direção com ajuste de altura, acabamento interno com detalhes exclusivos, aerofólio traseiro, brake light, painel de instrumentos com conta-giros, chave tipo canivete, tampa do porta-malas com abertura elétrica, entre outros.

Como opcional, ofertava ar-condicionado, airbags frontais, freios ABS, sistema de som com entrada USB e conexão Bluetooth, banco traseiro rebatível, computador de bordo, entre outros.

Voyage ganha opção de câmbio i-Motion em 2009

Seguindo os passos da Fiat com o Palio e Siena Dualogic, a Fiat lançou a dupla Gol e Voyage com câmbio i-Motion em março de 2009. Os compactos passaram a dispor da opção de câmbio automatizado nas configurações com motor 1.6 flex de 104 cavalos.

Com esta nova transmissão robotizada, o Voyage na configuração Comfortline podia ser adquirido na época por R$ 41.265. Ou seja, uma diferença de aproximadamente R$ 2,5 mil frente ao valor cobrado pelo Comfortline com câmbio manual.

Outra novidade foi a introdução do volante multifuncional do Passat CC na lista de equipamentos opcionais, que no Voyage i-Motion agrega ainda paddle shifts para trocas manuais de marcha.

Voyage Comfortline: história, equipamentos, preços, motor, consumo

Linha VW Voyage ganha pequenas mudanças em 2010

Em maio de 2010, os modelos Gol e Voyage estrearam a linha 2011 com novidades na lista de equipamentos.

O carro recebeu uma nova roda de liga-leve de 15 polegadas com quatro raios duplos como opcional. Passou a dispor ainda de outros recursos opcionais, como sensor de estacionamento traseiro, retrovisores externos com repetidores de seta e faróis com função coming/leaving home.

De série, recebeu friso lateral cromado, rede no porta-malas, luzes de leitura para os ocupantes do banco traseiro, novas calotas de 15 polegadas e aviso sonoro de faróis ligados. Passou a contar ainda com gancho para sacolas no porta-malas.

Partia de R$ 41,7 mil com câmbio manual e R$ 44,4 mil com câmbio i-Motion na configuração Comfortline.

Novos equipamentos para o Voyage em 2011

Como novidade para a linha Voyage 2012, a Volkswagen anunciou em março de 2011 novos equipamentos para o sedã compacto, além dos modelos Gol, Fox, SpaceFox e Amarok. No caso do VW Voyage 2012, houve melhorias em todas as versões.

No caso do Voyage Comfortline 2012, ele recebeu painel de instrumentos com iluminação na cor branca. Como opcional, passou a dispor de bancos com revestimento em couro Native Vienna, como no Gol Power.

Voyage Comfortline: história, equipamentos, preços, motor, consumo

VW Voyage Comfortline recebe novo visual em 2012

Em julho de 2012, os novos Gol e Voyage chegaram ao mercado com as primeiras mudanças visuais da gama. Os modelos compactos ganharam a nova identidade da Volkswagen, com faróis redesenhados e interligados à grade, novos para-choques, nova tampa do porta-malas e lanternas traseiras invadindo a tampa do porta-malas.

Por dentro, os modelos receberam novas saídas de ar com detalhes cromados, painel de instrumentos com iluminação em LED branco e região do sistema de som redesenhada com aplique em preto brilhante.

A arquitetura eletrônica dos carros mudou, com uma interatividade maior entre os sistemas. Como parte desta nova arquitetura, os Volkswagen receberam o ESS (sinalização de frenagem de emergência), que aciona as luzes de freio de forma intermitente numa pisada mais forte no pedal, e o ECO Comfort, um auxilio para maior economia de combustível no computador de bordo.

Recebeu ainda novos freios e sistema ABS mais eficiente.

A configuração Comfortline recebeu novos recursos como retrovisores elétricos com função Tilt Down, que ajusta o espelho direito ao acionar a marcha ré, além de bancos com novo tipo de tecido derivado de garrafas PET e o terceiro encosto de cabeça traseiro de série.

O Voyage Comfortline 2012 estreou com preço inicial de R$ 40.890 com câmbio manual e R$ 43.490 com câmbio i-Motion.

Comfortline dá lugar ao Voyage Highline em 2013

A linha Voyage 2014 estreou em março de 2013 com novidades. O compacto da Volkswagen passou a ostentar o nome “Highline” no lugar do “Comfortline” em sua versão topo de linha, bem como o Gol Power que passou a ser Gol Highline e o Fox Prime, que se tornou Fox Highline.

O carro seguiu a mesma linha do modelo anterior. Todavia, passou a contar com ar-condicionado como equipamento de série.

Os preços eram os seguintes: R$ 47.190 com câmbio manual e R$ 49.980 com câmbio i-Motion na variante Comfortline.

Voyage Comfortline: história, equipamentos, preços, motor, consumo

Voyage Comfortline – detalhes

Ate hoje, o Volkswagen Voyage nada mais é que uma versão do Gol com porta-malas maior. Ele tem mudanças na carroceria somente da coluna “C” para trás. Para se ter uma ideia, até as portas traseiras dos dois modelos são iguais.

Ele conta com porta-malas espaçoso, com capacidade para 480 litros, o que era uma boa marca para a época em que ele foi lançado. Possui 4,21 metros de comprimento, 1,65 m de largura e 1,46 m de altura, com distância entre-eixos de 2,46 m.

Na linha reestilizada, anunciada em 2011, o Voyage Comfortline adotou um visual mais moderno, alinhado com a filosofia de design da Volkswagen. A dianteira ficou parecida com a do Fox, enquanto a traseira recebeu lanternas mais destacadas invadindo a tampa do porta-malas (parecidas com as do Jetta).

Por dentro, o carro apela para o plástico rígido por todos os lados. Todavia, nesta versão ele conta também com aplique em tecido de toque agradável nos painéis de porta dianteiros e traseiros. O legal é que, na linha reestilizada, os tecidos dos bancos e das portas passaram a ser feitos com material derivado de garrafas PET.

Dependendo da configuração escolhida, o Voyage topo de linha pode dispor de bons itens como sensor de estacionamento, trio elétrico, rodas de liga-leve de 15 polegadas, volante multifuncional (com paddle shifts no i-Motion), ar-condicionado, computador de bordo com recursos para economia de combustível, entre outros.

O espaço interno do carro proporciona conforto razoável para até quatro adultos e, no máximo, mais uma criança.

Voyage Comfortline: história, equipamentos, preços, motor, consumo

Voyage Comfortline – equipamentos

Segurança: cintos de segurança dianteiros com ajuste de altura, cintos laterais traseiros retráteis, alças de segurança no teto, brake light, faróis de neblina, três apoios de cabeça traseiros, entre outros.

Conforto: direção hidráulica, vidros dianteiros elétricos, travamento elétrico das portas e do porta-malas, tampa do porta-malas com abertura interna elétrica, banco do motorista com regulagem de altura, coluna de direção com regulagem de altura e profundidade, para-sois iluminados, chave canivete,

Visual e acabamento: rodas de aço de 15 polegadas com calotas, grade frontal inferior com detalhes cromados, moldura cromada nos faróis de neblina, aerofólio traseiro na cor da carroceria, retrovisores externos na cor do carro, tampa traseira com detalhe inferior cromado, bancos revestidos em tecida, para-brisa degradê, rede porta-objetos no porta-malas, detalhes internos cromados, painéis de porta com detalhes em tecido, entre outros.

Tecnologia: preparação para som com quatro alto-falantes e dois tweeters, painel de instrumentos com conta-giros, entre outros.

Voyage Comfortline – opcionais

Os equipamentos opcionais do Volkswagen Voyage na versão Comfortline eram diversos.

Ele podia ser equipado adicionalmente com airbags frontais, freios ABS, volante multifuncional, sistema de som com Bluetooth e entradas USB e para cartão SD, rodas de liga-leve de 15 polegadas, retrovisores externos com ajuste elétrico e repetidores de seta, vidros traseiros elétricos, ar-condicionado, sensor de estacionamento traseiro, banco traseiro bipartido e rebatível e computador de bordo I-System.

Voyage Comfortline: história, equipamentos, preços, motor, consumo

Voyage Comfortline – preços

Confira abaixo os preços do Volkswagen Voyage 2009 a 2013 na configuração Comfortline 1.6 no mercado de usados, de acordo com a Tabela Fipe em fevereiro de 2020:

  • Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 2009: R$ 22.790
  • Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 2010: R$ 24.290
  • Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 2011: R$ 25.950
  • Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 2012: R$ 27.070
  • Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 2013: R$ 30.530

A seguir, os preços do Voyage na versão Comfortline 1.6 com câmbio i-Motion:

  • Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 i-Motion 2009: R$ 24.350
  • Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 i-Motion 2010: R$ 26.020
  • Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 i-Motion 2011: R$ 27.150
  • Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 i-Motion 2012: R$ 30.630
  • Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 i-Motion 2013: R$ 33.790

Voyage Comfortline: história, equipamentos, preços, motor, consumo

Voyage Comfortline – motor

O motor usado no Voyage topo de linha é um velho conhecido dentro da linha Volkswagen e que está presente até hoje dentro da gama da marca alemã, em modelos como Gol, o próprio Voyage, Fox e Saveiro.

Trata-se do 1.6 litro flex de quatro cilindros e oito válvulas. Ele consegue desenvolver 101 cavalos de potência com gasolina e 104 cv com etanol, a 5.250 rpm, e torque de 15,4 kgfm e 15,6 kgfm, respectivamente, a partir de 2.500 giros.

Ele está acoplado ao câmbio manual MQ 200 de cinco velocidades ou o automatizado ASG, conhecido como i-Motion, que também dispõe de cinco marchas.

Apesar de se tratar de um motor não tão moderno assim, o Voyage 1.6 consegue entregar um bom desempenho, sobretudo na condução na cidade. Um dos destaques deste propulsor é o torque de até 15,6 kgfm disponível numa rotação relativamente baixa, a partir de 2.500 rpm.

Além disso, a transmissão manual é eficiente, com relações curtas e engates macios e precisos. O câmbio i-Motion também não decepciona, sobretudo quando você lembra que é mesmo um câmbio “robotizado” e não um automático de verdade.

De resto, o carro também agrada pelo conjunto de suspensão, que entrega uma condução estável em velocidades mais altas e com pouca inclinação da carroceria em curvas. Tem um acerto mais firme, como em qualquer carro de passeio da Volkswagen, mas sem prejudicar tanto o conforto. Há freio a disco nas rodas dianteiras e freio a tambor nas traseiras, com sistema ABS como opcional.

Vale ressaltar também que todas as configurações do Voyage na variante Comfortline saíram de fábrica com direção hidráulica.

Voyage Comfortline – consumo

Confira a seguir os números de consumo do Voyage, de acordo com os dados do Inmetro:

Volkswagen Voyage Comfortline 1.6

  • Consumo de 7,3 km/l na cidade e 9,4 km/l na estrada com etanol;
  • Consumo de 10,7 km/l na cidade e 13,7 km/l na estrada com gasolina.

Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 i-Motion

  • Consumo de 7,3 km/l na cidade e 9,5 km/l na estrada com etanol;
  • Consumo de 10,7 km/l na cidade e 13,6 km/l na estrada com gasolina.

Voyage Comfortline: história, equipamentos, preços, motor, consumo

Voyage Comfortline – desempenho

A Volkswagen informa os seguintes números de desempenho do Voyage com motor 1.6 e câmbio manual ou i-Motion:

Volkswagen Voyage Comfortline 1.6

  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 9,8 segundos com etanol;
  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 10,1 segundos com gasolina;
  • Velocidade máxima de 191 km/h com etanol;
  • Velocidade máxima de 189 km/h com gasolina.

Volkswagen Voyage Comfortline 1.6 i-Motion

  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 10,5 segundos com etanol;
  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 10,7 segundos com gasolina;
  • Velocidade máxima de 191 km/h com etanol;
  • Velocidade máxima de 189 km/h com gasolina.

Voyage Comfortline – ficha técnica

Motor

1.6 VHT 8V Flex

Tipo

Dianteiro, transversal, gasolina e etanol

Número de cilindros

4 em linha

Cilindrada em cm3

1.598

Válvulas

8 (2 por cilindro)

Taxa de compressão

12,1:1

Injeção eletrônica de combustível

Multiponto Magneti Marelli 4GV

Potência Máxima

101 cv com gasolina e 104 cv com etanol a 5.250 rpm

Torque Máximo

15,4 kgfm com gasolina e 15,6 kgfm etanol a 2.500 rpm

Transmissão

Tipo

Manual ou automatizada i-Motion de 5 marchas

Tração

Tipo

Dianteira

Freios

Tipo

Discos ventilados (dianteira) e tambores (traseira)

Direção

Tipo

Hidráulica

Suspensão

Dianteira

Independente, McPherson, com molas helicoidais

Traseira

Independente, com molas helicoidais

Rodas e Pneus

Rodas

Aço ou liga-leve de 15 polegadas

Pneus

195/55 R15

Dimensões

Comprimento total (mm)

4.215

Largura (mm)

1.656

Altura (mm)

1.462

Distância entre os eixos (mm)

2.465

Capacidades

Capacidade de carga (kg)

440

Tanque (litros)

55

Porta-malas (litros)

480

Peso vazio em ordem de marcha (kg)

985 (manual) e 995 (i-Motion)

Voyage Comfortline – fotos

Leonardo Andrade

Leonardo atua no segmento automotivo há quase nove anos. Tem experiência/formação em administração de empresas, marketing digital e inbound marketing. Já foi colaborador em mais de sete portais do Brasil. Fissurado por carros, em especial pelo mercado e por essa transformação que o mundo automotivo está vivendo.