Usado da semana

Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

renault-sandero-stepway-2014-branco-1-700x441 Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

Olá amigos do NA. Meu nome é Vinícius e no ano de 2013 escrevi pela primeira vez para a sessão “Carro da semana, opinião de dono” relatando minha experiência ao comprar um Renault Clio Sedan 1.6 Privilege 2007. De uma forma geral o carro me impressionou muito e influenciou diretamente na compra do meu terceiro carro que irei falar hoje, um Renault Sandero Stepway 1.6 2014.



O romance com o Clio acabou quando tive a oportunidade de comprar meu primeiro carro 0km. Antes que venham jogar pedras em mim, que carro 0 KM não vale a pena, eu comprei o carro com o desconto para deficientes físicos, que me isenta de IPI, ICMS e IPVA. Minha opção óbvia era um usado completo, mas o 0km acabou se tornando muito mais vantajoso, como falarei mais pra frente.

Para a compra do meu terceiro carro, as condições eram: Custar até R$ 35.000 (já com o desconto incluso), não ser 1.0, ter sistema de navegação e os itens que para mim são básicos (ar, direção, travas, vidros) ah, e ele seria branco também. Tenho 22 anos e prezo muito por itens de conforto e o carro tem que ser bonito (logo, nem fui ver o Etios).

De princípio, minha opção nunca tinha sido o Sandero, eu tinha em mente que seria o novo Logan, que tinha acabado de mudar, estava mais bonito, confortável e era grande e espaçoso como eu queria. Na época, o Dynamique que era o top de linha estava em torno de R$ 45.000 (sem desconto) já com sistema de navegação, piloto automático e etc. Fiz o Test Drive, gostei e já era certo que aquele seria meu próximo carro.

Por via das dúvidas, fui até a Ford e fiz um Test drive no New Fiesta, que teria que ser o 1.5 SE. O carro era muito confortável e bonito e a direção muito leve (minha mãe tem uma EcoSport das novas, então tive um padrão ao experimentar o Fiesta), mas o problema do Fiesta era que ele não tinha o bendito sistema de navegação, vidros elétricos traseiros e outros equipamentos que o Logan tinha, além de as revisões terem de ser feitas de 6 em 6 meses.

Fui ver o Onix e Prisma, mas pelo preço do Logan eu só pegava um 1.0 LT com calotas e não, muito obrigado. Fui na Hyundai e na Volkswagen e em ambas, não fui sequer atendido, então olhei alguns carros sozinho no showroom, não me interessei e fui embora.

A Peugeot não trabalha com desconto para deficientes (A Peugeot faz algo certo neste país?) e cheguei a ver um Palio Sporting 1.6, mas não gosto muito de carros da Fiat e tinha muitos, muitos opcionais no carro que jogavam o preço lá em cima.

Acabei voltando a Renault e na entrada tinha um Sandero Stepway verde. Por curiosidade, perguntei o preço e ele saía um pouco mais barato que o valor do Logan, porém, não tinha o piloto automático, nem o ar digital, mas tinha suspensão mais alta, visual diferenciado e não tinha cara de vô para um cara de 22 anos. Após muita indecisão, opinião de amigos, familiares, pesquisas na internet, acabei optando pelo Stepway branco.

O que quase me fez decidir pelo Logan, era que o Sandero iria mudar logo e eu ficaria com um carro desatualizado, mas não tinha como esperar a chegada do novo Stepway, porque além de mais caro, ele demoraria muito para chegar e eu perderia o desconto. Quase fiquei com a série especial Tweed, aquelas rodas pretas me cativavam, mas ao entrar no carro e ver aquele monte de xadrez e uma costura nos bancos que podia machucar, optei pelo “tradicional”.

Depois de dar entrada na papelada em janeiro de 2014, consegui pegar meu branquinho em julho de 2014! Sim, a burocracia é enorme, precisa passar por várias etapas e etc., além de ter que fazer o pedido na Renault. Fora isso, um dos meus maiores problemas foi vender o Clio, que encontrei enorme dificuldade e ficou encalhado um bom tempo na concessionária, o que é uma pena, pois é um ótimo carro (Esse é um problema grande das francesas, revenda e valor de revenda).

renault-sandero-stepway-2014-branco-2-700x394 Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

Depois de escolher o carro, ele chegou em 20 dias. A sensação para mim, de ter um carro 0 KM foi incrível: Sem placas, cheiro de novo, hodômetro marcando 4 km e saber que ninguém nunca usou ele…. Era um sonho de criança se realizando.

Separei alguns tópicos, pelos quais vou falar a seguir:

EQUIPAMENTOS: O meu Stepway é completo, só não tem câmbio automático e banco de couro. Rodas de liga leve aro 16, direção hidráulica, ar condicionado, trio elétrico, bancos bipartidos, MEDIA NAV com GPS, airbag duplo, freios ABS, faróis de neblina, computador de bordo, comando satélite no volante, bluetooth, banco do motorista com regulagem de altura, entre outros. Nota 8.

renault-sandero-stepway-2014-branco-5-700x394 Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

DESEMPENHO, MOTOR E CAMBIO: Sinto falta do 1.6 16v válvulas do Clio, o Sandero é muito pesado para o 8v e carregado com 5 pessoas mais ar, deixa a desejar. Também acho a arrancada dele fraca demais. Com 98 cv na gasolina e 106 no etanol, está na hora da Renault atualizar esse motor e oferecer mais tecnologia, como eliminar o tanquinho. O Câmbio é melhor que o do Clio, mais preciso e gostoso de dirigir. Nota 7.

renault-sandero-stepway-2014-branco-4-700x394 Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

CONSUMO: Considero dentro dos padrões. Faço cerca 8 km/l em uso misto no etanol. Nunca cheguei a abastecer ele com gasolina pois o etanol acaba sendo vantajoso aqui em Jundiaí – SP. Na estrada ele chega no máximo a 10 km/l, mas acredito que se eu fosse mais paciente conseguiria aumentar esse valor. Em comparação, meu Clio era mais econômico. Com ar condicionado ligado, o consumo não muda muito. Nota 6.

renault-sandero-stepway-2014-branco-3-700x394 Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

DIRIGIBILIDADE: Adoro a altura dele em relação ao solo, não raspa em lugar nenhum. Os bancos seguram e são de boa qualidade e o ar-condicionado gela muito bem. Porém, a direção hidráulica é muito pesada e como eu já disse, o motor é fraco. Em longas viagens, não chega a cansar como meu Clio que tinha a embreagem alta demais e o Sandero, pelo contrário, é gostoso de dirigir. Nota 6.

SEGURANÇA: Ele é firme e estável, mesmo sendo mais alto que os outros Sanderos. Ele freia bem e os airbags e abs estão lá como manda a lei. Além disso, as portas se travam automaticamente aos 6 km/h e existe a trava para os vidros traseiros no painel ao meu lado. Nota 8.

ERGONOMIA: O maior problema está no sistema de navegação que fica muito abaixo da vista. O comando satélite muda apenas as músicas, volume e troca de rádio para mídia. Quando quero trocar a pasta, fazer uma ligação ou digitar um endereço, sou obrigado a olhar para baixo e ficar caçando os lugares certos. Outra coisa que me incomoda é o estepe que fica para fora do carro, embaixo do porta malas. Os botões são de fácil manuseio e estão ao alcance das mãos e também tenho regulagem de altura do banco e do volante (que são de couro). O acabamento black piano é muito bonito, mas o restante em plástico me irrita um pouco. Nota 7.

renault-sandero-stepway-2014-branco-9-700x394 Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

ESPAÇO: Excelente. Está aí um dos pontos mais altos do Sandero. O porta-malas nunca me deixou na mão e sempre consigo levar as coisas que quero. Os bancos são rebatíveis (apesar de nunca ter usado) e o espaço para as pernas traseiras é ótimo. O que meus amigos reclamavam do Clio, elogiam no Sandero, pois o espaço para cabeça, ombros e pernas é ótimo para o tamanho do carro. Nota 9.

DESIGN: Outro ponto forte do carro, que na minha opinião é lindo. O interior tem detalhes vermelhos que são do meu agrado e o cuidado com o design que a Renault teve me impressionou. Por fora, o branco contrastando com o preto então, é perfeito, combinou muito bem com as linhas do carro. Nota 10.

DEFEITOS: Não tive problemas ainda, mas desde os 13 mil km tem um barulho na porta do passageiro que vem me irritando faz tempo. Como se tivesse uma porção de grilos ali. O meu cinto está desfiando e o painel também range um pouco. Fora esses imprevistos o carro não teve problema algum. Nota 8.

renault-sandero-stepway-2014-branco-6-700x416 Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

MANUTENÇÃO: A primeira revisão foi feita sem problemas. O valor foi de R$223,00 para o essencial. O atendimento da Renault foi ótimo e me surpreendeu. Entregaram o carro no horário e tentaram resolver o problema dos rangidos no painel (avisaram que se continuasse que eu poderia retornar) e reapertaram o freio de mão, para deixá-lo mais baixo. A segunda revisão já foi muito cara ao meu ver, para um carro relativamente popular, paguei absurdos R$ 580 reais para fazer exatamente o que foi feito na primeira revisão, ao menos, ganhei a lavagem. Não conseguiram resolver o barulho dos grilos nas portas, pois, como constatei, eram 2 barulhos diferentes e eles resolveram um que eu pedi (que achava que era 1 só), o outro fica para a próxima revisão. Nota 10 para o trabalho da CSS e 5 para os valores impostos pela Renault.

SEGURO: 22 anos, solteiro, universitário, que roda mais de 50 km por dia e sai aos fins de semana, a conta saiu em R$ 2.700,00.

renault-sandero-stepway-2014-branco-7-700x394 Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

Pontos Fortes:
Espaço
Design
Equipamentos

Pontos Fracos:
Motor
Qualidade dos materiais
Posição do Media Nav

renault-sandero-stepway-2014-branco-8-700x431 Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

CONSIDERAÇÕES FINAIS: Apesar das minhas críticas, é o melhor carro que já tive. Gosto muito dele e já vou chegar aos 25 mil km sem maiores sustos. Gosto da rede Renault e de seus carros. Recomendaria sim a quem estivesse interessado e pelo menos na época que comprei, tinha o melhor custo benefício do mercado. Apesar de tudo, acredito que meu próximo carro não será um Renault, pois é sempre bom mudar, certo? Mas com certeza será algum tipo de SUV ou um hatch equipado. Até o próximo carro.

Por Vinícius Barreto

renault-sandero-stepway-2014-branco-10-700x396 Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

renault-sandero-stepway-2014-branco-11-700x393 Carro da semana, opinião de dono: Renault Sandero Stepway 2014 com isenção de IPI e ICMS

4.0

  • Cláudio Henrique Ferreira

    Isenção por deficiência fisica e sem adaptação e/ou automático?

    • Vinícius Barreto

      Oi, Claudio. Acabei me esquecendo de falar isso.
      Sim, é possível pegar um carro manual e sem adaptação. No caso, eu não sou deficiente físico me sim meu pai, que teve um AVC e não fala ou anda mais.
      Tiramos o carro pois agora sempre temos que levá-lo a médico e etc, então, o desconto também é concedido.
      Abraço

      • Cláudio Henrique Ferreira

        Certo! Entendi!

      • Alex Dusfri

        Mas vc recebeu a isenção do IPVA? Pois em alguns estados quando o motivo é doença adquirida eles dão a isenção do ICMS, do IPI mas negam a do IPVA. Só dão tudo quando é laudo que atesta deficiência física mesmo. Vai entender né? O estado de Goiás é um exemplo disso.

        • Vinícius Barreto

          Alex, eu recebi.
          Mas tive que entrar na justiça e pagar advogado. Enquanto estiver com esse carro estou isento de IPVA.

          • Alex Dusfri

            O que eles alegaram?

            • Vinícius Barreto

              Alex, é opcional de estado para estado conceder a isenção de IPVA para condutor.
              Não me lembro muito bem, mas eles simplesmente cobraram o IPVA.
              Então, entrei em contato com uma advogada que explicou a situação e conseguiu a isenção também.

      • Alvaro Guatura

        Muito interessante, sempre bom explicações a respeito…

        Parabéns pela escolha, eu teria optado pelo Logan por ser uma nova geração, e sedan, mas os dois são excelentes escolhas

    • Wilian

      Depende do motivo da isenção dele. Além de que ele pode ser o condutor, uma vez que o deficiente pode não ter capacidade para dirigir.

      • Hiboria

        Parece que esta para ser sancionada a lei de deficiente auditivo, será que consegue tirar veículo com isenção? Um grande amigo meu está muito ansioso para isso.

        • Vitor

          Espero que sim. Os deficientes visuais só tinham isenção de IPI. Agora eles tem isenção de ICMS e IPVA. Isso vale para não-condutor.

        • Ygor Soares

          Parece piada! Uma vez eu e a minha esposa pegamos um taxi na Tijuca no Rio de Janeiro e o Taxista era deficiente auditivo!
          Quando fomos falar o destino, ele nos entregou um bloquinho e uma caneta para escrever!
          KKKK muito bacana isso :)

          • Leandro

            Não é piada não. Já peguei esse taxi também. Ele faz ponto no Shopping tijuca. Não vejo problema algum nisso, além do mais é um motorista super educado.

            • Ygor Soares

              E aonde eu falei que haveria algum problema? O preconceito está na cabeça das pessoas!

              Att

            • Ygor Soares

              E aonde eu falei que haveria algum problema em ele ser deficiente?
              Aqui tem um pessoal que tem mania de vir sempre com a faca na mão!

              • Leandro

                A partir do momento que você ridicularizou a situação comparando a uma piada eu notei preconceito. Abçs.

                • Ygor Soares

                  O preconceito parte e está na cabeça das pessoas que enxergam isso em qualquer lugar! Infelizmente muitos pensam como você, por isso nossa sociedade não evolui!
                  Saúde e paz no seu coração amigo!
                  Abs

                  • Leandro

                    Ah sim, você comparar a situação à uma piada é normal. O preconceito realmente está na minha cabeça!!

  • mpey

    Amigao, vc precisa rever seus conceitos… pq a peugeot trabalha sim com isenção e tem lei que a obriga para isso. Antes que falem besteira, em minha residencia um dos carros e o 308 ( com isencao total) um hrv ( ipi) e asx normal.
    No caso do 308 e um allure 2.0 at que preco de tabela e maior que 70000 mas a peugeot tem linha especial para deficiente que sai por 69900 que entra na isencao, mesmo caso para o 2008 automatico que tb custa mais que 70k anunciado mais eles possuem para deficiente.

    • Vinícius Barreto

      Que estranho, pois quando fui na Peugeot aqui de Jundiaí, eles me disseram que não trabalhavam com o desconto.
      Tanto que eu tinha interesse no 208. Uma pena não ter conseguido então.

      • Alex Dusfri

        Vc deveria ter denunciado essa concessionária.

      • Caio Prendini

        Era exatamente esse comentário que ia fazer. Até quando saí da peugeot, eles queriam e muito ampliar as vendas nesse segmento.

        De verdade, denuncie essa concessionária, não se pode negar esse tipo de serviço. Isso foi preguiça do cara em preparar a papelada

        • Vinícius Barreto

          Eu estou pensando aqui, pode ser que o desconto então seja apenas para o deficiente físico. E não para condutor, que é o meu caso.
          Teria que entrar em contato com a Peugeot para descobrir isso.
          De qualquer forma, deveria conceder o desconto para ambos os casos.

          • Duda Haddad

            Na verdade, quando é venda para deficiente, o carro é comprado direto da fabrica, e a css apenas entrega. Então a css nao ganha comissão pela venda do carro. Uma amiga que trabalha comigo comprou um fit com o desconto e teve uma dor de cabeça danada com a css pois a fabrica nao entregava o carro, e a css nem dava atenção p ela para resolver o probelma, até q o vendedor soltou essa da comissão.

          • mpey

            E lei amigo, nao existe diferenca entre condutor e nao condutor ( e obrigado a ter isencao, so entrar no site da receita federal e verificar quem pode ter isencao, so muda a papelada ), voce tem direito a isencao de ipi em qualquer valor e de icms em carros ate 70k . O ipva e um imposto estadual, vc entra com a papelada depois de adquirir o carro direto na secretaria da fazenda do seu estado ( aqui em floripa e praticamente automatico, acredito ser igual aos outros estadoss, vc anexa as papeladas que conseguiu desconto do ipi e icsm e paga uma gru de 9 reais se nao me engano e em 1 semana ja esta aprovada).

          • Caio Prendini

            Não cara, é lei. O deficiente e seus parentes legais (pai, mãe, filho, irmão, esposa, marido) podem pegar. Fizeram merda com vc mesmo. Mas digo o seguinte, ainda bem que não pegou o carro.

            Não ache que ele é ruim, muito pelo contrário, o problema é o pos venda.
            Boa sorte com o Sanderinho!

      • Ygor Soares

        O desconto é concedido pelo governo e não pela montadora! Afinal, ela não perde nada com a venda, apenas não vai ter o repasse desses impostos ao governo uma vez que eles não são cobrados do cliente.

      • duhehe

        Qualquer concessionaria que seja do grupo Andreta é uma lastima.
        PS: Sou de jundiaí, conheço o drama das concessionarias ai e a solução é uma só, concorrência.

        • Vinícius Barreto

          Foi o que eu fiz.
          Na Hyundai sequer fui atendido…
          E Peugeot essa palhaçada

          • Daniel Mietto

            Mas é engraçado que quando fui na Renault de jundiaí sequer fui atendido….

        • Vagnerclp

          É verdade. Também sou e as css Andreta são ruins, até os carros usados que estão a venda são sujos (certa vez, fui naquela da Frederico Ozanan e tinha uma Meriva com cheiro de vômito dentro, eca!). Na Valec, do grupo Luchini, na Ford e Nissan do grupo Forte, me atenderam bem.

      • Alvaro Guatura

        Deve ser má fé ou falta de interesse da concessionária… o que mostra ainda mais a postura deles no Brasil, como você mencionou na avaliação

      • Edson Fernandes

        Só um detalhe…. algumas concessionarias não gostam de passar essa informação pq não há muito poder de barganha para comercializar veiculo com desconto para deficientes.

        Infelizmente essa agiu de má fé.

    • Teste

      Nao sei se o pagamento desse montante seria à vista, se for o caso, está saindo mais caro que a compra normal. O 308 thp está sendo vendido à 68k. Tirando a perda de tempo c essa burocracia

      • mpey

        esse e o valor sem o desconto… o 308 ( allure 6 marchas com wipnav) saiu por 54000 com os descontos, 20000 a menos que o preco de tabela do site e o mesmo aqui em floripa estava por 82000 e o thp por 87000. thp nao entra pq o preco sugerido de fabrica e maior que os 70000 limites para isencao de icms.

    • Gomes

      Hoje o problema de algumas marcas e não terem carros automáticos de ate 70mil (preço de tabela), para oferecer e o governo, apesar dos aumentos sucessivos dos carros, não aumentou esse limite. Quanto a dizer que a Peugeot não faz nada certo, inclusive na venda a deficientes, faltou informação ao colega que escreveu o texto, pois até o 2008 Allure automatico que a tabela parte de 71.900, a Peugeot fez uma “manobra” e oferece a 69.890 para se enquadrar na legislação.
      Óbvio que ele não encontraria um carro na Peugeot hoje por 35.000 com multimídia. Nesse caso só dava mesmo pra comprar um Dacia, que nem iluminação nos botões do vidro tem…

      • Vinícius Barreto

        Aí é que você se engana meu amigo, além do meu Renault, que sim, tem botão dos vidros ilumidados, na época, eu poderia comprar um Onix com Mylink.
        E eu não vi o que a Peugeot faz pq meu carro era 45 mil, não 70.

  • MrBacon

    Engraçado, sei que gosto é pessoal mas não consigo achar o Sandero um expoente de beleza, nem esse do texto nem o atual. Concordo que é um carro bem focado no custo x benefício, com excelente espaço interno e uma aparente robustez, não é um carro feio mas daí para ser o ponto alto do carro, discordo…

    Sei que muita gente se preocupa com buracos, valas e lombadas nesse país bagunçado que vivemos, mas acho que o Sandero “civil” já tem uma boa altura livre do solo.

    • Alex Dusfri

      Pois é, gosto é gosto. Eu acho ambos os Sanderos, esse da matéria e o atual, muito feios e se for versão step way pior ainda.

      • Louis

        Eu também, bato o olho no Sandero, principalmente nas portas, e me vêm à cabeça um projeto barato e sem sofisticação nenhuma.

        • Hiboria

          Não vejo problema em design do carro, ele foi pensado em custo benefício e usabilidade, acredito que atende bem esses quesitos com um bom custo/benefício.
          O que me deixa desanimado foi a UMA ÚNICA estrela no LatinNCap, tudo bem que não tinha airbag, mas esse equipamento vai adicionar, se muito, mais uma estrela. Neste quesito acho que tem muito a melhorar.

          • Wilian

            Com airbag o antigo já tinha 3 estrelas. O Novo tem 4 na europa. Se tantos dizem se preocupar com segurança e com as estrelas nos Ncaps, também deveriam se preocupar em saber melhor as informações. Virou moda o pessoal dizer que o Sandero não tem segurança aqui, sem lembrar que ele ganhou 4 estrelas na Europa e que o projeto é o mesmo e provavelmente muitíssimo semelhante em estrutura ao Europeu. Seria caro mudar na estrutura sendo que o projeto é o mesmo.

            • Hiboria

              Renault Sandero SEM AIRBAG

              Válido para mercado Latin NCAP

              4.61 max. 16.00 Pasajero adulto

              18.78 max. 49.00 Pasajero niño

              • Hiboria

                E para não falarem que o teste está desatualizado, segue que o modelo atual utiliza mesma mecânica desde 2008, ou seja, mudou somente o design.

                “Assim como ocorreu com o Logan
                no ano passado, o Renault Sandero passa por uma ampla remodelação para a
                linha 2015. Aproveitando a mecânica do modelo lançado em 2008, a
                fábrica francesa aplicou um estilo mais atual e agradável e deixou o
                interior mais atraente”

                • Wilian

                  A mecânica do 1.6 se manteve a mesma, o 1.0 mudou, e a estrutura do carro mudou. Mecânica não é plataforma. A plataforma mudou. O carro igual ao brasileiro em estrutura ganhou 4 estrelas no Eurocap. Quem não gosta do carro não quer nem ver isso.

                  • Hiboria

                    Então estou desatualizado, vc poderia me indicar uma matéria ou fonte para que eu possa dar uma olhada, pois para mim a plataforma não tinha mudado.

        • Burnout

          Eu também. Ao olhar para lateral me dá aquela ânsia de vômito hahaha

          • Daniel

            @burnoutBR:disqus Você é o cara que tinha um canal no Youtube que mostrava detalhes do Fiesta Rocam? Você apagou o canal foi? Andei procurando os vídeos e não encontrei mais.

            Abraços.

      • Wilian

        Questão de gosto mesmo. Eu olho pra frente do Novo Sandero e acho o carro lindo. Especialmente o Stepway. Acho um dos carros mais bem resolvidos em design da categoria. E não sei onde vejo projeto de baixo custo vendo as portas dele, ainda mais comparado com a porta de outros carros do segmento, mas gosto é gosto mesmo…

      • CharlesAle

        Pois é. Problema também é a motorização, totalmente inadequada, com esse arcaico 1.6 e 1.0 que sofre para dar conta do recado. Não é a toa, a Renault está quase caindo para sétima posição…

        • Wilian

          1.0 alinhado com o mercado, desenvolve bem, tem bom torque e é econômico. O 1.6 é econômico também, mas merecia ser 16v e ser mais forte.

    • Ygor Soares

      Também não acho muito, porém esse modelo 2015 ficou bacana até!
      O que importa é que o amigo ai ficou feliz com a compra :)

  • Wagner Lopes

    Esse carro é o legítimo representante do “me engana que eu gosto”…

    • Raul Godiano

      Nao vejo assim , os concorrentes dele sao o Crossfox, aquele Etios mais alto o HB20 mais alto, perto dos concorrentes direto o Sandero ganha com facilidade em espaço e equipamentos de serie, pode ate nao ser uma formosura de carro, mas perto dos seus concorrentes ele é o melhor, por isso vende bastante.

      • Wagner Lopes

        Eu não diria “o melhor” e sim, o menos pior…kkkkkkk. Triste nosso mercado heinnn…..??!!

      • CharlesAle

        Crossfox, Étios e HB20 tem motores melhores.. Só isso já faz muita gente desistir do Sandero..

        • Vinícius Barreto

          Apesar de categorias diferentes, os preços são também muito diferentes e acabam fazendo pessoas como eu, escolher o Sandero.

          • Wilian

            Sim, o custo benefício do Stepway é enorme frente aos outros. Além de que o motor dele serve a contento, é relativamente econômico. E afinal, não temos mais estradas pra andar a tanta velocidade. Também prefiro os itens de conforto que consigo levar a mais por bem menos.

  • Vitor

    Vinicius, parabéns pela reportagem.
    Aprendo muitas coisas aqui no NA.
    A sugestão, para você, é que fizesse duas reportagens: uma sobre o carro e outra de como conseguir as isenções. Esse último processo pode ser considerado o mais difícil, uma vez que o o governo pede o laudo emitido por médico credenciado no SUS.

  • Ygor Soares

    Fiquei com uma duvida agora!

    O desconto é concedido pela montadora ou pelo governo?
    Pelo que eu me lembre, o governo que concede esses descontos: IPI, IPVA e ICMS ao fabricante quando o mesmo vende um carro a deficientes, então Peugeot não deveria recusar essa venda correto?

    Estou certo disso?

    Abs

    • Vinícius Barreto

      O desconto é concedido pelo governo, a montada não perde nada nas vendas..
      Não entendi o pq da Peugeot recusar também.
      Foi como eu disse logo acima, pode ser que ela recuse apenas para condutor. Mas ainda assim, não faz sentido.

      • Ygor Soares

        Eu acredito que eles não podem nem recusar! Deve existir alguma lei para isso! Eu desconheço!

      • Wilian

        O que aconteceu foi o Vendedor te recusar, não a Peugeot ou a Css. Provavelmente a loja tinha um vendedor específico pra isenção, e o vendedor que te atendeu iria perder a venda de qquer forma se fosse te vender c isenção. Toda fábrica de carros Nacional tem a obrigação de vender com isenção nestes casos. E as Css ganham sim uma comissão. Naturalmente menor do que o lucro que ganham vendendo um carro do estoque da loja.

      • CharlesAle

        A Peugeot tem excelentes vendas e suas concessionárias vivem lotadas…SQN..

  • tech76

    nota 8 em segurança? kkkkk

    • Wagner Lopes

      Calma, o rapaz tem apenas 22 anos…com o tempo ele vai entender melhor como a banda toca…..kkkkkkkkkkkk.

    • CharlesAle

      Sim, parado dentro da garagem, é essa nota mesmo…rsrsrsrs

  • Drone gibim

    Seria bom fazer um post paralelo, qual o processo e documentação para compra do carro com isenção.

    Fiquei intrigado com uma coisa:
    Pelo relato gosta do carro e suas concessionárias, mas por que na hora de trocar não optaria por outro Sandero?

    • Vinícius Barreto

      Porque pretendo subir de categoria no próximo, hehe.
      E um Duster seria praticamente a mesma coisa, então não tem outro carro Renault hoje que me atenda.

      • Thiago C

        Tem sim, o fluence.

        • Pedro Gonçalves

          Mas ele falou que tem interesse num SUV ou num hatch mais equipado.

          • Thiago C

            Pode ter falado em outro comentário. Neste, só disse que pretendia subir de categoria e não havia mais opção na Renault.

            • Pedro Gonçalves

              Falou no texto mesmo, nas considerações finais.

              “Apesar de tudo, acredito que meu próximo carro não será um Renault, pois é sempre bom mudar, certo? Mas com certeza será algum tipo de SUV ou um hatch equipado.”

          • Thiago C

            É verdade, vc está certo.

            • Vinícius Barreto

              Sim, estou querendo um Focus, um 2008… Não sei haha, vai depender da grana.
              Fluence é grande demais

  • Carlos Negri

    A grande vantagem foi comprar o carro conhecendo seus pontos fracos. Realmente o motor é muito fraco, a posição do sistema de navegação é péssima…o painel não foi projetado para receber este tipo de equipamento. O valor de revenda é um dos piores, e como bem disse, você “casa” com o carro. Mas estar feliz com ele, é o que importa.

  • KVF

    Só um aviso, cuidado com o estepe do Sandero! Devido a ser externo facilita muito o furto. Já tive um Sandero há anos atrás e tive que colocá-lo dentro do porta malas mesmo perdendo espaço devido ao n. alarmante de furtos de estepe de Sandero em shopping, e em estacionamentos na rua…, no Duster a mesma coisa. A vantagem do Duster 4×4 era que o estepe ficava dentro do porta malas, ao contrário das outras versões.

    • Nem fale! Eu reitero a informação, muita atenção com o estepe. Eu conheço muitas pessoas que tiveram ele furtado, isso em estacionamento de shopping e supermercado e até particulares, como raramente o pessoal confere, eles levam embora mesmo. Outro campeão são as antenas de teto. Do meu meu amigo arrancaram até a base para você ter ideia, porque a haste não saia.

      • Vinícius Barreto

        Nunca tive problemas aqui, mas preciso comprar um cadeado urgente e esqueço sempre

        • KVF

          Cadeado não serve. Eles cortam a grade de sustentação do estepe com um alicate específico. O prejuízo é grande, o conjunto roda e pneu fica quase em R$ 1.000,00, por isso andava com o estepe no porta malas…
          Coloque no Google ” roubo do estepe do sandeiro”, que você vai ter noção do que está acontecendo.

          • CharlesAle

            O louco, nem aquele corrente com cadeado resolve. Eita paisínho de mer…..

  • XXRS

    Parabéns pela compra. Carro bom é aquele que nos atende em tudo que se deseja e isso obviamente varia de pessoa para pessoa.
    Quanto ao Sandero, apesar de ser um veículo sempre apedrejado pelos “experts” de internet, é um excelente carro dentro da sua proposta e preço. Meu cunhado tem um Stepway 09/10, comprado zero km, e hoje o carro está com quase 100 mil kms rodados e só com a manutenção preventiva que ele segue rigorosamente. Tem seus pontos fracos, como o acabamento que não é tão bom, mas é um carro resistente e segundo ele, não planeja se desfazer do Sandero tão cedo.

    • Ernesto

      Verdade, o melhor carro é aquele que atende às suas necessidades. Quanto ao Sandero Stepway do seu cunhado, ele tem ainda o motor 1.6 16v, e isso é um belo diferencial em relação ao atual, que só vem com 1.6 8v.

  • Arthur Almeida

    parabens pelo relato, meu pai tem uma deficiencia na perna (a esquerda é menor) e apesar dele ter tirado carteira normalmente (as autoescolas não tinham carros adaptados) apos um tempo ele começou a usufruir dos beneficios…já tivemos 3 carros com isenção, um fit da primeira geração, um bravo e agora estamos com um city…sempre tivemos problemas com a burocracia, na honda, das duas vezes os documentos tiveram que ser renovados por sei la o q acontecia em sao paulo, entre o governo e a fabrica, na fiat foi bem rapido o processo. esse incentivo é excelente, pena que com a grande escalada no preço dos carros o limite de 70 mil fica escasso de carros automaticos confortaveis… por vezes já falei com pai pra fazer um relato da ladainha que é para conseguir a isenção, mas ele nao se interessa muito nisso.

  • Bruno Silva

    Minha mãe já teve um Stepway 2011, e minha irmã tem um Expression 2014 (empresa deu). O carro passou anos e continua com os mesmos defeitos: embreagem alta, câmbio impreciso e se mexe sozinho, acabamento com algumas rebarbas, motor ruidoso, dentre outros. Tem suas qualidades, mas não compraria, porque até o modelo novo não mudou muito.

  • Vagnerclp

    Logo reconheci a concessionária, comprei o meu nesta aí também.O meu também está com grilos na região do lado do passageiro, ninguém descobriu, eles queriam desmontar o painel, mas fiquei com medo de ficar pior.

    • Vinícius Barreto

      Pois é, e o painel fica rangendo. haha
      Na próxima revisão eu vou ver se consigo arrumar isso

      • Vinício Villar

        Vinícius e Vagner, um amigo meu tinha esse mesmo problema, mas com um Clio. Resolvemos o problema retirando a parte superior do painel e colocamos espuma em alguns lugares próximos ao local do barulho. Isso foi em 2013 e até hoje o carro não fez mais 1 barulho sequer no painel. Como o seu carro está na garantia eu não acho válido, mas se reclamar inúmeras vezes e não resolver pode ser uma opção ;D

  • Marcos Wild

    Todos os Sandero batem o painel, até o novo.

    E sem contar a nota ZERO no teste do instituto LantinNcap e EuroNcap.

  • Thiago K. Galiza

    Tenho um Sandero também, comprei no fim de 2011, modelo já o 2012 (com a mesma frente do seu após facelift)
    O meu está chegando aos 65 mil KM rodados, e não tive problemas (mecânicos). O meu também é o 1.6 8V. Achei o seu consumo um pouco elevado, o meu no etanol roda um pouco mais, mas sempre abasteço etanol no posto Ipiranga, nos demais postos noto que o carro bebe mais. Considero até um carro econômico em vista outros que já tive.
    Esse meu carro já foi batido (por um mecânico) e teve que ser trocado a longarina, a batida foi na traseira de um fox zero (2013 na época) o Fox deu PT
    Não tinha “grilos” no carro até então, era muito silencioso nesse sentido, apesar dos plásticos, talvez você tenha dado azar e pegou um da linha de montagem que não fizeram um serviço muito bom… Porém após o serviço da seguradora, o carro voltou com grilos do lado do passageiro. Vai a dica pra você “encontra-lo” do lado direito, no topo do painel com a junção da coluna A, tem uma peça plastica, e essa se encaixa ao painel, se ela não estiver bem encaixada faz um barulho que você não sabe se vem da porta ou do painel em sí. De uma verificada nesse local. E na coluna B perto do cinto próximo a colocação das borrachas, ali também apareceu o grilo. Consegui resolve-los e o carro está novamente silencioso, o que considero incrível um carro de 2011 com tanto plastico não ter grilos, todo mundo que entra no carro elogia esse ponto. Minha irmã com um HB20 2014 já esta sofrendo com grilos pelo carro. O meu carro também foi roubado em janeiro de 2015, porém a policia recuperou em 5 dias, batido… E mais uma vez serviço da seguradora… Porém dessa vez não tive surpresas desagradáveis.
    No geral é um bom carro, galera critica que é um ” Dacia ” e realmente é… Mas já tive carros da VW, Ford, GM, Fiat, e considero o Sandero no mesmo patamar e com algumas qualidades que os outros não entregavam. Convivo com o HB20 da minha irmã e acho o Sandero mais gostoso de dirigir, ela também elogia quando dirige meu carro, é mais confortável, o HB2 bate seco demais nessas ruas horríveis aqui do ABC paulista

  • Luccas Villela

    Maneirissimo. Na época que eu comprei um Novo Logan branco tb fiquei em duvida com o Sandero Stepway, mas como queria 1.0 16v, fiquei com o Logan.

  • Renato César

    Estou olhando um carro para comprar para minha esposa com isenção também. No caso da Renault, os carros são faturados onde (qual estado)? Já estou com a papelada para isenção do IPI e do ICMS (de Minas) em mãos. Obrigado!

  • Lucas Irrthum

    Confesso que o Sandero nunca chamou a minha atenção. Não acho um carro com belo design (apesar de não ser feio também) e, na minha opinião, não se destaca dos concorrentes em nenhum quesito. Considero um carro que tem um bom custo/benefício quando comprado usado, pois desvaloriza bastante. Já dirigi um, e o que mais me incomodou foram os engates do câmbio, e o curso da alavanca. A posição de dirigir é boa, tem suspensão macia. O Sandero evoluiu bastante desde o seu lançamento por aqui, mas acho que ainda tem muito a melhorar. No mais, gostei da avaliação, bastante criteriosa. Abraço!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend