Civic Touring 1.5 Turbo tem equilíbrio, apesar do preço

honda civic touring avaliação NA 1

Após a Avaliação NA do Novo Civic EXL, agora é a vez do topo de linha Touring. Mais do que a versão completa do sedã médio fabricado em Sumaré/SP, esta opção é a única que oferece o motor 1.5 i-VTEC Earth Dream Turbo, que entrega 173 cv de potência e 22,4 kgfm de torque.


Associado com esse conjunto, o Novo Civic Touring mantém a transmissão CVT, mas apresenta uma performance muito superior à da EXL, realçada pela boa dirigibilidade. Conforto, espaço e tecnologia embarcada são alguns dos pontos positivos desse Civic turbinado.

honda civic touring avaliação NA 16

O pacote de equipamentos também é bem superior ao da EXL e tem como destaque o sistema LaneWatch, bem como cluster digital, partida por botão, faróis full-LED, teto solar elétrico, banco do motorista com ajuste elétrico, entre outros.

Ruim mesmo é o preço: R$ 124.900. O valor fica numa faixa onde o mais conhecido é o Audi A3 Sedan 1.4 TFSI. Porém, o sedã alemão tem potência menor, sem contar o tamanho e espaço interno inferiores ao japonês. Em comparação com os demais sedãs médios, o Novo Honda Civic Touring é em média R$ 15 mil mais caro, mas compensa? Vamos ver.

honda civic touring avaliação NA 19

Por fora…

O Novo Civic tem um design bem resolvido, atraente e bem mais esportivo que o anterior. Nessa versão Touring, o diferencial que o identifica por fora é o conjunto ótico dianteiro, cujos faróis possuem um sofisticado projetor múltiplo de LED, incluindo todos os fachos, luz diurna e repetidores de direção.

A barra cromada sobre a grade cria uma sobrancelha sobre os faróis, deixando o aspecto ainda mais agressivo que na versão EXL. Além disso, maçanetas cromadas, teto solar elétrico e o logotipo Turbo diferenciam o Touring da versão testada anteriormente.

honda civic touring avaliação NA 23

As rodas de liga leve tem o mesmo aspecto, assim como outros itens, incluindo as lanternas de LED. Mas há outro diferencial: uma câmera digital no espelho direito, que faz parte do LaneWatch. Há também sensores de estacionamento dianteiros e traseiros como exclusividade, além da conhecida câmera de ré com três modos de visualização.

honda civic touring avaliação NA 38

Por dentro…

O ambiente interno do Novo Honda Civic Touring reproduz o acabamento da versão EXL, explorando bem os tons escuros, além de um aplique texturizado de tonalidade cinza metalizado no painel e portas, bem como frisos cromados e prateados.

O volante mantém o mesmo aspecto com os botões de aparência frágil e o bom regulador de volume tátil. O quadro de instrumentos, com display central TFT dotado de computador de bordo e reprodução de mídia, navegação, telefonia, entre outros. Conta-giros e velocímetro também são digitais. Os demais possuem LEDs para indicação de temperatura da água e combustível.

honda civic touring avaliação NA 59

O botão de partida tem luz intermitente quando o condutor tem acesso ao carro, feito pela chave eletrônica e através da maçaneta dianteira, sensível ao toque para abrir, mas com um botão para travar. Ao acionar o motor, a luz do botão de partida fica vermelha. O Novo Honda Civic Touring tem ainda ar-condicionado automático dual zone, bem como entradas USB (2), HDMI e auxiliar.

Logo acima da climatização, fica a multimídia com tela de 7 polegadas sensível ao toque, com interface para smartphone (Android Auto e Car Play), navegador com dados de tráfego, câmera de ré com três visualizações, hot spot Wi-Fi, ajustes de climatização e uma função exclusiva no Touring, o LaneWatch.

honda civic touring avaliação NA 56

Este sistema permite a visualização da lateral direita do veículo na tela da multimídia, inclusive com escalas de segurança, permitindo o monitoramento do tráfego lateral ou de pontos cegos em manobras. Ele é acionado na haste de ajuste dos faróis e pode ser integrado ao repetidor de direção se necessário. O sistema é o mesmo presente no Accord.

Além disso, o Novo Honda Civic Touring tem ainda alguns itens faltantes no EXL, tais como o espelho retrovisor interno eletrocrômico, assento do condutor com ajuste elétrico (infelizmente sem memória) e retrovisores externos com rebatimento elétrico, embora este último não indexado ao fechamento remoto das portas. Mas, falando em remoto, pode-se dar a partida do motor à distância.

honda civic touring avaliação NA 33

De volta ao interior, o sedã da Honda ainda conta com bancos em couro, teto solar elétrico com função antiesmagamento, console com elemento vazado, função Econ, Brake Hold (mantém os freios acionados com o carro engatado e parado), freio de estacionamento elétrico, Isofix, apoio de braço traseiro, sensores de faróis e chuva e sistema de som com 180 watts.

O espaço geral é muito bom, assim como alguns detalhes, tais como botão de abertura da tampa do porta-malas na porta do condutor e o bem resolvido porta-copos central com apoio de braço ajustável. Mas, uma deficiência foi criticada por quem andou na parte de trás, já citada na avaliação do EXL: faltam difusores de ar no espaço traseiro.

honda civic touring avaliação NA 43

Falando nisso, por R$ 124.900, o Novo Honda Civic Touring deveria oferecer também alguns itens presentes nos concorrentes (incluindo modelos com motor turbo), tais como alerta de colisão, alerta de mudança de faixa com correção e estacionamento automático, por exemplo. Em frenagens fortes, pelo menos, a luz de alerta é ativada.

honda civic touring avaliação NA 72

Por ruas e estradas…

O Novo Honda Civic Touring aproveita o que o modelo tem de melhor em dirigibilidade, entregando uma excelente performance. O motor 1.5i-VTEC Earth Dream Turbo vem com turbocompressor e injeção direta, trabalhando apenas com gasolina, o que é muito bom.

Com 173 cv a 5.500 rpm e 22,4 kgfm a 1.700 rpm, o propulsor da Honda tem uma curva de torque bastante plana, entregando assim conforto ao dirigir. Mesmo com uma caixa de câmbio CVT, o conjunto responde razoavelmente bem ao acelerador, tendo boas retomadas e uma aceleração pouco linear, porém, atendendo bem ao que se espera dele: vai de 0 a 100 km/h em 8,6 segundos.

honda civic touring avaliação NA 66

Embora o motor não tenha tanto torque quanto os 1.4 Turbo um pouco mais fracos da concorrência, ele atende bem ao propósito do Novo Honda Civic Touring, que não é a performance propriamente dita, mas um equilíbrio entre esta e o consumo. Assim, embora possa andar mais do que os demais rivais, o modelo é bastante confortável ao volante e frugal.

A rotação do motor geralmente fica entre 1.500 e 2.000 rpm, com elevação para 3.000 rpm no modo Sport do CVT. Indo mais a fundo no pedal, desligando-se o modo Econ, o ponteiro digital pode chegar a 6.000 rpm, onde o 1.5 Turbo do Novo Honda Civic Touring já mostrou seu serviço.

honda civic touring avaliação NA 60

As saídas são suaves – sem a sensação de pressão do turbo entrando – e um pequeno delay é notado, fruto do CVT, mas nada que deponha contra o bom conjunto motriz. O uso de paddle shifts não chega a ser necessário, mas é possível explorar um pouco mais o motor, já que ele segura as marchas virtuais durante a condução, dando mais liberdade de manipulação ao condutor.

Rodando a 110 km/h, o ponteiro marca 1.800 rpm. Muito bom para o conforto, economia e ruído interno. Só não gostamos do barulho do motor, que não parece um turbo com os vidros fechados. Soa mais como um 1.5 aspirado. O para-brisa é acústico e tem parte da culpa. Mas com os vidros abertos, é possível ouvir levemente o silvo da turbina.

honda civic touring avaliação NA 73

Já o consumo urbano não agradou tanto, nos surpreendendo de forma negativa. Conseguimos apenas 10,8 km/litro na cidade, menos que os 11,2 km/litro do Civic EXL com seu motor 2.0 Flex e ficando abaixo do obtido pelo Inmetro, que é de 12 km/litro. Porém, na estrada a frugalidade foi bem maior, alcançando 17,5 km/litro. Ótimo nesse aspecto.

O Novo Civic Touring tem uma excelente dirigibilidade, superior à de muitos concorrentes. A direção elétrica integrada ao controle de estabilidade, garante uma dinâmica de condução onde o condutor tem a resposta ideal em qualquer condição. O sedã se mantém bem neutro nas curvas, deixando o motorista mais confortável ao volante.

honda civic touring avaliação NA 47

Esse bom equilíbrio no conjunto é correspondido pela atuação dos freios, assim como da suspensão, bem ajustada para conforto e estabilidade, filtrando bem as irregularidades no piso, assim como oferecendo um equilíbrio muito bom em curvas e desvios rápidos de trajetória. O handling de forma geral é muito bom.

honda civic touring avaliação NA 21

Por você…

O Novo Civic Touring é um carro muito bom em termos dinâmicos. Apresenta boa performance e eficiência energética, além de dirigibilidade excelente. O nível de conforto é igualmente exemplar, ainda mais com o bom espaço interno e porta-malas generoso (519 litros).

O conteúdo também agrada, embora pudesse ser um pouco melhor em virtude do preço. Se o Novo Civic Touring custasse em torno de R$ 110 mil ou pouco mais, seria imbatível em relação aos concorrentes, justamente por oferecer um conjunto melhor.

honda civic touring avaliação NA 30

Mas a Honda quer buscar clientes que iriam para o segmento premium e por isso elevou o preço. Nesse caso, ele leva vantagem sobre o Audi A3 Sedan 1.4 TFSI Ambiente, embora sem o mesmo status. Diante de um Fusion, por exemplo, não tem chance. Porém, com esse bom equilíbrio e conjunto, o Novo Civic Touring se torna uma opção muito interessante.

Medidas e números…

Ficha Técnica do Novo Honda Civic Touring 1.5 Turbo CVT 2017

Motor/Transmissão
Número de cilindros – 4 em linha, turbo, injeção direta
Cilindrada – 1497 cm³
Potência – 173 cv a 5.500 rpm (gasolina)
Torque – 22,4 kgfm a 1.700 rpm (gasolina)
Transmissão – Automática CVT com paddle shifts
Desempenho
Aceleração de 0 a 100 km/h – 8,6 segundos
Velocidade máxima – 221 km/h
Rotação a 110 km/h – 1.800 rpm
Consumo urbano – 10,8 km/litro
Consumo rodoviário – 17,5 km/litro
Suspensão/Direção
Dianteira – McPherson/Traseira – Multilink
Elétrica
Freios
Discos dianteiros e traseiros com ABS e EDB
Rodas/Pneus
Liga leve aro 17 com pneus 215/50 R17
Dimensões/Pesos/Capacidades
Comprimento – 4.637 mm
Largura – 1.799 mm (sem retrovisores)
Altura – 1.433 mm
Entre eixos – 2.700 mm
Peso em ordem de marcha – 1.326 kg
Tanque – 56 litros
Porta-malas – 519 litros
Preço: R$ 124.900

Novo Honda Civic Touring 1.5 Turbo CVT 2017 – Galeria de fotos

Leia avaliações, notícias sobre carros e compare modelos em NoticiasAutomotivas.com.br.

Autor: Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 26 anos. Há 15 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.