VW CrossFox 2019: preços, detalhes, conteúdo, motor, consumo, etc

O VW CrossFox 2019 foi uma versão aventureira derivada do Fox e que foi vendido no mercado até esse ano/modelo. Nascido nos primeiros anos do hatch “altinho”, acabou se tornando bem popular.

Lançado em 2005, o CrossFox foi uma opção que colocou o Fox em evidência por muitos anos, tendo recebido da mesma forma atualizações e modificações exclusivas para ficar sempre antenado com o mercado.


Nascido de um projeto que a direção alemã da Volkswagen achou que não daria certo, o VW Fox originou o VW CrossFox, que evoluiu por duas atualizações visuais, mudando três vezes de motor e três vezes de câmbio.

Nunca teve câmbio automático, infelizmente, nem mesmo opção de tração nas quatro rodas. Melhoramentos como direção elétrica, motor de três cilindros e arquitetura elétrica para multimídia avançada, somente nos últimos anos.

O CrossFox surgiu como uma resposta ao movimento dos aventureiros, que tinha na linha Adventure da Fiat seu maior expoente em meados dos anos 2000.

Numa época em que apenas o Ford EcoSport era de fato o único SUV compacto existente, as marcas ainda estavam explorando os consumidores com uma abordagem de oferecer uma aparência destacada das versões comuns.

Essa proposta era associar o produto à aventura de fim de semana, onde o cliente deixa seu dia a dia urbano e estressante para buscar lazer com alguma emoção fora da cidade, como no campo, praia ou montanha.

Para isso, o carro precisaria exibir esse perfil do proprietário, refletindo diretamente em seu estilo de vida, que procura um equilíbrio entre o trabalho e a diversão.

Nisso, o CrossFox se saiu muito bem, tendo detalhes que realçavam esse perfil de comprador, geralmente jovem, descontraído, aventureiro e com um bom posicionamento profissional.

Na Volkswagen, a ideia para adotar essa aparência mais descontraída veio com aumento da suspensão do Fox, que trazia ainda rodas de liga leve exclusivas e pneus de uso misto.

Para elaborar o visual, adotou-se uma falsa barra de impulsão e para-choque avantajado, que trazia ainda faróis auxiliares, além dos normais de neblina. O objetivo era tornar a proposta realmente aventureira.

A fórmula do CrossFox ainda era ter rack com barras transversais no teto e estepe fixado na tampa do bagageiro, assim como fazia o EcoSport, numa alusão ao clássico Jeep Willys dos anos 40.

Valia tudo, inclusive a colocação de estribos, para deixar o Fox com um jeitão de SUV. Com o tempo, o modelo foi evoluindo, passando do motor 1.6 de até 103 cavalos para uma evolução deste, o chamado VHT, com até 105 cavalos.

Este vinha com bastante torque em baixa, quase como um motor maior. Podia assim chegar a 15,6 kgfm a apenas 2.500 rpm. Com a atualização visual do Fox em 2009, ele ficou mais sofisticado nas linhas.

Assim, ficou com um para-choque bem moderno, integrando elementos estéticos que davam um ar mais esportivo ao carro. Os estribos foram integrados ao desenho e a estepe continuou na tampa do porta-malas.

A última atualização do aventureiro, que veio a gerar o VW CrossFox 2019 foi o modelo 2015, que ganhou faróis com projetores modernos, faróis de neblina bem grandes, remodelação dos para-choques e mudanças nas lanternas.

O painel, que mudara em 2010, ficou mais moderno e a versão do Fox ficou bem atraente, contudo, a opção da VW já tinha 10 anos de mercado e começava a sentir o peso do tempo.

Equipado com o novo motor EA211, que substituiu um o EA111, tinha cabeçote de 16V com 110 cavalos na gasolina e 120 cavalos no álcool. Aí, recebeu um câmbio manual de seis marchas, além do já conhecido automatizado de cinco marchas.

O CrossFox 2019 finalizou a proposta do hatch altinho e aventureiro, que depois de quase 15 anos de mercado, se despediu. Ele deixou o Xtreme, que tem a mesma proposta, mas um pouco mais esportivo.

O Fox Xtreme não manteve o motor EA211 anterior, ficando no velho EA111 1.6 8V com 101 cavalos na gasolina e 105 cavalos na gasolina, assim como o aventureiro utilizou antes da atualização de 2015.

Com expectativa de sair de linha ainda em 2020, o Fox deve desaparecer sem sucessor inicial, embora a VW esteja preparando um sucessor para o Gol, que pode seguir o estilo do hatch alto.

VW CrossFox 2019 – detalhes

VW CrossFox 2019: preços, detalhes, conteúdo, motor, consumo, etc

O aventureiro mais famoso da Volkswagen tinha um visual bem legal quando saiu de cena. O VW CrossFox 2019 tinha uma aspecto atraente para quem quer um carro para se destacar no meio urbano.

Com capô curto e bem inclinado, o hatch trazia faróis duplos com acabamento em cromado nos projetores e fundo preto. Nas lentes, os repetidores de direção ficavam na parte inferior, junto com as lanternas.

A grade era bem afilada e vinha com friso cromado, além de acabamento preto. Estes frisos se integravam aos correspondentes nos faróis, harmonizando o conjunto ótico.

O para-choque tinha aspecto bem moderno, com extremidades mais volumosas e acabamento inferior preto, onde havia uma grade proeminente com três frisos, além de faróis de neblina trapezoidais.

A base do para-choque tem acabamento em cinza claro, tendo ainda spoilers nas laterais sob o protetor. Nas laterais, o VW CrossFox 2019 vinha com saias de rodas protegidas, assim como molduras na base das portas com barra em cinza.

O nome CrossFox vinha em preto nas portas traseiras, lembrando que na grade frontal, o nome do modelo também aparecia, mas no lado direito do veículo.

Já os retrovisores eram de cor cinza e traziam repetidores de direção, enquanto as maçanetas eram na cor do carro. As colunas B eram em preto brilhante. No teto, duas barras longitudinais na mesma tonalidade, reforçavam a proposta.

Havia ainda uma antena pronunciada na traseira, além de teto solar elétrico, que era opcional. Na traseira, as lanternas eram escurecidas e traziam um layout que imitava LED.

O para-choque exclusivo tinha a parte superior destacada em cinza com o logotipo da versão (uma raposa) e o nome CrossFox, ambos em baixo relevo, no lado direito.

Esse conjunto tinha ainda um suporte para o estepe e era totalmente móvel, abrindo-se para o lado esquerdo, facilitando assim a abertura da tampa do bagageiro. Parte do para-choque ainda tinha acabamento preto e refletores.

O escape era duplo e cromado, enquanto sobre a vigia, havia um defletor de ar. O VW CrossFox 2019 tinha ainda rodas de liga leve aro 15 polegadas com cinco raios duplos e montadas com pneus de uso misto 205/60 R15.

Com cores bem vivas e chamativas, o modelo tinha uma boa atração visual. Por dentro, ele era bem mais sóbrio. O acabamento interno era todo preto, incluindo teto e colunas.

Contudo, os bancos tinham acabamento em couro com duas tonalidades de cinza e costuras duplas. O banco do motorista tinha ajuste em altura, tendo ainda uma gaveta sob o assento.

O CrossFox tinha cintos de segurança de três pontos para quatro passageiros, ficando o quinto com um cinto subabdominal. Ainda assim, tinha cinco apoios de cabeça.

Tendo boa altura interna, o hatch tinha um espaço mediano atrás, sendo que a área envidraçada de bom tamanho, privilegia a visibilidade de motorista e passageiros.

O painel tinha um aspecto moderno, fruto da atualização de 2015, deixando assim a aparência simplista do projeto original do Fox. Inspirado no Golf, as mudanças incluíram um cluster analógico vistoso, multimídia e linhas envolventes.

Na instrumentação, os mostradores analógicos principais eram velocímetro e conta-giros, com os menores dentro deles com temperatura da água e nível de combustível.

Um display central do computador de bordo trazia o I-System, incluindo aí recomendações para se economizar combustível. Também trazia um indicador de marchas na versão automatizada I-Motion.

O volante era semelhante ao do Golf, tendo acabamento em couro e preto brilhante, incorporando ainda piloto automático, mídia, telefonia e computador de bordo.

Vinha ainda com coluna de direção ajustável em altura e profundidade, além de assistência elétrica. A direção dispunha de paddle shifts na versão automatizada, permitindo assim a troca manual de marchas.

Os faróis e faróis de neblina tinham comando no lado esquerdo do painel, que ainda dispunha de quatro difusores de ar retangulares. Havia uma tampa para o airbag do passageiro, indicando a idade do projeto.

Com iluminação vermelha, os comandos centrais chamavam atenção, mas não menos que a multimídia Discover Media, que tinha tela de 8 polegadas, incorporando ainda sensor de aproximação e navegador GPS nativo.

Além disso, trazia os sistemas Google Android Auto, Apple CarPlay e MirrorLink. Vinha ainda com possibilidade de parear dois aparelhos via Bluetooth, tinha entrada USB e auxiliar, bem como câmera de ré. Havia também CD player.

O VW CrossFox 2019 tinha ar condicionado manual e porta-luvas com bom espaço interno. O sistema de som tinha seis alto-falantes. No ambiente, havia ainda opção de teto solar com acionamento elétrico.

Nas portas, cujo acabamento tinha em parte apoio de braço em couro, vinha também com controles para vidros elétricos e porta-malas. O banco traseiro era bipartido e ampliava o porta-malas, que era bem mediano.

No console central, a alavanca de câmbio tem pomo com couro. Já na versão I-Motion, o seletor tem posições de D (drive), N (neutral), R (ré) e S (esporte), além da posição lateral para mudanças manuais. Não existe posição P (parking).

Tendo 280 litros, era o suficiente para um casal e dois filhos pequenos. Sem estepe interno, ele tinha mais espaço adicional sob o assoalho.

VW CrossFox 2019 – versões

VW CrossFox 2019: preços, detalhes, conteúdo, motor, consumo, etc

  • VW CrossFox 1.6 – R$ 47.890
  • VW CrossFox 1.6 I-Motion – R$ 53.900

Equipamentos

VW CrossFox 1.6 – Câmbio manual de seis marchas, mais itens de série e opcionais: ar condicionado, direção elétrica, vidros elétricos nas quatro portas, travamento central elétrico, banco do motorista com ajuste em altura, rodas de liga leve aro 15, faróis de neblina e milha, estepe externo, rack no teto, detalhes externos exclusivos, bancos com revestimento premium, teto solar elétrico, freios ABS com EDB, airbag duplo, controle de tração (M-ABS), multimídia com tela de 8 polegadas, Android Auto e CarPlay, câmera de ré, alarme, volante multifuncional em couro, sensor de estacionamento, suspensão elevada, pneus 205/60 R15, pedais esportivos, piloto automático, entre outros.

VW CrossFox 1.6 I-Motion – Itens acima, mais câmbio automatizado com modo Sport e mudanças manuais na alavanca e volante (paddle shifts).

Preços

  • VW CrossFox 1.6 – R$ 62.800
  • VW CrossFox 1.6 I-Motion – R$ 69.990

VW CrossFox 2019 – motor

VW CrossFox 2019: preços, detalhes, conteúdo, motor, consumo, etc

O motor do VW CrossFox 2019 é o ainda atual EA211. Trata-se de um propulsor que já está na segunda linha da montadora alemã, que foca suas atenções nos motores TSI e TDI.

Com quatro cilindros e construção em alumínio, o EA211 é fabricado em São Carlos, interior de São Paulo, junto com o antigo EA111 (1.6 8V) e os irmãos 1.0 TSI e 1.4 TSI, ambos da família EA211.

Equipando atualmente modelos como Gol e Voyage (automáticos), Polo e Virtus (MSI) e Saveiro (Cross), o EA211 1.6 MSI tem como diferencial principal em relação ao EA111, o cabeçote de 16 válvulas com duplo comando acionado por correia.

Tendo 1.598 cm3 de volume, o propulsor do aventureiro da VW tem ainda taxa de compressão de 11,5:1, além de diâmetro dos cilindros de 76,5 mm e curso do pistão de 86,9 mm, sendo um motor de curso longo.

Seus comandos de válvulas possuem tuchos hidráulicos e a câmara de combustão tem fluxo cruzado, com coletor de admissão variável em plástico e coletor de escape em ferro. O cárter é feito de aço.

Com injeção eletrônica multiponto e sequencial, o EA211 tem ainda sistema de partida a frio por pré-aquecimento do combustível antes de sua injeção no fim do coletor de admissão, misturando-se com o ar.

Entregando 110 cavalos a 5.750 rpm, o 1.6 MSI tem ainda 120 cavalos na mesma rotação, mas quando abastecido com álcool. Na gasolina, o torque é de 15,8 kgfm, indo para 16,8 kgfm quando com etanol, sendo ambos obtidos a 4.000 rpm.

Mesmo com menos torque em baixa que o EA111, onde a força máxima é conseguida em apenas 2.500 rpm, o EA211 consegue fornecer uma boa dose de torque a partir de 2.000 rpm.

O motor do VW CrossFox 2019 trabalha com uma caixa mecânica MQ-200 com seis velocidades, tendo uma marcha a mais que no antigo modelo com o 1.6 8V (EA111). A embreagem é de acionamento hidráulico.

Já a outra opção é o câmbio automatizado ASG, desenvolvido pela Magneti Marelli, cuja versão na VW é chamada de I-Motion. Trata-se de um sistema de automatização do engate de marchas e acionamento da embreagem.

Como em sistemas semelhantes, este utiliza o câmbio mecânico tradicional, que no caso da VW é o MQ-200 modificado para receber o atuador eletromecânico de acionamento de marchas e embreagem.

Através de um gerenciamento eletrônico, o ASG permite mudar as marchas automaticamente ao mesmo tempo em que aciona a embreagem. O dispositivo não tem função Creeping, que permite ao carro se movimentar engatado.

Também não possui a função de antecipação da redução dupla como em seu equivalente da Fiat, que é proprietária da Magneti Marelli. O ASG tem ainda modo Sport, bem como o modo manual, que pode ser acionado pela alavanca.

Esta função pode ainda ser acionada por paddle shifts no volante do VW CrossFox 2019. Isso permite mais agilidade nas trocas de marchas e menos gap entre as mudanças. Para reduzir o efeito da embreagem, é preciso aliviar o pé nas trocas.

Desempenho

VW CrossFox 2019: preços, detalhes, conteúdo, motor, consumo, etc

No desempenho, o VW CrossFox 2019 tinha um bom resultado, tanto com câmbio manual quanto automatizado, permitindo estar perto dos 10 segundos até 100 km/h e ter 180 km/h como máxima. Confira abaixo:

  • VW CrossFox 1.6 – 10,2 segundos e 180 km/h
  • VW CrossFox 1.6 I-Motion – 10,7 segundos e 179 km/h

Consumo

Já no consumo, o VW CrossFox 2019 não era um primor em economia, mas também não era um carro gastão, exceto quando com etanol na versão I-Motion, que realmente descia a ladeira em km/l. Confira abaixo:

  • VW CrossFox 1.6 – 7,4/8,2 km/l e 10,3/10,9 km/l
  • VW CrossFox 1.6 I-Motion – 6,8/7,3 km/l e 9,5/10,3 km/l

VW CrossFox 2019 – manutenção e revisão

VW CrossFox 2019: preços, detalhes, conteúdo, motor, consumo, etc

O VW CrossFox 2019 ainda se beneficiou da nova política de pós-venda da Volkswagen, que chegou a partir do Polo em 2018, fazendo com que os mais de 600 concessionários cobrassem o mesmo valor em todo o país.

Os valores abaixo para o VW CrossFox 2019 são atualizados com base no mês de maio de 2020, não fazendo diferença entre as versões manual e automatizada. O custo até 60.000 km até que está equilibrado para sua proposta.

Revisão 10.000 km 20.000 km 30.000 km 40.000 km 50.000 km 60.000 km Total
1.6 R$ 546,79 R$ 619,09 R$ 546,79 R$ 763,29 R$ 546,79 R$ 619,09 R$ 3.641,84
1.6 I-Motion R$ 546,79 R$ 619,09 R$ 546,79 R$ 763,29 R$ 546,79 R$ 619,09 R$ 3.641,84

VW CrossFox 2019 – ficha técnica

VW CrossFox 2019: preços, detalhes, conteúdo, motor, consumo, etc

O VW CrossFox 2019 era um carro pequeno originalmente, mas aumentou ligeiramente com as atualizações e principalmente com o este traseiro, já que o Fox tem porte até menor que o Gol.

Com entre-eixos padrão de 2,47 m, o hatch aventureiro chama atenção por ser alto (1,60 m) e ter uma posição de dirigir elevada, além de boa área envidraçada.

Motor 1.6 1.6 I-Motion
Tipo
Número de cilindros 4 em linha 4 em linha
Cilindrada em cm3 1598 1598
Válvulas 16 16
Taxa de compressão 11,5:1 11,5:1
Injeção eletrônica Indireta Flex Indireta Flex
Potência máxima 110/120 cv a 5.750 rpm (gasolina/etanol) 110/120 cv a 5.750 rpm (gasolina/etanol)
Torque máximo 15,8/16,8 kgfm a 4.000 rpm (gasolina/etanol) 15,8/16,8 kgfm a 4.000 rpm (gasolina/etanol)
Transmissão
Tipo Manual de 6 marchas Automatizada de 5 marchas
Tração
Tipo Dianteira Dianteira
Direção
Tipo Elétrica Elétrica
Freios
Tipo Discos dianteiros e tambores traseiros Discos dianteiros e tambores traseiros
Suspensão
Dianteira McPherson McPherson
Traseira Eixo de torção Eixo de torção
Rodas e Pneus
Rodas Liga leve, aro 15 polegadas Liga leve, aro 15 polegadas
Pneus 205/60 R15 205/60 R15
Dimensões
Comprimento (mm) 4.053 4.053
Largura (mm) 1.663 1.663
Altura (mm) 1.600 1.600
Entre eixos (mm) 2.469 2.469
Capacidades
Porta-malas (L) 280 280
Tanque de combustível (L) 50 50
Carga (Kg) 424 418
Peso em ordem de marcha (Kg) 1.156 1.162
Coeficiente aerodinâmico (cx) 0,37 0,37

VW CrossFox 2019 – fotos

 

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.